História Uma princesa guerreira. - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais, The Seven Deadly Sins (Nanatsu no Taizai)
Personagens Alioni, Andre, Arthur Pendragon, Ban, Cain, Cenette, Dale, Dana, Diane, Dreyfus, Elaine, Elizabeth Liones, Ellen, Escanor, Friesia, Gilthunder, Golgius, Gowther, Griamor, Guila, Gustav, Hauser, Hawk, Helbram, Hendriksen, Hugo, Jericho, Jillian, Jude, Kaide, Katts, King, King Liones, Liz, Margaret, Marmas, Mead, Meliodas, Mera, Merlin, Muramo, Oslo, Pelio, Personagens Originais, Ruin, Simon, Taizoo, Tanto, Thomas, Threader, Twigo, Veronica, Vivian, Weinheidt, Zaratras, Zeal
Visualizações 32
Palavras 843
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Luta, Magia, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Nudez, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 22 - Uma princesa guerreira--XXII


Fanfic / Fanfiction Uma princesa guerreira. - Capítulo 22 - Uma princesa guerreira--XXII

Todos encaravam a Sayuri com um olhar espantado na cara.

Sayuri:sabe...eu sempre quis enfrentar o Meliodas, eu sempre via a força dele de longe mas nunca pude lutar contra ele.

Sua espada que estava transformada numa adaga ela jogou na esfera negra que atravessa, na esfera começa a aparecer rachaduras até que explode.

Uma mulher aparece junto com os mandamentos. Ela olha pro Meliodas e ele diz.

Meliodas:oque aconteceu?

Ele olha pra ela.

Sayuri:bom que tal começarmos a festa?

Ela usa as suas correntes e pega a sua espada de volta.

Sayuri:sabia que a Sayuri esconde várias coisas de vocês?

Ela transforma a adaga em uma foice, depois a lança fica igual a jet-preta dos demônios.

Sayuri:a esfera que a espada possui tem o sangue de todos os clãs menos o clã dos dragões, bem sem mais delongas vou escolher qual grupo eu vou matar.

Ela começa a girar a foice com suas mãos até que para e para nos mandamentos.

Sayuri:parece que são vocês primeiro.

Ela vai correndo até os mandamentos e começa a ataca-Los sempre com um sorriso, a jet do estarrosa acerta o seu ombro.

Na mente da Sayuri...

Eu estava presa num lugar vazou não sabia onde mais eu sinto uma dor enorme no meu ombro como se ele tivesse sido perfurado.

Sayuri:AAAAAAAAAA!!!

De volta a Sayuri essência...

Ela deu um sorriso e usou a jet-preta que acertou um dos seus corações.

Sayuri:pena que os demônios tem mas de um coração.

Todos começam a recuar menos os pecados.

Sayuri:que triste! Parece que nossos convidados foram embora! Parece que eu vou me divertir apenas com vocês!

Ela vai pra cima dos pecados. O seu braço esquerdo tinha ficado igual a de um dragão, ela arranhou o chão fazendo um círculo a nossa volta.

Ela estala seus dedos e o círculo explode.

Sayuri:explodir as coisas está entediante! Acho que vou matar vocês primeiros!

 Ela tenta acerta-Los até que a Merlin usa seu perfect cubo e criou um cubo pequeno que cabia à Sayuri.

Merlin:vamos entrar.

O cubo flutuou pra dentro e foi colocado no chão.

Mia:sayuri!

Ela não olhou pra mia nem disse nada.

--Sayuri essência off ^^^ Ban on--

Ela estava dentro do perfect cubo da Merlin e eu disse.

Ban:Sayuri oque foi que aconteceu?

Sayuri:sabe que eu nunca curti o nome dela! Me chama de  Yuri é bem melhor.

Ban:como assim "dela"?

Sayuri:ohn, ela não contou pro namoradinho? Que peninha, se ela tivesse contado ela podia ter evitado.

Meliodas:evitar oque?

Sayuri:que eu saísse, eu não sou a Sayuri, eu apenas sou a essência.

Ban:como assim? Diga!

Sayuri:Ela bebeu a essência, antes de beber a essência ela tinha que ter passado por um ritual pra essência não ter um colapso, a essência dela se misturou com a essência real, e eu surgi!

Eu dou um soco no cubo e digo.

Ban:EU QUERO VER A SAYURI!

Sayuri:não tem como, porque não usa o espelho?

Diane:um espelho?

Sayuri:ou qualquer coisa que reflita! Pois o reflexo da pessoa pode dizer muitas coisas.

A Eli e o King subiram e trouxeram um espelho, botaram do lado do cubo de um jeito que dava pra refletir,  no reflexo estava a verdadeira Sayuri chorando.

Ban:Sayuri!

Sayuri:ela é apenas um reflexo dela, ela não pode ouvir.

Ela cruza as pernas e diz.

Sayuri:eu tenho mais de 200 anos de experiência, eu cansei de ser controlada pelos outros.

A Merlin me puxa e o pessoal diz.

Merlin:não tem como salva-lá.

Ban:como assim?!

Merlin:é um assunto delicado, se fosse mais cedo eu poderia ajudar mais agora é com ela.

Eu encarei à Sayuri.

Mais tarde...

Eu fiquei sentado numa mesa bebendo cerveja.

Sayuri:você  não para de beber, né?

Ban:eu bebo quando eu quero.

Sayuri:hum...eu estava esperando isso.

Ela quebrou o cubo como se não fosse nada, ela me deu um chute tão forte que eu voei pela janela e cai. Ela pulou bem alto e caiu em cima de mim, ela transforma sua espada em uma adaga, ela tenta me acerta mais ela hesita, ela hesitou várias vezes.

Na mente da Sayuri...

Sayuri(essência):sério? Vai começar a agir com criançar--diz olhando pra Sayuri puxando as correntes.

Sayuri:eu não vou deixar você machucar o Ban! Nem ninguém! Não enquanto eu viver!!--diz quebrando as correntes.

De volta ao Ban...

A Sayuri desmaia em cima de mim. O  vem até mim.

Diane:Ban! Oque houve?

Sayuri:AAAAAAH!

Merlin:ela está lutando contra ela.

Eu pego a Sayuri no colo e a gente leva ela pra dentro e bota ela na cama. Ela gritava toda hora.

--Ban off ^^^ Sayuri on--

Eu estava exausta, pois pra escapar de lá foi difícil.

Sayuri:*vou ter que lutar com tudo que eu tenho!*

Eu fico em posição de luta ela também, a gente parte pra cima, a gente tenta se acerta, nossos chutes se colidem, ela pega a minha perna e me joga longe, eu caiu muito forte no chão.

Sayuri(essência):você não passa de uma princesa perdida!

Sayuri:n-não!--diz meu olho ficando vermelho como de um dragão.

Eu me levanto e olho pra ela.

Sayuro:não importa quem fomos no passado...oque importa é quem somos hoje!

Eu faço minhas correntes entrarem dentro do chão de água, elas prende à Sayuri essência, ela forma uma bola enorme de correntes.

Sayuri:acabou..

Eu caminhei até que ficou tudo claro.

--------------------------------------------

Eu acordo e vejo o pessoal.

Sayuri:aai! Minha cabeça tá me enlouquecendo!

Eu olho e a diane diz.

Diane:então.

Eu sorriu e digo.

Sayuri:acabou.

A mia corre até mim e me abraça.

Mia:você estava assustadora!

Sayuri:gomenasai!

O Ban me encarava, a mia se separou, o Ban veio até mim e me abraçou, Eu correspondo surpresa.

Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...