História Uma Brasileira na Coreia do Sul! - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Colegial, Romance
Exibições 4
Palavras 1.002
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Colegial, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Álcool
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oie galera! Me desculpe a demora, estava cheia de provas, trabalhos e briguei com minha amiga, mas estou de volta!

Capítulo 7 - Café


Fanfic / Fanfiction Uma Brasileira na Coreia do Sul! - Capítulo 7 - Café

Naquela noite eu sonhei que Namjoon e eu estávamos num jardim. Ele pega uma flor do chão, põe em meu cabelo, me olha fixamente e diz:

– Incrível como você consegue ser mais linda que as flores daqui.

– Namjoon, não é pra tanto...– estava corada de vergonha.

– Claro que é!

Maldito despertador... Pelo menos verei Namjoon hoje. Só por isso, resolvi me arrumar mais: passei meu perfume favorito, meu gloss que tanto amo ,um pouco de rímel e pus uma faixa no meu cabelo. Lá vou eu, me sentindo a diva, me encontrar com minhas amigas.

Jungah estava falando do trabalho com Chaerin, mas eu não estava prestando atenção. Estava pensando no crush o tempo inteiro.

Quando chegamos na escola, era vez da Hee-Young falar. Eu ainda estava distraída, só voltei ao foco quando ela disse:

– Eu e o Taehyung nos beijamos!

– O QUÊ??– eu e Jungah falamos, surpresas.

– Sim!!– ela pulou de alegria.

– AÊÊÊÊÊÊÊ!!– nós três nos abraçamos e pulamos.

– Agora é a Seulgi que vai contar os babados!– disse Hee-Young, animada.

O sinal tocou bem na minha vez, então fomos para a sala de aula. Quando estava sentada, fiquei observando quem entrava na sala. Estava ficando chato, até que o Jimin passou pela porta. Depois dele vieram Jungkook, Taehyung, Hoseok, Yoongi, Jin e finalmente, Namjoon! Ele me olhou com um sorriso lindo... Aquelas covinhas... Aqueles olhos puxados que ficaram mais puxadinhos ainda... Foi um tiro no meu coração!

O professor de coreano chegou, fizemos a reverência, e ele começou a explicar o conteúdo. Fiquei pensando em Nam, e quando menos percebi, o professor falou:

– Moon Seulgi!

– Sim?

– Pode, por favor, prestar atenção na aula? 

– Sim. – curvei minha cabeça.

– Obrigado.

Depois, tive aula de história. Dessa vez, tentei não me distrair, mas o professor chamou minha atenção. Após isso, tive aula de geografia, e estava focada, até que ouvi:

– Kim Namjoon, preste atenção!

– Sim, professora.– ele também curvou a cabeça.

– O que está acontecendo contigo? Você sempre foi muito atento nas aulas. Está com algum problema?

– Não, professora. – ele disse, como se tivesse escondendo algo.

****

Era hora do intervalo, e minha vez de falar do trabalho. Contei tudo o que aconteceu, e elas me olharam com o sorriso do mal.

– Esse trabalho tá fazendo muitos casais, hein? Só observo... – disse Jungah.

– Pior que é verdade! – disse Hee-Young.

POV: Namjoon

Estava olhando para Seulgi, que estava linda, como sempre. Ela fica tão fofa de faixa no cabelo, e o sorriso dela é mais fofo ainda... Fiquei perdido em meus pensamentos, até que Hoseok resolve dizer:

– Gente, o Namjoon tá diferente... Chegou na sala sorrindo, tava distraído na aula, e nem falou nada no intervalo, só ficou olhando pro lado!

– Ah não, não pode ser... – disse Jungkook.

– NAMJOON TÁ APAIXONADO! – disseram Yoongi, Jimin, Hoseok e Jungkook.

– Não, gente! – falei, envergonhado.

– Você tá todo vermelho, cara!– disse Jimin.

– QUEM É?– perguntaram Jungkook e Hoseok.

