História O amor de um alfa (NaruHina) - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Romance Naruhina Sasuhina
Visualizações 208
Palavras 1.130
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Fantasia, Festa, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Galeri... só uma pergunta... tem um bocado de gente que não gosta muito de Cap longos tipo eu... vcs querem Cap longos ou tanto faz?
Responde ai seus kawaii :3

Capítulo 18 - Cap 18 A Guerra retorna...


- Ai! Que merda! Essa droga não passa!
Eu fui no banheiro e comecei a passar água nos meus olhos.
- Aquela desgraçada! Porra... anda! Sai... ( sai de sair Ashuashua)
Eu esfreguei, mas não adiantou nada...
- Coisa idiota...
Eu acho melhor eu dormir... vai que passa...
E ficou no vai...
Eu acordei e continua ardendo...
Não consigo piscar direito!
- Que diabos é isso!
Eu bati o dedinho na quina da porta.
- Ai! Ai...ah... uh... merda...
Eu disse macando.
- Puta merda é hoje senhor!
Eu fui no banheiro e parecia um traficante meus olhos estava bem irritados.
- Ótimo agora todo mundo vai pensar que eu fumo...
Eu me vesti e fui pra escola.
Todos ficaram olhando estranho pra mim.
Shikamaru- Naruto tá tudo bem?
- Eu to ótimo...
Shikamaru- Você tá com conjuntivite por que o seu olho ta vermelho...
- É eu acho que eu peguei...
Kakashi- Muito bem... eu sei que é chato, mas hoje teremos prova surpresa... quem estudou estudou quem não estudou se ferrou...
- AH fala serio...
Todos bufaram em decepção...
O kakashi começou a entregar as provas...
Que merda eu estou ferrado...
Ele entregou pra mim e olhou estranho.
Kakashi- tem alguma coisa errada Naruto?
Saco!
- Não tem! Que saco...
Kakashi- Você devia ter ficado em casa... mas como você está aqui tudo bem... só espero que não passe pra ninguém...
- Não vou...
Eu olhei a prova e puta merda estava embaçado.
Que?
Eu apertei o olho tentando enxergar...
- Ah qual é...
Não to enxergando... merda... ok ok eu sempre faço isso...
A, a, a, a denovo? É uma armadilha... D de deus.
... C de cristo... B... acabou... pronto...
- Ai que merda!
Eu esfreguei denovo.
Essa droga não passa!
Kakashi- Tudo bem Naruto?
- Tá tá! Eu só não to exergando direito!
Kakashi- Para de esfregar...  só vai piorar...
- Não ta dando...
Eu esfreguei mais.
- porcaria!
Eu olhei na minha mão sangue... eita giovana!
Kakashi- vai lavar no banheiro...
Eu fui , passei agua.
- que droga eu preciso de um colírio...
Eu aproveitei que o Neji estava usando o dele.
- Me dá !me dá!
Eu peguei da mão dele e pinguei.
Não resolveu.
- Ah que merda!
Eu devolvi pra ele...
Puta merda isso não passa!
Eu voltei pra classe.
- Eu terminei a prova eu tenho que ir embora!
Kakashi- Ok...
Eu sai e estava caminhando pra casa, Mas eu escutei alguém respirar ofegantemente ( essa palavra existe? Se não eu acabei de inventar yeah! Thug life... mentira Ashuashua)
Mais problemas...
Eu fui em direção do barulho o que não é muito certo de se fazer...
- Denovo! Que merda ein?!
Parecia sério...
- Ei...ou...
Ei dei um tapa na cara dele.
Ele acordou e fez um uh!
- Ei tudo bem?
Sai- O que aconteceu?
- Sempre a mesma coisa... você não se lembra e blá blá... só uma coisa... você tá pelado...
Sai- O que?! Ah...
Ele fez uma careta de dor.
- Ué? Se meteu com a polícia é? Por que um tiro?
Sai- Que eu saiba eu estou limpo...
- Espera ai...
Eu encostei no buraco e ele gritou.
Sai- Ah!...
