História Uma história ANORMAL - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais
Tags Bts, Drama, Revelaçoes, Romance, Tragedia
Exibições 24
Palavras 748
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Deixei muitos curiosos kk .. ta na hr de desvendar o que aconteceu!

BOA LEITURA

Capítulo 21 - Fomos presas? Queremos nosso advogado!


Por Jaque

 

- JINNNNNNNNNN!!! - Gritei

 

Por mais que essa situação me deixasse nervosa, abismada e vingativa, ainda não pude acreditar que ele pulou em minha frente.. esse foi o maior ato de coragem que eu já vi. 

 

- SUA.. SUA .. VADIAA! - Gritei me levantando e dando um soco na cara dela. Consegui arrebentar o seu rosto todo, foi ai que ela desmaiou e rapidamente virei para trás, vendo Jin caído no chão ensanguentado em sua barriga. 

 

- JIN, POR FAVOR NÃO ME DEIXE! - Falei chorando, com ele em meus braços, minhas lágrimas caiam em seu rosto macio fazendo ele abrir aos olhos aos poucos e com muita dificuldade de falar

 

- J-Jaque.. 

 

- POR FAVOR, EVITE FALAR.. EU VOU CHAMAR A AMBULÂNCIA! - Falei

 

- ALÔ, POR FAVOR UMA AMBULÂNCIA, URGENTE!  - Falei no telefone

 

Desliguei e rapidamente voltei a acudir Jin.

 

- VAI FICAR TUDO BEM JIN, VOCÊ NÃO VAI MORRER... EU ESTOU AQUI! - Falei chorando segurando sua mão, percebi que ele apertou bem forte minha mão, o que me fez chorar mais ainda, porque sei que ele está sentindo muita dor. 

 

- CALMA! JIN, VAI FICAR TUDO BEM! - Ouvi o barulho da ambulância. 

 

Abri a porta e eles entraram com 2 macas, uma para Jin e para Neide que estava desmaiada. Eles colocaram Jin na maca e eu acompanhei ele até o hospital. 

 

 

 

Por Isa

 

- Sim, sim.. já estou indo praí Jaque, eu vou falar com Raynara, se cuida amiga, beijos! - Desliguei telefone.

 

TELEFONE ON

 

- ALÔ RAY? 

 

- Oi

 

- Você já soube? 

 

- Do que? 

 

- Jin sofreu um acidente e Jaque está lá no hospital com ele, é uma longa história que até eu não entendi direito, então ela nos pediu para ir pra lá, vamos? 

 

- Meu deus, claro, você vem para cá? A gente pega a carona da minha mãe. 

 

- Ok, estou indo! 

 

TELEFONE OFF

 

Rapidamente me arrumei, abri a porta, tranco e quando viro para trás me deparo com uma cena bem absurda em minha frente. 

 

- O QUE VOCÊ ESTÁ FAZENDO SUA PIRANHA! - Falei empurrando Glória para o meio da rua que não passava carro, ela estava beijando Suga bem em minha frente. 

 

Ela me deu um chute nas pernas, o que me fez jogar a bolsa no chão e começar a arrancar os seus cabelos no meio da rua. Caímos no chão e eu estava dando vários socos na cara dela, seu nariz estava sangrando e sua boca também, eu estava parecendo uma louca e maluca, Yoongi tomou atitude e veio me segurar.

 

- ME LARGA YOONGI, TEMOS MUITAS COISAS PARA CONVERSAR. - Falei o que o fez me largar e eu ir direto para a casa de Ray, deixando Glorinha caída no chão e Suga parado socorrendo ela.

 

Sinceramente, as coisas estão começando a ficar muito estranhas e apavorantes, primeiro o caso de Jin, agora isso? E SUGA NEM PARA FAZER NADA? E AINDA SOCORREU ESSA PUTA? AH.. mas ele vai ouvir bastante quando eu chegar em casa! 

 

 

QUEBRA DE TEMPO........................... CASA DE RAY

 

 

Cheguei finalmente na casa de Ray que já estava na porta me esperando. 

 

- Isa, o que aconteceu, você está pálida! - Ela falou

 

- Ai Raynara, vamos sair daqui logo, pelo amor de Deus! 

 

- Vamos meninas, entrem no carro! - A mãe dela falou 

 

Entramos no carro e eu comecei a falar a ela o que aconteceu.

 

- Nossa Isa, quanta coisa que está acontecendo viu! 

 

- Nem me fale.. 

 

- Nossa, por falar nessas coisas estranha, uma garota me ligou.. - Ray falou 

 

- Quem?

 

- Não disse o nome, mas ela começou a me falar que eu ia ser presa, eu até comecei a ficar assustada, mas ai lembrei que pode ser trote e desliguei o telefone.

 

- Nossa.. que coisa hein.

 

 

De repente fomos barradas pela polícia, a mãe de Ray parou o carro assustada e ficamos assustadas também. O policial mandou nós três sairmos do carro. 

 

- Vocês são Raynara, Jaqueline e Isabele? - Ele falou 

 

- N-Não, eu me chamo Isa, ela é Ray e essa aqui é a mãe dela. - Falei

 

- Isabele e Raynara, vocês estão presas! 

 

- PRESAS? - FALAMOS JUNTAS

 

Ele nos obrigou a entrar no carro da policia e a mãe de Ray estava sem entender nada, mas mesmo assim foi com a gente, ela seguiu o carro da polícia com o seu carro. Então fomos direto para a cadeia.

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...