História Uma paixão de infância - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Igor Cavalari (Igão Underground), Júlio Cocielo, Kéfera Buchmann, Lucas "T3ddy" Olioti, Mauro Nakada, Natalia "Nah" Cardoso
Personagens Igor Cavalari, Júlio Cocielo, Kéfera Buchmann, Lucas Olioti, Mauro Nakada, Nah Cardoso, Personagens Originais
Exibições 21
Palavras 968
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Violência
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Esse cap se passa 5 anos depois, então Julia esta com 12 anos a Jade com a mesma idade e o Igor também e o Júlio com 15

Esta sem capa p cap pq eu tentei acha uma ft q representasse a Julia quando estivesse com 12 anos mas n achei -_- mt chato isso de n acha uma foto bonitinha pra ser a Juh

Capítulo 4 - 5 anos depois


5 Anos depois...

*Barulho do despertador*

-Ah que saco!-digo desligando o despertador

Eu me alevanto parecendo um zumbi andando, pego minha roupa e minha toalha e vou pro banheiro tomar banho. Termino, vou pro quarto e procuro meu uniforme da escola, ele era uma blusa de manga curta cinza meio justa e o meu calção jeans preto e um tênis preto também. Desço pra tomar café e encontro minha mãe e meu Pai na mesa.

-Bom dia filha-meu pai diz parando de ler o jornal que estava lendo

-Bom dia querida-minha mãe diz colocando o café na mesa

-Bom dia-digo sentando na mesa

Eu tomo café com meus pais e conversámos. Olho a hora, era 07:10, subo as escadas, vou pro banheiro e escovo meus dentes. Desço me despeço de meus pais, pego minha mochila e vou pra escola. No meio do caminho eu passo na frente da casa da Jade, então a espero.

-Oiiiii Ju!-ela grita saindo de sua casa

-Oiiiii Jade!

-Tudo bem?-ela diz saindo do portão Da casa dela

-Tudo, e você?

-Não, você acha que eu to bem? Nós temos que nos alevantar 06:30 so pra se ajeitar e ir pra escola!-ela diz reclamando

-Se acalma! Um dia nós iremos sair daquela escola e seremos ricas!-digo confiante

-Que bom!-ela diz feliz

Nós continuamos nosso caminho para a escola, quando ouvimos duas vozes nos chamando.

-ESPERA A GENTE AI!

Nós viramos para ver quem era, era o Igor e o Júlio.

-Nossa! Olha quem ta vindo!-Jade diz me cutucando apontando pro Júlio

-Para Jade!-digo envergonhada

Jade sempre diz que eu e o Júlio formamos um "Casal" bonito, mas eu até que gosto dele, mas acho que ele não gosta de mim, até parece que ele ia gostar de uma menina como eu que não tem nenhuma curva ou é bonita ou inteligente.

-Ah! Finalmenteee!-Igor diz colocando suas mãos no joelho descansando um pouco

-Oi meninos!-Eu e Jade dissemos

-Tudo bem? Porque vieram correndo desse jeito?

-É porque o Júlio queria muito acompanhar vo...-o Igor estava quase terminando de falar mas o Júlio tampa a boca de Igor

-Nada! o Igor ta falando coisa demais!- o Júlio diz bravo olhando pro Igor

-Ta, então vamos!-Jade diz ja virando e retornando ao caminho que estavamos

Nós fomos para a escola conversando brincando e essas coisas, até chegarmos.

Chegando lá...

Nós entramos e fomos pra nossa aula , ia começar por Geografia.(Autora:Eu acho que vai ser meio desnecessário eu começar a contar oque aconteceu na aula ok?).

*Sinal do recreio*

Nós fomos para o recreio e sentamos num banco mas logo Jade se alevanta para ir compra algo pra ela no barzinho. Até que uma menina vem me empurrando do banco e eu caio.

-Ei! Porque fez isso?-digo ainda no chão

-Porque eu quis! Agora vou te dizer uma coisa, você não ouse chegar perto do Júlio porque ele é M-E-U!-ela diz soletrando e depois me chuta e sai

Alguém vem me ajudando a alevantar por trás.

-Ta bem Juh-era o Júlio

-To bem-Digo me alevantando

-Tem certeza? Não quer ir la na enfermaria?-ele diz pegando no meu braço e checando

-Eu to bem, eu to bem!-digo envergonhada afastando meu braço dele

Eu vejo atrás dele a menina que tinha me empurrado do banco me olhando com um olhar de raiva.

-Ah olha a Jade me chamando ali acho que ela quer alguma coisa!-digo disfarçando (Autora:Nossa disfarço mt né)
E saído

-Ta bom né-ele diz voltando pros seus amigos

Eu vou até Jade que ainda estava na fila do bar.

-Nossa que que aconteceu com você que eu vi a Stephani te empurrando do banco?-ela diz meio preocupada

-Então esse é o nome da criatura?

-Haha! Sim esse é nome dela, então porque ela te empurrou?-Jade

-Eu já te digo, porque falar aqui não vai dar

-Ok!

Jade pega seu lanche, e nós fomos até outro banco e contei tudo pra ela.

-Tomara que morra aquela criatura, atropelada por um caminhão ainda!-Jade fala com raiva-Mas foi só por isso que ela veio te empurra?

-É, acho que sim

-E você não fez nada!?-ela pergunta indignada

-Nossa calma! Mesmo que eu quisesse fazer algo, eu não conseguiria ou não ia ter... Coragem-digo meio triste

-Mas porque? Você é corajosa, so é meio fraquinha-ela diz rindo e alevantando meu braço tentando achar algum musculo

-Haha! Mesmo assim, vou deixar quieto, algum dia ela para

-Para de gostar do Júlio ou para de encher teu saco?-ela diz dando uma risadinha

-Ah, não sei, mas melhor os dois!

-Haha! Que bom!

*Sinal do fim do recreio*

Nós entramos e em vez de prestar a atenção na aula de matemática nós ficamos conversando.

*Sinal da Saída*

Nós saímos da aula e já fomos saindo.

-Ei Jade! Vai pra casa da sua avó hoje?

-Vou sim então não vou estar em casa-ela diz entrando no carro da mãe-Tchau!

-Tchau!

Vou indo pra casa até que alguém me assusta me pegando pela cintura.

-Oi-Júlio diz no meu ouvido

-Ah, oi-digo envergonhada me afastando dele

-Tudo bem Juh?-ele diz andando do meu lado

-Claro, tudo-digo tentando o ignorá-lo mas não dava

-Então como foi sua aula?-Júlio

-Foi legal até, melhor do que as outras

-Que bom-Júlio

-Oque houve? Eu sei que você é tímida e tals mas, porque não ta falando muito comigo?-eles diz rindo um pouco

-Ah nada não

-Humm... Tudo bem né, ah, você vai querer sair comigo mais tarde?-ele pergunta parecendo meio nervoso ou algo assim

-Ah, não sei se vou poder...

-Vamos! Vai ser legal-ele insiste

-Ta bom-digo revirando os olhos

-Que bom-ele diz meio animado-Pode ser la na sorveteria perto de casa as 16:30?

-Pode ser-digo animada-Eu acho-digo por final cochichando

-Ta, te vejo la!-ele diz atravessando a rua

Eu vou indo pra casa fazer algo enquanto não chega 16:30.

 


Notas Finais


Tchau
Deixa seu comentário sobre oq acho do cap


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...