História Uma história para contar - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Vkook
Exibições 38
Palavras 549
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Fluffy, Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Não tenho o que falar.
A autora de vocês está muito triste,não se surpreendam se isso estiver ruim :')
Boa leitura!

Capítulo 25 - Insegurança


POV JEONGGUK

o sinal toca indicando assim o início do intervalo,o Tae continua sentado ao lado do Jimin como se nada tivesse acontecido.
Eu sigo em direção a saída,se eu ficar aqui não vou aguentar.

-KOOK.-é o tae,ele corre atrás de mim para me alcançar mas eu continuo o ignorando. Sinto a mão do Tae envolver meu pulso me parando bem no meio do corredor.

-O que é?- respondo friamente soltando meu pulso da mão do Tae.

-Tá tudo bem?- pergunta aflito.

-Está, só não gostaria de ter   presenciado  aquela cena.- repondo ainda frio desviando o olhar do de Taehyung.

-Jeongguk não é o que está pensando. -fala Taehyung tocando meu peito mas eu logo quebro o contato.

-ah não? Pelo o que eu vi você gostou,nem tentou evitar.- falo inquieto.

-Você está muito ciumento Jeongguk,não te conheci assim. -

-eu tenho meus motivos Taehyung.-

-E quais são? - pergunta Tae cruzando os braços.

-Aposto que ele falou que está gostando de você não é mesmo?

-É isso aí.- fala Tae ainda de braços cruzados.

-Foi o que imaginei.-falo batendo forte no armário bem ao meu lado.

-Calma Kook.- as palavras de Taehyung soam tranquilas,eu o puxo pelo pulso até que estivéssemos na biblioteca na sessão de mitologia grega. Prendo Taehyung em um das prateleiras apertando com força sua cintura e dedilhando seu rosto.

-Ele vai te roubar de mim.- falo com os olhos marejados.

-Porque está falando isso?- pergunta Taehyung com uma de suas mãos em meu peito.

-Você vai me esquecer. -Falo colando nossas testas.

-Eu jamais faria isso.-posso sentir sua respiração.

-Se eu te perder eu não sei do que sou capaz.

-coelhinho isso não vai acontecer.-fala Tae me abraçando fortemente.

-Promete Hyung?- enterro meu rosto na curva do pescoço de Taehyung inalando seu cheiro penetrante.

-Eu prometo.-vou de encontro aos lábios de Taehyung necessitado daquele contato,o aperto com mais força.

-Eu te amo.- falo finalizando com um selinho.

-Eu também te amo biscoito e isso não vai mudar.- fala Taehyung me dando um beijinho na bochecha.

-Desculpa ser assim tão ciumento,é que eu não consigo pensar em te ver com outra pessoa . Isso é tortura. -falo abraçando Taehyung.

-Eu amo quando está com ciúmes.-fala Tae com um sorriso sarcástico.

-Traduzindo... Você ama ver seu namorado sofrer?-

-Isso mesmo.- fala Tae rindo .

-Aish,sai daqui garoto.- me solto dos braços de Tae mas ele logo se aproxima novamente e eu envolvo sua cintura sem pensar duas vezes.

-Estou brincando.- fala depositando vários selares em meus lábios.

-Você me deixa louco.- falo o trazendo para mais perto de mim.

-Desculpa.-Tae fala ironicamente fazendo bico.mordo meu lábio inferior morrendo de vontade de tomar aqueles lábios.

-Licença.- ouço uma voz fina se pronunciar.

-O que que você quer?- olho para o lado e me deparo com Jimin com alguns papeis em mãos.esse cara só pode tá de brincadeira.

-Calma.-sussurra Tae em meu ouvido.

-Desculpa atrapalhar mas o Tae esqueceu algumas anotações na minha carteira.-Responde o Jimin triste.

-Tudo bem Jimin,obrigado.- responde  Tae estendendo a mão para pegar as anotações.

-De nada.- o Jimin fala saindo de cabeça baixa. Percebo que Tae o encara.

-Ei,eu estou aqui.- falo revirando os olhos.

-Estou vendo.- fala tae me abraçando e rindo do meu ciúme bobo.

POV TAEHYUNG.

Estou mal pelo Jimin.


Notas Finais


É isso aí.
Comentem pra ver se minha auto estima melhora.
Beijos da becca


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...