História Um Recomeço - Jungkook - Capítulo 41


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Imagines, Jungkook, Menção Yoonmin, Um Recomeço
Visualizações 148
Palavras 833
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey Pandinhas! Bem, como ontem eu não tinha como postar o capítulo, dei um jeito de postá-lo hoje. Ficar sem postar por três dias seguidos seria o cúmulo do não comprometimento, não é? Sinto muito por este ter ficado tão curto, mas foi o máximo que consegui fazer para hoje. Espero que não se decepcionem comigo. Sem mais delongas, boa leitura!

Capítulo 41 - É Uma Ordem


Fanfic / Fanfiction Um Recomeço - Jungkook - Capítulo 41 - É Uma Ordem

    Jeon Jungkook On:

    Ao lado dos Hyungs eu me aproximei dos grandiosos portões do colégio, que já estavam abertos para a entrada dos alunos. Assim nos dirigimos diretamente até o nosso já costumeiro local de encontro, sendo recebidos pela imagem de Pam e Nick, que estavam sonolentas embaixo da árvore.

Depois de Nick ter respondido minha pergunta com aquele "Você já faz […]", nos despedimos e voltei para casa, conversando com a mesma um pouco sobre sobre a aula de hoje por mensagem.

- Que caras são essas? - Yoongi perguntou rindo - Estão piores do que eu.

- Não dormimos muito bem. - falou a ruiva, rindo fraco antes de bocejar de uma forma meiga, piscando os olhos lentamente em seguida.

- Depois que eu arrumei tudo e tomei um banho, eu decidi ir dormir com a Pam. Só que a fresca aqui mal conseguia dormir de dor e eu precisei ficar lhe fazendo companhia! - Nick explicou, esfregando os olhos de uma forma indescritivelmente fofa.

- Você que não quis dormir para não me deixar sozinha! - Paloma se prontificou em defender seu caso.

- Dor? Está machucada? - Taehyung indagou visivelmente preocupado, tirando um sorriso meigo da ruiva e um sorriso terno de Nick.

- Não. Eu estou bem, não se preocupe! - a mesma o tranquilizou rindo, parecendo valorizar a preocupação do loiro.

Tae suspirou aliviado, disfarçadamente. O que não passou despercebido por mim, muito menos por Nick, é claro.

- Nicole Reymond?! - perguntou um garoto, provavelmente um ano mais novo que eu, ou seja, da mesma idade de Nick, enquanto se aproximava do local. Não o conhecia, mas fiquei um pouco apreensivo pela sua fala ser dirigida à minha Pandinha (cof, cof ênfase no “minha” cof, cof).

- Pois não? - indagou a mesma gentilmente. O garoto sorriu ao fixar seus olhos nela, que se encontrava sentada à minha esquerda.

- O Coordenador Educacional pediu para que eu te chamasse. Eu vou te acompanhar, pois ele mudou de sala.

- Por que? - questionou receosa.

- Então reformando sua sala original. Parece que a parede de vidro estava rachada. - percebi ela engolir em seco e passar a mão instintivamente no pescoço, como se estivesse com um incômodo ali. Estranhei sua ação e notei que agora Paloma já estava bem acordada e, ao contrário de mim, parecia ter entendido o breve gesto de Nick.

- Então vamos! - assentiu sorrindo. Aquele sorriso, embora sempre lindo, não me fazia ter aquela sensação de queda livre. - Nos vemos na sala meninos.

O garoto lhe estendeu a mão e Nick aceitou se levantando sem hesitação.

Senti aquele incômodo que fazia meu sangue ferver, não sabendo se era pelo coordenador ou pela ação audaciosa do garoto. Talvez os dois.

Quando já mais afastado, observei Nick rir alto por algo que ele falava e cerrei os punhos ao lado do corpo. Não havia gostado dele.        

 

Nicole On:

Segui o garoto, andando ao seu lado em passos lentos e, por parte dele, despreocupados. Ele tinha cabelos em uma cor verde já desgastada, que precisava ser retocada, mas ainda assim não perdia sua beleza.

- Como se chama? - decidi quebrar o silêncio.

- Chung Hee. - sorriu gentil e olhou para trás, na direção da árvore de Cerejeira - E como é o nome do garoto que estava à sua direita? - questionou mordendo o lábio com certa malícia no olhar. Eu não consegui me segurar e ri alto, sentindo olhares sobre mim por meu escândalo.

- Jungkook mas...creio que ele não tenha o mesmo gosto que você e eu. - expliquei sem jeito, segurando mais uma risada. Chung Hee fez um bico fofo enquanto cruzava os braços.

- Poxa, que azar! - resmungou antes de seguirmos conversando sobre outros assuntos até a sala temporária. Nesse rápido percurso, descobri que ele tinha dois irmãos que não aprovavam sua sexualidade, que sua cor preferida era verde, que seu sangue é AB e que seu CPF é...tenho péssima memória, mas até isso ele contou.

- Obrigada pela companhia Chung Hee. A partir de agora, te chamo de "Open Book".

O garoto simpático riu e nos despedimos, antes de eu bater na porta de madeira à minha frente e adentrar a sala. Ela era igual a sua sala antiga, porém os seus pertences não estavam sobre sua mesa, a qual ele residia atrás, sentado em sua cadeira confortável.

- Bom dia, Nicole! - me olhou sorrindo de uma forma asquerosa.

- O que quer? - decidi ir logo ao ponto, não querendo prolongar mais uma conversa insignificante.

- Em pouco tempo eu irei voltar para o Brasil. - se silenciou esperando minha reação, que foi apenas interna. Senti como se estivesse entrando finalmente em águas tranquilas depois de quase me afogar em meio às ondas. - E você irá comigo!

- O QUE? - exclamei incrédula. - NÃO! ESTÁ LOUCO?

-Você não tem escolha…- o mesmo riu como se fosse óbvio - É uma ordem!


Notas Finais


Quem quer matar o Richard levanta a mão! 🙋🏻🙋🏻🙋🏻
Espero que tenha ficado de seu agrado. Obrigada por ler e MUITO ORBIGADA pelos 70 favoritos! Se tiver qualquer comentário, opinião ou pensamento, sinta-se à vontade para compartilhá-lo comigo, tendo a certeza de que, sendo algo bom ou não, lerei e responderei com todo o carinho. Obrigada por tirar alguns minutos de seu dia para acompanhar essa história! Até o próximo capítulo Pandinhas! 🐼 Bjss ^_^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...