História Uma babá nada perfeita. - Capítulo 29


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction, Zayn Malik
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags One Direction, Zayn Malik
Exibições 157
Palavras 1.290
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishounen, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Hentai, Mistério, Musical (Songfic), Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa Leitura ^^

Capítulo 29 - Capitulo 28 - Então essa é a Doniya?


Melissa On.

Acordei com uma ligação e só então eu percebi que estava dormindo no sofá com a TV ligada, olhei no retrovisor do meu celular e ali tinha um número desconhecido, atendo ou não? Merda, vou atender.

- Alô? - Perguntei seca, vá que seja alguém querendo me sacanear.

- Mel? - Uma voz chorosa e conhecida por mim falou, me sentei rápido no sofá já preocupada.

- Wal?! - Perguntei um pouco alto.

- Mel, vem pra cá? - Perguntou desesperada.

- O que aconteceu? - Perguntei séria.

- Minha mãe sofreu um acidente, vem por favor.. - Suplicou, eu falei um 'em cinco minutos estou aí' e desliguei, peguei apenas um roupão e coloquei minhas pantufas e fui correndo pro banheiro escovar os dentes. Assim que terminei fui pro meu carro, adentrei o mesmo e  dei partida seguindo em direção ao hospital. 

(...) 

Cheguei na casa do Malik e o clima estava tenso, não os julgo. Zayn estava mal mas não queria demonstrar por causa das irmãs, quando chegamos no hospital fui direto pegar um café pra nós dois. O médico não quis dizer como a Trisha estava porque provavelmente o Malik teria um ataque ali mesmo, então não contou e nos deixou com uma 'pulga atrás da orelha'. 

Chegaram alguns policiais no hospital e vieram falar direto com a gente, assim que dissemos que estávamos aqui pela Trisha um menino de cabelos ruivos saltou na nossa frente e começou a falar coisas absurdas, acho que eu nunca vi um Zayn com tanta raiva como eu vi hoje, levamos alguns sermões dos policiais, mas ninguém liga realmente pra sermão. Depois de ânimos mais calmos eu fui pro banheiro, no caminho o doutor Burns me parou com o olhar preocupado.

- Eu poderia falar com você? - Perguntou sério.

- Claro, claro! - Falei.

- Eu percebi que o menino lá que estava contigo na sala de espera é um pouquinho nervosinho. - Disse com um tom brincalhão, eu sorri.

- Não é pouco, mas tudo bem. - Disse também brincalhona.

- Enfim, eu prefiro contar pra você e depois você vê o que faz, a paciente Trisha Malik está com alguns coágulos sanguíneos no cérebro e devido ao baque forte em que ela deu no volante do carro, de algum modo perfurou o pulmão dela. - Quando ele terminou de falar eu arregalei os olhos.

- Isso é sério? - Perguntei chocada.

- Eu não teria motivos pra brincar com essa situação. - Disse um pouco seco.

- E ela vai ficar bem né? - Minha vontade de chorar se mostrou presente.

- Eu não sei te dizer ao certo.. - Ele disse analisando a porra de ficha da Trisha.

- Ela pode morrer doutor? - Perguntei baixinho.

- A chance é maior do que a chance dela viver, eu sinto muito. - Disse e saiu, eu fui correndo pro banheiro, me escorei na pia e comecei a chorar. Puta merda e agora? Saí do banheiro com a cara muito inchada e provavelmente vermelha. Como eu dou essa notícia da melhor forma possível pra alguém? Cheguei perto do Malik e o mesmo notou que eu chorava.

- Estava chorando? - Perguntou sério.

- Zayn, eu tenho notícias da sua mãe.. - Falei baixo, eu estava nervosa. - Mas não surta tá? - Eu tinha medo da reação dele.

- Fala logo Melissa! - Exclamou sério. 

- Ela está com alguns coágulos sanguíneos no cérebro e ela perfurou um pulmão. - Disse, vi ele arregalar os olhos.

- Mas o estado dela, você sabe? - Perguntou claramente nervoso.

