História Uma noite de surpresas. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Avan Jogia, Elizabeth Gillies, Victorious
Personagens Avan Jogia, Beck Oliver, Elizabeth Gillies, Jade West
Tags Avaliz, Avan Jogia, Bade, Beck, Beck Oliver, Elavan, Elivan, Elizabeth Gillies, Jade, Jade West, Jadelyn West, Jadelynwest, Liz Gillies, Lizz Gillies, Victorious
Visualizações 37
Palavras 1.232
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Escolar, Famí­lia, Poesias, Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Escrevi essa fanfic com um plot que eu tava na mente a muito tempo, eu tinha até escrito ele com outro casal de outra coisa totalmente diferente mas não postei, dai eu apenas re-adaptei pra bade e fiz alguns ajustes, no final, acabei gostando muito do resultado! Espero que vocês também gostem!! ;p

Capítulo 1 - Capítulo único - 26 de julho


BECK OLIVER, POINT OF VISION

 

Eram exatas sete horas, eu estava sentado no meu sofá, meu coração batia a mil, eu estava nervoso, ora, meninos também sentem, se é isso que querem saber.

Hoje era 26 de julho e eu tinha um importantissimo compromisso marcado.

Levantei-me de meu aposento - no caso, o sofá - e fui até a geladeira, pegando um bolo branco cheio de leite, minha mãe havia feito ao meu pedido e dizia ela que estava bom, de inicio não concordei em deixa-lo na geladeira, mas ela disse que ficaria uma delicia. Pego uma sacola em cima da mesa da cozinha e checo para ver se estava tudo certo, como eu imaginei, lá estava uma tesoura banhada a ouro, eu aposto que Jade vai gostar muito desse presente, apesar de estar apreensivo. Ah, Jade, a garota mais intrigante que eu conheci, a única que não liga pra mim, a única que se mantém o tempo todo distante, a única que discorda de tudo que eu falo, a única que consegue ser diferente num mar de pessoas iguais. 

Sai de casa e logo tranquei a porta, a casa dela não era tão longe, então eu não precisava ir de carro ou algo do tipo. Depois de em torno de dois minutos chegar na frente de sua casa, percebi que as luzes estavam apagadas, tive medo de que ela não estivesse, tive vontade de voltar atrás, eu era orgulhoso demais pra levar um fora da grande Jadelyn West.

Toquei sua campainha enquanto respirava fundo, eu deveria estar tremendo, só precisava tomar cuidado pro bolo não cair. Após mais um minuto esperando, me preparo pra tocar a campainha de novo, mas sinto uma mão segurar a minha. Olho pro lado e a vejo parada ao meu lado, ela estava linda, bom, ela era linda. Não houve um dia se quer que eu não me perdi na beleza de Jade, não houve um dia se quer que eu neguei estar apaixonado por ela, não houve um dia se querer que eu deixei de ser um bobo apaixonado, mas um bobo apaixonado por ela.

 

— O que faz aqui, Oliver? 

Perguntou ela, olhando fundo em meus olhos. Era como se ela pudesse ler a minha alma, era como se ela pudesse saber o que estou pensando, bom, eu espero que ela realmente não pudesse.

— Feliz aniversário, Jadelyn.

Dei o meu melhor, mas minha voz saiu um pouco mais baixa que o normal e também um pouco rouca e sei que aquilo teve efeito sobre ela, pois ela mordeu os lábios e pelo tempo que a observei, sabia que só fazia isso quando estava nervosa. 

— Por que você está aqui? Você sabe que eu não gosto de festas. 

Seu olhar se entristeceu, eu conhecia sua história, não é que ela não gostasse, é que ela nunca teve uma.

— Eu quis trazer isso pra você. 

Coloquei o bolo em cima de um banco, a frente de sua casa. Percebi que seus olhos brilharam por alguns segundos, ao que parecia, ela gostava desse tipo de bolo. Me posicionei em sua frente e a envolvi em um abraço apertado, que, por incrível que pareça, ela retribuiu.

— Beck... Eu lhe agradeço, mas... Por que está aqui? 

