História Uma historia nao contada - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Once Upon a Time
Personagens Capitão Killian "Gancho" Jones, David Nolan (Príncipe Encantado), Emma Swan, Henry Mills, Mary Margaret Blanchard (Branca de Neve), Regina Mills (Rainha Malvada), Sr. Gold (Rumplestiltskin)
Visualizações 2
Palavras 0
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Crossover, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Magia, Romance e Novela, Universo Alternativo

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


3 anos após Blair fugir da Jolly Roger:
Blair e Mike, agora com 19 e 21 anos, haviam se casado logo depois de chegar a cidade, uma cerimônia onde só havia a presença dos dois e de um padre. Alugaram uma pequena casa, Mike conseguiu uma vaga para ajudar um detetive, estava se saindo muito bem. Blair começou a trabalhar com encomendas de vestidos, logo precisaram ir para uma casa maior que coubesse o ateliê de Blair, que estava sendo muito requisitada na cidade. Estava tudo perfeito na vida deles, a paz que ambos procuraram durante anos eles conseguiram encontrar, eles viviam muito bem e eram muito felizes.
Certo dia Blair levantou cedo, precisava ir ao centro fazer compras, Mike a acompanhou e depois se despediu e seguiu seu rumo ao trabalho. Blair reparou que as pessoas estavam cochichando umas para as outras, ela ouviu o padeiro dizer para uma moça que vendia flores na calçada.
– Você viu que navio parou no porto essa manhã? – Disse o padeiro
- Ouvi boatos que é um navio muito grande de piratas – Disse a moça que vendia flores.
Piratas, Blair engoliu seco. – Bom dia – Disse Blair para os dois – Me desculpe intrometer, mas ao pude deixar de ouvir a conversa de vocês, piratas estão em nossa cidade?
- São os boatos. A guarda real já foi acionada, já imaginou se eles querem causar confusão aqui? Logo numa cidade tão pacifica. – Disse a moça das flores para Blair.
- Sim, piratas só fazem confusão, é bom deixar gente desse tipo bem longe daqui – Disse Blair que depois se despediu e saiu.
Blair ficou aflita, porem pensou, existem muitos navios piratas não é possível que o Gancho e seus homens vão vir parar justo aqui, de qualquer forma comprarei tudo que preciso hoje voltarei para casa e evitarei de sair desnecessariamente.
Ela então fez suas compras e estava voltando para casa quando atravessou por uma rua de comércios muito movimentada, as pessoas esbarravam umas nas outras e alguém tropeçou em Blair que por sua vez deixou cair suas compras e também quase foi ao chão, quando sentiu que alguém a segurou.
- Minha nossa me desculpe, Sr. Smee recolha as coisas da senhorita. – Blair conhecia aquela voz, e ficou tremula.
- Não foi nada, deixe que eu recolho tudo – Blair dizia tentando evitar mostrar o rosto, quando sentiu alguém colocando a mão no seu ombro.
- Blair? E você?
- Quem? Me desculpe, mas está me confundindo com outra pessoa - Disse Blair já saindo.
- Querida está tudo bem? – Era Mike que ouviu rumores de piratas na cidade e resolveu ir atrás de Blair para se certificar de que estava tudo bem. – O que ele fez com você? – Disse Mike olhando para Gancho.
- Está tudo bem-Disse Blair, depois se aproximou de Mike e falou baixo - finja que não os conhece e vamos embora para casa.
- Seu rosto não me é estranho, te conheço de algum luar? – Perguntou Gancho para Mike.
- Por favor nos deixe em paz, com licença – Disse Blair irritada puxando seu marido pelo braço.
Gancho ficou confusão mas tinha certeza que se tratava de Blair e sabia que já tinha visto aquele rapaz em algum lugar.
- Sr. Smee quando terminar volte ao navio, não precisa esperar por mim – Disse Gancho que resolveu ir atrás de Blair e Mike.
