História Um estranho adeus... - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Dúvidas, Romance, Sofrimento, Superação
Exibições 4
Palavras 390
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Espero que agrade, é uma história bastante profunda, com alguns relados baseados em fatos reais, envolvendo um pouco de drama, mas tento mostrar a superação, pelo menos se tenta ter a superação...o resto vocês podem conferir na história. Boa leitura.

Capítulo 1 - Sempre e para sempre?


Fanfic / Fanfiction Um estranho adeus... - Capítulo 1 - Sempre e para sempre?

Apresentação:

Sinto que nossa história não acabou. E esse o grande problema, tal vez seja isso que me prenda tanto a você e por isso preciso por um ponto final nisso, no que não pode de maneira nenhuma mais existir, o que na verdade nunca poderia ter existido, o amor por Andrew, a paixão, o sentimento avassalador e totalmente (infelizmente) verdadeiro, sem culpa, sem maldade e com uma total pureza, que infeliamente jamais foi recíproco. Mas do que me adianta repetir isso para mim mesma, não adianta o quanto eu repita e pense para mim mesma, os sonhos são inevitáveis, você está lá, as lembranças de cada beijo, toque, cheiro, olhar, seus lábios, sua mão, seu abraço, seu calor...cada local e até uma fruta me lembra ele e isso me atormenta a cada manhã. As vezes tenho uma terrível vontade de me matar, de acabar com esse sofrimento, matar essa dor que é como se todo santo dia, por Deus, fosse esfaqueado, furado, pisado, esmagado e totalmente desprezado no final, me sinto morta, me sinto perdida, solitária e acho que realmente estou morta, a cada dia a verdade fica mais clara, e você me levou para a escuridão, você me afundou nesse amor, você desistiu de mim, de nós, e hoje, o que eu sou? Será que ainda sou a mesma Katherine Bertolli? Será que ainda tem esperança para alguém tão no fundo do poço como eu? A morte pode ser um alívio, rápida e eficaz,  mas me tornaria fraca, e depois? Terá valido a pena perder a vida por alguém não dá a mínima por cada inspiração e expiração sua, e eu terei sido apenas uma pessoa comum que perdeu a vida por motivos banais... Sei o que eu realmente devo fazer. Mas para vocês não ficarem perdidos, preciso recapitular todo o ocorrido, para que assim possam entender meu impasse.

Um dia tão lindo e ensolarado, eu havia acabado de chegar na escola, em plena 06:20 da manhã, e então escuto um grito, só pode ser Marie Luise, seu jeito escandaloso, mas que nos uni como unha e carne, na quadra. E  quando chego lá, tem dois rapazes desconhecidos, um deles me faz abaixar a cabeça com vergonha, sinto uma pequena atração, Marie me apresenta a eles, mas apenas um nome me chama atenção, Andrew. E depois desse dia tudo iria simplesmente mudar.


Notas Finais


Espero que fiquem curiosos, isso é apenas o começo de algo totalmente aventureiro e maluco.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...