História Uma espiadinha - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Super Junior
Personagens Kim Jongwoon, Kim Ryeowook, Park Jungsu
Tags Espiar, Leeteuk, Lemon, One-shot, Ryeowook, Suju, Super Junior, Yesung, Yewook
Exibições 134
Palavras 1.923
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá people... Tudo bem???

Esse é uma one shot que eu tava com a ideia a algum tempo e depois de muitas semanas criando, editando e reeditando estou finalmente postando para vocês Queridos!!

Espero sinceramente que gostem e tenham uma boa leitura kkkk

Capítulo 1 - One shot


Fanfic / Fanfiction Uma espiadinha - Capítulo 1 - One shot

LEETEUK POV ON

O dia havia sido corrido. Ensaios, reuniões com o diretor da SM e trabalhos para o novo show que vamos fazer no Japão daqui 8 meses. Normalmente a esse período estava tudo adiantado, mas as coisas estavam tão corridas e frenéticas que era difícil conseguir tempo para fazer isso. Estou preocupado em ter que adiar o show e eu não quero isso.

Todos os membros haviam saído para suas respectivas tarefas, eles normalmente chegam mais tarde, pois continuam ensaiando até de madrugada. Cheguei mais cedo porque precisava preparar a playlist de músicas para o show no meu computador.

Assim que entro ouço o barulho do chuveiro, alguém deve ter chegado também, mas não vou lá ver, deixo quem quer que esteja tomando banho em paz.

Me troquei, ficando só de box. Depois de tanto tempo juntos ninguém mais usava roupa quando estávamos sozinhos, apenas uma roupa intima porque ninguém merece também né?

Após me trocar ouvi uma discussão, era Yesung e Ryeowook, vinha do banheiro. Normalmente eu pergunto o que esta acontecendo e tento manter a paz na Terra, ou no dormitório, mas como eles não sabem que eu estou aqui decidi ouvir a conversa para ver do que aquela discussão se tratava primeiro.

Os dois estavam no banheiro, a agua não caia mais, abri um pouco a porta, sem ser notado e vi Yesung de box e Ryeowook com uma toalha amarrada na cintura e o corpo um pouco molhado.

Ryeowook estava com as duas mãos na parede em torno de Yesung, deixando o mesmo preso. No momento estavam parados, apenas se olhando, pensei que eles tivessem me ouvido, mas então Ryeowook continuou.

- O que eu fiz pra você Hyung?? Por que você não olha pra mim o dia todo?

- Não é você Wookie-ah, eu estou estressado, cansado só isso! Foi um longo dia... Da pra você se afastar um pouco?...

- Não não da! Você só esta assim comigo, com os outros hyungs você esta normal!! Fala o que eu te fiz!

Aquilo era, no mínimo, estranho. Ryeowook aproximava inocentemente, querendo interrogar Yesung, o mesmo estava se soltar dos braços aparentemente fracos do mais novo. Eu pensei em interferir e fazer aquele interrogatório eu mesmo, porém quando eu ia me levantar Yesung beijou Ryeowook que arregalou com olhos junto comigo. Pela expressão de Ryeowook aquilo era a primeira vez que acontecia e ele estava tão confuso quanto eu.

Logo Ryeowook fechou os olhos também aproveitando e se deixando levar pelo calor do momento. Automaticamente coloquei a mão no meu membro por cima do tecido, ainda estava flácido, mas não tanto quanto deveria realmente estar.

Yesung pediu passagem com a língua e com o tempo àqueles beijos foram ficando mais e mais calorosos. Yesung inverteu as posições, prensando Ryeowook na parede e desceu beijando o pescoço do menor enquanto suas mãos desciam por seu tórax e sua cintura fina, porém musculosa. Ryeowook já começava a gemer baixinho, de olhos fechados, sua mão apertava a parede como se aquilo o ajudasse a ficar em pé.

Meu baixo ventre já me incomodava, é como se eu tivesse vendo um filme pornô ao vivo. Estava pirando enquanto minha mão ficava parada por cima da box, sentindo meu membro crescer a cada toque dos presentes ali.

