História Uma fundashi maluquinha - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Tags Comedia, Diabólick Lovers Drama, Romance
Visualizações 84
Palavras 1.734
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Esporte, Famí­lia, Festa, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Self Inserction, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiiiiii meus amores , como prometido estou aqui trazendo mais um cap pra vocês .
Bom gente eu sei que promete postar domingo tbm mais esse não vou poder , vou estar com a família do meu pai o dia TD é vou fugir pra casa de um primo meu pra tentar postar , mais talvez não dê então Desculpa se não der.
Mais o cap tá aí e boa leitura meus amores .

Capítulo 13 - Os erros do passado e os acertos do futuro


Mei Mei on  



Affs gente do céu , nem uma semana faz e eles estão se matando aqui pelo amor de kami . Subaru só sabe brigar com o colega de quarto dele é por isso ele sempre está no meu caminho é o derrubo , mais né gente mas ele aprendeu a me castigar , ele me morde sempre que eu caio encima dele e ainda me dá um tapa na cara  e fala pra eu ir dá a bunda e o resto do corpo pro Kou . No momento estou aqui na sala no sofá lendo um Yaoi pela internet , meu vocês não sabem o que é bom eu precisava disso pra relaxar depois de tudo o que aconteceu , mais quando eu disse que estava livre de Derick senti que ele estava sei lá como se ele pudesse ainda estar vivo depois de tudo .


Estou de boa quando um ser loiro se joga encima de mim , deitando pra ouvir música e dormir como sempre faz , mais acho que ele pessa que eu sou travesseiro ou algo assim .


- Ei , Shu eu não sou travesseiro - disse rindo e afagando seus cabelos , já estou quase me acostumando com isso.


- Fica queta e me deixa - disse educado como sempre comigo - o que está fazendo ?


- Lendo , educação em pessoa porque  ? - disse rindo .


Sou educado com quem merece , lendo o que ? - pelo amor de kami alguém nessa casa não me humilha


- Lendo  Yaoi educação , porque algum problema ? - disse tentando sair de baixo dele .


- Não , fica queta se não vai ver o castigar que a pervertida vai ganhar - disse me ameçando.


Como alguém me ameça eu adoro atiaçar mais o fogo , vamos porque acho que nessa casa só a Yui ainda não me castigou até hoje o resto , já fez o impossível . Vamos ver o Kanato aquela vez com o Laito , o Subaru nem vou falar só viver com ele é um castigo , mentira adoro essa família mesmo assim é uma bangunça , voltando aonde eu estava ? Ae tava atiçando o Shu pra ver se ele vai me castigar mesmo .


- Não sou pervertida , mais  se quiser me castigar então castiga Shu - disse me remechendo como se pedisse pra apanhar um pouco , acho que mereço as vezes .


Droga isso que dá passar muito tempo com Kanato e Azusa aqueles sadomasoquistas , em uma semana eles já deram até uns pegas eu adorei isso e eu que vi imagina como a fundashi aqui reagiu . Surtei bonito eu tenho até uns shippes nessa casa já , Kanato e Azusa , Yato e Yui nem falo , Kou e Subaru mais eu também gosto do Subaru e do Kou mais não sei explicar 


- Quer castigo garotinha , vai ver o que vai receber por ser tão atirada - disse trocando nossa posições mais sentando em cima da minha cintura .


- Ah , não eu tava brincando , sabe que te amo - disse tentando sair - me deixa ir Shu por favor .


- Agora você vai fazer o quero garotinha , fica quetinha e se gritar ou gemer vai ver o que é bom - disse com um olhar que me assustou ele anda muito estranho últimamente .


Essa casa não é normal e nem as pessoas que moram nela , mais ultimamente está ultrapassado os limites de maluquicesse .


- Shu não faz...  Ahhhhh.... - ele fincou as presas bem no meio do meu pescoço .


- Calada Mei Mei ou você vai ver uma coisa -


- Shu... Uhmm... Você está me...- fui impedida de falar por que ele tampou minha boca .


- Queta e me obedeça - disse começando a morder por toda as partes do meu corpo .







---------Quebra de tempo--------








Depois de Shu me castigar como se eu fosse sua Cadelinha , eu estava indo pro meu quarto quando adivinhem . Mais dessa vez eu não derrubei ele .


- Ah , Desculpa Mei Mei não te vi aí . - disse simples tentando se levantar.


Ooo queee... Subaru caindo encima de mim ainda vai mais , perdir Desculpa e ainda usando meu nome sem me xingar e não me matrando , essa casa tá de cabeça pra baixo só pode .


- A-ah tudo bem com você ? Está meio aéreo - disse vendo que ele falhou ao tentar se levantar e caiu encima de mim de novo .


- Tudo , só meio tenso .- Nos levantamos e ele escorou na parede.


- Me diz o que quer que eu faça pra ajudar a melhorar a sua tensão - disse amigável .


Mais né gente alguém lá encima resolveu trazer ele de volta pra realidade e começar a brigar comigo . Alguém lá encima odeia mesmo .


- Vadia me deixa em paz , vai dar lá pro Kou e me deixa - disse me encarando  com raiva.


- Isso que dá tentar ser gentil com você , vem vou fazer uma massagem em você pra ver se melhora - disse o puxando para seu quarto .


