História Um fim de Inverno para não se esquecer - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bleach
Personagens Aikawa Love, Aizen Sousuke, Byakuya Kuchiki, Genryuusai Shigekuni Yamamoto, Gin Ichimaru, Hanatarou Yamada, Hinamori Momo, Hirako Shinji, Hiyori, Ichigo Kurosaki, Ikkaku, Izuru Kira, Kaname Tousen, Kenpachi, Kenpachi Zaraki, Kensei Muguruma, Kon, Mashiro Kuna, Mayuri, Nanao Ise, Nemu Kurotsuchi (Nemuri Nanagou), Orihime Inoue, Personagens Originais, Rangiku Matsumoto, Renji Abarai, Retsu Unohana, Rouse, Rukia Kuchiki, Sado Yasutora, Sajin Komamura, Shihouin Yoruichi, Shunsui Kyouraku, Shuuhei Hisagi, Soi Fong "Soifon", Toushirou Hitsugaya, Ukitake, Urahara Kisuke, Uryuu Ishida, Yadoumaru Lisa, Yashiro, Yumichika
Tags Bleach, Kyouraku Shunsui, Nanao Ise, Shunnao
Visualizações 154
Palavras 787
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Salve Galerinha tudo bem? Esse capítulo me emocionou muito para escrever e logo logo vocês irão saber porque...

Beijos boa leitura.

Capítulo 19 - Uma Homenagem Inesperada


Fanfic / Fanfiction Um fim de Inverno para não se esquecer - Capítulo 19 - Uma Homenagem Inesperada

Kyouraku, Unohana e Ukitake foram até o centro do salão e pediram a palavra, logo todos fizeram silêncio para ouvir o que os três mais antigos e poderosos capitães tinham para dizer. Ukitake tomou a frente e logo começou a falar.

-Boa noite damas e cavalheiros,  todos nos conhecem como os capitães mais antigos do Seireitei e muitos já fizeram piadas quanto a isso. Não nos importamos contudo, pelo contrário, nos sentimos honrados de termos sido os primeiros a se formarem na Academia de Shinigamis, de sermos treinados pelo Comandante Yamamoto e por ele nos ter acolhido como seus filhos.

Kyouraku continuou o discurso sorrindo para o velho homem à sua frente que os olhava surpreso.

-Yama-jii você passou muitos apuros conosco, teve e ainda tem muita dor de cabeça sobre nossos comportamentos. Mas mesmo assim jamais nega algum conselho para nenhum de nós e sempre busca nos ajudar a melhorar...

Unohana sorria abertamente para o Soutaichou quando começou a falar.

-Por esse e tantos outros motivos,  chamampresente

hor até aqui na frente e escute o que temos de tão importante para dizer à você.

O comandante se levantou e caminhou até os seus alunos e ficou entre Shunsui e Juushiro.

- O que vocês têm para me dizer de tão importante?

-Você já vai saber Yama-jii...

E com essas palavras as luzes diminuíram e a orquestra começou a tocar lentamente, e para surpresa de todos a voz grossa de Kyouraku se fez presente em uma perfeita harmonia com as notas músicais, iniciando uma canção.

Esses seus cabelos brancos, bonitos

Esse olhar cansado, profundo

 Me dizendo coisas, num grito

   Me ensinando tanto, do mundo...

 
  E esses passos lentos de agora

Já correram tanto na vida   

Caminhando sempre comigo

 Meu querido, meu velho, meu amigo...

Todos assobiaram e então para a surpresa de muitos a voz melodiosa da capitã da quarta divisão se fez presente.

 Sua vida cheia de histórias 

 E essas rugas marcadas pelo tempo

  Lembranças de antigas vitórias 

Ou lágrimas choradas ao vento

 Sua voz macia me acalma

     E me diz muito mais do que eu digo

     Me calando fundo na alma

 Meu querido, meu velho, meu amigo...

Muitos shinigamis choravam com a música e alguns ouviam atentamente.  Tomando sua vez o capitão da décima terceira divisão começou a cantar.

Seu passado vive presente

 Nas experiências contidas

Nesse coração consciente

  Da beleza das coisas da vida

  Seu sorriso fraco me anima

Seu conselho certo me ensina   


  Beijo suas mãos e digo
  

Meu querido, meu velho, meu amigo...

Yamamoto estava emocionado, mas sua emoção maior viria no final, quando os seus três alunos começaram a cantar juntos.

Eu já lhe falei de tudo,

Mas tudo isso é pouco

 Diante de tudo o que eu sinto...

Olhando seus cabelos tão bonitos,

    Beijo suas mãos e digo

Meu querido, meu velho, meu amigo...

A sinfonia harmoniosa dos instrumentos foi chegando ao fim e Ukitake tomou a palavra novamente.

-Yama-jii, eu sei que faz muito tempo que não lhe chamo assim, e estou um pouco enferrujado por isso, mas o que nós três queremos dizer é que o senhor é mais do que o nosso Comandante,  é mais do que um professor....

Unohana então tomou a fala e sorrindo continuou o que Ukitake dizia.

-Você é nosso amigo, nosso guia, e da mesma forma que abriu os braços para nós, acreditando que éramos capazes e nos acolhendo como filhos...

-Hoje somos nós que te chamamos de pai e de melhor amigo... Obrigado por tudo que você fez e ainda faz por nós Yama-jii.

Yamamoto deixou a emoção tomar conta de si mesmo e abriu os braços para àqueles três que ele tanto amava.

-Venham aqui meus filhos... Obrigado pela homenagem...

Os três capitães abraçaram o velho comandante e beijaram a cabeça do homem em sinal do respeito e do amor que tinham pelo homem.

Para muitos aquilo era uma cena inesperada, mas para quem conhecia e sabia sobre aquele laço que superou vários séculos,  era algo único de ser visto e admirado.

Após este jesto de carinho e amor, Unohana, Ukitake e Yamamoto voltaram aos seus lugares, deixando somente Kyouraku no meio do salão.

-Peço a atenção de todos os presentes pois o que eu irei dizer é importante... Nanao-chan poderia vir até aqui por favor?

A mulher foi pega de surpresa com o pedido do seu Taichou, no entanto, jamais negaria algo para o moreno.

-Hai Taichou...

Ela graciosamente se levantou e caminhou sob o olhar de todos até o seu amado capitão que lhe estendeu a mão, suspirando ela colocou a sua mão por cima da dele e lhe olhou nos olhos esperando o que viria à seguir. Mal sabia a morena que a maior surpresa estava por vir e seria para ela...

Continua no próximo capítulo ; )


Notas Finais


Olha eu aqui... parei rsrsrs. Gente eu escolhi essa música para homenagear o Yama-jii por dois motivos:

1° pai não é sempre aquele que nos faz, mas sim aquele que nos cria e nos ama.

2° minha mãe desempenhou esse papel de pai/mãe na minha vida desde o dia em que eu nasci, então é uma homenagem para a minha guerreira.

Nome da música: Meu querido, meu velho, meu amigo
Cantor/Músico/ Banda: Roberto Carlos.

https://m.youtube.com/watch?v=Prqt5ttraec

Está chegando a hora que todos aguardam anciosos e é no próxima capítulo que teremos a maior surpresa de todos os tempos...

Kisses de Amora e bye bye ♥♛


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...