História Uma nova vida. - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Escolar, Musica
Exibições 29
Palavras 1.706
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Aventura, Escolar, Musical (Songfic), Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Eu acho que ficou bom esse capitulo, espero que gostem. (^-^)

Capítulo 2 - Um novo amigo James


Fanfic / Fanfiction Uma nova vida. - Capítulo 2 - Um novo amigo James

Numa tarde meio fria, as árvores ventavam forte, o vento batia na janela soltando ruídos,  enquanto dentro da casa....
      Lá estava Luana deitada no sofá ouvindo música no fone alto, olhando para o teto pensando em algo para fazer.
          Depois de um tempo olhando para o teto, ela tem a idéia de ir ao parque, se levanta do sofá  sobe as escadas, entra no seu quarto.
    Coloca um casaco, uma calça rasgada nos joelhos e uma luva preta com as ponta dos dedos cortadas.
       Ao se arrumar ela sai, quando fecha a porta de casa, bate o vento gelado em seu rosto, Luana  se arrepia toda.
       No caminho do parque,  Luana olha em volta, vê como as árvores batiam seus galhos umas nas outras.
      Quando chega no parque senta se debaixo de uma arvore que estava  perto do lago, coloca os fones e se  perde nas letras das músicas.
      Um cachorro deita se ao seu lado, ele coloca a cabeça nas suas pernas. Luana o olha ele parecia manço, era peludo e grande,  com os pelos tipo um amarelo queimado.
       Então as mão de Luana começa  passar a mão entre seus pelos  fofos e macios. Luana  o olha  e diz:
  
- Você não tem dono cachorrinho?
- Bom, acho que não....
    
      Luana resolver ir para casa, mas ela o olha, acaba ficando com  pena dele, então ela o chama "cachorrinho vem... vem cá!".
      Ele a acompanha até em casa,  ao chegar Luana diz com um sorriso no rosto:

- pode entrar agora esse é o seu novo lar!

O cachorrinho entra correndo  balançando o rabo, olha a casa toda, até que ele deita no sofá.

Com um enorme sorriso no rosto Luana entra, e  começa a pensa qual séria o nome que ia dar a ele.

Até que ela acha o nome ideal pra ele, Luana Diz:

- Cachorrinho já sei o nome que vou te dar, vc irá se chama James.
           O James late e pula nela,  parecia estar feliz com o novo lar e com a nova dona. Até que Luana lembra que ela tem que comprar a comida e os acessórios para ele.

Subindo as escadas para tomar um banho, depois de um banho delicioso Luana vai até a cozinha preparar algo para comer.

 James passa por debaixo de suas pernas e a olha com um olha de "peixe morto", porque estava com fome.
      Luana olha para baixo lá estava James debaixo das suas pernas a olhando, ela se abaixa e passa a mão na sua cabeça e diz:
- Aí garoto, eu esqueci de passar compra as coisas para você, desculpa amanhã depois da escola eu passo comprar. Ok?
   Ele late, então Luana começa a esquenta uma comida que tinha na geladeira  para James comer.
        Depois de tudo ela sobe  pro quarto para dormir, pois ela tinha que  ir pro colégio. Ao se deitar James sobe na cama e deita ao seu lado, eles dormem.

     
        O despertador toca...
    TRIIIMMM....TRIIIIMMM
    
          Luana acorda e vai se arrumar pra ir a escola, junto a James que a segue em todo lugar.

A Manhã estava com um lindo sol, pássaros cantando e ela acordando.

Depois de se arrumar, desce as escadas abre a porta para ir pra colégio, quando James vai segui la até o colégio.

 Luana para olha  pra ele e diz:

- Desculpa James, mas você não pode ir, se você ir eu vou ter problemas. Então você vai ter que ficar em casa, vou indo James, não bagunçe muito a casa....

Fecha a porta, no caminho pro colégio Luana encontra um grupo de garotos mal encarados que começam a mexer e fala coisas abusivas e constrangedoras.

 O grupo de garotos diz:

- Ooo lá em casa hein.
- Que Gostosa!
- Essa aí eu pegava de jeito.

        Luana aperta o passo, com as mãos nos bolsos pensa:
- Eles pensam que são quem pra falar assim de mim, Deus me ajuda, o que eu faço?
            Os garotos começam a perseguir Luana, fazendo comentários desnecessários.
       Como Luana estava andando rápido, acaba tropeçando e caindo.
            Todas as coisas que estavam na bolsa dela acabam caindo, os garotos que estava a perseguindo  ficam em volta dela.
           Ela tenta sair do meio deles,  mas não consegue, dois  dos quatros garotos a seguram, os outros dois foram tenta tirar a roupa dela.
     Quando eles foram retirar suas roupas, um garoto de  cabelos brancos, com os olhos azuis, eram um azul escuro tipo o fundo do oceano, ele tinha uma boca que parecia estar escondendo um segredo em seus lábios.
           O Garoto Diz:

- Larguem ela, seus Filhos da puta desgraçados.

 O grupo de garotos o olha como se quisessem o comer vivo,  um dos garotos do grupo diz:

- Quem você acha que  é pra nós interromper, seu pirralho de uma figa!!
           O garoto o responde:

- Já disse para a soltarem! ou vocês vão querer resolver isso no soco?

 O grupo esquece Luana e ficam em volta desse outro garoto.

   Então eles partem pro ataque.

  Um dos garotos do grupo vai dar  um gancho de direita, o garoto  desvia o o pegando  com um mata leão, fazendo cair.