Entrei e o joguei na cama , com um empurrão ele caiu de costas subi por cima pra ver se ele brigava ou pelo menos saia do meu mundo da lua , sim quem vive nele sou eu não ele .


- Desçe de cima de mim vadia - disse me derrubando no chão .


Me pegou pelos cabelos do chão e me jogou na cama segurando meus braços , sentou encima de mim e cravou as presas no meu pescoço . Acho que não gosto porque abriu a minha brusa e mordeu meu seio esquerdo , meu kami acho que desse jeito ele vai me estuprar .


- Subaru , por favor não me machuque te imploro já estou toda machucada - pedi com os olhos cheios de água.


- Que gracinha você implorar assim vadia , até me excita - disse sorrindo malicioso.


- Ahhh... Uhmmm...por favor para , estou já... Uhmmm ficando ... Pelo Amor de Deus - pedi não conseguindo controlar e acabo o beijando insanamente.


- Uhmmm... Sua boca é ótima vadia , e já está excitada que gracinha .- disse rindo e me beijando insanamente , pra me atiçar.


- Me castigue mestre por favor , me bate e me faz sua - pedi perdendo a sanidade que tinha que não é muita .


- Quer castigo vadia , então quer ser minha então me obedeça .- disse me dando um tapa na cara e lambendo em seguida.


- Sim Subaru .- outro tapa e ele me jogou no chão.


- Me chame de mestre ouviu cadelinha , vem me faz um boquete logo - disse me chamando com um dedo.


Engatinhei até ele é abri sua calça e desci junto com a boxe , ele estava sentado na beirada da cama então quando vi o membro seme ereto agarrei enfiando na boca tudo o que conseguia , chupei com vontade até estar bem lubrificado .


- Tire sua roupa e senta aqui , quero ver o que a vadia sabe fazer - disse sorrindo malicioso.


Me sentei e comecei a cavalgar segurava em seu pescoço subindo e descendo devagar até me acostumar e aos poucos fui acelerando , até que ele começou a ditar meus movimentos e depois me empurrou para cama e subiu emcima de mim logo me penetrando . Logo os movimentos ficaram brutos depois me pois de quatro e depois de novo me coloco pra cavalgar, mais como a vida não gosta de mim e nem alguém lá encima , entrou Yuma no quarto quando Subaru me fez sentar nele de novo pra cavalgar na hora que Yuma entrou tínhamos acabado de atingir nosso clímax e termos gozado , agora que fui parar pra pensar que trazamos sem proteção que ótimo agora só falta eu engravidar do Subaru na primeira tranza.


- Que o que vocês estam fazendo , ela tranza bem Subaru parece bem cansado - disse sorrindo malicioso e começou a rir . Subaru me jogou no chão e mandou vestir minha roupa e vazar .


- Subaru não tô conseguindo parar em pé você acabou comigo - disse pra ver se ele pelo menos me ajudava mais né é Subaru gente .


- Vaza vadia você mesma disse que só queria me ajudar a aliviar a tensão e já aliviou , agora some daqui - disse irritado .


- Subaru , porque transou comigo se me detesta- perguntei me levantando camabaleante.


- Pra ver se algo certo a vadia sabia fazer , e pelo jeito sabe olha se quiser trabalhar tenho uma sugestão se vende na esquina que consegue uma boa grana em menos de uma hora - disse rindo acariciou meu roto só pra me dar mais uma mordida no pescoço e depois um tapa e me jogar pra fora do quarto .


Cai aos pés de Ruki que me encarou bravo e hoje que meu dia acaba bonito , ele me arrastou pelos cabelos me jogando dentro do meu quarto aos pés de Kou .


- Vê se cuida dela , ela só arruma encreca .


Novidade Ruki e obrigada por me trazer com carinho arrastada pelos cabelos pra cá , adoro vocês .


- O que houve gatinha? Que tal banho pra você descansar e dormir .


Tomei o banho vesti uma roupa e me deitei e apaguei , meus sonhos que sonhos o caralho foi um pesadelo Derick estava vivo e veio me buscar , aí credo o diabo em pessoa é mais gentil que ele comigo . Que droga até nos sonhos o capeta me persegue pelo amor de kami alguém de fato literalmente me odeia lá encima .


- Acorda gatinha tá na hora da escola - disse Kou me acordando .


Vesti o uniforme e desci e fomos , foi um silêncio as aulas foram até legais mais quando eu é Yui ficamos esperando a aula extra dos meninos acabarem pra irmos pra casa , os garotos que eu quase matei apareceram.


- Olha pelo menos Aimi Mei Londrina Castanheves sabe controlar o demônio que tio  DERICK despertou - disse o um dos garotos .


Que história é essa , que porra só pode o destino tá de zoereira ele não pode estar vivo é o matei com minhas próprias mãos ou será que pode , aí por Kami só me meto em encreca .


Socorro alguém me tira desse pesadelo que é a minha vida.







Notas Finais


Perdão pelos erros e o a cena dela é Subaru saiu uma merda Desculpa gente .
Amo você podem me matar tá horrível , a escritora aqui é uma caso perdido me esterminem logo e sejam gentis se quiserem podem me machucar se quiserem.
Bjs amo vcs até o próximo e cometem o que tão achando e se devem me matar ou não kkk.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...