História Um Menino de outro Mundo - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Colegial, Corenos, Drama, Romace, Shoujo
Visualizações 10
Palavras 3.553
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Ai gente hoje é o grande dia em que vocês irão ler o ultimo capitulo ai eu vou chorar de novo...
espero que gostem falarei mais no final.
bjs até lá

Capítulo 9 - Então esse é o fim??


Fanfic / Fanfiction Um Menino de outro Mundo - Capítulo 9 - Então esse é o fim??


 Mion - Fala logo...
 Miguel - Tá, quero pedir a mão de Megu em namoro aqui na frente de vocês.
      Bem minha cabeça meio que  paralisou nesse momento, nunca achei que isso ia acontecer.
 Jun-su -  você tem que responde Megu.
 - Eu...Eu...aceito 
     Miguel vem e me levanta pela cintura, ao poucos me desce fazendo nossas bocas se encontrarem.
__\\_____________\\________________
                   QUEBRA DE TEMPO 
____\\_____________\\_______________

 Bem depois de algumas semanas combinei com o povo de ver as resposta do exame na minha casa e minha mãe fez a comida.
Campainha toca.
Mion - Oie chegamos...
 - chegamos? Você é o jun-su?
Mion - s-sim...
 - Ok vou fingir que não vi nada.
             Mion me dá um tapa de leve no ombro e entra para sala. Depois de um tempo a campainha toca de novo. Eu abro a porta Algo me carrega e me dá um beijo.
 - Ei... minha mãe tá.
Miguel - Um dia ela vai saber...
Mãe - Eu já sei...
            Miguel me solta e da um pulo para trás. Minha mãe começa a rir da cara dele.
Mãe - Está tudo bem eu sei que você vai cuida dela.
           Miguel se curva diante dela .
Miguel - Pode deixa sogra.
           Eu dou um tapa no ombro dele.
 - Vai para sala...
          Sentamos todos juntos na sala, Mion estava no computador olhando, quando deu duas horas ela entrou no site.
Mion - Olha...  os resultados saíram.
 - Aí Jesus... saiu de vista e fica na parede.
          Mion leva um susto.
Mion - Achei que tu não estuda guri...Miguel passou para medicina...
 - QUE?????
Miguel - Achou que eu era burro??
  - Talvez...
Miguel  - QUE??
Mion - Deixa eu continua, sem briga crianças.
Mion -  Olha passei para direito huhuhuh achei que não ia passar em nada.
Ela pula no colo do jun-su.
 - EITA..
           Ela sai do colo dele como se nada tivesse acontecido. Miguel assume o computador.
Miguel - Antes que esse dois se comerem eu vou termina de fala o resultado. Jun-su passou para direito também.
 - Cara eu acho que eu não passei para nada, no dia me derem remédio pra dormi, eu dormi no meio da prova acordei com 15 min para acabe, essa foi a primeira prova que chutei...
Miguel - Megu...
 - Eu não  quero saber...
Miguel - Megu...
 - Eu sei eu sei passei para bosta nenhuma...
Mion - MEGU PORRA...
 - QUE FOI...
Miguel - Você passou para medicina...
 - QUEEEEEEE????????? Carai eu só mais inteligente do que pensava huhuhuhu.
__\\_____________\\____________
                   QUEBRA DE TEMPO 
___\\_____________\\___________

 Depois de começarmos a faculdade acabei me aprofundado em cardiologia, miguel em neurologia, mion em promotoria, e o jun-su advocacia.
Professor - Agora como já estamos quase no recreio  quero que a Megu ensine para gente como fazer reanimação no coração.
         Poise até aqui sou um pouco boa... 
         termino de explicar e vejo um bilhete em cima da minha mesa.
 Anônimo
- Me encontra na bibliotecas
          Já está bem na cara que é o miguel...
 SINO

