História Uma historia qualquer - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Escolar, Romance
Exibições 14
Palavras 504
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Escolar, Romance e Novela
Avisos: Álcool
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Um cap mais focado em Aspen, quero mostrar o lado dele, os sentimentos.. e tal. Espero que gostem e tentem imaginar ele falando em outra lingua quando está na inglaterra ainda. ♡

Capítulo 4 - Aspen


Fanfic / Fanfiction Uma historia qualquer - Capítulo 4 - Aspen

-Aspen-

-Aspeeeeeeeen, o taxi chegou!-Tia Vivie grita da porta, a  abrindo como convite pra eu sair da minha imaginação e levantar- Você é muito lento, vamos se levante!

-Eu ja avisei que não vooou!- Gritei dando um passo pra trás- Eu não quero ir, não quero abandonar a escola, meus amigos, meus pais, a Melanie.

-Deixe de ser dramático Aspen! Os seus pais mal te suportam e você está com aquela garota só por esta mesmo. Aposto que você encontrará outras! E se apresse porque se você deixar outro taxi ir embora, eu juro que você irá de apé até o Brasil!- Ela disse ja ficando vermelha de raiva.

Marchei com força até a porta a encarando de um lado da sala até o outro, já na porta a encarei de forma desafiadora e disse firme: -Eu amo a Melanie e não há outra pra substitui-lá!

Entrei no taxi, dele eu iria ao aeroporto com ele, e de lá Roney meu avô me buscaria. Eu queria ir. Eu voltarei!

-QUEBRA DE TEMPO-

Já estava embarcando quando chegou uma mensagem, era de Melanie e ela dizia que precisamos conversar, eu muito preocupado mas eu preciso desligar o celular agora porque o voo vai começar. Eu preciso me acostumar com a ideia de que não verei Melanie por muito tempo.

~Horas depois.

O voo chegou, ele foi horrivel! Sentei ao lado de um homem que roncava demais, nem consegui dormir. Estou morto! Desci as escadas do avião meio tonto, por levantar e andar tão rápido. Logo que ajustou minha visão pude ver Roney segurando uma placa com meu nome, escrito errado. "Aspi" pra ser mais claro. Assim que me aproximei ele veio e me deu um abraço, não retribui me sentia ainda mais tonto depois daquilo. Roney dirigia um chevette e meu Deus aquele carro era lento em! Chegamos em casa 4 horas depois, e meu Gel havia até derretido. Eu precisava de um banho. 

Chegamos! Glória! 

Entrei o mais rápido que pude e a casa era enorme, acho que ele usa aquele carro por escolha própria. Entrei no banho e a água estava muito quente, foi bom pra relaxar mas me deu muito mais sono! Me joguei na cama e acho que desmaiei. 

Acordei ainda era muito cedo, para ser claro 5:00 da madrugada. Manhã pra mim só depois das 11:00, levantei e desci as escadas. E olha que surpresa Roney não estava, Vivie ja havia me alertado disso, então preparei meu próprio café da 'madrugada'. Comi e subi pro quarto, peguei meu celular e mds quanta mensagem.

Mel ♡:Precisamos conversar!

Mel ♡:Asp? Eu não acho que consigo.

Mel ♡:Eu quero terminar, quero seguir minha vida, sinto muito.

Mel ♡: Não me mande mais mensagens. Ou Mathew ficará irritado.

Mel ♡: Adeus Asp.

-*-

Ah não, isso não pode estar acontecendo! Maldição! Justo com Mathew? Caramba Mel ele era meu melhor amigo. Peguei meu celular e o direcionei na parede, taquei com todo meu ódio e minha antiga vida na parede, deixando um buraco quase invisivel na parede, mas acabando totalmente com o celular.

Estava decidido, eu iria mudar. Começando pelo celular!


Notas Finais


Desculpa pelos erros de português, eu realmente reviso com minha mãe. Mas acaba sempre ficando vários!
Bjs, espero que gostem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...