História Um mundo...novo - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pokémon
Personagens Ash Ketchum, Bonnie, Cynthia, Dawn Hikari, Drew, Grace (mãe de Serena), May, Personagens Originais, Serena
Tags mayXdrew, Satosere
Exibições 42
Palavras 2.209
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Escolar, Fantasia, Magia, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Bom! Eu morri mas voltei! Então presente de semana das crianças! Capítulo novo!

Capítulo 21 - A fúria e um desejo de proteger!


Fanfic / Fanfiction Um mundo...novo - Capítulo 21 - A fúria e um desejo de proteger!

Pov´s Autora (Sim eu vou falar dane-se)

Primeiramente,desculpa,mas minha kirito irmã fez com que eu apagasse o capítulo...Bom continuando a história....Serena havia acabado de acordar e grita por May que joga um travesseira na cara da amiga com uma delicadeza que explodiu metade da parede (Sorte que já já elas voltam pro mundo real) Então Serena se dirigiu a cozinha e May começa uma conversa com minha pessoa:

Conversa:

-Ei! Autora! Falava May olhando pra cima

-Que que foi? Perguntava sem entender nada (Nem sei porque demônios eu fiz com que ela soubesse de mim,mas dane-se)

-Porque clã do Meliodas (demônios) eu dormi por tanto tempo?! Dizia com um olhar mortífero pra mim. (Eu amo elevar o nível de psicopatia dos personagens...Eu amo personagens psicopatas/assassinos)

-Foi mals...É que eu comecei a acompanhar uma fic de 60 capítulos e cada um tinha umas 3000 palavras...Demorou 3 dias...Foi mals...

-Tá bom....Escapou dessa vez mas na próxima morre! Dizia May com olhar assassino,mas como eu amo desafiar a morte digo:

-Nem vem! Eu posso te matar a qualquer instante! Disse isso e sai correndo...

Pov´s May

-Ai ai...Essa autora,tá complicado...Bom vou pra cozinha tomar café da manhã...Falava se dirigindo para a cozinha na qual se encontrava Serena fazendo o café. –Mim dê! Falava May com rosto de cachorrinho abandonado. –Tá bom...Mas primeiro vai fazer outra coisa que ainda não tá pronto! Falava arrastando May com sua magia (Porque o negócio virou Fairy tail). Então só foi possível ouvir o grito de : “Chata” de May antes de ser jogada no sofá da sala.

Pov´s Satoshi

-Eu acordei agora pouco com o grito da May...Hunnm! Parece que o Drew está dormindo! Muahaha...(Fingindo que isso é um riso maligno). Então Satoshi prepara um balde com água e gelo e despeja todo o liquido frio no menino que acorda em um pulo.

Pov´s Drew

-Eu estava dormindo de boas...Até que chega a anta do Saotshi e joga água em mim! Eu ainda mato ele...Dizia com fogo nos olhos.Bom tanto faz (Esqueceu rápido hein!) vou tomar um banho.Quando terminei o banho,fui até a cozinha para comer...E vi todos sentados em volta da mesa já comendo... –Nossa! Nem espera os migos! Dizia fingindo estar ofendido,o que arrancou risos de todos os lá presentes. (Falando nisso a Yoruichi inversa sumiu!) Após terminarem de comer,decidiram dar uma volta na cidade,até porque era o último dia lá...

Pov´s Autora (Olha eu de novo!)

Então os...(Contando nos dedos) quatro saíram,eles passaram por alguns parques com brinquedos (parque de diversões) E assim May e Serena arrastaram os meninos para o parque com os olhos brilhando por verem tantos brinquedos (Nem parecem assassinas ou ex-assassinas). Eles ficaram um bom tempo lá,porque eles chegaram lá mais ou menos as 10 horas da manhã e quando viram já eram 4 da tarde e que estava beeeeeeeem atrasados para o festival.Então os quatro saíram correndo até o local do festival.