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
- O que você foi fazer lá? – Perguntou Blair a Mike.
- Ouvi rumores de que piratas estariam aqui na cidade então fui atrás de você para me certificar de que estava tudo bem, mas pelo visto não está – Disse Mike com cara de preocupado.
- Não sei se ele acreditou, mas eu não vou precisar sair o resto da semana, então ficarei em casa, só irei receber uma cliente essa semana.
- Ele não acreditou, estou com medo dele vir atrás de nos.
- Eu vou fazer alguns feitiços de proteção na nossa casa, e em você, gancho não vai vir atrás de nos.
- Ei espere, ei, eu sei que é você Blair, o leiteiro já me disse que por aqui morava uma moça que costura vestidos chamada Blair – Disse Gancho andando apressado atrás de Blair e Mike que pararam quando ouviram Gancho – E ele me disse que essa moça era casada com um rapaz chamado Mike.
- Sim eu sou o marido dela, o que você quer Gancho? – Perguntou Mike irritado com Gancho.
- Se acalme – Disse Blair para Mike. – Olá Gancho, o que você quer?
- Eu quero saber como você esta, a 3 anos depois que o Barba-Negra tentou tomar o navio eu não te vejo mais, tem ideia de como foi voltar aos meus aposentos e não te encontrar lá, entrar no seu quarto e não te achar? Você sumiu.
- Bom, eu acho que podemos conversar, te devo uma explicação.
- Vamos entrar ali naquela taberna, nesse horário é vazia – Sugeriu Mike.
- Volte ao trabalho querido, eu me viro com ele - Disse Blair a Mike.
- Mas e se ele tentar algo? – Perguntou Mike apontando para Gancho.
- Querido, eu sei me defender – Blair estava falando de sua magia.
- Tudo bem, até logo – Mike se despediu com um beijo na testa de Blair, ela fez um feitiço de proteção em Mike sem o Gancho perceber.
- Va na frente Gancho, não quero ser vista com piratas – Disse Blair olhando para os lados.
Gancho entrou na taberna se sentou numa mesa mais reservada e esperou Blair, que demorou alguns minutos para aparecer, ela estava usando um capuz que Gancho deduziu que era para não ser vista por ninguém, avistou ele de longe e foi em sua direção.
- Você está louco? – Disse Blair irritada.
- O que? E esse capuz? Está com medo de ser vista com piratas? – Perguntou Gancho um pouco confuso e irritado.
- Essa cidade é pacifica, sabia que já informaram a guarda real da presença de piratas aqui? – Disse Blair cruzando os braços – Não tem nada aqui para você roubar Gancho, vá embora.
- Antes você tinha mais respeito por mim, eu não vim aqui roubar nada, fizemos uma parada para abastecer o estoque do navio.
- Com mercadoria roubada?
- Onde você esteve esse tempo todo? Eu me lembro bem do rosto do seu maridinho, é aquele garoto do porto, agora estou me lembrando, a última vez que te vi foi na cidade que ele estava.
- Você não queria uma explicação do porque eu desapareci? – Disse Blair tentando contornar a situação.
- Depois que conseguimos deter o Barba-Negra a primeira coisa que fiz foi descer e ver se estava tudo bem com você, e você não estava lá, tinha sumido. Depois fomos atrás de você pelas ruas, mas não te encontramos, eu até tentei ir atrás dos homens que invadiram o navio, mas não encontrei eles, achei que eles te raptaram, ficamos mais alguns dias depois resolvemos partir.
- Quando você me deixou nos seus aposentos fiquei com medo e fui me esconder no meu quarto, e um deles me pegou, você não viu ele descendo as escadas, me obrigou a ir até o meu quarto pegar minhas coisas e segui-lo, como a primeira vez. – Blair pensou em qual desculpa daria para Gancho antes de entrar na taberna.
- Que primeira vez? – Perguntou Gancho curioso.
- A primeira vez que você me levou. Depois ainda me fez arrombar o cofre e pegar algumas moedas e ouro. – Disse Blair com voz de choro.