Senti meu membro clamar por mais atenção quando o rosto de Yesung ficou paralelo a toalha, o mais velho a retirou de Ryeowook, que estava sem box,  começou a passar a língua na base de seu membro, subindo até a ponta, brincando no local, e após alguns segundos abocanhando o membro do mais novo, o fazendo desaparecer e segundos depois aparecer de novo. Alguns minutos se passaram enquanto Yesung sugava com vontade o membro de Ryeowook que gemia alto olhando o maior de cima pra baixo, e ainda apertando a parede agora com mais força. Eu fui obrigado a me masturbar levemente ainda por cima da cueca, tentando aliviar a tensão que se concentrava nessa parte.

Aquilo estava me deixando louco, Ryeowook gemia casa vez mais alto, sofrendo leves espasmos de vez em quando.

- JongHoonie eu... Eu... Eu vou... OOOHWWN!!!

 

Ryeowook gozou na boca do Yesung, que engoliu tudo, deixando apenas uma fina camada branca descer pelo canto da sua boca, mas ele logo se pôs a lamber aquela área e subir beijando novamente Ryeowook.

Não aguentei e coloquei a mão por dentro da minha Box, segurando meu próprio membro e começando os movimentos para cima e para baixo um pouco mais rápido do que estava anteriormente. Yesung se virou e, em reflexo, eu me distanciei da porta, não querendo chamar atenção. Seria desagradável ser pego essa situação tanto para eles quanto para mim.

Quando voltei a ouvir gemidos coloquei meus olhos na fresta da porta de novo tendo a visão de Ryeowook grudado na parede de costas para Yesung e o mais velho estocando um dedo na sua entrada enquanto beijava suas costas e roçava seu membro em sua coxa. Ryeowook pedia por mais e empinava cada vez mais a bunda tentando mais contato, Yesung abaixou-se e começou a beijar a parte interna da coxa do menor, ficando alguns segundos lá antes de subir em direção a entrada de Ryeowook que gemeu arrastado e desafinado pelo prazer que estava sendo proporcionado. Yesung colocou mais um dedo e com a mão livre começou a se masturbar, tirando sua Box.

Tesão. Era isso que eu sentia no momento. Fiz a mesma coisa, abaixei minha Box e fiquei me masturbando na mesma velocidade que via Yesung, estava ofegante também. Ainda bem que os gemidos do Ryeowook cobriam os meus.

Vi Yesung subir retirando seus dedos e roçando seu membro na entrada do menor, provavelmente pra ver o que Ryeowook faria.

- Woonie por favor - Disse arrastado em um tom sensual que fez meu membro pulsar mais ainda, droga, eu não podia gozar, não ali, não teria como disfarçar! To fudido.

Yesung sorriu e começou a invadir o menor que arqueava as costas para trás por causa da dor, apertei mais meu membro, fingindo ter entrado em algum lugar apertado e gemi alto, por sorte Ryeowook soltou um barulho estranho de dor misturado com prazer. Ufa, salvo de novo.

Yesung parou por alguns minutos esperando Ryeowook se acostumar com o volume, enquanto isso eu tive tempo para fazer meu membro relaxar um pouco. Eu devia sair dali não? Eu deveria chegar batendo a porta e dar na cara dos dois. Aquilo não era tolerado, pelo menos não dentro do dormitório. Eu precisava fazer alguma coisa, mas no momento quem estava comandando minhas ações era a cabeça de baixo. Droga. Por que eu queria tanto ver como aquela "discussão" iria terminar?

Voltei a prestar atenção quando Ryeowook voltou a gemer e Yesung agora metia nele, parecia estar muito bom, pois o menor mordia o lábio para poder abafar os gemidos, bom... Não estava dando muito certo.

- Geme meu pequeno... Eu quero ouvir você gemendo meu nome.

Dizendo isso Yesung estocou uma mais forte e mais fundo possível fazendo com que Ryeowook gritasse o nome do moreno entre gemidos e respirações ofegantes...

 

Eu já não me aguentava mais. A cada estocada no menor eu aumentava a velocidade de minhas mãos em meu próprio membro. Estava suando, gemendo junto com os dois que faziam a festa no banheiro. Yesung estocava com força e agilidade, Ryeowook gemia alto e descontrolado, soltou um "puta que pariu". Tenho certeza que Yesung acertou sua próstata porque o pequeno quase nunca falava palavrão. Eu já estava nos céus, me masturbava em uma velocidade constante e gemia junto a Ryeowook. Parei quando percebi que estava quase lá e permaneci apenas olhando. Yesung ia mais lento, quase parando. Recebendo o olhar de desaprovação de Ryeowook.

