História Um Encontro Inesperado - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Adolescentes, Drama, Romance
Exibições 21
Palavras 410
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Volteei
Oi gnt, mais um cap aí pra vcs e espero q gostem!
As fotos de tudo estarao nas Notas Finais, ok??
Boa leitura!Bj!

Capítulo 3 - Finalmente.


Fanfic / Fanfiction Um Encontro Inesperado - Capítulo 3 - Finalmente.

 Chegou o dia do baile, eu estava muito animada e nervosa. As aulas acabaram e eu fui para casa. Eu estava assistindo TV, quando meu telefone toca, “Dylan”:

  -Oi Dylan!- falei, feliz por sua ligação.

  -Oi Nicky! Eaí?

  -Tudo certo, então, é hoje né!- falei animada quase pulando.

  -É sim! Tô empolgado!- Meu Deus, ele disse que estava empolgado.

  -Eu também estou, mas eaí? Como vai ser?

  -Eu passo na sua casa pra te pegar, tudo bem pra você?

  -Sem problemas, meu endereço é Mapple Street, número 4.

  -Tá bem, te pego ás 21:00?

  -Ótimo!

  -Tchau Nicky, até mais tarde!

  -Tchau Dylan!- desliguei e me joguei no sofá, eu realmente estava animada.

  Ás 20:30 eu estava pronta, usava um vestido de baile amarelo com detalhes em preto, que realçava meu rosto, meu cabelo preso em um coque alto, e um salto preto. Ás 21:00 em ponto, ouvi batidas na porta (ele é bem pontual), peguei uma bolsinha preta e fui atende-la. O Dyl estava lindo, usava um smoking preto e sapatos sociais:

  -Boa noite, moça.- falou me olhando dos pés a cabeça -Você tá linda!

  -Boa noite! Obrigada, você também está.- falei com sinceridade.

  -Eu sou lindo.- ele falou sorrindo e fazendo que não com a cabeça, me fazendo sorrir também. –Agora  vamos.

  -Vamos! –falei pegando em sua mão, nós não tínhamos nenhum relacionamento além de amizade, mas bem que parecia mais.

  Ele me levou até seu carro, que era uma BMW 428i Cabrio vermelha,  e abriu a porta pra eu entrar, depois arrodeou e sentou-se ao volante.

  Alguns minutos depois, chegamos na escola. Os corredores estavam escuros e vazios, até que chegamos no ginásio (onde acontecia o baile), que estava lotado, e também tinha um palco elevado com um DJ. Sentamos em uma mesa, e ele foi pegar ponche para nós.

  Após uns dois copos de ponche, fomos para pista. Naquele momento, uma música lenta estava tocando, estávamos dançando quase colados. Quando levantei a cabeça e mergulhei naqueles olhos azuis. Quando me dei conta, um beijo calmo e com desejo nos envolvia, era como se tudo tivesse parado, como se todos os sons fossem desligados, e apenas nós estivessemos naquele lugar, a partir daquele momento, ignorei o mundo á minha volta, e foquei apenas nos lábios macios e em nossa sintonia, era como se tudo aquilo estivesse sido reprimido por muito tempo.

  Eu não sei se é muito cedo para dizer isso, mas, eu acho que eu o amo.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...