- Como você sabia abrir o cofre?
- Muitas vezes vi o capitão abrindo, era isso ou ele tiraria minha vida – Blair começou a chorar – Desculpe.
- Tudo bem, olha já passou. Mas e depois?
- Depois ele saiu comigo, vocês estavam tão ocupados brigando que não viram. Ele me levou a um cativeiro e lá tinham outras pessoas e o Mike estava lá, também tinha sido pego, aquele homem sequestrava pessoas para trabalhos forçados, logo de manhã um navio nos levaria para uma cidade. E nos levou, porem no caminho o navio naufragou, e só sobrou eu e o Mike, viemos parar aqui a três anos, nos apaixonamos, casamos e fizemos a nossa vida aqui, tivemos sorte – Disse Blair enxugando as lagrimas.
- Vocês foram sequestrados para virarem escravos, depois sobrevieram a um naufrágio e hoje são casados e...
- E o Mike trabalha como assistente de detetive, e eu faço vestidos. Então é isso.
- Espere, eu sei que o navio não era o melhor lugar do mundo para você, mas nunca pensou em me procurar?
- Vocês viajam muito, uma hora iria me encontrar, e não, não irei voltar. Agora que sabe do que aconteceu comigo, por favor Gancho me deixe em paz, deixe meu marido em paz e essa cidade também.
- Já disse que estou aqui só para abastecer o navio, mas se quiser voltar comigo?
- Por favor Gancho, nunca fui pirata e você sabe muito bem isso, eu estou feliz aqui, por favor me deixe em paz. – Blair se levantou da mesa para ir embora.
- Só mais uma coisa – Disse Gancho.
- O que é? – Perguntou Blair.
- Aquela noite, Blair nós íamos nos beijar, você não pensa nisso?
- Gancho, você me beijou. Eu dizendo sim ou não teria que te beijar e fazer o que você bem entendesse.
- Mas você disse que eu era...
Interrompendo Gancho, Blair falou – Eu estou feliz e casada, por favor não martirize essa cidade como fez com o vilarejo que eu vivia, nos deixe em Paz Gancho. – Ela se levantou para ir embora.
- Foi bom te ver Blair – Disse Gancho antes dela sair.
- Boa sorte para você – Disse Blair se virando antes de cruzar a porta.
Blair fechou a porta da taberna e fez um feitiço para chegar em sua casa, não queria que Gancho a seguisse. Depois fez feitiços de proteção em si, nas portas e janelas de sua casa.
Mais tarde antes do sol se pôr, Mike chegou do trabalho ansioso para conversar com Blair.
- Blair, querida? - Perguntou Mike abrindo a porta.
- Aqui – Disse Blair que estava costurando – Estou terminando o vestido de uma cliente, ela vem buscar amanhã.
- Teria uma maneira de entregar isso hoje?
- Na verdade já estou terminando, mas por que?
Mike entrou no quarto onde Blair costurava e se sentou na frente de Blair – Apareceu um caso, longe daqui um casal de um lugar chamado floresta encantada contratou o escritório. Eu pensei que seria bom para nos dois ficar longe daqui por um tempo, será por pouco tempo, eu preciso saber de você, me conte como foi com o Gancho.
- Ele vai nos deixar em paz, inventei uma desculpa - Blair contou tudo para Mike - fiz feitiços de proteção nas portas e janelas. Mas acho que seria bom ficar um tempo fora da cidade.
- Serão apenas algumas semanas. Vamos até a casa da sua cliente, deixamos o vestido lá e partimos, tem um navio nos esperando.
- Navio?
- É do outro lado do porto, Gancho não vai nos ver.
- Tudo bem. Vou arrumar as minhas coisas, passamos na casa da cliente e vamos direto para o navio, será bom para nos ficarmos algumas semanas longe daqui.
E assim fizeram.

Capítulo 12 - Ele nos encontrou




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...