História Um novo começo - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 4
Palavras 2.258
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Esse dia <3

Capítulo 10 - Esta ficando forte !


Fanfic / Fanfiction Um novo começo - Capítulo 10 - Esta ficando forte !

É e o dia começa com eu me arrumando como sempre acordo ,tomo banho,escovo os dente,troco de roupa e espero Citrus passar na minha casa para a gente ir escola.
       Cheguei na escola é vi a Sofia indo para sua sala é no caminho corri ate ela para a alcançar e dei um susto nela ela ficou com raiva mas passou , e fui conversando com ela ate o caminho da sua sala ,ela chegou la mas não havia nada e então fomos para a secretaria mas la não era mais o nosso ponto de encontro porque a gente ultimamente tava ficando em qualquer canto da escola mas a gente foi para la mesmo assim , é como sempre eu e ela estávamos com sono muito sono se a gente encosta-se a cabeça e fecha-se os olhos a gente dormia na certa. 
         E ficamos conversando para manter um ao outro acordado e Citrus chega na secretaria e fica la com a gente um pouco é a gente ficou conversando é Sofia resolve ir ate a sua sala para saber se o professor já tinha chegado mas ele ainda não tinha chegado e voltamos para a secretaria e voltamos a conversar e depois de um tempo conversando ela vai mas uma vez saber se na sua sala já tinha professor é quando chegar la tem mas não estava tendo aula só entrega das provas e ela pega a sua prova (eu não me lembro direito a matéria da prova) e fica feliz quando olha porque tirou uma nota boa na media e eu também fiquei feliz por ela e voltamos para a secretaria e ficamos conversando com uma voz sonolenta sobre qualquer coisa é depois de um tempo ,mas uma vez ela vai a sua sala porque queria saber se o professor ja tinha chegado e chegando na sala ela teve que entrar porque o professor estava entregando as provas. 
         Eu fui na minha sala para saber como as coisas estavam mas não tinha professor na minha sala e fui para a secretaria e Citrus não estava lá  então quer dizer que ele ja estava na sala e eu fiquei sozinho la e coloquei o caderno atras da cabeça e deitei um pouco nos bancos de pedra que tem la , é o professor aparece na secretaria para resolver algo e já que ele esta la ela me avisa que já esta indo para sala ( ainda deitado) e espero ele ir para a sala , e ele sai e eu vou atras dele ,ele entrega as provas e eu olho minha nota eu tinha tirado 10 eu estava muito feliz com o resultado e antes de sair da sala esperei ele dizer a media que eu fiquei ,e escuto ele dizer que na media eu também estava com 10 eu estava feliz pra caramba e (e ahh antes que eu me esqueça ontem eu estava reclamando porque não trouxe caderno mas quando eu trago não tem atividade ) sai da sala e eu vejo a sofia sentada no banco de pedra ao lado do portão e vou ate ela , e chego la todo feliz e mostro para ela minha nota ela vê faz alguma piadas me chamando de burro mas fica feliz também.
          Ela me diz que tirou 1 em física e fica chateada com isso e eu tento acalmá-la e fazer ela esquecer isso porque eu não gosto de ver ela chateada e pego sua mão e fico de mãos dadas com ela e chega um colega da gente (e eu solto a sua mão) e ele pergunta o oque ela tem e ela troca de assunto para não falar mas sobre isso, e ela levanta e vai de novo para sala para saber se a professora já tinha entregado as notas e no caminho o mesmo colega pergunta oque ela tem e ela já estava chateada com isso é eu dou uma desculpa eu digo que ela esta doente e que não esta se sentindo bem e ele entende (ele pensa que e verdade) ,e eu vou com ela ate a sua sala e espero ela saber das notas mas dessa vez já era uma professora e eu fiquei esperando ela fora da sala sentado numas cadeiras que deixaram lá e