História Uma menina diferente - LUTTEO - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Amanda, Ámbar Benson, Ana, Cato, Delfina, Gaston, Jazmin, Jim, Luna Valente, Matteo, Miguel, Monica, Nico, Nina, Pedro, Personagens Originais, Ramiro, Rey, Ricardo, Sharon, Simón, Tamara, Tino, Yam
Tags Lutteo
Visualizações 55
Palavras 668
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


VOLTEIIII, desculpa a demora estava escrevendo outras histórias que logo logo espero postar...sem mais enrolações e bora ler
B
O
A

L
E
I
T
U
R
A

Capítulo 17 - Revelando sentimentos


Fanfic / Fanfiction Uma menina diferente - LUTTEO - Capítulo 17 - Revelando sentimentos

                        Âmbar Smith           

[...] ...mas, gosto de você! - ele fala olhando em meus olhos

Eu não consegui acredita...como assim ele gosta de mim - Que?? - perguntei mesmo que tenha ouvido bem não sabia o que falar

- Sim isso mesmo, Eu gosto de você...- falou se aproximando mais e mais de mim - Não me pergunte como ou porque, Pois eu não sei lhe responder. Apenas sinto o que sinto e só sei que é muito forte

- Serio? - perguntei em minha mente - como ele pode estar sentindo a mesma coisa que eu ? - continuei pensando

- Ei...Âmbar me responde alguma coisa... - ele falou colocando seus mãos em meu rosto me obrigando a encara-lo

- Eu não sei o que falar...mais, eu também gosto de você... - confessei e ele me dirigiu um enorme sorriso

- Serio ? - ele perguntou e assenti com a cabeça - então...será que posso, te dar um beijo ? - ele me perguntou e corei na hora mas no fim disse "sim"

O nosso beijo foi surreal, com um sabor especial e bem saboroso...No começo foi calmo mais  com o passar do tempo ele se tornou veloz e rápido, sua boca era macia e saborosa. Logo ele pediu passagem para a sua língua e concedi de imediato.
             Suas mão começaram a vagar pelo meu corpo, uma parou em minha nuca e a outra na minha cintura me apertando contra o seu corpo, com os nossos corpos mais próximos pude sentir sua crescente ereção e já senti sinais de que estava começando a fitar excitada.
          Minhas mãos também não se conterão e foram par seus braços os apertando...Eu queria mais precisava de mais, porém me lembrei que não estava em um lugar muito particular e tive que lutar contra o meu desejo...Com muito esforço consegui me afastar dele já estava me faltando ar nos afastamos muito ofegantes

- Não... - Simon protestou pelo meu ato

- Simon estamos no Roller, não vai ficar muito bonito ficarmos nos pegando assim.

- Nos pegando ? Serio ? - ele falou com um sorriso nos lábios

- Affs... você entendeu... - falei e o encarei por um instante - ...Então o que vai acontecer agora ?... Digo entre  nós dois ? 

- Bom... a senhorita aceita namorar comigo ? - ele me perguntou me olhando intensamente

Bom...por que não aceitar ? se o que ele me disse é mesmo verdade por que eu falaria não - fiquei meio perdida em meus pensamentos, mas a questão era se ele gosta de mim e eu dele por que o medo ? - Sim - resumi em meus pensamentos para depois responde-lo

- Eu aceito sim ser sua namorada - falei e lhe dei um selinho rápido

- Aceita ir para o meu apartamento ? - ele me olhou e segurou minha cintura

Que como assim...ele quer me levar para seu apartamento ? Que apressadinho. Não, não mesmo você não pode ser tão fácil assim...vocês acabaram de começar o namoro e já vai abrir suas pernas pra ele ? - Não definitivamente NÃO.
             Pensei por fim e fui do contra... o cabeça fraca menina

- Tá eu aceito - falei e peguei em sua mão saindo do roller - Vamos!

                   [...]      

Assim que chegamos em seu apartamento, ele me pegou no colo e foi me levando para o seu quarto me jogando em sua cama. Ele veio para cima de mim e começou a beijar minha boca com uma certa delicadeza, começou a levantar minha camisa e até que conseguiu tira-la seus beijos começaram a ser mais intensos descendo pelo meu pescoço e chupando o mesmo.
           Sentir sua língua em meu pescoço estava me deixando muito excitada, ele abriu o feche do meu sutiã e paralisou olhando para eles...

- Você é linda...e muito gostosa uhmm... - ele falou e começou a lamber meus seios chupando e mordiscando de leve meus mamilos

- Umhh... - gemi auto quando ele começou a massagear meus seios


Notas Finais


eu ainda vou editar este capitulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...