Vou até a biblioteca, esta quase vazia e vejo o último corredor um menino de cabelos loiros passando. Vou até lá e não vejo nada só um livro no chão. Estava escrito: "cuidado" . Sinto uma mão pegando no meu ombro. Dou um pulo para frente e dou um grito.
Miguel - Sabia que você ia cair, ele começa a rir
 - Nossa muito engraçado...
            Vou saindo mas ele segura o meu braço.
 Miguel
- Mion vai te levar a um lugar hoje segue ela ok?
 - Vou pensa.
          Ele me dá um selinho e sai correndo, as vezes eu queria saber porque um louco  faz neurologia. 
          Depois da aula sigo mion até em uma restaurante. Minha mãe estava lá, Rafael estava lá, jun-su e miguel também.

 - Mãe o que faz aqui?
Mãe - Nem eu sei me arrastaram até aqui.
Miguel - Quero aproveita que todos estão aqui e...
          Ele se ajoelha em minha frente. Meus olhos se enchem de lágrimas e elevo minha mão a minha boca.
Miguel - Megu Misaki Hee quer se casar comigo?
           Aquele pedido foi algo que eu realmente queria que meu pai vise.
 - Miguel...eu...eu... aceito
Mãe - Eu não...
           Miguel se levanta e olha para ela.
Mãe - Antes quero que seu pai saiba.
           Os olhos dela enchem de lágrimas e lá começa a dar um sorriso, miguel dá um abraço nela.
 Rafael -
 Quero que meu amigo saiba que você é uma boa pessoa
 Miguel - Pode deixar que eu vou lá.
           Terminamos de comer e minha mãe se despediu e foi embora junto com Rafael.
Mion - Garçom poderia me ver umas bebidas...
            - Mion não faz isso todos nós conhecemos você bêbada...
Jun-su - Amor não faz isso...
Mion - Se vocês não querem eu vou beber.
            Ela vira três copos de uma vez.
Mion fala bêbada - Sabe lembrei do dia que miguel entrou na nossa sala, a cara que a Megu fez...foi engraçado.
 - Claro uai se queria que eu ficasse como, vendo uma pessoa que eu gostava que ficava em meus sonhos na vida real.
Miguel - Então você  aquela época você gostava de mim?? E porque não me contou? 
 - Não foi isso que eu quis dizer.
           Todos começam a rir da minha cara.
 - Quer conta as coisas... beleza deixa eu conta uma coisa. Uma vez estávamos na aula aí alguém entra na sala procurando Mion... ok tudo normal ninguém achou ela, foram achar ela pendurada na porta do banheiro.
 Mion - Esse foi o primeiro dia que bebi eu briguei com umas gurias lá no banheiro ai deu ruim.
          Todo mundo começou a rir e a conta suas histórias.
Dia seguinte
 Miguel
- MEGU ACORDE...
 - Não
           Ele começa a me balança.
Miguel - Vamos logo temos que ir...
 - Eu tenho que ir mesmo??
 Miguel - Tem...
           Ele me carrega.
Miguel - Imagina o dia que eu acorda do seu lado, esse cabelo Todo bagunçado, ela baba no seu rosto,
           Eu começo a me arrumar.
Miguel - Para... você é linda até assim. agora vai se arrumar...
 - Tá mas antes me solta né...
Miguel -  Você pediu...
           Ele me joga no chão.
 - AÍ...
 Miguel - Vou estar na cozinha...
 - Ok seu mal...
           Começo a me arrumar e desço as escadas.
Mãe - Bom dia meu filha...
 - Bom dia mãe...
Miguel - Bom dia am... Megu.
          Minha mãe da uma risadinha e eu bato nele.quando vou para dar minha primeiro mordida, ele me puxa pelo braço, deixando meu pão cair.
 Miguel - Vamos já estamos atrasado 
 - Eu nem comi...
Miguel - Não mandei acorda tarde.
            Ele me joga para dentro de um táxi e fomos em direção ao cemitério. Essa é a primeira vez que eu vou ao cemitério depois que meu pai morreu.
Miguel - Toma esse buque de flores 
  - Obrigada...
             Uma breve memória vem em minha cabeça... a cena de meu pai me dando rosas no dia que chegou de viagem.
         Chegamos no lugar onde meu pai estava,meus olhos se encheram de lagrimas e eu só conseguia pensa em como ele me alegrava.