- E se alguém chegar? - Dizia Yesung.

- Ninguém vai chegar não! A gente ouve!

Dizendo isso Yesung se retirou de Ryeowook, o virou de frente e apalpou sua bunda com agressividade e luxuria, levantando o menor e o colocando no seu colo entre seu corpo e a parede, automaticamente Ryeowook cruzou suas pernas nas costas do moreno que introduziu seu membro de novo voltando às estocadas enquanto beijava o pescoço suado do quase maknae do grupo. Ryeowook gemia e se masturbava ao mesmo tempo fazendo eu e Yesung ter uma visão do verdadeiro paraíso.

Eu não era muito fã de homens e nem gostava DAQUELE JEITO dos meus dongsaengs, mas aquela visão das mãos do Yesung apertando a bunda o menor, seu membro entrando e saindo e beijando seu pescoço... E Ryeowook gemendo de olhos fechados e se masturbando era certamente a cena mais bela que eu já vi em toda minha vida. Mas minha alegria durou pouco quando Ryeowook gozou e Yesung gozou logo em seguida. Fazendo os dois gemerem alto e se contorcerem pelo prazer que estavam sentindo no momento.

Eu, que havia voltado a me masturbar levemente, parei os movimentos antes que eles escutassem o barulho que minha mão fazia quando batia em meu baixo ventre e viessem conferir o que estava acontecendo.

Yesung deitou no chão seguido por Ryeowook. Que agora o abraçava, suados e respirando pesadamente. Isso dava para perceber com a movimentação agitada de seu peito.

- Acho que agora você deve tomar um banho definitivo! - Os dois riram. - Eu te amo meu pequeno!

- Eu também te amo!! Mas estou preocupado! Como vamos fazer pra contar pro Leeteuk Hyung?

- Shii!! Não precisamos contar agora!! Venha vamos tomar um banho.

 

Essa foi à deixa para eu sair daquele lugar e ir para o meu quarto, me trancando no mesmo, eu respirava rápido e meu membro só não estava mais duro porque não era dois.

Foi a minha vez de ir tomar banho. Minha mão novamente foi para meu membro. Dessa vez, sem preocupação de ser pego em flagrante, aumentava a velocidade conforme eu me lembrava dos detalhes do que eu havia acabado de presenciar e assim eu gozei gemendo alto enquanto o box do banheiro era melado pelo meu sêmen.

Limpei tudo e sai do banho, colocando outra Box e deitando na cama. Minhas pernas estavam bambas, nunca havia ficado tão duro por tanto tempo.

Estava morrendo de fome, esperei mais alguns minutos para me recompor então decidi sair pra comer alguma coisa, quando cheguei à cozinha Ryeowook estava com Yesung preparando um lanche enquanto conversavam animadamente sobre algum assunto aleatório. Merda! Esqueci que iria ter que enfrentar eles depois do que acabou de acontecer.

- Aah Hyung você chegou? Não te escutei! Esta aqui desde quando? - Perguntou Yesung na maior cara de pau.

Ah nada... Apenas peguei vocês fazendo sexo e me masturbei enquanto olhava. Magina! Tranquilo.

- E-e-e-eeu acabei de c-chegar... – Eu estava morrendo de vergonha! Me contentei em dizer, ou tentar dizer, apenas isso antes que falasse merda.

- Credo Hyung fala com a boca! Por que esta gaguejando?

- Eeeeeh... E-eu vou sair para comprar alguma coisa. – Disse ignorando a pergunta e me virando e indo em direção a porta de saída.

- Mas Hyung, espera! Você esta só de Box.

- A-ah.. Eu estou? – Verdade... Eu estou - B-bem vou me t-trocar então!

Disse saindo correndo pro meu quarto de novo. Nossa que constrangedor. Eles devem estar se perguntando o que raios acabou de acontecer, coloquei uma blusa e uma calça qualquer e finalmente sai.

Eu acabei por nem fazer a playlist do show. Aigoo. Tenho que ficar de olho nesses dois a partir de hoje.

LEETEUK POV OFF


Notas Finais


O que acharam??? Mereço comentários?? kkkkk

Espero que tenham gostado!!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...