ela volta e senta na cadeira e ela tirou uma boa nota na matéria dela ,mas ter tirado aquele 1 em física realmente a deixou  chateada e ela abaixou a cabeça e eu olhei para ela e fiquei meio mal por ver ela assim e a consolei tentei fazer ela esquecer a prova e trocar de assunto mas não adiantava muito ela ainda estava chateada e pega na minha não e eu seguro sua mão e aperto devagar e ficamos de mãos dadas por um bom tempo e ela estava se sentindo um pouco melhor , e porque ela não tem costume de tirar nota baixa e quando tira se senti mal e seus pais cobram muito dela também , ela se importa se tirar nota baixa porque ela não quer ser como os outros fracassados que tiram nota baixa ela que ser sempre a melhor e isso que faz ela diferente do resto das outras pessoas ela e inteligente muito estudiosa muito esforçada ela ja sabe disso mas acha que não e boa o bastante mas eu sei que ela vai longe quando se esforça esse e o tipo de pessoa que ela é.
           ela ficou melhor depois de eu ter dito isso e começamos a conversar sobre outras coisas ate que chegam uma meninas e sentam perto e começam a conversar alto e a falar besteira e fazer muita zoada e tudo isso quebrava aquele clima de paz e eu já tava ficando com raiva da situação e  Sofia me tira da li e me leva ate um batente perto de uma sala e a gente senta ali mesmo e voltamos a conversar e depois de um tempo conversando ( eu provoco ela fazendo um pouco de ciumes) e ela sai de perto de mim e diz que vai pular o muro e eu vou atras dela e a seguro e dou um beijo na sua boca 
( literalmente beijo porque foi um selinho ) e dou um abraço nela e fico um tempo abraçado com ela ate que uma menina vê a gente e ai que acontece a merda ,porque essa menina e vizinha do namorado dela é Sofia disse que essa menina ia contar a ele que viu ela abraçada comigo e Sofia começa a pensar e aquilo meio que quebrou o clima entre a gente e ela ficou pensativa e eu também e fiquei pensando '' fudeu agora Sofia vai ter problemas por minha causa e por causa da vadia que e ia falar merda '' eu estava me sentindo culpado e eu não tinha mas animação para brincar com Sofia ou correr atras dela eu só queria ficar ali parado , mas ela senta perto de mim me da um abraço e diz para eu relaxar quando ela falou isso eu pensei '' ela ta cagando para isso então porque eu deveria ligar também'' e estava um pouco melhor mas ainda chateado e ela ficou abraçada comigo e me fazendo cafune e dizendo para eu relaxar , quem era para ta preocupada era a Sofia mas ela estava meio de boas quem tava preocupado era eu , mas ela tem um dom de me animar e eu aos poucos voltei ao normal e disse que se desse algum problema para ela era para ela deixa-se que eu assumir a culpa ,mas ela diz não e diz que a culpa e dos dois nessa hora eu estava pensando '' porque ela e assim porque ela insiste em ser tão boa comigo e realmente to gostando cada vez mas dela'' 
         É saímos dali e fomos para uma escada perto de outra sala e sentamos ali e começamos a conversar e ficar de mãos dadas ate que Citrus chega e solto sua mão ,nem eu nem ela queria que ele soube-se oque estava acontecendo porque oque acontecia entre eu e ela ficava entre a gente e só , e ele coloca seu fone e deita (ele estava um pouco chateado porque a sua futura namorada não veio para a escola) e eu e Sofia para animar um pouco ele a gente começa a contar umas historias que a gente escutou e ficamos la conversando, ( ele e meu amigo e tudo mas eu só queria ficar sozinho com a Sofia eu não queria ficar com mas ninguém la apenas eu e ela, eu queria que ele saísse e me deixa la com ela) é a Sofia começa a me provocar me chamando de gay mas ela sabia que eu não podia fazer nada porque Citrus estava la e começou a rir e eu puto porque não podia mostrar a ela que eu não era