História Um inverno cheio de mistérios... E WillDip! - Capítulo 8


Escrita por: ~

Exibições 36
Palavras 458
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Famí­lia, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Não achei outra vez imagem adequada

Capítulo 8 - Atrás de um cubo


Pacífica também chegou atrasada, então só começamos quinze minutos após o combinado. E como Mabel não parecia querer contar onde estivera, começamos a bolar hipóteses de onde Bill estaria escondido. Dipper soltava lugares aleatórios olhando intrigado para a irmã, que sua vez olhava para Pacífica. Sabia que as duas guardavam um segredo poderoso, mas não tinha ideia do que seria. Uma pausa. É claro que, em circunstâncias normais, leria a mente das duas é teria respostas, mas não conseguia fazer isso. Não por questões morais, eu realmente não podia, como se houvesse um bloqueio na mente de Mabel.

Mas é óbvio que sabia que ela tinha conversado com meu irmão. Sentia isso da mesma forma que sentia a tensão do lugar. Resolvi arriscar "Mabel, eu sei que encontrou alguém na floresta. Pouco me importa saber quem, mas ouviu algo que possa nos ajudar?". Todos olharam pra mim. Dipper pirraguiou " Vamos! Só porque eu fiz uma decisão própria no nosso aniversário não significa que..." "Opa opa pera ai" interrompeu Pacífica "É por causa disso? Achei que era sobre os po-". Mabel tapou a boca de Pacífica " o que é o Cubum Ratio?" Ela disse, se levantando. "Cubum Ratio significa cubo da razão. Ele foi originalmente criado para mudar coisas que podiam interferir no equilíbrio da dimensão, como um monstro mágico ou alguém que sabia demais." falei um tanto branco. Bill atrás do Cubum? Isso era a pior da pior das hipóteses. Mabel se sentou novamente. "Bill me encontrou sim. Falou que iam pegar o esse cubo hoje à noite." Dipper foi até ela "era por isso? Não queria me contar porque..." Ela enterrou a cabeça no colo do irmão. Olhei um tanto surpreso. Não convivia muito com Mabel, (só quando ela me dava ordens)mas desconhecia a relação que tinha com o irmão. "Devo saber menos do que penso" murmurei. "Espera" falou Dipper, pegando a mochila "Você disse cubo da razão?" Mabel arregalou os olhos e começou a vasculhar a mochila do irmão. Ela tirou um livro (que sabia que era um dos diários de Ford) e Dipper começou a folha-lo. Todos nos juntamos e Dipper parou em uma página "não conhecia o nome em latim, mas sabia que tinha lido sobre o cubo da razão." "O cubo pode até servir para expulsar algo que cause desequilíbrio, mas se inverter a polaridade pode ser usado para trazer os monstros do caos devolta a vida" leu Mabel. "Temos que interceptar esse cubo". "Mas onde isso está?" Perguntou Pacífica. Olhei para o livro, tentando me lembrar. O Cubum Ratio, o Cubum Ratio... Dei um estalo "Sei onde ele está! Mas vocês não vão gostar". Todos pegamos nossas coisas e nos preparamos para correr... Até a antiga prefeitura de Gravity Falls.


Notas Finais


A prefeitura! E...isso não faz sentido para ninguém né?
Sim eu tentei achar a tradução certa para Cubum Ratio, mas haviam muitas(então ficou assim mesmo)
(Pacífica) "correr até a prefeitura? Achei que Dipper teleporta-sse ou algo assim." (Dipper) "com um cubo tão próximo, a magia está com interferência" e a minha net também. Até hoje à noite!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...