História Um futuro diferente para os marotos - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Alice Longbottom, Alvo Dumbledore, Arthur Weasley, Carlinhos Weasley, Dobby, Dorcas Meadowes, Draco Malfoy, Fenrir Greyback, Franco Longbottom, Fred Weasley, Gina Weasley, Gui Weasley, Harry Potter, Hermione Granger, Jorge Weasley, Kingsley Shacklebolt, Lílian Evans, Lord Voldemort, Marlene Mckinnon, Neville Longbottom, Pedro Pettigrew, Percy Weasley, Remo Lupin, Ronald Weasley, Severo Snape, Sirius Black, Tiago Potter
Tags Draco Malfoy, Dramione, Harry Potter, James Potter, Jilly, Lily Potter, Marotos, Rabicho, Remus Lupin, Severo Snape, Sirem, Sirius Black, Wolfstar
Visualizações 91
Palavras 1.467
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Meus amoreeesss... perdão! Eu disse pra vcs que ia postar um tempinho atrás nas respostas dos comentários, mas tive um imprevisto. Meu avô sofreu um AVC e eu como boa estudante de medicina que sou, tava buscando um pouco mais de informações sobre o caso e sobre a situação dele pra avaliar riscos e esse tipo de coisa.

Mas vamos aos comentários do capítulo passado: Muita gente pirandooo... 😂😂 eu seeeii... muito lindos, não é?? Maaasss... algumas s vocês colocaram, Tá tudo muito bom, e quando as coisas estão muito perfeitas. A gente já pensa na merfa que pode dar no futuro. Entaaaooo... formem suas hipóteses.

Esse capítulo tá bem bacana, mas o melhor é o próximo. Teremos a reação de Mia. Entaaaooo já sabem 7 comentários e sai o outro. 😘😘

Capítulo 17 - Desconfiança


Na manhã seguinte, Remus acordou sentindo um olhar sobre si. Ele sorriu, e depois lentamente abriu os olhos, encontrando os olhos negros de Sirius o encarando. O moreno sorriu também e depois deu um selinho no loiro.

- Bom dia! – disse Sirius.

- Bom dia Six. – respondeu o loiro. Sirius já havia colocado sua calça e Remus estava coberto apenas com a manta. – Que horas são??

- Umas 8 horas. – respondeu o moreno.

- Melhor levantar então. Daqui a pouco Mia vem atrás de mim. Ela não costuma dormir até tarde. – disse o loiro. Sirius assentiu enquanto levantava e puxava Remus da cama também em direção ao banheiro. Os dois tomaram um banho rápido e se vestiram depressa. Em 10 minutos já estavam descendo as escadas para tomar café da manhã.

- Bom dia! – disse Remus para James, Lily, Frank, Alice, Molly e Arthur que já estavam na cozinha. Todos responderam. – Mia ainda não levantou? – Remus perguntou para todos. Lily negou com a cabeça. – estranho. Ela sempre acorda cedo. Ah. Harry também não acordou? Ele é outro que sempre acorda cedo. – Sirius virou na mesma hora e subiu as escadas depressa.

- Você não vai ver se eles estão juntos? – perguntou Arthur

- Eu não. Sirius foi fazer isso, tenho certeza. – Remus explicou e depois riu.

- Ele gosta mesmo dela, não é? – perguntou Alice. Remus sorriu.

- Sim. Ele gosta. – ele respondeu.

Segundos depois Sirius desceu novamente as escadas com Harry ao seu lado, Harry estava emburrado e Sirius ria.

- James, deveria ter dito ao seu filho que nós usamos vezes demais a capa para não reconhecer alguém com ela. – disse Sirius. Remus olhou pra Sirius. – Ele não estava com ela. Não ainda pelo menos. Não vejo outro motivo para usar a capa dentro de casa.

- Saiba que eu tenho motivos sim. – disse Harry. – Que seja! Eu estou com fome. Sirius, você é o meu padrinho. Deveria estar do meu lado. Me ajudar.

- Sinto muito Harry. Eu não tive filhos, e Mia é minha princesinha. Me ama mais que você. – disse Sirius fazendo drama.

- Eu te amo mesmo. – disse Mia entrando na cozinha. Ela deu um beijo no bochecha de Sirius e depois na bochecha do pai. – Bom dia papai.

- Bom dia meu amor! – Remus adorava que a filha tivesse uma relação tão próxima com Sirius.

- Bom dia Harry. – ela deu um selinho no menino e depois sentou ao seu lado na mesa. – Bom dia pra todos.

- Bom dia princesa. – Sirius levantou uma sobrancelha quando Harry chamou Mia de princesa. Sorte que Remus que estava ao seu lado o cutucou e disse pra deixar pra lá.

- Filho, eu acho que seu maior problema não vai ser o Remus e sim o Sirius. – comentou James. – Olha a cara que ele faz. – Harry e Mia olharam ao mesmo tempo. Remus riu junto com James e todos os outros na cozinha. Sirius estava quase da cor de um pimentão vermelho de raiva.

- Para Six. Tá bom. – sussurrou Remus. – Deixa os meninos.

Logo desceram também, Morgana, Gina, Draco e Neville. Os quatro sentaram na mesa próximos aos amigos. E ficaram conversando até monstro colocar a comida.

- As vezes sinto falta de quando eles eram crianças que desciam as escadas correndo falando sobre o que tinham ganhado de presente do papai Noel. – falou Alice.

- Eu também, amiga. Eram tão fofos. – As duas começaram a lembrar de coisas que as crianças faziam quando eram pequenas.

- Pronto. Sessão nostalgia. – disse Morgana rindo. – Papai? Vamos jogar xadrez de bruxo?

