História Um rosado em minha vida - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Aquarius, Capricórnio, Elfman Strauss, Erza Scarlet, Freed Justine, Gajeel Redfox, Gildartz, Grandine, Gray Fullbuster, Hibiki Lates, Igneel, Jellal Fernandes, Jude Heartfilia, Juvia Lockser, Karen Lilica, Laxus Dreyar, Layla Heartfilia, Levy McGarden, Lisanna Strauss, Loki, Lucy Heartfilia, Lyon Vastia, Makarov Dreyar, Mavis Vermilion, Metalicana, Michelle Lobster, Minerva Orland, Mirajane Strauss, Natsu Dragneel, Rogue Cheney, Scorpio, Silver Fullbuster, Sting Eucliffe, Ultear Milkovich, Ur, Virgo, Wendy Marvell, Yukino Aguria, Zeref
Tags Gale, Gruvia, Jerza, Lucy, Nalu, Romance
Exibições 49
Palavras 1.346
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 25 - O sorriso que me encanta ( parte final)


Fanfic / Fanfiction Um rosado em minha vida - Capítulo 25 - O sorriso que me encanta ( parte final)

Enquanto Lucy lutava para voltar para as pessoas que amava. Natsu tentava ter forças pra seguir em frente, e para isso ele teria que voltar a sua rotina, ou seja volta para escola. Natsu arrumou forças e levantou para se arrumar para o primeiro dia de aula.
Natsu tomou um banho e colocou o seu uniforme, e desceu para tomar seu café da manhã mesmo sem fome.
- bom dia família - diz Natsu com uma voz triste e sem ânimo
- bom dia meu filho, como você está?? - pergunta Igneel
- estou bem - diz Natsu cabisbaixo
Igneel olha para o filho sem saber o que fazer ou anima lo
- bom dia maninho, bom dia papai - diz Wendy
- bom dia Wendy - diz Natsu
- bom dia pequena - diz Igneel - alguém viu Zeref??
- eu vi o Zeref sair bem cedo, acho que ele foi visitar a Lucy antes de ir para escola, a Mavis pediu para ele acompanha ela, e ele foi - diz Natsu
- hum. Entendo - diz Igneel
Natsu termina de tomar seu café da manhã e si levantou para ir para a escola
- já estou indo para a escola - grita Natsu da sala
- não quer que eu ti leve até a escola?? - pergunta Igneel
- não precisa, eu vou andando - diz Natsu
Natsu sai a porta a fora e começa a caminhar em direção a escola. No caminho Natsu encontra sua turma.
- oi pessoal - diz Natsu
- oi Natsu - diz Erza
- beleza cara - diz Jellal
- eai Foguinho - diz Gray
- oi Natsu - diz Levy
- eaí cara, como vc esta??? - diz Gajeel
- estou bem cara - diz Natsu cabisbaixo - cadê a Juvia??
- ela disse que ia ficar com a Lucy - fala Levy tristonha
Logo eles chegar a escola calados pois todos estavam muito triste com a situação de Lucy

TIM TIM...

Já na sala de aula Natsu olhava para janela e pensava na Lucy que não saia da sua cabeça.
Natsu estava tão longe em pensamento que nem viu a hora passar, e já era hora do intervalo
- loirinha espero que você si recupere logo - pensa Natsu
- ei Natsu - chamou Jellal
Mais não teve nenhuma resposta, então Erza si aproximou de Natsu e o cutucou
- natsu - diz Erza
Natsu olha para a amiga meio surpreso
- que foi Erza. Aconteceu alguma coisa?? - pergunta Natsu
- não aconteceu nada, só que estamos te chamando faz um tempo. Não vai para o intervalo?? - diz Erza
- já é a hora do intervalo, nem vi a hora passar. Vou sim - diz Natsu
- então vamos?? Ei Natsu eu sei que está triste com a Lucy, mais você precisa ser forte, não só por ela, mais pra Levy e Gray também, eles estão sofrendo muito - diz Erza olhando para o Natsu que estava cabisbaixo
- você tem razão Erza - ao disser isso Natsu suspira pesadamente.
E assim Erza e Natsu e Jellal saem da sala e vão para o refeitório.

