História Um Internato mais que maluco - Capítulo 25


Escrita por: ~ e ~madu_kpop12

Visualizações 28
Palavras 1.221
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Fantasia, Festa, Ficção, Fluffy, Lemon, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oooooiii olhaaaa o capítulo saindooooo e gente desculpa mesmo por não ter postado ontem..mas sem mas delongar.........fui

Capítulo 25 - 17-o beijo


Fanfic / Fanfiction Um Internato mais que maluco - Capítulo 25 - 17-o beijo

Pov calango 

Aahhjj aquele cellbit ele vai ver,o que ele tava pensan...

ProfessorPk:calango você viu quem trancou agente.-fala o professorPk indo até a porta e dá leves batidas.

Calango:na... não professor eu.. não vi-falo um pouco nervoso, será que o professor consegue ler mentes(su:Não,já tem gente demais que tem telepatia ler mentes e essas coisas)ufa*obrigado autor já pensou se ele soubesse o que eu imagino dele (su:😏😶).

Professor:eu acho que consigo derrubar essa porta de cristal-o professorPk se afasta da porta e em um segundo ele soca a porta numa velocidade monstruosa que até ecoou (é assim que se escreve?tenho que parar de chegar atrasado nas aulas de português e gramática)mas a porta não sofreu um arranhão,o professor se afasta da porta novamente e depois de novo soca a porta só que ele dá consecutivos murros muito rápido que eu não consigo acompanhar.

ProfessorPk:aahhh,essa porcaria não quebraaaaa-fala o professorPk que dando um último soco fazendo um barulho muito alto.-pelo que da para ver as paredes também viraram esse tipo de cristal que eu nunca ouvi falar,acho que temos que esperar.-ele vai até a mesa  dele  e se senta na cadeira,cruza os braços e feichando os olhos.

Calango:Pro..professor-chamo meio sem geito pelo o que eu ea perguntar-por que você não é casado,vocês deve ter muitos anos e deve ter várias pretendentes.

Prof.Pk:bom..eu sou viuvo(Tem pontuação no U?/yuna:você é péssimo em ortografia/su:você é pior do que eu,gente teve uma vez que a yuna(madu)ela escreveu Brasil com../yuna:vamo continuar???)minha esposa foi morta enquanto dormia-o professor falou sem abrir os olhos parece que ele não demonstra expressão nenhuma.

Calango:se não for muito perguntar você sabe quem foi que matou sua esposa(su:nossa como se perguntar quem matou tua esposa não seja muito/calango:desculpa😔/su:oohh tem nada não)-perguntei com um pouco de remorso.

ProfessorPk:sei sim............fui eu- quando ele termina de falar ele abre os olhos que estavam negros que nem as essas do su e também a pupila estava roxa,aquilo me deu muito medo chega minhas pernas fraquejaram e Caio de joelhos no chão o professorPk estava olhando para mim ou melhor dizendo para meu pescoço o professorPk se teletransporta para minha frente ele me pega pelo pescoço e me levanta do chão eu não conseguia tocar os pés no chão e não conseguia invocar minha katana, o professor estava com os olhos focados em meu pescoço o pk (vou falar assim agora pois ficar falando professorPk,professor cansa)me joga na parede do final da sala e em segundos ele já está em minha frente me prensando na parede eu estava com medo mas não sei o que eu tô sentindo mas eu tô gostando(su:masoquista do caralho,masoquista é pessoas que gosta de sentir dor  né?sentem prazer em machucar e ser machucado eu acho🤔)o pk é a morder meu pescoço mas ele para derepente.

Olho para os olhos do maior e eles voltaram ao normal mas estavam com medo?depois mudaram para raiva?e depois olhou para mim e ele ficou com um olhar triste..primeira vez que vejo o professorPk assim.

Prof.Pk:desculpa..-fala o pk saindo da minha frente e sentando em uma cadeira qualquer e nota as mãos no rosto.

Calango:n.. não fo..foi na..da-falo recuperando o fôlego que perdi nessa loucura toda.

Pk:quando eu não vim mas cedo foi porquê eu precisava me alimentar,mas eu como em 3 em 3 horas pois eu era um humano qualquer esse poder,essa abilidade foi dada a mim sem eu pedir e esse poder é muito grande para eu suporta,por isso dessas cicatrizes eu já tinha elas quando era humano e quando virei vampiro elas ainda ficaram.

Calango:você ainda se apaixonou depois disso tudo-pergunto me aproximando.