JADELYN WEST POINT OF VISION

Sabe, hoje o meu dia ia ser como qualquer outro, algo monótono e chato, como toda minha vida foi. Ao chegar em casa e ver o grande Beck Oliver parado em minha porta, eu senti que algo aconteceria, algo de bom. 

Eu nunca fui lá uma garota de demonstrar sentimentos, sério, eu não demonstrava. Mas isso não quer dizer que eu não sentia. Durante o tempo que eu andei no mesmo grupo de amigos que Beck, eu podia dizer que estava apaixonada por ele, mas eu não queria aceitar, afinal, eu sou a estranha que todos tem medo e ele é o garoto que todas querem. Quando ele tentava chegar em mim, eu sempre dava um jeito de sair, no fundo eu só tinha medo que ele me usasse, que ele me tratasse como um troféu, que ele apenas quisesse ser o garoto que aqueceu o coração gelado de Jadelyn West.

Quando ele me abraçou, eu senti como se meu mundo tivesse parado. Eu apenas retribui, coisa que eu nunca faço. 

— Sabe, Jay. Eu gosto de você, de verdade. Eu sempre tive todas as meninas ao meu pé, todas caindo em cima de mim e implorando pra que eu desse atenção a elas. Mas todas elas sempre foram fáceis e pra mim, fácil é chato. Eu quero alguém que discorde de mim, alguém com ideias diferentes, alguém que não vai concordar em tudo que eu falo. Eu sempre procurei uma namorada perfeita, alguém que tivesse os mesmos gostos que o meu e coisas do tipo, mas aos poucos eu percebi que no mundo ninguém é igual a ninguém, mas que o fato de sermos diferentes nos torna iguais. Eu acho você uma pessoa incrível, as pessoas não costumam ver o quanto você é talentosa e gentil, porque elas apenas focam no seu lado negativo, mas eu, eu sinto que eu consigo enxergar o melhor em você, o melhor que eu nunca enxergo em ninguém. Eu sei que pode parecer estranho, mas... Eu gosto de você, Jade.

Okay, eu não sabia o que dizer. Eu estava em choque, minhas mãos tremiam e eu não conseguia abrir a boca. Abri uma, duas, três vezes e nada saia. 

— Beck... Eu...

Respiro fundo.

—  Tudo bem se você não gostar de mim também, Jade, eu vou aceitar.

O olhei nos olhos e eu pude perceber o quão sincero ele estava sendo. Seu olhar de tristeza com a possível rejeição que ele pensava receber me doía, me roía por dentro.

—  De inicio eu pensei que você fosse como os outros garotos, que querem garotas para exibir como troféus, que fingem ser o que não são só pra conquistar a todos. Mas eu também sinto que você é diferente, você é tudo que eu não sou... eu nem sei o que dizer. Eu posso parecer assustadora pra você, como eu geralmente pareço assustadora pra todo mundo, mas é verdade é que eu não sei parecer boa.

— Você é boa do seu jeito, apenas.

— Eu agradeço por tudo que você me fez hoje, Oliver. Eu realmente gosto muito de você, e lhe afirmo que é do mesmo jeito que você gosta de mim.

Não pude esperar nem mais um segundo e o beijei, um beijo calmo e demorado, eu estava sentindo seu corpo contra o meu pela primeira vez, a primeira vez de muitas. 

— Promete que não vai me abandonar?

Pergunto, apreensiva, afinal, estava cansada das pessoas irem embora da minha vida e levarem um pedaço de mim.

— Nem preciso prometer, você já sabe a resposta.

Ele colou sua testa a minha e sorriu.

— Eu te amo, Oliver.

Reuni todas as forças que tinha e soltei isso, o vendo me olhar surpreso.

— Eu te amo ainda mais, West.

O abracei e apoiei minha cabeça em seu ombro, eu estava feliz, só não sabia como demonstrar isso de uma forma boa, uma forma que ele percebesse.

— Beck?

— Hm?

— Se contar pra alguém que eu disse que te amo, você tá morto.

Apenas ouvi sua gargalhada e senti sua mão passar por meu cabelo. 

E por fim, hoje eu finalmente percebi que posso ser amada e que posso amar.


Notas Finais


Então, gente!! Ta aí essa fanfic, espero que tenham gostado!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...