História Um Grande Amor - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 2
Palavras 455
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Hentai, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Esse episódio é pra ser bem tenso, muitas coisas doidas vão acontecer e será um episódio cheio de explicações.

Capítulo 3 - A Ansiedade Exagerada


O fim da aula estava próximo, eu estava super empolgado para ir conversar com ela.. Esse colegial avançado é muito chato, serve para reforçar tudo que você já estudou até hoje.. Era chato, mas agora que conheci a Arii, quero ir todos os dias.

O sinal toca, hora de ir pra casa, hora de ver se ela vai me mandar alguma mensagem ou não. Na saída da escola, ela me olha, um olhar curvo, curto, mas com um sorriso. Eu, constrangido não pensei em rir de volta, fui embora pensando na possível merda que isso poderia dar pra mim.

O caminho de volta pra minha casa é bem extenso, era aproximadamente uns 500 metros de distância, mas era o único caminho possível para mim ir para minha casa.

No caminho, fui achando uns quebrados no chão, algo meio estranho, nada de ruim acontecia naquela rua, talvez o rachado seja uma briga de rua que alguns garotos tenham feito.. Não prestei muita atenção e segui em frente, nunca se sabe no que se pode acontecer.

Fui embora com meu celular, jogando Pokémon Go, sou nerd, eu gosto desse jogo, a única coisa que eu não estava gostando era do fato de que ela ainda não havia me mandado mensagem alguma.

Faltava aproximadamente 200 metros pra chegar em casa, eu não estava com meu material, deixo ele dentro do meu armário escolar, então pensei em correr, correr muito!

Comecei pegando impulso. Puxei meu braço pra trás, deixei o resto do corpo pra frente e levantei as pernas pra velocidade ser alcançada rapidamente.

De repente fui abordado por uma pessoa que dizia ser policial, ele perguntou por que eu estava correndo, eu não sabia o que dizer então eu falei tipo:

_Quero chegar em casa mais rápido - uma boa resposta - quero ver se quebro um ovo aqui no Pokémon Go.

Esse cara de repente tira uma faca do bolso e aponta pra mim.

_PASSA A MERDA DO CELULAR.

Ele não era policial, era um ladrão, comecei a soar, minha nuca estava molhada, eu estava pálido e gelado.

_Vou p.. Vou passar! - Eu disse, tremendo.

Quando eu estava pegando meu celular do bolso, senti uma outra coisa: Um bastão. Minha mãe insistiu que eu levasse para mim treinar o beisebol que iria ter na escola hoje, por fim não treinei, a única coisa que penso quando vejo um bastão é um arame farpado cheio de sangue.

Ao invés de eu pegar o celular, rapidamente peguei esse bastão e bati ele na cabeça do cara, ele voou pra trás, deixando a faca cair dentro de um esgoto, enquanto ele observava sua faca indo embora, aproveitei pra sair correndo.

Finalmente em casa, assustado e quase paralisado, mas pra minha surpresa eu recebi uma mensagem, uma mensagem, que eu queria muito receber..


Arii: Oi!! ^-^


Notas Finais


Que capítulo doido né? Quero muito fazer o resto!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...