 - Oi pai... vim te visitar... não consegui segurar o choro e lágrimas começou a se escorrer em meu rosto. Sinto falta pai da sua presença, espero que sempre esteja me vendo. Trouxe rosas para você mesmo sabendo que não gosta mas, o último presente que ganhei de você foram rosas que eu pedi.
Miguel - Oi senhor Hee,  vim fazer algo na sua frente.
         Ele se ajoelha e abre uma caixinha.
Miguel  -  Megu, quer se casar comigo?
  - sim...
          Ele coloca o anel em meu dedo e me dá um abraço confortando meu choro.
 - pai, te amo...
Miguel - Vou cuida bem dela, já que foi o senhor que me pediu.
           Miguel faz um sinal pra eu subir em suas costas eu faço um sinal que não mas ele insiste.
Miguel - Pesada você né.
 - Quer que eu vá andando? Aproveito e não aceito mais seu pedido?
Miguel - Não falei nada.
           Ele começa a rir, eu fico mexendo em seus lindos cabelos loiros. E acabo pensando alto:
 - Aí nem acredito que vou mexer nesses cabelos todos os dias...
           Eu tampo a boca rapidament, ele pra me coloca no chão e olha para minha cara.
Miguel
- Pera o que?
   - O que? O que? Não disse nada.
Miguel -  Gente você é fofa...
           Eu viro um pimentão.Ele vai chegando mais perto, e quando ele está muito próximo da minha boca eu me afasto, e começo a correr.
Miguel
- VOCÊ NÃO FEZ ISSO.
Eu grito já um pouco distante.
   - A eu fiz sim...
           Ele começa a correr a trás de mim, só que ele é um pouco mais rápido e consegui me parar, ele me segura e vira meu rosto a sua direção.
 Miguel - você  é muito mal.
         Ele me beija um pouco mas forte, coloca seus braços na minha cintura, eu coloco minha mão em seu pescoço. Ele para e começa a olhar para mim.
Miguel - finalmente...
           Ele começa a passar a mao em meu rosto.
  - vamos... temos que ir.
        CHEGANDO EM CASA.
Miguel - Táxi você pode dar a volta, leve a gente para o restaurante Mugyodong Bugeokukjib.
 - Miguel... ele é muito lotado...
Miguel - Eu fiz uma reserva lá.
 - Pera o que?
Miguel - Você vai ver quando chegar lá.
         No restaurante.
 - Esse lugar... eu conheço...
Miguel - Esse era o lugar que nós vínhamos em seus sonhos lembra?
  - Nossa, nunca tinha vindo aqui...era muito cheio.
           MEMÓRIAS
Miguel - vem megu... temos que chegar logo...
 - para de me puxar...
Miguel - CHEGAMOS...
  - percebi.
          Miguel escolhe uma mesa no canto.
Miguel - Essa será nossa mesa.
        Ele pega uma caneta e escreve nossos nomes.
  Meu coração bate forte, ele é tão lindo.
Miguel - Pronto,agora vão saber que nos passamos aqui.
Memórias off

