História Uma garota nada incomum - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Minha Vida Fora de Série
Exibições 3
Palavras 363
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Escolar, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 9 - Sério? De novo Tiago.


O Tiago quer falar comigo depois de ele me escutar berrando que não  gosto dele, o que será  que ele quer?
 Eu fui até  ele é disse:
         --Desculpa, eu acho que você  entendeu errado.
         --Ele te mostrou só  um pedaço  da conversa,  né?
         --Tem mais uma parte?
         --E acho que você  não  deveria ficar brava comigo  ta.
         --Como assim?
         --Você vai entender.
         --Você vai me mostrar a conversa?
         --Claro, já que ele mostrou a outra né. Mas,  você  só  vai ler longe do Carlos.
         --Por quê?
         --Ele não  queria que eu te mostra-se. Mas eu também  não  queria que ele mostra-se a outra.
          --Ok então.
          Ele me entregou o papel e eu agradeci.
          --Antes de eu ler, você  sabe por que eu disse que não  gostava de você?
          --Não, tinha me esquecido de perguntar.
          --Em vez de eu falar que não  gostava de você, era para falar que não estava apaixonada por você.
          --Era só isso?
          --Sim, é  que eu gosto de você  como amigo,  então  não  podia dizer que não gostava de você.
          --Entendi.
          --Mas agora eu vou para casa ler ta?
          --Ok, mas não esqueça de conferir se ele dormiu.
           Eu fui para casa. Quando era 23:45,  Carlos já  estava dormindo e eu fui para o meu quarto ler o papel. Sentei na cama, peguei o papel e de repente alguém me tocou e eu dei um grito.
           --Calma Raquel, sou só eu medrosa.
           --De novo me Assustando Tiago? Você  não cansa de fazer isso?
           --Você se assusta muito fácil.
           --O que você  ta fazendo aqui?
           --Eu queria estar aqui quando você lê-se.
           --Ta, mas por que?
           --Leia que você  vai saber ué.
           --Ta, mas peraí, como você entrou aqui?
           --Janela aberta amiga.
           --Da próxima vez,  vou trancar tudo para mim não precisar ver essa monstruosidade. Hahaha.
           --Hahaha, muito engraçado  Raquel.
           --Para você  talvez  não, mas para mim é.  Ficamos conversando e rindo. 

  Quando fomos ver já era uma da manhã. Ele disse que já estava tarde e ele tinha que ir para casa. Aí ele pegou o papel, disse que se eu quisesse ler,  teria que ir na casa dele no outro dia às 16:30.

Ok! Não deu para ler.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...