História Um policial em minha vida. - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Drama, Mistério, Naruto, Romance, Sasusaku
Exibições 468
Palavras 1.994
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Crossover, Famí­lia, Hentai, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Estupro, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


BOA LEITURA...

NAO PERCA CAPITULO POSTADO DAQUI A POUCO DA OUTRA FIC VAI TA INCRIVEL.

Capítulo 11 - Lanche.


Fanfic / Fanfiction Um policial em minha vida. - Capítulo 11 - Lanche.

Capitulo 11.

SASUKE.

  Depois de um dia exaustivo de trabalho e com meu pensamento na Sakura  resolvo ir ate a farmácia. Paro em frente e da 6 da tarde e nada da rosada da 6:30 e La esta ela linda meu Deus como pode ter uma mulher tão perfeita assim ela sai e olha direto para outra rua e abre um sorriso por um instante penso que ela ta assim por causa do namorado esperando ela mais não ela vai ate uma banca de cachorro quente não perdo tempo e vou atrás também adoro comer isso.

Depois de chegar ela ainda leva uma cantada olho para o rapaz e fecho a cara e faço um sinal com a Mao de passando o dedo na garganta tipo não mexe com ela se não morre, e isso funcionou ele ficou completamente morrendo de medo esses piralhos. Depois de pedir dois percebo que ela ainda esta de costa toco no meu ombro e a viro tadinha ela ta toda vermelhinha o que deixa ela muito linda, como queria essa rosada para mim.

 Ela gagueja ao dizer meu nome eu não agüento e puxo para um abraço forte.

- Oi vem vamos espera aqui sentados, puxo ela e sento em um murinho do lado da banca ela me olha ainda vermelha escondendo o rosto.

  - como foi seu dia? Pergunto pegando na sua Mao.

  - um tédio como os outros! Ela diz.

  - E foi para faculdade?

 - Fui sim depois que sai da sua casa entrei na faculdade e fui para sala mais não fiquei e fui embora dormi. Ah minha dorminhoca linda.

  - Por que ta faltando tanto assim? Pergunto

  - Por que ta chato, e sexta e o ultimo dia de aula e depois e férias graças a Deus.

  - Graças a nois dois então! Ela me olha confusa.

  - Não entendi!

  - Amanha e meu ultimo dia de trabalho pego férias também! Ela abre um sorriso lindo e que me deixa muito feliz de saber que ela esta contente com uma coisas minha.

  - Que legal boa férias para você! Não e legal nas minhas férias nunca faço nada legal a não ser andar pelo meu ape e sair para alguma boate pegar umas piranhas.

  - Por que você ta com essa carinha? Ela ergue meu queixo com as pontas do seus dedos.

  - Por que sempre e te diante nunca nada de bom.

  -Não fala assim vamos curti juntos então pois sempre vou nas férias para casa da minha mãe mais agora comecei a trabalhar e será difícil ir.

    - Por que? Por que faria isso por mim?

  - Por que eu acho você um cara bacana, e gosto de conversa com você! Eu a puxo e paro ela no meio da minha pernas ficando diante a mim.

  - Eu gosto....!

  - PRA LEVAR OU COMER AQUI! O cara do lanche me interrompe me deixando ficar nervoso.

  - Para levar moço. Fala ela toda delicadinha com sua voz suave me deixando nostálgico com sua pureza.

  - Por que não quer comer aqui? Pergunto.

  - Pois olha para você fardado sabe como isso e perigoso, e o tanto de marginal que tem na rua, imagina aiiiii naoooo nem quero pensar! Ela vem e me abraça me fazendo retribuir apertando seu corpo tão pequeno ao meu.

  - Voce se preocupa tanto assim comigo rosada? Ele sai do meus braços e me encara.

  - Sim mais do que imagina.

  - Bom saber disso, e eu também minha rosada.

  - Por que me chama de minha rosada? Eu seguro sua Mao lisinha e delicada.

  - Por que eu .....!

  - LANCHE DE VOCES ESTAO PRONTOS! Maldito agora te mato sua puto.