Miguel me puxa para uma uma mesa no canto a qual eu lembro. Ele me põem sentada e aponta o dedo para eu olhar no canto da mesa. Eu li está escrito "mesa do Miguel e Megu, eu a amo." Aquilo fez com o que meu coração acelera-se.
Miguel - O coração acelerou?
              Eu taco um bolinha de papel na cara dele.
 - NÃO NUNCA VAI.
miguel - Mas que eu saiba você gosta de mim...
              Eu fico quieta porque não posso fala nada  se é verdade. Ele começou a rir da minha cara e ficamos conversando o resto da noite
NO CAMINHO DE CASA.
 Ele entrelaçou nossas mãos.
Miguel - Quer dormi lá em casa?
  - pode ser...
Miguel - Não tem  medo de que eu faça algo?
 - Sei que não vai... você me respeita...
Miguel - É mas não pensou duas vezes em ir para cama com o jun-su.
 - olha aquilo foi no passado e mais eu não continuei. Segundo eu vou me casar com você é não com ele.
               Ele se calou depois desse lindo deboche que eu fiz. Quando chegando na sua casa ele me deu um moletom, eu terminei de me trocar e sai do banheiro.
  - como fi...
            Ele estava sem camisa. Eu fui me aproximando dele, miguel me olhava fixamente.
Miguel - Megu...
 - Não fala nada...
            Eu pulo em seu colo e o beijo, uma de suas mão vem em minha cintura e a outra vem em meu pescoço. Ele me joga na cama e olha para  minha cara.
Miguel - Você tem certeza que você quer?
            Um lado me diz que sim outro que não, Miguel fica em cima de mim me encarando.
Miguel - Não faça algo que vai se arrepender.
 - ok...
          Miguel sai de cima de mim  e coloca  uma camisa. Eu envergonhada do que eu fiz, viro para o lado, Miguel deita do meu lado e me abraça.
Miguel - Não precisa ficar com vergonha. Você teve um brevê momento de vontade, todos nós temos.
  - Mas sei lá...
 Miguel - Vamos dormi vai, aí sua vontade passa.
 - Dou uma cotovelada na sua barriga.
           Ele se contorce de dor mas, logo volta a me abraçar.
 - Você quer dormi lá na sala?
Miguel - parei...
         Eu demoro um pouco para dormi mas depois de passar um tempo acho que ele dormiu.sinto ele tirando seu braço da minha cintura, e sentando na cama, como uma boa menina finjo que estou dormindo.
Sinto ele já sentando e passando a mão no meu rosto.
Miguel - Você não sabe o quanto eu me segurei...
          Eita jão, depois fala de mim.
Miguel - Eu queria continuar mas sei que você ia ficar magoada depois, eu lembro que você falava que queria uma noite linda só depois do casamento.
             Ele realmente me conhece, eu deveria agradecer por ter ele na minha vida.
Miguel - mesmo você aqui do meu lado sinto que posso fazer algo mas eu sei que posso me segurar. Espero que esse casamento não demore.
            Para zoar um pouco da cara dele eu me levanto.
 - pode deixa não vai demora.
Eu vi seu rostinho se formando em um pimentão.
 - Então quer dizer que você está se segurando.
Miguel  - Sim...
         Naquele momento eu fiquei vermelha.
        Ele começa a rir da minha cara.
  - Vem vamos dormi de verdade agora. Ele  me faz deita em seu peito, eu olho para cara dele e falo.
 - obrigada, por estar na minha vida.
     Ele deu um sorrisinho e voltei a deita em seu peito.
__\\_____________\\_____________-
                   QUEBRA DE TEMPO 
___\\_____________\\____________