- Morg, vou perder você sabe. – James disse. – Sou péssimo em estratégias.

- Eu jogo Morgana. – disse Remus. A menina quase pulou no tio.

- Obrigada tio Rem. – Os dois seguiram para a sala e sentaram em uma mesinha que tinha lá. Ao mesmo tempo em que Tonks descia para comer.

- Merlin! Eu estou com dor de cabeça. – disse a garota de cabelos coloridos para Remus.

- Chá revitalizador. Acaba com a ressaca na hora. – ele deu a dica.

- Certo, e onde tem isso? – Ela perguntou abobalhada. Remus riu e disse.

- Morg, vou ajudar Tonks, arruma tudo que já venho. – Remus seguiu para a cozinha com Ninfadora.

- Você não precisava fazer isso Remmy. – Ela disse sorrindo para ele.

- Não é nada!

- Remus você não ia jogar com Morgana? – perguntou Sirius sério.

- Sim, nós vamos. Só vou ajudar Dora primeiro. – respondeu o loiro também sério percebendo o ciúmes do outro. – Senta aí Dora. Vou preparar e já trago. – ela assentiu e logo levou as mãos a cabeça.

- Ai, acho que bebi demais. – Remus riu - Tô vendo tudo dobrado. – todos riram, menos Sirius e isso não passou despercebido aos olhos de Mia. Que desse momento em diante passou a prestar mais atenção nas atitudes de Sirius e de Remus quando juntos. Depois disso, Remus entregou uma xícara nas mãos de Dora, mas como ela estava fraca ele teve que ajudá-la a beber. Nessa hora, Sirius se levantou da mesa e saiu da cozinha aparentemente irritado, e isso só somou nas desconfianças de Mia. A loira sorriu se levantou e seguiu o moreno. Ele subiu as escadas quase correndo e entrou em seu quarto. Mia bateu na porta.

- Tio Six? – Ela o chamou. – Posso falar com você?

A porta se abriu no minuto seguinte. O homem abriu espaço pra Mia entrar.

- Claro, o que foi? – ele perguntou.

- Sirius? Eu vi a forma como você olhou pra eles. – disse a menina, ao mesmo tempo em que via a cor sumir do rosto de Sirius.

- Do que você está falando Mia? – ele perguntou assustado.

- Você gosta do papai. – ela disse simplesmente.

- Claro que sim, ele é meu amigo desde sempre. – ele tentou fugir, na Mia era esperta.

- Não esse tipo de gostar. Você gosta dele tipo amor, paixão. – Ela fez uma pausa. – Estou certa. Não estou? – Ela deu um sorrisinho presunçoso e sentou na cama. Sirius não conseguia dizer nada. – Você já contou para ele? Ele sabe dos seus sentimentos?

Sirius não respondeu de novo.

- Por quê você não me responde? – ela quis saber chateada. – O que acha que vou fazer? Eu te amo também Six. Iria adorar se você e papai, bom, por acaso ficassem juntos. E eu acho que ele também gosta de você.

Sirius ainda não disse nada. Mia assentiu para ele.

- Certo, tudo bem, você não vai falar. Já entendi. Tô indo. – ela levantou da cama e já estava na porta quando Sirius resolveu falar.

- Você tem razão: Eu gosto dele. – disse o moreno. Mia sorriu para ele. – E ele já sabe.

- Não caiu um pedaço, não é? Diga para ele falar comigo. Não vou até ele. Quando estiver pronto, diga para vir conversar comigo. Por favor! – Sirius assentiu e Mia saiu do quarto. Quando chegou na sala encontrou Remus jogando com Morgana, Dora sentada perto deles. Os outros conversavam em grupinhos espalhados pela sala.

- Mia, você viu Sirius? – perguntou Remus.

- No quarto dele papai. – respondeu a menina sorrindo. Depois ela foi até o namorado o abraçando por trás.

Ele segurou seus braços na própria cintura.

- Não sei, senhor Wesley. – disse o garoto. – Eu tive um sonho. E achei muito real. Por isso pedi para ver Dumbledore, para quem eu contei. – Mia sabia que ele estava mentindo por que não gostava de falar sobre o que tinha acontecido. Mia também achava mais seguro assim. – Oi amor. – ele disse para ela. A menina sorriu e o abraçou apertado. James sorriu para o filho e Arthur disse:

- Vocês dois ficam muito bem juntos. Fazem um belo casal. – ele sorriu e olhou atrás do casal, para em seguida fechar a cara. – Diferente daqueles dois que não combinam em nada.

Todos olharam na direção em que ele indicava e viram Draco com o braço na cintura de Gina. Mia riu.

- Sr Wesley. Acho que o senhor está com ciúmes de pai. Por que é incontestável que Gin e Draco fazem um casal lindo. – disse Mia para o emburrado Arthur.

- Mia tem razão Arthur. Eles ficam bem juntos. – concordou James.

- Não tanto quanto eu e Harry, Claro. – disse Mia, tentando quebrar o gelo. Deu certo, todos riram e mudaram de assunto. Assim o dia fluiu tranquilamente. Depois de algumas partidas de xadrez, Remus saiu da sala. Quando voltou Sirius estava com ele, e os dois pareciam ter voltado as boas. Eles almoçaram todos juntos. E durante a tarde, Mia, Gina, Morgana e Hermione cozinharam guloseimas para o lanche, depois os Tonks foram embora para sua casa. E assim foi o dia de natal no Largo Grimmauld, no dia seguinte, os Wesleys voltariam para casa, e só restaria as pessoas de sempre no Largo.


Notas Finais


Não julguem a Tonks, ela gosta do Remus e não sabe que ele e Sirius estão juntos.
Beijinhos de luz. 😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...