– O Namjoon ficou olhando pra mesa onde estão a Hee-Young, a Jungah e a Seulgi, portanto, é uma das três! – disse Yoongi.

– É a Jungah? – Jungkook e Jimin disseram, sorrindo  maliciosamente, porém não mostrei uma reação.

– É a Hee-Young?– Hoseok fez o mesmo sorriso, e não reagi.

 Taehyung bate na mesa e me olha com um olhar ameaçador. Todos desviaram as atenções para ele, que disse:

– Desculpa, galera... Tinha um inseto na mesa... 

– O Namjoon gosta da Seulgi! Desculpa aí, mano. – disse Jin, que até então, era o único que sabia.

– AÊÊÊÊÊÊ!!!!– todos gritaram, bagunçando meu cabelo.

– Pô, Jin, que amigo você é... 

– Sou muito bom mesmo, né? Vem comigo! – ele puxou meu pulso e me levou pra perto do banheiro.

– Me levou aqui por quê?

– Namjoon, não vou mais pro café contigo hoje. Quero que leve a Seulgi. Toma aqui o dinheiro!

– Mas Jin, eu nem sei se ela gosta de mim...

– Sério mesmo? Então por que ela estava tão distraída nas aulas? Por que ela deu aquele sorriso pra você quando chegou? Por que ela veio mais arrumada pra escola? Ainda duvida? Nam, eu te conheço. Se esse trabalho acabar, é bem provável que vocês não se falem mais!

– É verdade...

– Então aceite esse dinheiro e faça o convite pra ela! Eu posso não conhecê-la tanto, mas sei que ela vale a pena. Vai perdê-la?

– Não!

– Então siga os conselhos de Kim Seokjin que vai dar certo!

– Valeu, Omma Jin! – nós dois rimos.

****

Finalmente chegou o momento de me encontrar com ela. Todos os meus amigos foram embora, exceto Jin. Seulgi estava com suas amigas, até que Jin, Jungah e Hee-Young resolveram ir embora. 

– Boa sorte. – Jin bateu no meu ombro.

– Obrigado.

Me aproximei de Seulgi, que estava mais confiante, e disse:

– Podemos começar? Vejo que está mais preparada...

– Claro!

Fomos à biblioteca, e ela resolveu as contas muito rápido, nem parecia a menina que vi ontem. Terminamos o trabalho, e quando ela estava prestes a ir embora, tomei coragem e disse:

– Seulgi, espera!

– O que foi?

– É que... Eu queria te conhecer melhor, sabe? Quero ser seu amigo, então, você quer ir ao café comigo?

– Quando?

– Agora mesmo!

– Mas eu não tenho dinheiro, e eu estou de uniforme...

– Eu pago, e você está bonita assim, vamos!

No café, nós conversamos sobre muitas coisas, e eu me identifiquei muito com ela. Sei lá, é como se ela fosse a metade que me faltava...

Estávamos conversando até que o alarme disparou. Eram três da tarde, e era hora de ir para a casa do Jungkook, já que meus amigos estavam reunidos lá. Seulgi também precisava ir, pois seus pais ficariam preocupados. 

Saímos do café e nos olhamos por alguns segundos, depois começamos a nos aproximar um do outro lentamente, e acredito que nós dois sabíamos o que estávamos fazendo. Estávamos muito proximos, mas o Hoseok me ligou.

– E aê, Rap Monster!

– Oi, Hoseok...– respondi friamente.

– Cadê você que não vem? Ah é, está fazendo trabalho com a Seulgi!

– Pois é...

– Você vem ou não?

– Venho sim.

– Estamos te esperando, tchau!

Seulgi me olhou e disse:

– Eu também tenho que ir, está tarde...

– Ah, tá bom. Tchau, Seulgi...

– Tchau, Namjoon... – ela deu um sorriso muito fofo.














Notas Finais


Espero que tenham gostado do capitulo, e estou cheia das ideias para os próximos capítulos! Beijos e até a próxima!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...