 O outro acerta um soco no seu queixo, ele quase cai atordoado no chão, quando ele foi cair  ele da uma rasteira fazendo o garoto do grupo  cair  no chão e bater a cabeça.

  Os garotos pararam e saíram de lá correndo, o garoto que ajudou Luana, foi fala com ela.
             Ao chegar perto de Luana com a boca sangrando ele pergunta:
- Você está bem?
              Luana Responde:

- Estou, você não devia se preocupar comigo olha como está você.

   O garoto responde com um tom de sarcasmo:

- Haha isso não é nada, já tô acostumado.

    Luana o encara e diz no tom de sarcasmo:

- Hum, então qual é o nome do senhor herói que me salvou?
               O garoto responde brincando:
- Meu nome é Lucas, e o seu donzela?
                Luana Responde:
- Haha meu nome é Luana.
                 Lucas diz:
- Você está indo pra onde? Quem sabe eu não posso acompanha-la.
                 Luana Responde:
- Estou indo pro colégio Lawrenceville, nossa tenho que junta todas essas coisas que caíram da minha bolsa.

        Lucas diz:
- Serio? Eu também estudo lá, deixa que eu te ajudo a juntar isso.
             Luana diz:
- Obrigada, bom vamos indo antes que cheguemos atrasados.
              Os dois foram até o colégio, eles conversaram sobre várias coisas no caminho.
               Ao chegar no portão do colégio Castiel a vista  Luana falando com um garoto, ele se morde de ciúmes e se pergunta:
- Por que eu estou sentindo ciúmes dessa baixinha birrenta.
            Lucas se despede de Luana.
           Depois que Lucas foi embora ela vê Castiel a encarando com um olhar de raiva ela se pergunta:
- Por que ele está me olhando assim, será que eu fiz algo de errado?
          Ela vai até Castiel com um sorriso, ao chegar perto dele ela diz:
- Oiiiiee tomate,  Por que você logo cedo já está me olhando com um olhar assassino?
      Responde com um tom de desânimo:
- Oi Baixinha, não estou, ele é seu namorado?
                  Luana Responde levantando a sobrancelha:
- Hum, Não ele não é meu namorado, ele só me salvo de um grupo de garotos idiotas que tentaram abusar de mim.
                   Castiel a olha surpreso e diz:
- Você está bem? Eles fizeram alguma coisa com você?
                     Luana Responde:
- Calma, graças a aquele garoto não aconteceu nada comigo.
               Castiel dá um suspiro profundo de aliviado e diz:
- Que bom!! Não quero que nada aconteça a minha propriedade.
                 Luana pergunta:
- Que propriedade? 
              Castiel Responde com um tom malicioso:
- Você.

    Luana fica corada e revira o olhar dizendo:

- Dês de quando eu sou sua?

         Castiel a olha e a da um beijo intenso a pegando pela cintura uma uma mão no seu pescoço, foi um beijo de todos olharem.
                    Depois do beijo ele diz:
- Dês disso
                    Luana fica surpresa com o beijo e Luana fica vermelha como  um pimentão e diz:
- É... P-Parece  que o  tomate b-beija bem.
                    Castiel diz:
- Não precisa ficar toda envergonhada, Minha pequenina.
                    Luana diz :
- Quem foi que disse que eu estou  envergonhada.
                    Castiel diz com um tom de deboche:
- Ok... ok.... Já que você está falando.
                     Luana Diz:
- Castiel eu adotei um cachorro!!
                      Castiel Diz:
- Legal!! Eu tenho um, quem sabe um dia a gente não sai juntos pra passear com eles.
                       Luana Diz:
- Verdade é uma boa ideia, Castiel você sabe onde tem uma loja de Pet Shop?
                       Castiel Responde:
- Sei sim, quer que eu ti leve depois até ela.
                       Luana Responde:
- Quero sim, eu espero você aqui na saída quando termina as aulas.
                       Castiel Diz:
- Ok
                      Ele a puxa pra mais um beijo, esse foi de tirar o fôlego deles. então ele diz com um tom de irônica:
- Isso foi a minha recompensa.
                       Luana o olha corada e diz:
- Haha engraçadinho....
                       O sinal toca, os dois entram e fazem as aulas.
                       Ao chegar à hora de  sair da escola, Luana está esperando Castiel no portão do colégio, ele chega os dois vão até o Pet Shop.

          Ele a ajuda a levar as coisas até  a casa dela, ao chegar na casa de Luana, Castiel fica brincando com o James enquanto ela guarda as coisas.
                  Depois de arrumar as coisas, Luana tem a idéia de convidar Castiel pra assistir um filme.
                     Luana Diz:
-  Castiel Já que você está aqui você não quer assistir um filme?
                     Castiel Responde:
- Quero sim, Vai ter direito a pipoca?
                      Luana Responde:
- Sim, Tomate vai colocando o filme que eu vou fazendo a pipoca.
                   Castiel coloca o filme, e deita no sofá ocupando todo o espaço.
                   Luana prepara a pipoca e vai até a sala e diz:
- Dá um  espaço aí seu folgado, quero senta.
                     Castiel diz:
-  Não, se quiser pode deita comigo.
                      Luana olha pra ele e diz:
- Já que é  assim, da um espaço pra deita com você.
                    Os dois deitam juntos, eles não conseguem assistir o filme inteiro pois acabam dormindo de conxinha no sofa.

Autora: Natasha Lopes.


Oiie, esse capitulo fica por aqui, espero que gostem. ^-^ 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...