Pov´s Autora (Meu Deus do céu! Só eu tô falando aqui!)

Enquanto os quatro corriam para o local do festival,enquanto corriam avistaram uns palhaços sinistros e só de zuera todos eles os chamaram de Hisoka e saíram correndo e os palhaços foram atrás,mas que morreram com um soco de Drew,então eles continuam correndo e chegam bem encima da hora mas conseguem chegar.

Pov´s Apresentador

-Ohayoo! Bom hoje o final do festival irá acontecer! E mesmo assim? Ué? Cadê o resto dos participantes? Como assim? May,Drew,Satoshi,Serena? Eles desistiram...Bom então sem eles os aqui restantes ganharam porque...Antes de acabar a frase,eles chegam lá no local e assim o apresentador para no meio da frase. Bom...parece que eles chegaram,então vamos começar as batalhas! Primeiro será Serena contra Shiro...E comecem!

Pov´s Autora (De novo)

A luta começou,ambas sabiam do poder da outra mas as duas tinham uma carta na manga (É o Hisoka...Desculpa pela piada ruim).Shiro começou,ela retirou uma faca de uma de suas luvas e cortou seu próprio braço e após isso jogou a faca para fora da arena,então com grande maestria,começou a controlar seu sangue e acetar Serena,uma espeça cortina de fumaça se formou no local,assim dificultando a visão nítida,quando a poeira baixou,Serena havia levado grandes danos,mas para ela nada significativo...Então ela se prepara e com grande força,solta uma enorme quantidade de fogo por suas mãos o que fez Shiro ficar no mesmo estado de Serena.Shiro havia continuado a sequência de ataques mas que não pareciam surtir efeito em Serena,que só dava alguns passos para trás de vez em quando,Serena então,se concentra e algumas faíscas podem ser vistas na mão da menina,pois ela acabará de aprender a controlar todo o seu poder,ou quase todo.Então um raio imenso cai sobre Shiro,na sequência de uma enorme onda invocada por Serena,uma rajada muito forte de vento, pedras caíram sobre ela e por fim uma nevasca fortíssima atingiu a albina.(Eu coloquei tanta referência que se minhas amigas descobrirem me matam) Mas Shiro se levanta,com um olhar psicopata e então,Serena responde com um sorriso igualmente psicopata,elas então,sem mais nem menos começaram uma luta feroz com fortes ataques em sequência. Então chegando no final da batalha,Shiro que já havia reestabelecido seu sangue usa seu ataque mais poderoso,que utiliza mais ou menos 80% de todo o seu sangue (Ela ficava de boa com ele porque ela treinou muitoooo) Então ela em seu momento de fúria acabou lançando esse ataque,no qual fez Serena ficar com graves ferimentos,pois ela havia perdido o braço esquerdo e a perna direita,mas mesmo assim ela se levantou,seus olhos já não tinham vida,seu coração foi tomado pelo ódio ao saber que grande parte do ataque havia sido direcionado a Satoshi (No qual perdeu seus braços e pernas) então seu coração,que já havia se reestabelecido como puro,acabou mais uma vez sendo corrompido por ódio,ela andou em direção a Shiro que apesar de ser muito forte não conseguia revidar,mas então,usando suas garras afiadas (Ela tinha unhas como navalhas) e totalmente preocupada em vencer,mas algo que não notará por estar cega pela vitória é que o cabelo de Serena havia crescido muito,cheganto mais ou menos até sua cintura( Pra quem não manja das manjarias,no Japão existe uma lenda na qual se resume,que quanto mais cabelo o indivíduo tenha,mais forte ele será ) Então partindo ao ataque,Shiro que aproveitou que Serena estava virada de costas pulou para atacar,mas Serena em um corte de cena quase invisível virou e deu um chute no estomago de Shiro,ainda no ar a albina levou mais uma sequência de golpes,como se fosse uma sentença de morte dada por ninguém menos que Serena...Então finalmente quando Shiro cai no chão,Serena começa a socar incansavelmente a cabeça de Shiro,assim esmagando seu crânio e a matando...May que havia chegado tarde demais para impedir que Serena se destruísse e fosse corrompida pelo ódio se ajoelhou e implorou,chorou por Deus,pois não havia chegado a tempo como sempre...Ela entendeu porque Cynthia falava que assassinos não precisam de amigos e nem emoções,foi simplesmente porque os amigos de um assassino estão predestinados a sofrer,e assassinos não devem ter emoções pelo motivo mais simples e lógico na cabeça de May,é porque os sentimentos de um assassino não valem nada...A amizade,amor,ódio...Tudo! Não valia nada por isso eram dispensáveis. Ainda em prantos por não conseguir ajudar a amiga antes de se alto destruir,ainda com a ultima esperança carregou Serena até um hospital próximo no qual tentaram salvar Serena que havia se esgotado...Dias se passaram e nada.Serena não acordava,nem dava sinal de vida praticamente...Satoshi já estava praticamente curado porque a medicina era avançadíssima.Enquanto May observava em prantos Serena junto a Satoshi e Drew que também choravam,mas nada em comparação a May,ela havia perdido...Sua esperança que Serena voltaria a acordar,mas então se lembrou de algo que a poderia ajudar...Ela se lembra de algumas coisas sobre sua “família” que poderiam salvar Serena,e isso era a única coisa que podia fazer...(Meti HunterxHunter nisso mesmo!)