 Depois de alguns meses arrumando o casamento, claro Mion sempre tentando fazer do jeito dela, eu escolhi o meu vestido, ela fez o resto porque eu tenho preguiça mesmo. Então chegou o grande dia.
Mion - Aí que menina linda...
             Eu acho que está mostrando muito minhas costas e barriga.
Mion - Não estraga tá lindo.
            Meu vestido era as costas abertas mas a do ombro até o pulso a parte da barriga e peito era fortes cobrindo o meu peito mas o resto era um tecido fino que aperta uma parte da minha barriga.
Mion - vamos temos que termina a maquiagem.
MIGUEL ON 
 - Então é hoje...
Jun-su - Poise... É hoje que você não será mais solteiro e vai ficar preso a uma mulher para sempre.
Miguel - Não importa o que você tente não vou desiste eu amei desde quando era criança, e não se esquece Mion já quer casar também.
Mion - Cheguei... estão falando de mim?
Jun-Su - Caraca... tu é quem?
Mion - Sou sua namorada esperando um pedido de casamento então não demore.
        Eu ria muito da situação.
Mion - Bom então a noiva está linda e você também miguel.
           Mion veio em minha direção pra arrumar minha gravata mas jun-su foi na minha frente.
Jun-su - eu arrumo.
 - Que fofo você com ciúmes...
           Ele aperta forte.
 - Você está me enforcando.
           Ele desaperta um pouco.
Jun-eu - Desculpa amiguinho. Agora vai você tem que casamento para rir.
MEGU ON 

Terminei a maquiagem, já estou atrasada Mion sumiu então tento me virar, vou até a porta de entrada e quando eu olho para o lado lembro do meu pai...não é ele que irá me entregar no altar e aquilo doeu. Um lágrima escorre pelo meu rosto, logo minha mãe aparece e limpa o meu rosto.
Mãe - Eu vou com você filha e seu pai também. Não chora eu sempre vou estar aqui com você e ele está no seu coração.
  - obrigada mãe.
         Aquelas grandes portas se abriram e no fundo eu vejo um lindo loiro arrumado, e finalmente caiu a ficha que eu estava me casando. Cada caminhada é um avanço vejo pessoas chorando e quando eu percebo já estou na frente ele dando a mão para mim. Aquela cerimônia passou rápido de mais e quando eu percebi.
Padre - Pode beija a noiva.
          Pude ver o sorriso nos lábios do miguel, aquele beijo foi o mas forte que eu já senti pois agora somos casados, Como tinha muito brasileiros lá, jogaram arroz em cima de nós. 
__\\_____________\\___________
          QUEBRA DE TEMPO 
___\\_____________\\__________

 A festa foi linda dançamos os olhos de miguel brilhavam, ele estava tão fofinho.

Miguel escolheu o Japão para lua de mel, eu vim até a praia para olhar para lua.
Caraca eu tô casada...

Alguém se aproxima de mim e beija meu pescoço.
Miguel - o que minha bela princesa está fazendo aqui.
                 Ele estava me abraçando por trás mas eu viro de frente então suas mão ficaram em minha cintura.
  - Bem eu só estava olhando a lua.
           Ele me encara.
  - O que foi?    
Miguel  - só estou te olhando, já que agora vou acorda do seu lado.
Eu chego mas perto da sua boca o beijando, logo ele me carrega e vai me levando para dentro da casa. Ainda me beijando com toda a delicadeza me coloca na cama. 
 Miguel - Tem certeza?
  - Agora você é meu marido...claro que tenho.
  Miguel dá um sorrisinho malicioso, e começa a beijar meu pescoço e abrir minha blusa que era de botões. Ele chega no meu ouvido e fala:
Miguel - Esperei tanto por esse dia... com a minha blusa já aberta ele desce beijando o meu pescoço até minha barriga, Logo ele volta a me beija na boca, eu começo a tirar sua blusa e em um estante já estou nua e nem percebo, o miguel ele olha pra o meu corpo me deixando um pouco envergonhada.
Miguel  - Você é linda... olha aqui se doer muito você pede para parar ok?
  - O-ok...
         Ele foi bem devagar e logo já o senti dentro de mim, deu um gemido um pouco alto fazendo com que eu ficasse mais envergonhada. Aquilo realmente doía um pouco, mas ele me beijava até a dor passar. Aquela noite foi especial quando essa cena passou dormimos.
De Manhã

