História Uma reviravolta - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Suga
Tags Lua-de-mel, Suga
Exibições 50
Palavras 1.106
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Hentai, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hue

Capítulo 6 - Oppa


Fanfic / Fanfiction Uma reviravolta - Capítulo 6 - Oppa

Suga sorria , um sorriso sádico e perverso altomaticamente me sentei na cama enrrolada no fino lençól branco que deixavam minhas curvas expostas e tampava somente meus seios e minha intimidade.... eu estava envergonhada , mal conseguia o encarar minhas bochechas estavam vermelhas e meu corpo estava travado...

Suga : dormiu bem MEU amor...?

   Eu o olhei dessa vez como ele era cínico ... ele sabia de minha situação... mesmo eu querendo eu o queria responder... queria bater nele por ele ser tão bruto e violento comigo em minha 1 vez... no entanto era como se eu perdesse a atitude perto dele...

   Suga se levanta com calma , caminhava de forma lenta e mansa em minha direção enquanto desfazia o nó da gravata escolar azul  e logo tirando sua blusa social , exibindo seu torso palido . Ele se sentou em meu lado , nesse momento fechei meus olhos com força , não o queria encarar...

   Suga : baby... você não respondeu  seu oppa... eu te fiz uma pergunta...

  Nijin : e-e-eu... d-dormi b_!
  
     Suga furtivamente acaricia minha coxa alva observando os hematomas deixados por ele na noite passada... ele apertou ainda mais forte minha coxa deixando a marca de seus cinco dedos... aquilo me fez arfar baixinho... não queria que ele me tocasse e ao mesmo tempo eu o desejava ...
    Nijin : S-Suga... não me toque !

   Tentei dizer firme e me afastei dele me encostando na cabeçeira da cama  . Suga olha para meus lábios e isso me faz corar... logo o mesmo segura em meu pulso me deita do lado oposto da cama , ficando sobre mim segurando meus braços delicados na altura de meu pescoço enquanto seus labios ficaram de encontro ao meu ouvido , sua respiração estava meia ofegante e logo meu corpo se arrepia ao ouvir sua voz rouca e sensual ao meu ouvido

  Suga:  eu disse que a faria minha quantas vezes for precizo ... você não foi a escola então eu só precisei vir até aqui... agora ....

     Suga lambeu minha orelha indo em direção ao meu pescoço depositando um leve beijo no mesmo , enquanto o lençól é retirado de meu corpo pequeno abaixo de Suga .

    Suga :  prometo ser mais calmo ... então apenas me deixe...

     Suga se ajoelha entre minhas pernas abotuando sua calça preta e abaixando sua cueca branca exibindo sua ereção mais que evidente ...

    Suga  : fode-la ....

     Assim que terminou ele atacou meus labios com vontade enquanto seus braços rodeavam minha cintura possesivamente deixando nossos corpos colados...

    Eu queria senti-lo mais uma vez , mas estava insegura de Suga ser indelicado novamente... mas meu corpo logo manifestava sinais de excitação , minha intimidade já estava umida e molhava a cueca de Suga que por estar entre minhas pernas frequentemente havia atrito entre nossas intimidades causando sensaçoes prazerosas em meu corpo . Separo nossos labios por falta de ar , estava ofegante e Suga não estava diferente... logo ele direciona seus labios em meus seios médios , ele os lambia e os chupava como um bebê , sua mão acariciava de leve meu clitorís me fazendo gemer cada vez mais alto o que o satisfazia por completo... meu corpo estava suado e totalmente entregue as sensações , minha mente estava em braco ... ela pedia cada vez mais ... e meu corpo reagia a isso.

    Suga : agora irei lhe provar...

    Logo apos dizer isso , ele abriu mais minhas pernas se afastou um pouco e logo ficou de frente com minha  intimidade aquilo me deixou envergonhada , não que não estivesse antes no entanto ficar tão exposta assim...

Nijin : S-S-Suga... não... aí...

  Suga olhou para meus olhos e logo disse

Suga : me chame de " Suga oppa "

   Logo o senti chupar minha intimidade enquanto olhava para minhas expressões de prazer , cada lambida era um gemido alto e mais fino.... era tão bom... tão quente... Suga movimentava sua lingua em circulos sobre meu ponto sensìvel aquilo era tão gostoso....

Nijin : S-Suga , pare...ahhhrr!!

     Sinto uma chupada ainda mais forte me fazendo gemer em deleite

Nijin : Suga oppa...

  Suga se levantou lambendo seus labios enquanto sorria para mim maliciosamente , apreciando o estado que me deixara...

Suga :... agora vem a parte mais divertida...

   Ele voltou a se por entre minhas pernas esfregando sua ereção coberta em minha intimidade úmida simulando uma penetração... não tardou para sentir o membro ereto de Suga em minha entrada , meu olhar estava um pouco inseguro mas logo sinto a mão quente de Suga se entrelaçar a minha a erguendo na altura de minha cabeça enquanto seu braço ia ao meu quadril o deixando mais alto e colado ao seu ...

Suga :  irei começar...

Logo sinto seu membro forçar um pouco entrando com certa facilidade pois a lubrificação ajudou bastante... senti-lo dentro de mim ainda era doloroso no entanto não era como na primeira vez ... era tão grande... estava totalmente preenchida... Suga logo começa seus movimentos , lentamente ele estocava com calma e paciência e cuidado atento as minhas expressões . Mordo meu labio inferior e solto um gemido comôdo ao sentir as penetrações mais rápidas... Suga apertava minha mão a cada movimento feito por ele , era tão bom...eu o queria sempre assim...eu gemia seu nome descontroladamente , guio minha mão are suas costas as arranhando de leve enquanto os movimentos eram ainda mais frenéticos e fortes , meus seios estavam de encontro ao seu peito os impedindo de balançarem . Já Suga mantinha seus olhos fechados e seu corpo suava assim como o meu meu... de seus labios saiam frases desconexas , ele então me coloca sobre sua cintura ainda com seu membro dentro de mim ...

Logo minhas bochechas coram e o mesmo sorri para mim segurando minha cintura me impulsionando para cima e para baixo aquela sensação de te-lo ainda mais fundo era incrivel... os movimentos eram fortes e as vezes calmos... aquilo estava me deixando louca... o lençól estava em minha cintura pois com a transa o mesmo se enrrolou a minha cintura...de costas não dava para ver nada de nossos movimentos no entanto Suga tinha uma visão de minha intimidade subindo e descendo em seu membro ....

   Suga : seja minha Nijin... apenas minha... baby...

  Logo ele dá uma estocada violenta se desfazendo dentro de mim que logo depois alcanço meu limite caindo ao seu lado... o mesmo logo me abraça fazendo-me deitar a cabeça em seu peito...

  Nijin : Suga...oppa...

Minha voz estava sonolenta e a ultima coisa que consigo ouvir é um " durma minha pequena ..." assim adormeço


Notas Finais


Pronto ,um capitulo decente


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...