Pov´s Satoshi

-Eu...Eu...N....Não.....Ac.....Acredito nisso.... Falava entre soluços provocados pelo choro... –Ela...Foi minha culpa...Se eu fosse forte,teria aguentado o ataque,Serena não teria se corrompido! Isso é tudo culpa minha...Eu deveria ter morrido! Eu sou um inútil mesmo...Falava mais depressivo que tudo,então a mestra deles veio ver como Serena estava e ao mesmo tempo ajudar Satoshi que estava tudo bem,e que Serena é forte para aguentar.E que com certeza ela iria sobreviver! Eu acabei me apegando de mais a essas palavras,era minha única esperança...

Pov´s May

-Eu ainda não acredito nisso! Se tivesse sido comigo! A culpa é minha...Eu não fui capaz de salva-lá! Sempre foi ela que me ajudou! Pra falar a verdade,ela que acendeu minha vida se não fosse por ela...,minhas emoções estariam apagadas,eu só ia a escola para isso se amenizar isso,sabe ela foi minha primeira amiga...Ela me ajudou então é minha vez de ajuda-la! Eu vou conseguir! Nem que pra isso tenha que utilizar todo o meu poder! Pois sabia que nas profundezas dos fatos de sua casa,havia um segredo,no qual você precisaria de um sacrifício e você poderia passar a magia de uma pessoa saldável para uma num estado e quase morte,ela já havia decorado toda a magia,então saiu em busca de uma pessoa,ou melhor algumas pessoas,para passar a magia e assim reviver Serena,ela conseguiu...Teve que retirar a vida de 10 pessoas mas conseguiu acordar Serena e ainda assim conseguiu deixar Serena ainda com suas habilidades.

Pov´s Autora

No final o festival acabou sendo adiado...O que não esperava era que algo muito pior estava por vir...Uma grande ameaça já havia começado no mundo exterior,mas mesmo assim...Eles não faziam ideia que tudo iria piorar muito mais!

Pov´s Serena

-A May,ela conseguiu! Eu não acredito que estou viva! Eu me lembro do som dela em prantos se lamentando,do som do choro de Satoshi,Drew e de muitos amigos...E ainda consigo usar magia! Estou tão feliz!

