História Jikook-Uma Chance para o Amor - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook
Tags Jimin Jungkook Jikook
Exibições 2
Palavras 277
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá pessoas!! Mais um capítulo.

Capítulo 3 - Solidão


Fanfic / Fanfiction Jikook-Uma Chance para o Amor - Capítulo 3 - Solidão

Capítulo 3

Jimin

Eu já estava farto de ser capacho, eu tinha que ter um pouco de amor próprio. Jung sempre ditava as regras, e eu sempre cedia. Hoje eu resolvi que não quero mais isso pra mim.

Nos conhecemos desde a infância e sempre foi meu melhor amigo. Sempre foi meu melhor amigo até o dia que percebi que eu queria mais. Nunca tive atração por nenhuma garota, tive algumas amigas que se interessaram por mim, até cheguei a dar alguns beijinhos, mas nada que me fizesse querer mais. Tudo que eu fazia e pensava, era em função do Jung. Lembro perfeitamente do dia em que descobri que queria Jung além da amizade. Estávamos com 12 anos, tínhamos chegado da rua e, como sempre ele foi lá pra casa almoçar. A vida dele não era nada fácil, e meus pais entendiam que ele precisava de nós. Fomos para o meu quarto para tomarmos banho como sempre fazíamos.

- Jin, você viu como a Sook ficou me olhando? Cara, estou apaixonado por ela. Ela é a menina mais linda que já vi. Quando crescer, vou casar com ela. –  Jung falou e aquilo me deu um baque. Naquele momento desejei ser a Sook. Me senti estranho, não gostei do que senti. Fiquei encarando meu amigo tentando entender o que estava acontecendo comigo.

- O que foi? Que cara é essa?- ele perguntou.

- Nada, acho que não estou me sentindo bem - disfarço.

Ele se aproxima de mim e fala:

- Quer que eu chame a tia?- ele fala preocupado.

- Não, vai passar.

 E nunca passou, desde aquele dia soube quem eu era e o que queria.  


Notas Finais


Espero que tenham gostado. Essa semana posto o capítulo 4. Bjus!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...