  - Deu quanto moço? Ela pergunta estendendo um cartão eu puxo da sua Mao.

  - Eu vou pagar! Ela fica bicuda.

  - Mais eu vou pagar o meu Sasuke, me devolve meu cartão seu babaca!

  - Mais eu vou pagar o nosso. O rapaz estende a notinha do lanche e e me entrega a  sacola eu pego a carteira e tiro 50,00 e entrego.

  - Me da uma coca de 2 litros! Ele coloca em outra sacola e me entrega, olho para o lado e não a vejo meu coração congela na hora passo minha vista ao redor e não a vejo, olho novamente e vejo ela caminhando um pouco longe com os braços cruzados na frente, saio correndo atrás dela.

  - SENHOR SEU DINHEIRO!! Grita o cara do lanche mais isso não me importa eu quero a rosada.

  - Sakura espera! Grito mais ela não para e nem me olha, então tenho uma idéia.

  - Sakura me ajuda por favor! Eu coloco a Mao na barriga fingindo ser a dor de estomago de novo quando olho de canto de olho correndo em minha direção toda assustada, ela e linda se ela soubesse o quanto e especial para mim.

  - Sasuke como você esta ta bem ? ela pergunta me puxando e me curvando para eu não agüento e dou um sorriso.

  - Voce não tava passando mau NE! ela cruza os braços e fecha a cara.

  - Não mais você não me ouvia! Ela me olha com raiva e se vira, mais eu sou mais rápido e ando e paro na sua frente.

  - Não me deixa! Eu abraço ela e aperto contra meu peito respiro fundo sentindo o cheiro do seu cabelo! Ela retribui o abraço e enfia seus braços dentro do meu casaco mais não consegue me aperta pois ele e grosso, nessa hora desejava não tar com essa porra.

  - Venha vamos comer! Puxo ela para debaixo do meu braço e ando com ela ate meu carro.

  - Vamos comer La em casa? Ela pergunta.

  - Queria tomar um banho antes! Ela ri.

  - Toma banho La em casa tem roupa para você! Nessa hora meu sangue ferve e eu falo.

  - Do seu namorado? Ela me olha e arqueia  uma sobrancelha.

  - Que namorado? Como assim Naruto disse que viu um cara com ela.

  - Não e que o Naruto disse que viu você entrando dentro da faculdade com um cara te abraçando, ela me fita e abre aquela boquinha linda e carnuda.

  - Não creio que voce conhece o Naruto!

  - Sim ele e minha dupla fiquei sabendo hoje que vocês se conhecia ele falou e eu captei que era voce então perguntei e eu tive minha confirmação. Ela começa a rir.

  - Legal então vamos ou não?

  - Tem roupas que me servem mesmo! Ela solta um gargalhada que me faz assultar.

  - Sim senhor! Fecho o sorriso na hora que merda por que ela me chamou de senhor, ligo o carro e vou em direção ao apartamento dela não pronunciamos mais nada.

  - Chegamos! Digo parando o carro na frente do prédio.

  - Coloca na garagem tem espaço para dois carros! Eu olho para ela e ela me olha e me estende um sorriso.

  - E que e perigoso deixar aqui fora, libera a porta que vou falar para o porteiro te liberar! Libero e ela sai correndo para a portaria conversa com o porteiro que logo abre o portao ela corre e entra novamente.

  - Vaga 18. Eu entro e procuro enquanto ela cheira a sacolinha de lanche e faz uma cara de muita fome me fazendo rir.

 - Que foi to com fome!

  - Tabem estou. Paro na vaga e ela logo sai com sua bolsa e a sacola de lanche e a coca. Eu começo a tirar meus apetrechos ranco o maldito colete a prova de balas e fico apenas com uma blusa baby look cor azul e uma calça da mesma cor e meus coturnos. Pego a carteira e o celular e abro a porta.

  - Voce demorou? Diz ela agitada travo meu carro e ela segura minha Mao puxando para o elevador, entramos e ela ainda segura minha Mao olho para o espelho dentro do elevador vejo eu e La abro um sorriso olhando para o espelho e ela olha e fica vermelha.

