História Um perfeito desastre - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bottom!namjoon, Sugamon
Visualizações 179
Palavras 595
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drabble, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo-Ai, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu passei um tempinho pensando em como escrever esse capítulo é de repente me veio uma maravilhosa e esplêndida idéia.

Espero que gostem. Feito com muito amor e carinho para todos vocês.

Capítulo 10 - Pequena surpresa: Gêmeos a bordo


- Demitido?


Namjoon já estava à aquele ponto totalmente inerte com toda aquela situação. Afinal, não queria acreditar que agora ambos estavam totalmente ferrados com uma casa para pagar e um bebê a caminho.


- Eu queria te contar...Eu só não sabia como e  fiquei mais desesperado ainda depois de saber que você estava esperando um filho meu e que eu havia perdido meu emprego. - O mais velho disse em um tom baixinho e envergonhado, não sabia como se expressar naquele momento, oras, tudo o que pensava era na burrada que havia feito.


- Como isso aconteceu? - Dessa vez quem se atreveu a perguntar foi Jimin, este que apenas estava do lado de Namjoon, tentando entender o que estava acontecendo.


- Eu briguei com Taehyung. Ele estava cobrando muito e eu já estava de saco cheio, sobrecarregado de todas as maneiras possíveis depois que ele jogou na minha cara que meu trabalho não estava satisfazendo suas expectativas e que, como a empresa estava passando por um periodo de crise, ele precisava cortar alguns funcionarios. Eu era um deles. - Suspirou pesadamente, tudo o que tinha mais medo naquele momento, era a reação do Kim mais novo. Estava tão arrependido, céus, tudo o que menos queria era ser a causa pela qual o moreno poderia ficar magoado. Ou com raiva. Era uma das razões pelas quais o mais velho sentiu um nó se formar na garganta e uma vontade insana de chorar vir a tona como se fosse um garoto de seis anos que acabara de perder seu brinquedo favorito. Fechou os olhos e apertou os lençois com força ate sentir os braços do noivo em volta do seu corpo, um abraço reconfortante e amoroso.


- Vamos passar por isso juntos Yoonie, eu sei como foi difícil trabalhar naquela impressa por todos esses anos com toda aquela pressão. E não te culpo pelo que aconteceu, a única coisa que me importa agora é cuidar do nosso bebê - Pegou a mão gélida do noivo e a pós em sua barriga coberta pela camisa fina de seda. - Vamos ter um filho Yoonie! - Sorriu alegre passando seu polegar pelas bochechas rosadas do Min que agora chorava lágrimas de felicidade, com um sorriso doce no rosto.


E bem no cantinho do quarto,  existia um Park Jimin aose prantos segurando um lencinho de pano que agradeceu aos céus por ter trago no bolso afinal, com certeza inundaria aquele quarto de lágrimas. Não se importava em ficar de vela se pudesse assistir de camarote a felicidade dos dois amigos.



Quatro meses depois...




- Sr. Kim, pode entrar.


A recepcionista falou com um sorriso no rosto e guiou ambos até a sala onde o médico o esperava. O Min tinha muita sorte de ter um amigo naquele antigo hospital onde fazia trabalhos voluntários.


- Obrigado por tudo Seokjin. Muito obrigado. - Yoongi agradeceu de prontidão apertando a mão do velho amigo.

- E sempre um prazer trabalhar com você Min - Sorriu para ambos e ligou os aparelhos - Prontos para saber o sexo do bebê? - O Kim mais velho perguntou enquanto Namjoon se deitava confortavelmente na pequena cama. Ambos concordaram rapidamente enquanto o Kim levantava a camisa de Namjoon e passava uma pequena quantidade de gel em sua barriga.


Passou o pequeno aparelho pela pele do moreno olhando atentamente para o visor onde mostrava um pequeno esboço preto e branco da vida que era gerada dentro do mais novo.


- E aí Seok? Ele tá bem?


- Bom, eu acho melhor você sentar.


- Por que? - Perguntou apreensivo segurando a mão do noivo totalmente nervoso.







- Parabéns, você vai ter Gêmeos.







Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...