             Acordo de manhã vejo que miguel não está mais na cama, coloco uma camisola, E quando chego na cozinha vejo um loiro cozinhando.
 - Bom dia...
Miguel - Bom dia minha flor como você está? 
 - Eu estou bem...
Miguel - Senta aí vamos comer.
Me sento e fico olhando pra cara dele.
Miguel - o que foi ficou assustada??
  - Não e que...é que sei lá.
Miguel - Você é muito bonita...
 Eu piso em seu pé.
 Miguel - Aí.
Eu começo a rir de sua cara 
           Terminamos de comer e eu fui lavar a louça, Sinto mãos em minha barriga e um beijo no pescoço.
Miguel - Então vai ter um filho pra mim?
  - Primeiro nos temos que ter um emprego fixo, 2º quero menina, a gente tem mui....
           Ele me beija.
Miguel - Vou intender isso como sim.
          Aqueles dias que passei com ele foi um dos melhores, visitamos tokyo em lugares históricos, hospitais entre outros lugares. Quando percebi tudo tinha passado e já estava dentro do avião voltando, de mãos dadas com o meu marido... aí eu tô casada.
 Aeromoça
- Senhores passageiros sejam bem vindos a Coreia Do Sul, obrigada pela sua atenção e por ter escolhido nossa agência.
Miguel - Chegamos amor, agora nossa vida começa.
           Encosto minha cabeça no seu ombro.
  AEROPORTO.

Miguel me puxa pela braço até um táxi.
 - miguel minha mãe não ia buscar a gente?
 Miguel - Quero te levar em um lugar.
           Ele ajeita nossas coisas dentro do táxi.
Miguel
- moço nos leve nesse endereço.
           Ele entrega o bilhete pra o senhor.
 - miguel onde estamos indo?
Miguel - você já vai ver.
          Chegamos em algum lugar eu não sei ele tapou meus olhos com todo o cuidado me ajudou sair do táxi, Quando ele tirou a não vi uma bela casa.
 - Miguel o que é isso??
Miguel - Isso é uma casa...nossa casa.
 - Pera o que??
          Ele me carrega nos seus braços.
Miguel - Tenho que entra com a noiva no colo né.
         Ele me carregou até a porta abriu, tudo estava decorado e muitas pessoas dentro.
Mion - SURPRESAAAAAAAA.
  Eu olho para o miguel dou um beijo nele, ele me coloca no chão todos vem me dando parabéns.
Mãe - Então gostou?
 - Se eu gostei? Eu amei!!!!
Mae - Foi o miguel que comprou.
  - Miguel... não precisava...
Miguel - Nós precisamos dDe uma casa nossa né.
             Comemos a noite toda, todos juntos...quando eles foram embora eu fui  me trocar e colocar uma camisola e ir na sacada.
 - Que lua linda...
Miguel - né...
             Ele chega e beija meu pescoço.
 - Você sabe que quando você começa você não para.
Miguel - Eu sei... por isso comecei.
              Ele me beijou e me levou pra cama.
              Meses depois nós formamos nas áreas queríamos, logo começamos a trabalhar...
   -
 Essa foi a história minha e do seu pai pode ir e fazer a sua filha. Entrego a um colar que minha mãe me deu quando eu nasci  e ela me abraça. 
   Sun-Hee - 
Mãe, você é a melhor mãe do mundo, eu te amo...
           Ela vai até miguel da um beijo em sua bochecha, e sai de casa.
  Miguel- Amor não chora...
  - Mas é você que esta chorando.
           Dou um beijo na sua bochecha, e voltamos a olhar a Sun-Hee ir embora.


Notas Finais


Bem, acabou ;-;, to triste...
espero que tenham gostado dessa aventura, fiz esse um pouco longo para vocês se despedirem.
Eu não quero me despedir mas tenho, se vocês quiserem outras é só pedir, já estou pensando em uma mas, não quero falar nada sobre fanfic quero em despedir dessa. A Megu e o Miguel foram os personagens que eu mais amei em toda minha vida. OBRIGADA pelos comentários, curtidas etc..
vejo vocês na próxima fanfic.
bjs com amor Megu Hee


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...