História Um dia você verá o amor - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias TazerCraft
Personagens Mike, Pac
Tags Cellps, Jvtista, Mitw
Exibições 140
Palavras 736
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 19 - Se ferra sozinho


P.O.V Luiz

Abri a porta do dormitório com uma certa força,eu estava com tanta raiva do Rezende. Deitei em minha cama e apenas fechei os olhos.

-Qual é a sua Luiz??-diz Rezende

-Me deixa infeliz.

-Não,você queria conversar e eu quero saber o que você queria-diz Rezende.

Levanto da cama e fico frente à frente com ele,ele não demonstrava nem um tipo de sentimento,ele era vazio,gélido,sem coração,tudo que eu tinha pra dizer não faria ele repensar em ser bom.

-Não quero dizer mais

Comecei a andar em direção a porta mas ele segura minha mão.

-Pode pelo menos me ajudar com isso??-diz ele apontando para os machados em sua cara-Por favor Luizinho

Luizinho,faz anos que eu não escuto esse apelido. Toda vez que eu ia pra sua casa quando era menor,ele implorava pra minha mãe me deixar ficar dizendo:"Tia deixa o Luizinho ficar" ou então" Tia deixa o Luizi ficar"

-Tá,senta na cama que eu já volto-fui até o banheiro e peguei uma toalha e um remédio que o Wolf sempre trazia pra hematomas. Agacho na frente de Rezende-Espero que ele arda mais que pimenta no olho

-Nossa,pra que esse ódio??-diz Rezende

-Você ainda pergunta?? Você estuprou um cara e ainda bateu no namorado dele.

-Primeiro eles não são namorados,segundo,foi só uma brincadeira-peguei o remédio e joguei em uma de suas feridas-AII DESGRAÇA

-ISSO NÃO E BRINCADEIRA SEU DOENTE,SABE A MARCA QUE VOCÊ DEVE TER FEITO NELE??

-Tá,desculpa,agora dá pra gente parar de falar nisso-diz Rezende

Continuei passando o remédio dessa vez com a toalha,uma de minhas mãos estavam em cima da cama ao lado de Rezende. Em um gemido de dor,sua mão foi de encontro com a minha e eu imediatamente parei.

-Tá doendo Luizi-diz Rezende.Maldito coração,acelerou como uma carro de corrida.

-Já....to a-acabando

-Tudo bem com você??-diz Rezende ainda apertando minha mão.

-Er.....sim,porque não estaria??

Enquanto eu passava o remédio,Rezende me encarar,olhando dentro dos meus olhos.

-O que foi??

-Nada,só to te olhando,porque?? Não pode??-ele foi se aproximando um pouco mais de mim-Tá nervoso ainda??

-N-Não,quer dizer,sim...ah sei lá

-Não fica bravo comigo Luizinho-ele foi até o meu ouvido-Isso me deixa muito triste-um arrepio me subiu,todos os pelos de meu corpo subiram

-Gente vocês não.....que isso??-Wolf abriu a porta. Rezende se afastou rapidamente e se levantou da cama-Se vocês querem transar,podem falar que eu durmo em outro canto hoje.

-Fala merda não gordo,ele só tava me ajudando-diz Rezende. É,eu sabia que aquilo não tinha sido verdadeiro.

-Caralho agora que eu vi,que olho roxo e esse mano??-diz Wolf

-Aquele merda do Mikhael protegendo a Tarikinha-diz Rezende-Mas ele vai ver,eu tenho um plano

-Ah,que ótimo,divirta-se com seu plano,eu vou rala peito daqui,não quero ser preso mais uma vez,se ferra sozinho-peguei meu celular e fui embora do alojamento,eu que não vou me fuder mais em nome de Pedro Afonso.

P.O.V Felps

Eu e Rafa,estávamos dentro do refeitório. Ele comia um pão com presunto e um Toddy(A.M: TODDYNHOOO :3),e eu comia pão de queijo e suco.

-Será que eles estão bem?? Estão demorando

-Verdade,mas acho que estão bem-diz Rafa-Felps??

-Hum??

-Me responde uma pergunta??-diz Rafa

-Ue,claro

-Você.....você gosta da.....você gosta da Gabis??-pergunta ele. Que pergunta,Gabis e uma de minhas melhores amigas,e lógico que gosto dela

-Sim,bastante,ela e uma ótima pessoa

-Muito mesmo??-ele diz com uma voz meio triste

-Sim,mas por que essa pergunta agora??

-Nada,nada mesmo-ele volta a comer sua comida.

-Olha o Pac vindo ali com o Mike,eles tão...-eles tão de mãos dadas?? Tudo bem que a amizade deles é estranha mas andar de mãos dadas não e normal.

-Eles tão o que??-pergunta Rafa. Aponto pra eles e Rafa olha-Tão de mãos dadas,idai??

-Eles de mãos dadas é estranho

-A amizade inteira deles é estranha,eles são estranhos-diz Rafa

-Quem é estranho Rafael??-pergunta Pac chegando atrás de Rafa

-Você sabe que e verdade-diz Rafa

-E mais não precisa jogar na cara-diz Pac se sentando junto com Mike

-Mãos dadas é??

-Qual o problema??-pegunta Mike

-Nem um..

-Então,namorados andando assim-diz Mike. Pac cora e Rafa abre um sorriso

-ALELUIA,DEUS OUVIU MINHAS ORAÇÕES-diz Rafa,que foi encarado por metade do refeitório

-Cala a boca exagerado-diz Pac

-Então,assumiram o tão esperado namoro??

-É,parece que sim-diz Pac abrindo um grande sorriso-É íamos oficializar na sua cama,mas o Mike não quis

AH TÁ DE BRINCADEIRA COM A MINHA CARA?? ELES IAM TRANSAR NA MINHA CAMA??

-Puta que pariu,vocês não prestam

-Só eu não entendi esse oficializar??-diz Rafa,arrancando risadas de nós-Porra galeria to falando sério


Notas Finais


Oii

Pois é,muitas demoras,perdão

Bjs na bunda de sua Autora Maluca


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...