História Uma aventura hunter - Interativa - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hunter x Hunter
Personagens Alluka Zoldyck, Gon Freecss, Hisoka, Illumi Zoldyck, Killua Zoldyck, Kurapika, Leorio Paradinight, Personagens Originais
Tags Hunter X Hunter, Interativa, Killua, Lutas, Tretas
Exibições 1
Palavras 875
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Luta, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Pretendo me esforçar muito de agora em diante, e como mudei a escrita, isso é tipo um teste, os próximos cap serão melhores, prometo (agora estou com vontade de reescrever a fic inteira, mas não dá né, kkk)

Capítulo 16 - X Capítulo 14 X


Fanfic / Fanfiction Uma aventura hunter - Interativa - Capítulo 16 - X Capítulo 14 X

Haru POV  

— Enquanto Gon está ai, vamos sair pra comprar e vender coisas, o dinheiro que Netero nos deu é pouco mas dá, não é? — Tomoe disse ajeitando o  cabelo  

— Acho uma boa ideia! Eu deixo a queda de braço pra depois, ok Gon? 

— Ok Yuu! 

— Vamos formar duplas, vai ser mais rapido — Exclamou Kurapika 

— Deixa comigo onii-chan! Vou fazer uns shippes bem vida loka — Yumi me encarou com um olhar malicioso, não estou com um bom pressentimento 

— Tomoe fica com Haru! — A loira apontou para nós dois 

Ainda não sei se eu devia estar brava ou feliz.... Yumi continuou formandos duplas, Mei decidiu ficar sozinha, eu não vou com a cara daquela garota, ela realmente tem agido estranho ultimamente, imagino oque ela deve estar a aprontar, ...já sei! 

*** 

— Tomoe! Vem aqui! 

— Haru?... 

— Nós não vamos fazer nada dessas coisas, não até descobrirmos oque aquela garota apronta! 

— Você diz Mei? 

— Sim 

— Então é melhor irmos logo ou vamos perdê-la de vista — Retrucou Tomoe 

— Há sim! Hehe, que bom que você concorda comigo! 

— Não tem como eu discordar de você — Ele disse com um leve sorriso, e logo voltou a sua expressão original, a esse ponto eu já estava corada 

*** 

Kin POV 

— Eu tive sorte de fica com você, Kin 

— Oras! Não seja interesseiro! — Falei 

— E você não seja rude! Hehehe — Kyoto estava rindo, eu gostava de o ver rindo assim 

— Vou vender isso, oque acha? — Tirei o objeto da minha mochila 

— Hum, coração de... 

— Gelo — Completei 

— Deve valer bastante dinheiro, foi uma boa ideia traze-lo, Kin 

— Sim eu sei 

Estávamos andando normalmente em busca de algum lugar para vender o objeto, até que uma garota passou correndo fazendo eu quase derrubar o ''coração de gelo'' 

— Ei! Cuidado ai! — Resmunguei em um tom um pouco alto 

— Sinto muito — A garoto falou com uma expressão séria 

Ela tinha cabelos vermelhos, sendo que sua franja tapava seu olho esquerdo, que pelo oque eu vi era verde, suas roupas eram em estilo vitoriano, e ela era muito bonita, aparentava ter uns 12 ou 13 anos de idade 

— Bom eu tenho que ir, nos vemos por ai, quem sabe — Ela disse logo se retirando 

Não sei porque mais acho que vou reencontrar ela, e não muito tarde 

— ...Estranho — Disse Kyoto em um sussurro 

— É... enfim, acho que aquele lugar vai ser ótimo para negócios — Apontei para ele 

— Sim! vamos! Kin-chan! 

— N-Não me chama assim, baka! — Senti minhas bochechas esquentarem 

*** 

Kalih POV 

Finalmente aviamos terminado as vendas, foi rápido, porém não vendemos muito mesmo, eu e Aiko nos encontramos com Yuna e Killua, estávamos sentados em uma mesa comendo sorvete, e Aiko mexia no celular, uma música começou a tocar, vinha do celular da rosada 

''Era uma vez um pudim apaixonado

Estava andando nas ruas quando foi atropelado

Puft

Pudim amassado

Pudim amassado

Pudim amassado

Pudim amassado morreu

Boa noite, doce pudim'' 

— Oi? Ta lokona Aiko? Bebeu? — Killua falou em meio a risadas 

— Sim sim... foi dolly né safada? — Yuna concordou com uma expressão séria que logo se transformou em um sorriso 

— Isso me deu uma ideia — falei — Vamos fazer uma aposta, e, quem perder, vai ter que se vestir de pudim e dançar essa musica em um lugar público cheio de gente! 

— Hahaha! Ótimo! — Todos concordaram 

*** 

Haru POV 

— Aaa não, ela entrou em um beco! 

— Haru... Vamos voltar, está escurecendo e vai ficar escuro 

— Escura não me incomoda — Exclamei entusiasmada 

— ...Ok 

Mei entrou em um beco e desapareceu, tipo, páh! Sumiu, eu e Tomoe procuramos por bastante tempo e não a achamos, então a escuridão finalmente veio a toa, e estava muito escuro, pelo fato de estarmos em um lugar fechado, de repente, senti alguém segurando minha mão 

— T-Tomoe!? — os olhos dele estavam lacrimejando 

— H-Haru... E-Eu... Eu tenho, EU TENHO MEDO DO ESCURO! — Ele deixou as lagrimas caírem 

— Oh Tomoe! Porque não me disse antes? Nós iríamos embora sem problemas! 

— E-Eu fiquei com vergonha — Ele olhou pro lado envergonhado — pois eu sei que é um medo bobo, mas... eu tenho! 

— Awwnn que fofo! Não precisa ficar com vergonha, acredite ou não existem medos bem estranhos por aí, hehe 

Ele continuava a olhar pro lado, corado, acho que ele não estava se sentindo bem, com vergonha e com medo, só sei que era uma cena muito fofa, logo por impulso, sem perceber, eu o abracei 

— H-Haru!? *Muito corado 

— Vamos voltar 

— Obrigado... — Tomoe retribuiu o abraço, era realmente muito bom 

*** 

Kurapika POV 

— Agora que estamos todos aqui, e já arrecadamos dinheiro, vamos arrumar um lugar pra ficar 

— Certo, mas a onde? — Ana falou escorada em Yuu 

— Bem que Kiichi podia deixar a gente ficar na casa dos pais dele — Gon disse em um tom cansado, provavelmente de ficar fingindo que era difícil vencer na queda de braço 

— Onii-chan!!! Eu preciso comer! 

— ...Eu posso te dar um pedaço do morango do meu bolo — Kalih falava com uma expressão não muito feliz 

— Nossa que mizera Kalih! Eu to morrendo de fome e você me oferece isso! 

Eu pensei, pensei, e pensei mas não faço a menor ideia de onde ficar, talvez um hotel, porém teriamos que gastar dinheiro, e o ruim é que teremos que ficar lá varias noites, hum... 

— Precisam de ajuda? — Alguém que eu não conhecia perguntou 


Notas Finais


Bem, eu não revisei (to com sono) então desculpa qualquer erro, bjoos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...