- Não é pra acontecer isso... eu vou tirar isso...
Sai- Vai doer...
- Eu sei mas tem que tirar seja homem e aguente...
Ta fundo... certeza que foi uma arma pesada...
Eu passei o dedo e ele fez um barulho de dor.
- calma porcaria!
Eu enfiei o dedo e nada só estava afundando a bala mais ainda.
Sai- Que droga! Para!
Eu assustei.
- Caramba... ainda bem que eu não te vejo irritado...
Eu comecei a puxar com a unha, ele gritou.
- Calma ta saindo!
Sai- Uuh! Meeerdaa!
A bala saiu de uma vez...
- Pronto... pronto... calma...
Eu comecei a observar a bala...embora estivesse tudo embaçado...
Tinha um simbolo estranho era uma bala de fuzil... prata muito bonita... sorte que estava segurando na ponta da unha. Eu olhei e pronto já descobri o problema!
- Acônito que merda!
Sai- O que?
- Acônito... deixa você atordoado! Sorte que não te mataram...
- consegue se levantar?
Ele fez sinal que não.
- Mas você ta pelado! Não vou levar você na rua assim!
Puts e agora?! Pera ai... já sei...
- Eu vou emprestar a minha cueca... se você falar isso pra alguém...
Por que sempre tem que ser constrangedor... se alguem como a hinata ou qualquer garota passar na rua ferrou... porra...
- vem você parece um bebado...
Sai- Foi mal.. eu to pass-
Ele foi termina e vomitou.
- Ah que nojo! Puta merda o que você fez!
Ele vomitou bem no meu tênis.
Alguma coisa preta? Que porra é essa!?
- o que você comeu um gato preto!
Ele não estava passando bem mesmo...
- Ou ta me ouvindo?
Ele parecia um mongo todo Mortão...
Sai- Oi?...
Vem... eu comecei a arrasta-lo.
- o que eu faço com você ein?
Eu estava levando ele pra casa.
- você tá um bagaço Sabia?
Ele olhou pra mim com uma cara de anestesiado.
Sai- que?...
- Você perguntaria o que era isso...
Eu olhei e minha casa estava toda revirada...
- Ah fala Sério!
Eu entrei eles quebraram tudo...
Porra... o muleque ta passando mal e mais isso...
Eu olhei na parede tinha o mesmo simbolo da bala e estava escrito:
Isso é o que acontece com demônios como você...
Em sangue e tinha algo pendurado, uma mão provavelmente de algum lobisomem aí...
- Ah não! Denovo não!
Eu peguei a mão e bum começou a fazer barulho de engrenagens pelas paredes.
- Que diabos é isso?
Eu encostei o garoto no sofá. Eu fui ouvindo...
Fez um estalo no meio da bagunça.
- Que diabos?
Eu fui mexendo e óbvio fui muito burro denovo...
Era uma armadilha pra urso... fechou bem no meu braço.
- Aah! Meerdaaa... uuuuuh! Ai merda ...ai merda ... ai merdaa!
-Meu braço preferido...
eu disse chorando.
Eu comecei a abrir, estava muito difícil.
- Ai! Uh! Ta ardendo! Sai me ajuda aqui!
Sai- oi?...
- Me ajuda aqui! ai!
Sai- Oi?...
- Me ajuda ah dexe! Aaaa... merda... uh...
Eu finalmente estava conseguindo abrir o negócio...
Eu tirei e comecei a apertar meu antebraço de dor.
- Ah... uh... nunca mais... sou curioso assim... uh...
Estava se regenerando um pouco lento por causa da gravidade...
- Passo passou... respira.... acharam que eu ia ficar preso aqui o dia todo é! Chupa essa!
Eu dei mais um passo e puta Merdaaa!
Fechou mais um na minha perna.
- Aaah que sacoo! por que que eu fui comemorar! Aaahaai!
-Achou que nós iriamos embora... você é muito burro...
Merda... esses vermes voltaram! Caçadores... filhos das putas!


Notas Finais


Yay não esquece de comentar♥
Prox cap eu explica o que é alfa beta e omega pra quem ta perdido...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...