Pk:Não chega muito perto,e sim eu já me apaixonei mas sempre tive que me afastar pois eu podia acabar matando as pessoas que eu amo-fala ele se levantando da cadeira é saindo de perto de mim-aaaahhhhh por quê não abrem essa porta logo-ele dá um soco em uma mesa que ela se estrasalhou.

Calango:Não tem nenhuma maneira de você controlar isso-falo de novo  tentando me aproximar do pk.

Pk:JÁ FALEI PARA NÃO SE APROXIMAR!!!!-fala ele quase me dando um soco mas ele para a tempo.

Pego no punho do professorPk que ainda estava estendido para mim abaixo o a mão do professorPk chego perto,boto minhas mãos  na nuca do maior vou aproximando meus lábios e o pk bota as mãos em minha cintura e faz o mesmo,nossos lábios já estavam quase se tocando e quando aconteceu esse grito maravilhoso começamos um beijo calmo que ea ficando cada vez mas intenso,demoramos uns minutos e eu já estava com falta de ar mas parece que o pk nem respirando(yuna:ele não é um vampiro?)me debato um pouco nós braços do maior e o mesmo entendeu.

Calango:por acaso eu sou umas das pessoas que você se apaixonou-pergunto botando as mãos no peitoral do pk.

Pk:é, você é mas não podemos,posso te machucar.-fala ele queralendo se afasta mas siguro a Angola do jaleco de professor dele não deixando ele sair.

Calango:você não vai me machucar-falo erguendo meu pescoço e deixando a amostra-e mesmo que tente não vai conseguir,pode morder não vou sentir dor e nem vou morrer por falta de sangue..eu fui vamos dizer abençoado com a regeneração ilimitada e super rápida.

Pk:Não calango eu tenho...-ele não termina á frase mas sei o que ele ea falar.

Calango:confia em mim-aproximo meu pescoço do pk e o mesmo vai se aproximando de vagar ele abre a boca amostrando as presas super afiadas e ele grava em mim e como falei não senti nada....já se passou uns 15 minutos e o pk até hoje está bebendo meu sangue mas eu ainda tô normal.

Pk:como você aguentou-fala o pk lambendo meu pescoço onde ele mordeu e depois olha pra mim com a boca toda suja de sangue.

Calango:foi como eu disse super regeneração e ....-nós ouvimos um barulho de algo se quebrando nós olhamos para a porta e aparece o su é quando ele entra na sala e vê o pk cheio de sangue...

Su:queee aconteceu aqui (autor:tu não sabe/su:eu não/autor:para aí...pronto/su:aabom)Não precisam mas falar tô por dentro.

As vezes desconfio do su ser alguma entidade super mega iper poderosa mas é só um pressentimento. 

Su:bom foi bom foi mas tenho que levar ele professorPk thau-fala o su me puxando e eu falo um thau para o pk e o mesmo me manda um thau de volta. 

Pov Ana(aquariana)

Nossa hoje a aula foi bem produtiva mas foi ingrasado o felps zoando a professora agora tô voltando para o dormitório com a Aline é a Ariane tô conversando normal com elas quando um cara esbarra em mim e nem pede desculpa.

Aline:ei cara tenha educação seu filho da puta-fala a Aline quase indo atrás do cara e a ariana me ajuda a levantar.

Ana:deixa Aline,não vale apena brigar.-falo limpando minha roupa.

Ariana:aquele cara é bem mal educado né?

Aline:ele é  um filho de uma puta mal comida isso sim.

De repente a yuna chega aparecendo na minha frente me fazendo levar um susto.

Ana:tu é  doída yuna que me matar?-falo colocando a mão no peito.

Yuna:bom você não-o que?-ariana pode vim comigo ali rapidinho?.

Ariana:há?claro.-fala a ariana sendo puxada pela yuna.

Aline:a yuna é estranha.

Ana:é verdade-começo a andar de novo para os dormitórios.

Aline:Ana num tem aquele cara que te esbarrou.

Ana:o que têm?

Aline:ele era até  que gatinho😊né-fala a Aline me dando uma cotovelada.

Ana:nem olhei ele direito.

Aline:chata.

Depois fomos para nossos quartos e dormimos logo  pois o nosso professor de treinamento é muito pesado diferente do que me falaram do professorPk....


Contínua........ou não continua..........es a questão (notas finais muito importante)


Notas Finais


Todos os leitores/personagens sem ser o Pedro e a ariana falem seus crush nós comentários com esses estatus:

Nome:

Idade:

O mostro ou criatura:

Bem ou mal:

Pequena história:

Aparência:

Eles não vão aparecer agora então da tempo de vocês me mandarem e se vocês gostaram do capítulo comentem que me motiva a continuar então sem mas delongar.........fui.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...