gay ate que ela entra numa sala vazia e eu curioso vou atras dela (e deixo Citrus la ) e ela fica olhando o campo de futebol através de uns buracos que tem na parede e do nada ela começa a me provocar me chamando de gay ,e eu comecei a ficar com raiva dizendo que não era gay , mas ela começa a insistir e não para de me chamar de gay e dessa vez Citrus não tava la então eu  não me seguro e vou ate sua boca e dou um beijo e fico abraçado com ela , e já  que ela estava me provocando eu decidi me vingar é falo brincando que eu tenho outras namoradas e ela tenta sair da sala eu tiro meus anéis meu óculos e vou atras e seguro ela mas ela ficava tentando sair e eu rindo da situação e depois de tanto segurar ela , ela para um pouco e eu dou um abraço nela de costas e ficamos com os rostos colados ela vira e fica dizendo para eu ir atras das outras que ela não importava ,eu dou um selinho nela mas ela se sai e acaba pegando errado eu seguro ela de novo mas dessa vez eu coloco as duas mãos no seu rosto e ai sim e que eu dou um beijo de verdade nela e a gente se encosta no quadro da escola e ficamos ali nos beijando, '' e sinceramente aquela sensação era ótima demais cada beijo que eu dava nela me deixava  com mas vontade de so ficar a beijando ali por horas aquilo estava sendo muito bom eu não conseguia descrever direito a emoção que eu estava sentindo mas se fosse para descrever como eu me sentia eu estava sentindo uma felicidade imensa de estar ali com ela e ela tem um beijo muito bom eu não queria parar mas uma hora eu tinha que parar '' e a gente sai da sala e volta para onde Citrus tava e ele olha para a gente e diz que vai para a praça eu digo okay e fico sentado conversando com ela mas ela começou a me olhar e não parava mais e eu estava ficando com vergonha porque ela não tem o costume de ficar me olhando nos olhos e ela estava muito linda e seus olhos brilhavam , eu não sei o motivo mas ela estava me encarando e minha vontade era de a beijar mas  uma vez mas eu me controlei porque eu não sabia se ela queria ficar beijando direto e parei , e jo tempo passou e quando eu menos percebi estava anoitecendo eu sabia que ela tinha que ir mas eu não queria deixar ela sair de jeito nenhum eu só queria ficar com ela e aproveitar o momento ela sabia que ia levar reclamação quando chega-se em casa mas ela não queria saber ela só queria ficar ali comigo e ficamos de mãos dadas de novo olhando o tempo ate que sua mãe liga e ela tem que ir mas já era de noite e eu não queria que ela fosse sozinha para não acontecer algo com ela ,então eu levo ela ate em casa e no caminho eu a gente vai brincando fazendo piada com as coisas e conversando, e amanha na sexta ia ser feriado então so ia ter aula na segunda e eu não queria ficar sem sentir aquela linda boca ate a segunda e peço a ela um selinho mas ela fica com vergonha porque estávamos no meio da rua ate que eu insisto e ela me da um selinho e eu fico mas tranquilo é eu não levo ela ate em casa pós seus pais estavam a esperando perto de um mercadinho ela me da um abraço rápido e entra no carro e eu volto e no caminho fico pensando '' ela esta me mudando antes eu assistia as aulas mas hoje eu perdi todas as 5 aulas deixei de pegar outras provas só para ficar com ela e eu não estou reclamando pelo contrario eu gostei muito de ficar com ela então valeu a pena perder as 5 aulas, e beijar aquela doce boca me deixava louco eu não queria parar mas uma hora a gente tinha que parar e eu não sei quando e para parar de beijar ela ou se eu beijar muito ela vai começar a achar isso chato eu sei que eu achei a melhor coisa do mundo sentir aquela boca ,........ é com o passar do tempo sinto que algo esta ficando forte''.


Notas Finais


É Sofia as coisas estão boas <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...