História Uma garota Suicida - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Suga
Tags Amor, Inferno, Revelaçoes, Romance, Suícidio
Visualizações 64
Palavras 252
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Mistério, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Só para avisar, eu gostaria de falar que eu nao estou insentivando nenhuma tentativa de suicidio ta? Espero que curtam

Capítulo 1 - A flor de cerejeira


Fanfic / Fanfiction Uma garota Suicida - Capítulo 1 - A flor de cerejeira


Eu larguei ali uma rosa sobre o tronco da arvore de cerejeira, e entao sai quase me derrubando em lágrimas, deixei tbm o meu diario, ou pelo menos o que sobrou dele.

Suga narrando:

Eu, Namjoom,Jin e Taehyung estavamos passando sobre uma grande árvore e vimos uma garota largar uma rosa rente a um diario, estranhamos entao quando

ela saiu pegamos o seu caderno de anotações (diario), nao estava em coreano, era outra lingua.

Então arranquei o celular das mãos de Tae, e fui olhar no GOOGLE a traduçao

Tradução:

14 ANOS

EU FALEI O QUE SENTIA POR VC, MAS VOCE AINDA AMA ELA.

4 MESES DEPOIS...

VOCE ME OLHOU FEIO POR MESES, FEZ EU ME SENTIR MAL POR MESES.

MEU CORAÇÃO JA NAO TEM CURA, ELE TA ESTILHAÇADO, QUEBRADO EM MILHOES DE PEDAÇOS.

JA ME CONSIDERO COMO UMA PESSOA SOLITÁRIA, AFASTEI TODOS OS MEUS AMIGOS, AS VeZES EU ME ODEIO, E COMO NAO ODIAR?

16 ANOS

COREIA, VOCE NAO SaBE QUANTO EU QUERIA FAZER INTERCAMBIO AI QUANDO ERA MAIS NOVA. PROMETI A UMA AMIGA QUE IRÍAMOS JUNTAS.

ENTAO ELE MEXEU COM ELA, A TRANSFORMOU EM ALGO QUE HOJE NAO CONHEÇO.

PAREI DE IR A ESCOLA A POUCO TEMPO.

TANTOS OLHARES QUE ATRAVEÇAM MEU PEITO, EU NAO EXISTO. ESTOU... MORTA. AH MEU DEUS, ACHEI A SOLUÇÃO DO MEU PROBLEMA.

VAMO LOGO ACABAR COM ESSE INFERNO.

Nós nos assustamos um pouco. Então o diario acaba ali... pera, mais pra frente ainda tem umas coisas.

Tradução:

MEU CRIME FOI TE AMAR, AMAR COMO EU NUNCA AMEI OU PODERIA AMAR OUTRA PESSOA.

[ algumas paginas em branco depois]


Notas Finais


Voce quer continuaçao? Comente!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...