História Uma segunda chance? - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Revelaçoes, Romance
Visualizações 2
Palavras 802
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Suspense
Avisos: Drogas, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 4 - Capitulo 4


D-essa é Katherine,eu falei dela pra você,ela vai te ajudar com os estudos. 

xxx-A . É . Oi Katherine meu nome é William, mas pode me chamar de whill

EU-pode me chamar de Kath

D-vou deixar vocês a sós e vou trabalhar

- Tá  -falamos em unissono

(...)

Até que ensinar alguma coisa a alguem é bom,passar o que sabe pra outra pessoa ,mas uma coisa ficou em minha cabeça e não sai. Por que ele me chamou de Samantha? será que ele me confundiu? Não pareceu,eu não vou ficar com essa dúvida. 

Will- Então Katherine, você nao lembra de nada,absolutamente nada?

Eu- Não. Não me lembrava nem mesmo do meu nome... falando em nome, por que você me chamou de Samantha?

Will- ppor nada, só confundi, tinha uma amiga com esse nome

Eu- tinha?

Will- sim. Mas ela foi embora a três anos, três loongos anos. Mas e vc? Não faz nada?  Digo, não trabalha...

Eu- Não , por enquanto não...tava pensando em ensinar, dar banca já que sei tudo

Will- Você poderia ir ensinar no colegio q eu estudo aí aproveitava e me dava as respostas não? Kkk

Eu- hahaha faça-me rir 

Will- acabei de fazer ué kkk

Eu- kkk      Eu... acho que ja vou pra casa, amanhã a gente se vê

Will- Você não vai só mocinha

Eu- eu não vou esperar seu pai, ele só vem à noite e ainda é 16:30 e alem do mais eu ja sou bem grandinha não acha?

Will- kkk   é grandinha só na idadede né kkk e,do que adianta ser grande mais não saber andar só por aqui?

Eu- e quem disse que eu não sei

Will- que eu saiba você não se lembra de nada 

Eu- af af

(Rimos)

Will- eu te levo

Eu- ok, já sei que vai insistir até eu dizer sim

Will- eu não ia insistir mas...kkk  Brinks. Am...vamos?

Eu- claro. 

Will- põe o capacete

Eu- ok

Chegando em casa vi que tinha alguem lá no jardim e fui ver quem era

- oi

- ah, oi minha filha, chegou cedo

- já são 17:00

- a, eu tava aqui e nem vi a hora passar

- am... mãe onde tá Arthur?

- ele foi na casa de um amigo

- a tá... mãe eu tava pensando, e se eu começasse a dar banca, sei lá eu fico o dia inteiro sem fazer nada em casa e ainda não conheço ninguém

- claro minha filha , é uma ótima ideia

- ok então... eu vou subir pra o quarto, quando Arthur chegar diz que eu quero falar com ele

-am...eu vou sair umas nove horas por aí mas você pode falar com a Nicole

- am... quem ser Nicole?

- ah , me esqueci kkk    Nicole é uma das empregadas

- a tá pode deixar

(...)

Já se passou um tempinho, já assisti, tomei banho, vesti o pijama até porque não viu mais sair hoje. As coisas estão muito estranhas, a explicação que will me deu sobre Samantha não me convenceu até porque ninguém aqui se parece nem um pouco comigo, a minha mãe,  como é que uma pessoa em sã consciência vai a rua num lugar tão perigoso como esse sem hira pra voltar?    Algo me diz que tem alguma coisa errada e eu vou descobrir o que é

Desci as escadas e vi Arthur sentado no sofá da sala e me sentei ao seu lado.

Eu- oi

Arthur-oi. Como você tá?

Eu- bem e voce?

A- tambem. Você tá com fome?

E- acho que... até se eu tiver acabado de comer eu vou ta com fome

(Risos)

A- é, eu sei, isso é de familia kkk

E- mas, a mamãe pouco pra fucar em forma e o papai só come o suficiente pra que não engorde

A- am... e-e-eu qquis dizer que é coisa de irmãos

E- Arthur- fiz uma breve pausa- Tá acontecendo coisas muito estranhas, as pessoas estão estranhas, você está estranho. Tá acontecendo alguma coisa? Você está me escondendo algo?

A- olha... vamos sair um pouco, aí a gente conversa

E- ok , vou trocar de roupa

A- tambem. Vou te esperar aqui quando terminar

E- ok

Vesti um vestido vermelho que tem a cinturinha e vai até a cocha, deixei os cabelos soltos como sempre e só passei um batom nude e deci

A- foi ligeira hoje

E- kk  vamos?

A- sim

Ele tem um carro mas não pode dirigir por ser menor e ter levado uma multa semana passada, então nós fomos a pé mesmo e paramos em uma pizzaria, e eu é claro pedi a minha comida agora favorita hambúrguer estavamos esperando nosso pedido em uma mesinha

A- então... o que quer saber?

E- tudo. Por que você tá agindo estranho comigo, mesmo eu não me lembrando de nada, sinto isso, e também,eu tive alguns flachs e lembrei de algumas coisas, nunca contei pra a mamãe por notar que ela tambem ta estranha e alguma coisa me duz pra não confiar em ninguém, mas tô te contando porque confio em você, não sei como, mas só com você me sinto segura e confiante. 

A- olha...eu vou te contar tudo,   você precisa saber.

...








Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...