Pov´s Autora

Algum tempo se passou (Por volta de uma semana) e Serena recebeu alta,ela estava feliz de não ter que ficar mais naquela maca,ela estava feliz por ter voltado ao seu quarto,voltado a seus amigos,ou,seu lar! Pois ela acredita que onde existirem pessoas que te amam em algum lugar,esse é o seu lar. Ela ainda não acreditava nisso! Já podia fazer qualquer coisa. Ela ainda tinha algum tratamento e acompanhamento médico,mas era pouco pois ela já estava curada. Satoshi quando ouviu que sua namorada estava bem,chou de alegria,ele queria revê-la,abraça-la,beija-la e o mais importante,queria conversar com ela,queria ouvir sua voz. Então como esperado,ele é o que mais se preocupa com Serena em casa (Juntamente a May) eles a ajudam em praticamente tudo,pois estavam muito felizes de não terem a perdido.

Pov´s Yoruichi inversa (Aleluia)

-Não restam dúvidas! Aquele poder! Com certeza ela deveria já ter nascido aqui para ter esse poder! É impossível negar que aquilo poderia destruir muitas pessoas! Agora tudo se encaixa perfeitamente,a Serena nasceu aqui,ou tem alguém que nasceu aqui na família,essa é a explicação! Naquele dia,ela procurava por sua mãe,então não restam dúvidas que a mãe de Serena tem alguma ligação com esse mundo...Mas qual será? Ela deve ser muito forte para ter passado tal força par Serena,ela também pode ter tido Serena aqui,Serena poderia ter nascido aqui mas se mudado para o outro mundo juntamente com sua mãe,se me lembro bem,ainda existe a possibilidade que a mãe da menina tenha a trazido para treinar mas juntamente ao pai dela,Serena naquele dia especifico falava que tinha feito algo ruim ao seu pai e que precisava chamar sua mãe urgente,talvez ela tenha o matado enquanto treinava! Mas como? As perguntas surgiam na cabeça da mulher,que foi retirada de seus pensamentos ao ouvir uma voz conhecida dizendo:

???- Você ainda pensa nisso? Sério! Que infantil!

Sensei (Ou Yoruichi reversa)-Vai embora sua bola de pelos! Dizia olhando para uma espécie de raposa pequena branca com um círculo roxo em suas costas, seus olhos são grandes e vermelhos, mas apesar de ser muito fofinho ele pode ser muito do mal, maldade já conhecida pela mulher.

???-Nossa! Calma, eu já vou! Dizia saindo pela janela mas a moça o chamou.

-Ei! Kyubey!

Kyubey-Oi?

-O que você que com Serena? Ela não tem nada haver com tudo isso! Dizia demonstrando raiva.

Kyubey-A culpa não é minha, não sei como mas muitos laços de destino estão voltando a menina,eu realmente não entendi,só sei que ela seria um ótimo criador de energia.

-Você é realmente um monstro! Você deve ter essa aparência somente para enganar as pessoas! Suma daqui! Disse tacando um vaso de flor na criatura que obedeceu a ordem.

Ele...Eu irei mata-lo!

Pov´s ????

-Eu não acredito que aquela bola de pelos voltou! Eu me certifiquei de mata-lo,mas droga! Eu esqueci que existem vários! Bom,não posso fazer nada...Ele irá me pagar! Não importa o quanto eu tenha que fazer isso! Eu irei fazer! Nem que leve a vida toda! Falava enquanto ia atrás de Kyubey atirando nele,mas logo um exatamente igual o que acaba de falecer aparece e come o corpo morto da criatura e diz:

-Você não tem jeito...É irritante ter que fazer isso. Falava se referindo aquele ciclo no qual ele deve comer seu corpo morto.

-Bom...Eu não me importo! Eu irei fazer isso quantas vezes for necessário!

-Tá bem... Dizia a criatura branca se afastando do local.

-Essa criatura me irrita muito! Bom tanto faz,parece que “elas” voltaram...Bom tanto faz,isso será escondido dela.Eu prometi que irai salva-la! 

Nota: Kyubey é o animal na foto do capítulo


Notas Finais


Bom foi isso! Quem você acha que é essa menina que conversava com Kyubey?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...