História Uma história de amor (Kai EXO) - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Kai
Tags K-pop Exo
Visualizações 23
Palavras 1.099
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial
Avisos: Álcool, Mutilação, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Meu primeiro dia na Coréia do Sul



Finalmente, finalmente o dia que eu sempre esperei, ele chegou, eu acordei com o despertador do meu celular tocando, eu acordei bem rápido porque eu sou muito difícil pra acordar, então, desliguei o despertador e dei uma olhada no meu celular, ao mesmo tempo que eu chegava minhas redes sociais e outras coisas, eu sentia um frio na barriga, de ansiedade e felicidade.

Levantei e fui direto ao banheiro, lavei meu rosto, enxuguei o mesmo, olhei para o espelho, tirei a toalha do meu rosto e dei um suspiro e um sorriso, como eu estava feliz aquela manhã.

Desci as escadas e fui em direção a cozinha, então eu fui preparar o meu café da manhã, só preparei um nescau porque, de tanta felicidade que eu estava sentindo, eu nem estava sentindo fome.

Me sentei na mesa bebendo meu nescau e ao mesmo tempo ouvindo algumas músicas de K-pop, porque aquele estilo musical me encantava muito, eu era simplesmente uma kpopper, e tinha um grupo que eu gostava bastante, um grupo bem famoso chamado EXO.

Me levantei da mesa, lavei o copo que eu tinha acabado de tomar o nescau e subi para o banheiro para escovar meus dentes, depois, segui para o meu quarto.

Eu já estava atrasada então eu correndo, escolho uma roupa para mim, a minha mãe tinha saído então eu já iria ligar para ela, porque eu nunca mais ia ver ela, não nunca mas, mas eu poderia vir algumas vezes aqui pros EUA para ver e matar a saudade da minha mãe.

Então eu liguei para ela 

-mãe?

-filha, eu estou aqui no aeroporto te esperando, eu tive que sair cedo para resolver uma coisa então eu decidir vir direto para me despedir de você 

-ok e-eu tô meio que bagunçando as coisas aqui sabe, porque... *fechando a gaveta do guarda roupa* porque o vôo vai sair daqui a 2 horas

-ok filha vem logo, não se atrase, você vai realizar o seu grande sonho hoje

-*dou um sorriso e uma risada* ok mãe 

Eu desligo o o celular e finalmente escolho uma roupa, visto ela rapidamente, pego as minhas malas que já estavam arrumadas desde ontem, desci as escadas correndo, peguei as chaves que estavam no móvel da sala, meio atrapalhada com as coisas, eu abri a porta e fui.


Chegando no aeroporto, lá estava a minha mãe, o vôo ia sair daqui a 6 minutos, e eu me despedi rápido da minha mãe 

-filha nunca se esqueça, não será denominada "vida", se não tiver problemas 

Dei um sorriso e anunciou o vôo para a Coréia do Sul, dei o último abraço na minha mãe e fui embarcar no avião

Eu sentei no avião e para apagar o tédio, comecei a ouvir algumas músicas em meu fone de ouvido. Demorou mais ou menos 12 horas para eu chegar até a Coréia do Sul, quando eu cheguei, me deu um arrepio, um frio na barriga, umaa... uma coisa tão boa sabe, uma felicidade imensa, não esperava a hora de eu começar a trabalhar na profissão que eu mais gosto no país que eu mais admiro.


Cheguei na casa que eu tinha comprado aqui na Coréia, coloquei minhas malas em qualquer lugar e me sentei no sofá dando um suspiro de alívio

-eu nem acredito que tudo isso tá acontecendo

Então, eu subi em direção ao meu quarto para guardar as minhas roupas e depois da uma volta em Seul.


Depois de eu ter arrumado tudo, era 18:00 da noite, e eu decidi dar uma volta pela cidade e conhecer as pessoas, parei em uma sorveteria que só tinha 3 pessoas e me sentei em uma mesinhá que estava vazia, pedi um sorvete e fui mexendo no meu celular, quando eu vi um anúncio que o EXO ia fazer um show no dia 28 desse mês, em um estádio daqui de Seul, na mesma hora eu me animei, era um desejo enorme meu, de ir em um show de K-pop, ainda mais na própria Coréia, então, acabei meu sorvete e sair da sorveteria, já estava ficando tarde então eu fui para casa já pensa do no amanhã.



Alguns dias se passaram, o show do EXO era hoje, eu já tinha comprado o ingresso e estava me arrumando para ir, chegando lá eu vi uma fila imensa na frente do estádio, eu fiquei olhando e... não acredito que eu vou enfrentar essa fila imensa

Mais de meia hora na fila, finalmente eum entrei dentro do show, eles começaram a cantártica e dançar algumas músicas, estava tudo muito divertido, eles eram muito simpático com os fãs, gritavam que nem loucos no microfone kkkkkk, aquilo estava sendo tão bom para mim, porque praticamente eu amo o EXO, principalmente um integrante chamado Kai


Ao longo do show, o integrante, Kai, não tirava os olhos de mim, eu ficava meio tímida porque... Ele é o meu utimate no K-pop, eu amo demais esse homem mesmo eu nunca tenha sequer tocado nele, é um amor que eu não sabia explicar

o show terminou, eu fui em direção a saída do show mas o Kai me chamou, cutucando meu ombro, eu virei pra olhar para ele, e quando eu virei, ele era muito mais lindo pessoalmente do que vendo ele em uma tela pixelada 

(K/J)- Oi, eu sei que tá tarde e você deve tá com pressa para ir embora mas, você me chamou atenção no show inteiro, qual o seu nome?

Nesse momento eu gelei, ouvindo essas palavras vindo do meu utimate, da pessoa que eu mais amo e amei mesmo eu nunca ter visto ele pessoalmente 

-M-eu nome é Hannah, Hannah Martin

(K/J)- Prazer Hannah, então, não preciso dizer o meu nome porque você já deve saber né *rimos jutos*

(K/J)- Você é muito bonita sabia

-*Dei um sorriso timido* muito obrigado

(K/J)- Você poderia me dar o seu número, sabe eu... gostei muito de você

- Ok 

Eu não poderia negar aquele pedido, ainda mais do meu utimate, enão eu dei o número e ele anotou

(K/J)-Foi um prazer te conhecer Hannah 

-O prazer foi todo meu, eu sempre tive muita vontade de te ver pessoalmente, você é a pessoinha que eu mais amo no K-pop

Ele deu um sorriso, o sorriso que sempre me mata, e que me faz sorrir junto, ele me deu abraço e uma pessoa chamou ele, deveria ser alguém que trabalha na S.M. sei lá, ele olhou pra trás dando o último sorriso e seguiu seu caminho

Depois que ele foi, eu dei um sorriso enorme, eu nem tava acreditando que eu tinha acabado de conhecer o Kim Jongin, eu olhei as horas no meu celular e já era tarde, e não eu sair daquele lugar e fui para a minha casa.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...