  - Entra agora voce e bem vindo! Diz ela abrindo a porta e estendendo a Mao com a sacola para eu entrar.

  - Obrigado. Adentro e olho para tudo e muito aconchegante mais muito.

  - Feminino! Eita como ela sabia que eu tava pensando isso.

  - Sim e muito, eu gostei!

  - Vem vou te levar no quarto de hospede para voce ficar bem La tem um banheiro so para voce! Ela larga a bolsa no sofá coloca o lanche e a bebida na mesinha de centro e me puxando para o quarto.

  - Já venho trazer sua roupa e uma toalha! Ela sai e eu fico ali naquele quarto que parece o meu as paredes não são rosinhas ou coisa feminina. Tiro as botas e também tiro e camisa e tiro a arma e coloco em cima de uma cômoda, fico sem camisa com a calça caminho ate a janela e olho tem uma vista muito bonita.

  - Sasuke eu trou..! ela abre a porta com tudo e me olha de cima a baixo e fica com as bochechas avermelhadas.

  - Desculpa entrar assim o toma, trouxe sua roupa e uma toalha e chinelo eu não tenho do seu tamanho então eu te empresto o meu pois o chuveiro da choque então te aconselho usar. Ela me estende uma camiseta e um shorts conheço os dois sim são meus.

  - São minha roupas? Ela ri

  - Sim toda vez que vou La eu trago um peça! Ela da uma gargalhada e me estende um par de chinelos rosas olho para ela e ela sai rindo do quarto. A que legal chinelo roxa que se foda tomo choque mais não uso essa merda de menina. Tiro a roupa e entro no banheiro ligo o chuveiro e tomo um puta choque volto a merda do quarto e pego o chinelinho rosa ele não da a metade do eu PE e eu ainda fico com medo de estourar ele. Abro o chuveiro e entro deixando o chinelo de canto me lavo e me ensabou quando ligo a merda do chuveiro novamente cheira queimado eu olho para cima e começa a sair uma fumaçinha do chuveiro coloco o chinelo e desligo se eu ligar novamente ira disparar o alarme de incêndio, saio do Box todo seio de espuma pego uma toalha e enrolo na cintura. E vou ate o quarto.

  - Sakura! Grito.

  - Sakura! Abro um pouquinho a porta!

  - To aqui na sala! Grita ela eu abro a porta e caminho ate a porta.

  - Sakura! Vejo ela com um vestidinho rodadinho e todo florido mostrando suas curvas ela ta de gosta e se vira com tudo.

  - Sasuke! Grita ela e eu me assusto deixando a toalha cair e a merda do meu pau ta duro por ver ela nesse vestido ela tampa o rosto com a Mao.

  - Se cobre seu louco o que ta fazendo aqui! Pego a toalha do chão e enrolo novamente na cintura.

  - Pornto me enrolei e que me assustei com seu grito histérico, e que eu tava tomando banho e daí queimou o chuveiro! Ela tira a Mao e da a visão do seu rosto parecendo uma pimenta malagueta.

  - Grito histérico lógico nunca vi um cara pelado na minha frente, vem eu vou te levar no meu quarto para voce tomar banho. Como assim nunca viu um homem pelado?? Ela nunca transou? Naooooooo será?

- Toma banho aqui e não faz bagunça no meu banheiro eu odeio que molha ele todo. Diz ela entrando no seu quarto e abrindo a porta para o banheiro.

  - Sim senhora!

  - Sasuke! Ela me da um tapa no ombro.

  - Isso e pra voce ver como e chato ser chamado assim, ve se aprende! Entro no banheiro e tranco a porta, escuto ela resmunga do lado de fora mais não ouço nada alem de resmungo.

 

 


Notas Finais


O QUE ACHARAM???? ROLA UM BEIJINHO ESSA NOITE???

QUEM ACHA QUE DEVE ROLA UM BEIJINHO????


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...