História Um novo sonho - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diego Domínguez, Jorge Blanco, Lodovica Comello, Martina Stoessel, Mercedes Lambre, Violetta
Personagens Alex, Andrés Calixto, Angeles "Angie" Saramego, Antonio Ferández Vallejos, Broduey, Camila "Cami" Torres, Diego Domínguez, Federico, Francesca Cauviglia, Germán Castillo, Gery, Gregório, Helena "Lena" Vidal, Jade LaFontaine, Jorge Blanco, León Vargas, Lodovica Comello, Ludmila Ferro, Marco Tavelli, Martina Stoessel, Maxi Pontes, Mercedes Lambre, Nathália "Naty" Vidal, Olga Peña, Pablo Galindo, Priscilla Ferro, Tomás Heredia, Violetta Castillo
Tags Leonetta, Musica, Violetta
Exibições 144
Palavras 799
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Famí­lia, Musical (Songfic)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 9 - Namorando, sério?


Fanfic / Fanfiction Um novo sonho - Capítulo 9 - Namorando, sério?

No se pueden separar

Não se pode separar

Mis acordes de tu melodía

Os meus acordes da tua melodia

Y ese día será el mejor de tu vida

E esse dia será o melhor de sua vida

Acordei com o despertador tocando, estava com o corpo todo dolorido. As meninas tinham me feito andar aquele shopping inteiro, chegamos tarde e ainda fomos arrumar tudo... Se não fosse pelo pai da Cami ter vindo busca-lás elas teriam dormido aqui de novo.
Fui até o banheiro fazer minha higiene matinal, voltei para o quarto e precisei de tempo para decidir que roupa vestir, optei por uma calça preta, uma camiseta branca e uma jaquetinha verde clara, não estava muito calor naquele dia.
- Bom dia, papai.
- Bom dia, meu amor, Federico vem te buscar hoje?
- Acho que vem, não sei.
- Acha? Então vou ligar pra Angie, já.
- Não, papai. Papai, a Angie precisa de repouso, lembra? Ela machucou a perna.
- Então vou pedir pro Ramalho te levar.
- Papai, não precisa, eu vou com o Diego e o Leon.
- Leon? Você e esse garoto tem alguma coisa, não tem?
- Bom dia! - Leon entrou na copa junto com Diego e Federico, e não sei se aquilo me deu alivio, ou só adiou a verdade.
- Viu só, papai? o Federico não ia deixar de me buscar.
- Estou de olho em você, Violetta.
- Papai! - Revirei os olhos e dei um beijo nele. - Pode ficar tranquilo, qualquer coisa que acontecer, eu te conto, ta. - Olhei para Leon e ele deu um sorriso como quem dizia estar entendendo do que eu tava falando.
- Tudo bem, cuida bem dela, em Federico.
- Pode deixar German, a Vilu está em boas mãos. - Ele passou a mão pelo meu pescoço e lançando um olhar para Leon, que dessa vez riu pelo nariz. Parecia que Federico já estava sabendo da verdade.
- Tchau, papai.
Assim que saímos Leon, Federico e Diego caíram na risada, e aquilo me fez ver que Diego também sabia.
- "A Vilu está em boas mãos". - Diego falou imitando Federico e fazendo aspas com a mão me fazendo rir. - Não tinha nada melhor pra falar, cara?
- Ah, eu tava salvando a pele da Vilu, vi bem os olhares que o German tava lançando pro Leon. - Leon está com um sorriso sacana no rosto, e me puxou para ele colocando a mão em volta do meu pescoço quando Federico terminou a frase.
- Você contou pra eles?
- E tem como esconder algo desses dois?
- Eu fiquei muito magoado Vilu, quando você ia me contar que vocês estão namorando?
- Hoje, eu acho.
- Também não foi fácil fazer o Leon falar. - Diego falou aquilo rindo, como se tivesse lembrado de algo.
- Acho melhor nem querer saber o que vocês fizeram com ele.
- Nada demais, ameaçamos ele, pra ele contar o que rolou, depois que deixamos vocês sozinhos.
- Diego! Porque não perguntaram como pessoas normais?
- A gente perguntou, mas ele não queria falar, então tivemos que usar uma força maior.
- Vocês são terríveis!
O caminho pareceu mais curto, já que fomos conversando e rindo, enquanto eles contavam o que fizeram com o Leon. Chegamos na escola e Leon já havia pegado na minha mão, deixando claro que namorávamos. Todos nos olhavam de maneira estranha, Leon parecia não se importar e continuava conversando com os meninos. Caminhamos até a mesma mesa de sempre, e todos já estavam lá.
- Bom dia, casal do ano. - Francesca falou, batendo palmas e com um sorriso de orelha a orelha.
- Casal do ano? - Alex, Ludmilla e Lara falaram em coro.
- É, qual a surpresa? - Leon disse aquilo em tom irônico, olhando diretamente para Alex.
- Quer que eu diga mesmo qual é o problema, Leon?
- Fala Alex, vamos ver se tem coragem.
- Pessoal, pessoal! - Federico interrompeu aquela discussão e eu agradeci muito por isso. - Vamos cada um pra sua sala né, ta na hora.
Todos nos levantamos e fomos para as aulas, a minha ultima aula era apenas com a Ludmilla, então saímos juntas da sala. Todos estavam na mesa a nossa espera, costumávamos ir embora todos juntos. Leon e Federico estavam conversando sobre algo.
- Vilu não esquece, fomos na sorveteria e depois no kart. - Federico saiu indo até Ludmilla e à abraçando, deixando eu e Leon sozinhos.
- Ahn?
- Nós vamos sair, e o Federico inventou essa desculpa pro seu pai.
- Isso foi armação sua?
- Claro.
- Não acredito!
- Que foi? Não posso querer passar um tempo com a minha namorada?
- E onde vamos?
- Você vai ver.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...