História Uma noite no avião - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Avião, Capítulo Único, Isabela, Kevin, Romance
Exibições 80
Palavras 968
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Minha primeira história de capitulo único. Na minha opinião ta longo, mais ta bom. Espero q gostem, bjos :-)

Capítulo 1 - Capitulo único - a noite


Pov - Isabela

Eram meia-noite. Estava frio. Eu e Kevin corríamos desesperados pelo pátio do aeroporto vazio. Encontramos um avião com a porta aberta que parecia abandonado numa parte deserta do patio. Entramos, encostamos a porta e vamos para o fundo do avião caminhando mais devagar. Observo as poltronas empoeiradas. Kevin, que caminha a minha frente, se vira para trás e me encara.

Kevin - Que tal?

Isabela - Belo lugar. Tirando essa poeira, parece que ninguém entra aqui a décadas - digo passando o indicador por uma das poltronas.

Pov - Kevin

Kevin - Eu sei. E também sei que esta muito frio - Digo passando minhas mãos pelos meus braços.

Isabela - E se nós fizéssemos ficar quente? - Diz ela se aproximando de mim.

Kevin - Acho uma boa idéia.

Isabela passa as mãos em volta do meu pescoço enquanto pego sua cintura. Fecho meus olhos e nossos lábios se encontram num beijo. Quando sua boca doce encontra com meus lábios semi-abertos sinto um arrepio percorrer meu corpo. Ela passa as mãos pelo meu cabelo e eu aperto levemente seu bumbum. Peço passagem e ela concede, tornando o beijo mais quente. Sua boca e a minha fazem movimentos sincronizados e perfeitos. Paramos apenas por falta de ar, ah maldita falta de ar.

Tomamos de volta nosso fôlego e nos beijamos novamente. Dessa vez, mais feroz e com mais desejo. Levanto sua camiseta e a tiro, ela faz o mesmo comigo. Tiro sua saia. Vejo um leve volume em minha calça ao ver seu corpo quase nu. Ela então para de me beijar e desliza suas mãos pelo meu abdômen. Isabela então, ajoelha e abaixa minhas calças, logo depois abocanha minha cria, grande e dura.

Isabela - 22 centímetros de pura gostosura...

Pov - Isabela

Começo a masturba-lo com minhas mãos enquanto minha boca lambe apenas a ponta de seu pênis ereto e muito saboroso.

Kevin - Aahh Isabela, não paraa.

Isabela - Pode deixar.

Ponho seu brinquedo inteiro na minha boca fazendo movimentos de vai e vem. Depois paro de chupa-lo, agarro-o e o jogo em uma das poltronas do avião. Sento de costas em cima dele dando-o visão privilegiada do meu bumbum e continuo lambendo e chupando aquele garoto delicioso.

Kevin - Aahh Isabelaaa, vou g-gozaaarr.

Isabela - Pode gozar amore, vou adorar sentir esse seu gostinho delicioso.

Sinto um liquido quente preencher minha boca toda, e como uma boa moça, engulo tudo, mais insiste em escorrer um pouco pelo canto da minha boca. Deito-me em cima dele.

Pov - Kevin

Isabela me beija, me permitindo sentir o "meu gosto"

Kevin - Agora é minha vez

Me viro para deitar em cima dela e vou beijando seu pescoço enquanto ela geme baixinho então chupo seus seios, fazendo ela gemer mais alto. Beijo sua barriga e desço minha boca até a sua boneca e assim que encosto, Isabela dá um gemido bem alto me animando a continuar aquilo.

Rodeio minha língua em volta do seu clitóris. Ela geme alto e agarra meus cabelos. Apenas continuo fazendo meu trabalho e retribuindo o prazer que ela havia me dado momentos antes. Dou beijos, lambidinhas e chupões na sua área de lazer.

Isabela - Keviiiin e-eu vou g-gozaaarr - Diz ela descabelada e completamente louca.

Mal ela termina de dizer e sinto seu gosto na minha boca. Limpo tudo com a língua e depois a beijo loucamente permitindo-a sentir seu próprio gosto.

Ela se vira, e senta em cima de mim apenas rebolando, e me torturando.

Kevin - Não faça assim comigo. Você me deixa louco desse jeito.

Isabela - É exatamente isso que eu quero.

Kevin - Tabom. Vamos ver quem aguenta mais tempo.

Ela rebola deliciosamente por cima da minha calça. E depois tira ela, e volta a rebolar. Estou ficando louco com essa provocação.

Kevin - Por favor Isabela, não aguento mais. Voce venceu. Mas será que agora você pode parar de tortura?

Isabela - Já? Mais tava tão legal...

Kevin - Por favor...

Isabela vira de costas e se senta no meu brinquedo. Subindo e descendo gostoso.

Kevin - Ah delicia, não para não

Isabela - Com todo prazer

Então dou um tapa no bumbum de Isabela e ela acelera. Já estou todo suado ela também.

Kevin - Isabela

Isabela - Kevin

Dizemos ao mesmo tempo, e gozamos juntos. Isabela então sai de cima de mim e se deita no chão do avião. Me deito ao lado dela.

Isabela - Estou exausta.

Kevin - Eu também estou exausto.

Isabela - Mais você ainsa aguenta mais uma? - Diz ela me olhando com um sorriso malicioso

Kevin - Sempre.

Isabela me beija e eu me ajoelho no chão e a ponho de quatro em minha frente. Sem mais demoras ponho meu membro inteiro na sua buceta molhada e começo a entocar levemente. Ela começa a rebolar e gemer.
Pov - Isabela

Ele comeca a me entocar mais rápido. Sinto todo aquele prazer e não consigo evitar de gemer muito. Quando aviso que vou gozar, Kevin para. Me levanta, e me leva até a cabine do piloto. Me joga na mesa de controle e começa a me comer novamente.

Isabela - Ahh Keviiin.

Kevin - Fica quetinha.

Isabela - N-nao consigoo. Ta g-gostoso dema-ahh-ais.

Kevin põe minha perna sobre seu ombro e começa a me entocar mais profundamente. Começo a gemer muito alto e gozo sem avisar, sinto que ele goza também. Então nos levantamos e nos beijamos como se não tivéssemos feito nada daquilo. Como se ainda fosse o inocente casal apaixonado de antes.  Vamos andando até as poltronas, abrindo o compartimento das malas e encontramos uma coberta. Pegamos e nos deitamos em uma poltrona. Continuamos nos beijando ali, e dormimos juntos naquele avião e naquela noite tão fria e que havia sido tão calorosa...


Notas Finais


E ai? Gostaram? Leiam minhas outras historias please. Bjos :-)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...