Ela corre risco de vida, Zayn. - Foi a última coisa que eu disse, pois eu comecei a chorar. Demorou alguns segundos pra eu me recompor, assim que eu olhei pro lado vi uma lágrima cair no rosto do Zayn seguidas por outras, isso sim foi uma facada no meu peito, eu o abracei sentindo que ele apertava cada vez mais. Nem me importei com o sufocamento, deixei que ele desabafasse ali em meio as lágrimas. 

(...)

Eram quase seis horas da manhã e nenhum dos dois conseguiu dormir, Zayn estava deitado na minha coxa e não parava de fitar o teto, eu as vezes o encarava e tentava desvendar o que estava pensando, mas ele parecia notar que eu o encarava e ria. 

- Preciso fazer uma ligação. - Ele disse e se levantou indo em direção a porta, peguei meu celular e mandei uma mensagem pra Vitoria avisando que era pra avisar os meninos que a Trisha está no hospital, assim que eu mandei Zayn adentrou novamente o local e se sentou uma cadeira de distância da minha pessoa. - É normal eu ter medo? - Perguntou sério.

- Não precisa ter medo, ela vai ficar bem! - Eu o garanti, ele assentiu e olhou pra frente encarando o menino ruivo, que também o fuzilava com o olhar. 

- Nem conheço mas eu já odeio. - Zayn disse raivoso.

- Quem? - Perguntei fingindo não saber.

- Aquele ruivo. - Apontou pra frente ignorando o menino que o encarava. 

- Cara feia pra mim é fome. - O menino ruivo falou do outro lado da sala, eu bufei.

- Então você está desnutrido. - Eu disse sem paciência, os dois olharam pra mim, Zayn com um sorrisinho e o ruivo com um olhar mortal.

- Fica quieta que eu não estou falando contigo. - Ele disse bravo.

- Nossos ouvidos não são vaso sanitário pra ti vir falar merda, então te fecha. - Zayn falou seco com um sorriso irônico no rosto, depois dessa o menino se calou e o silêncio prevaleceu ali. 

(...)

Algumas horas se passaram, mais precisamente quatro horas. Eu já andei por todo esse hospital, já comi, já fui no banheiro e comi novamente. Eu estava nervosa e, bom, o Zayn foi até o meu carro dormir um pouco, fui até a sala de espera e encontrei cinco indivíduos - Niall, Vitoria, Liam, Louis e Harry. - sorri ao vê-los, Vitoria veio correndo e me abraçou.

- Como você está? - Perguntou séria.

- Eu tô bem, o problema é o Zayn.. - Disse triste.

- Cadê ele? - Harry perguntou.

- Tá no meu carro, ele foi dormir um pouco. - Expliquei.

- E o que a senhora Trisha tem? - Liam perguntou.

- Coágulos sanguíneos no cérebro e pelo que parece ela perfurou o pulmão.. - Eu disse.

- Puta merda! - Louis gritou atraindo olhares dos enfermeiros.

- Vocês estão aqui desde que hora? - Niall perguntou calmo.

- Acho que era três e quarenta estávamos aqui, eu não vi muito bem o horário. - Falei.

(...)

Eram quase meio dia, os meninos foram embora e Zayn ainda não havia retornado do seu 'cochilo'. O médico já passou aqui e disse que iam fazer a cirurgia nela, eu fiquei mais tensa ainda. Estava olhando algumas coisas no meu celular quando o Malik entra com uma menina morena no seu lado, ele sorria feliz. Ela parecia mais velha que ele - mas isso não é um problema pra ele. 

- Melissa, quero te apresentar minha irmã mais velha Doniya. - Zayn disse sorrindo. Olhei pra ela também com um sorriso, mas a mesma me olhava feio. Então essa é a Doniya?

- Sou Melissa, prazer. - Estendi minha mão para apertar a dela, ela com contragosto apertou.

- Doniya, o prazer é seu. - Já sei da onde o Malik aprendeu a ser assim. Sorri sem graça.

- Ela é babá da Safaa. - Zayn disse, ela levantou as sobrancelhas surpresa.

- E porque você está aqui e não cuidando da minha irmã? - Ela perguntou seca e séria, arregalei os olhos.

 


Notas Finais


Obrigada por chegarem até aqui!
Eu amo vocês sz
Desculpa os erros *u*

Um beijo um queijo, Duda sz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...