História Uma Repórter em Ação (Osomatsu-san x Leitor) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Osomatsu-san
Tags Personagem X Leitor
Exibições 84
Palavras 1.094
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Bishoujo, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo-Ai
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olá a todos os leitores , eu sou a personagem principal : Você!
Essa Fanfic é dedicada as garotas que amam Osomatsu-san , mas se os garotos pedirem para a Peridit para que faça dessa fanfic onde o público alvo é o masculino , é só falar!
Espero que gostem da Fanfic e se identifiquem com a personagem principal , que é você! - Você

Capítulo 1 - A missão da Sua Mãe - Parte 1


Fanfic / Fanfiction Uma Repórter em Ação (Osomatsu-san x Leitor) - Capítulo 1 - A missão da Sua Mãe - Parte 1

Mais um dia normal . Era uma manhã de segunda-feira , seis horas da manhã e doze minutos . Eu sou (Insira seu nome Aqui) , sou estudante de jornalismo pois daqui a 1 mês , serei uma repórter! Isso não é incrível? Enquanto eu pensava no meu futuro , estava colocando minha roupa típica : Uma camiseta de seda azul , uma calça leg preta , um all-star branco e um pequeno enfeite de cabelo em forma de pinha verde , que eu ganhei da minha mãe quando nasci . Meu celular apitou e fui ver quem era . Era minha amiga chamada Laitano , ela me chamava no WhatsApp falando sobre a faculdade de jornalismo chamada Akatsuki . Sim , nós duas estudamos a mesma coisa , na mesma faculdade e na mesma sala de aula . Decidi ligar para minha amiga .

 

- Alô? - Encostei o celular na minha orelha

 

- (Insira seu nome Aqui)! Tudo bem com você? Estudou bastante para o trabalho de como entrevistar famosos? Ai ai ai , não vejo a hora de ver quem vou entrevistar para mostrar minhas habilidades ao professor!

 

- Oh Lai , você está bem mais animada que eu , hein .

 

- Não se desanime! Vai ficar tudo bem , seja confiante com o trabalho! Já se arrumou para a faculdade?

 

- Ah sim , já me arrumei . - Olhei para trás e peguei minha mochila branca - E você?

 

- Eu também! Iih (Insira seu nome Aqui) , eu meio que tenho que desligar pois minha mãe tá chamando pro café da manhã . Goodbye!

 

- Tchauzinho! - Desliguei a ligação - Ufa ... A Laitano não para de falar nunca .

 

Fui até a sala e lá estava minha mãe , uma mulher de (Insira a aparência completa de sua mãe aqui) e que sempre está com um avental quando vai cozinhar . Ela estava cozinhando carne de panela com arroz , uma comida que sempre comíamos no Brasil . Isso mesmo , eu sou brasileira , mas estou aqui no Japão pois meu pai arranjou um emprego aqui , e Laitano a mesma coisa , pois nossa família toda é amiga . Fui checar meu twitter enquanto esperava a comida sentada perto do balcão .

 

- Filha , hoje você vai ter que faltar . - Minha mãe olhou bem para meus olhos concentrados no eletrônico - Você tem que fazer um enorme favor para mim hoje .

 

- Hã? O quê? Que favor? - Levantei minha cabeça , olhando para minha mãe

 

- Então ... Quando chegamos ao Japão , encontrei uma amiga chamada Matsuyo Matsuno , e ela que me ajudou com a vida aqui no Japão . Em troca , eu gostaria de ajudar os filhos dela , que estão desempregados e atualmente sem ensino de faculdade ... Filha , poderia fazer esse favor a mim? Ajudar os filhos da Matsuyo?

 

- É claro! É só me dizer o endereço que eu vou!

 

Pegando o endereço , saí da casa apenas com o papelzinho com o endereço e meu celular . A cidade de Tokyo estava bem agitada , e vários telões faziam propagandas de Fast Food . Ai  ai , que fominha , e minha mãe nem me deu a carne de panela ... Sem querer meu papelzinho voou até uma casa que no Brasil chamamos de sobrado , mas não sabemos se no Japão dizemos a mesma coisa desse estilo de casa . Pelo que me lembro , o endereço dizia que esse sobrado é a casa de Matsuyo .

 

- ... - Tímida e envergonhada , fui até a porta da casa e dei duas batidas na porta - Senhorita Matsuyo?

 

Fiquei com postura e ninguém veio . Encostei minha orelha delicadamente na porta e comecei a ouvir barulhos de um monte de pessoas falando ao mesmo tempo , enquanto uma TV passava uma reportagem . Ouvi passos acelerados até a porta e voltei a postura , e quem me atendeu foi um garotinho de cabelos lisos com um fio saltado na cabeça , shorts , meias com pantufas , uma blusa amarela com um símbolo de pinha e sua expressão era de uma pessoa retardada com uns parafusos a menos .

 

- Pessoal , pessoal! Tem uma garota aqui na porta! Será uma mensageira dos deuses? - O garoto correu para dentro de sua casa como uma criança brincando de ser avião

 

- O quê? - Um garoto de cabelos bagunçados com dois fios saltados na cabeça , calça , pantufas e uma blusa roxa com desenho de pinha olhou a mim - Nossa ... Por causa disso?

 

- Disso? Q-Quem você está chamando ''disso''? - Pensei

 

- Hã? A filha da senhorita (Insira o nome da sua Mãe aqui) já está aqui?

 

Na porta veio uma senhorinha de mais ou menos uma certa idade como 50 anos estava olhando para mim . Provavelmente , senhora Matsuyo Matsuno .

 

- Você é Matsuyo Matsuno , não? - Perguntei - Eu vim a pedido da senhorita (Insira o nome da sua Mãe aqui) .

 

- Oh! Então você é a filha dela? Nossa! Sabia que eu fui pro hospital onde você nasceu? Uma foto de você recém-nascida apareceu numa Televisão! Ah querida estamos falando demais , pode entrar! Esses são meus filhos , eles são bem idiotas , mas acho que uma adolescente pode conviver com eles , eu não tenho mais idade para cuidar de filhos inúteis .

 

- A mamãe nos odeia ... - Um garotinho igual a todo mundo dali (só que de casaco rosa) ficou meio tristonho~

 

Sentei-me na almofada perto de uma mesa redonda na sala e fiquei observando eles . Eram 6 : Um de vermelho , outro de azul , verde , roxo , amarelo e rosa .

 

- Osomatsu , Karamatsu , Choromatsu , Ichimatsu , Jyushimatsu e Todomatsu . Somos a família Matsuno! - Osomatsu sorriu , apontando para os irmãos enquanto falava o nome deles

 

- A girl , uh? - Karamatsu colocou óculos escuros

 

- ... - Choromatsu olhou para baixo , com as mãos no bolso

 

- Eu vi ela na porta ... - Jyushimatsu mexia as pernas

 

- ... Todos nós vimos ... - Ichimatsu parecia sério e calmo

 

- Ela é bonita , né? - Todomatsu sorriu

 

Certo , certo ... Esses são os ''adoráveis'' garotos que são a missão que minha mãe concedeu a mim , não? Ah , será fácil , eu acho .



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...