Enquanto isso no hospital

Enquanto isso Lucy ainda estava lutando para tentar voltar para as pessoas que tanto ama.
Lucy estava sentada olhando a pequena garota em sua frente que sorria para ela
- então vamos continuar a achar a saida?? - pergunta Lucy para pequena garota
- está bem. Então quero que você olhe isto aqui - diz a pequena garota, que apontava para a imagem a sua frente
- está bem - diz Lucy
Lucy olhava para a imagem e nisso ela começou a sorrir

Lembranças on:

Lucy estava na cozinha olhando sua mãe cozinhando e sorria encantada com isso.
- mamãe um dia você me ensina a cozinhar igualzinho a senhora ?? - pergunta Lucy animada
- claro minha pequena, será uma honra - diz Layla sorrindo com carinho para a filha
E derrepente vem Mavis e Gray correndo em direção a Lucy
- LUCYYYYY - grita Mavis animada
- que foi Mavis?? - pergunta Lucy
- vamos brincar? - diz Mavis
- não sei não - fala Lucy que ainda olhava para sua mãe cozinhando
- vamos Lucy, vai ser divertido - diz Gray todo empolgado
Lucy olhou para Gray e não aguentou e começou a rir
- está bem, eu vou - diz Lucy depois de parar de rir
- então vamos - diz Mavis puxando Lucy para o jardim
- vamos brincar do que?? - pergunta Lucy
- de pega pega - diz Gray todo animado
Ao falar Gray, disse que ele seria o primeiro a pegar. Ao disser isso Lucy e Mavis começaram a correr, Gray correu atrás das meninas todo animado, até que ele agarra Lucy e a derruba no chão, os dois começam a rir.
- é a minha vez - diz Lucy si levantando e começando a correr, e nisso Lucy sem perceber esbarrou em alguém, quando olhou para cima Lucy sorriu
- me desculpe, eu não ti vi - diz Lucy sorridente
- tudo bem loirinha, si machucou - diz Laxus sorridente
- eu estou bem Laxus, e me desculpe de novo - diz Lucy sem graça
- já disse que não foi nada, mais presta mais atenção, si não você vai acabar si machucado - diz Laxus dando um beijo na cabeça de Lucy
- está bem - diz Lucy sorrindo e voltando a correr atrás de Mavis e Gray
Lucy passou o dia inteiro brincando com Mavis e Gray, até que sua mãe chama os três para o lanche
- mamãe seu bolo é uma delícia - diz Lucy comendo o bolo e si lambuzando toda. Layla olhava para a filha e começa a rir
- nossa minha pequena você está toda suja - diz Layla ao olha para o lado e começou a rir mais ainda
- porque está rindo mamãe - diz Mavis
- vocês todos estão todos sujos de bolo - e começou a rir mais ainda
Depois do lanche a mãe de Gray, a Ur apareceu para buscar o filho, pois já está tarde. Gray si despediu de Lucy e Mavis.

Lembranças of:

Lucy sorria depois de ver esta lembrança.
- estou vendo que você gostou desta lembrança - diz a pequena.
- eu amei - diz Lucy. Mais derrepente Lucy ouviu uma voz que mexeu muito com ela - di quem é esta voz?? - pergunta Lucy meio mexida
"- ei loirinha volta logo, estamos com saudades de você. Sei que ti conheci faz pouco tempo, mais..mais sinto sua falta - fala um certo rosado"
- ei Lucinda, realmente não sabi quem é?? - pergunta a garotinha
" - sabi loirinha, hoje foi o primeiro dia de aula, estava longe em pensamento, pensando quando você ia acorda l, que nem vi a hora passar. Não sei o que está acontecendo comigo, mais sinto muito sua falta - fala Natsu com uma voz triste e chorosa - volta logo para nós loirinha."
Então Lucy ficou pensando até que Lucy si lembrou e sorriu com isso
- Natsu - Lucy disse isso chorando
- agora sim, Lucinda. Está na hora de você voltar para casa - diz a pequena garota sorrindo
Lucy olha para a garotinha e a abraça com carinho
- obrigado pela ajuda - diz Lucy sorridente
Derrepente a pequena garota toca na testa de Lucy, e uma luz começa a cobrir o corpo de Lucy.
Logo Lucy abri os olhos e olha para o teto, e para todos os lados, e logo vê um ser rosado sentado cabisbaixo ao seu lado
- Na..na..nat.. su - diz Lucy bem baixinho. E mesmo assim um certo rosado ouviu e olhou para cama surpreso e sorriu
- loirinha, que saudades - diz Natsu abraçando Lucy
Lucy percebeu que Natsu chorava ao abraçar. E Lucy também acaba a chorando de emoção...

Será que Lucy irá disser quem fez tão mal a ela...
Será que Natsu vai disser a Lucy o que senti por ela...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...