História Uma semideusa... - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Mitologia Grega, Mitologia Romena, Percy Jackson & os Olimpianos
Personagens Annabeth Chase, Atena, Nico di Angelo
Visualizações 22
Palavras 1.306
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas do Autor


oiii,espero que estejam gostando!Estou muitooooo animada com essa fanfic,vocês não têm noção!

Capítulo 5 - Chegada no CHB


Entro toda tímida no acampamento,o Nico ficou calado por um bom tempo,e eu fazendo todos os meus esforços para não olhar para a cara dele e para não chorar.Depois de um tempo ele disse:

----Vou te apresentar a Annabeth. Provavelmente você já sabe quem ela é,já que leu os livros.Como ela é a "chefe" do seu chalé,vai te mostrar aonde irá ficar e aonde poderá guardar suas coisas.

Ele me entregou a minha mala,que eu não sabia da onde tinha saído,e me levou até uma menina loura,com olhos acinzentados.Era bem parecida comigo,pele muito branca,altura mediana,bem magra,mas não um palito,olhos cinzas que podiam ser facilmente confundidos por azuis,com a única diferença de ter cabelos louros,em vez de um castanho puxado para o ruivo,como o meu.Logo reconheci como Annabeth. Bem educada,ela disse:

---Olá!Bem-vinda ao CHB.Venha comigo,que vou te mostrar aonde irá dormir e aonde poderá guardar suas coisas.Ela me levou ao chalé 6,e me mostrou um canto que tinha uma cama e um guarda-roupa.Era mais ao fundo do chalé,aonde ninguém me notaria,o que me fez ficar feliz,apesar de não ser uma dessas meninas tímidas.Agradeci a ela:

---Muito obrigada!

Ela disse: ---O almoço vai ser daqui a pouco,te espero lá.

E saiu do chalé,me deixando sozinha com meus pensamentos.Como adoro arrumar as coisas,o que também é uma boa distração,comecei a guardar as roupas e meus livros no armário.Depois de um tempo,já tinha arrumado tudo e comecei a ler um dos livros que eu tinha,já que eu não tinha dislexia.Estava tão concentrada lendo que até me assustei ao ouvir o barulho dos sinos avisando que o almoço ia começar.Andei junto com a multidão do meu chalé ,e o almoço se passou rápido.Até que senti um para de olhos me olhando,me virei para ver quem era.Era o Nico,o que fez meu coração bater mais rápido.O QUE ESTÁ ACONTECENDO COMIGOOOO???????? Ele falou,somente mexendo a boca:

---Está tudo bem?

Eu me derreti toda!ELE ESTAVA PREOCUPADO COMIGO!!! "Sim,sou muito iludida",pensei comigo mesma.Respondi que sim,do mesmo modo que ele perguntou. Quíron pediu silêncio e falou sobre um baile à fantasia esta noite,o que me animou,pois era uma boa chance de fazer alguma amizade.Mas,para minha infelicidade completou:

---Só poderá ir quem tiver acompanhante.E todos que forem terão que dormir na colina Meio-sangue,aonde acontecerá a festa,não podendo ir para  a sua cabana --e completou-- a não ser que passe mal.E é só para maiores de 12 anos.

Ótimo,vou ter que ficar com as crianças do meu chalé enquanto todos da minha idade se divertem, e certamente,o Nico estará lá com o Will.Só queria que alguém me explicassem como que eu fui gostar logo do Nico,que é gay.Só para eu sofrer,não é mesmo Parcas?Já estava voltando para o meu chalé quando o Nico me chamou.Olhei para trás,com o coração na boca.Ele perguntou:

---Alguém já te convidou para a festa?

Eu:---Há!Ninguém me conhece aqui,a não ser você!(cantada?talvez. Mas não quem arrisca não petisca)

Ele:---Então você quer ir comigo?

Eu:---Mas você não vai convidar o Will?(Podia ser a minha única chance de descobrir,então vamos lá)

Ele(chocado):---O que tinha naquele livro?

Eu:---Que você e Will namoravam(Exagerei ?talvez)

Ele(quase rindo):---Sabe qual é a verdadeira identidade do Rick Riordan? Zeus!E Zeus me odeia,por ser o primeiro filho dos três grandes. (Bem bravo agora) Ele teve ter feito isso só para me ferrar(Voltou a falar normal) Então,você vai querer ir comigo a essa festa ou não?

Eu(Bem atônita):---Quero sim.

O que fez que ele desse um sorriso de canto de boca que me arrepiou.Continuei andando até o meu chalé,tentando não dar pulinhos.PORQUE EU TENHO QUE SER TÃO INFANTIL???? Chegando lá fiquei lendo o dia inteiro,já que parece que era a única coisa que tinha para fazer aonde não se pode celular e não se tem amigos.As horas passaram bem rápido até que as primeiras meninas começaram a se arrumar.Estava pegando a minha veste da Corvinal,quando a menina do meu lado,que aparentava a mesma idade que a minha começou a dar saltinhos e gritinhos.Comecei a rir e olhar para ela,até que ela disse para mim:

---Você também é potterhead???Não acreditooo.Peraí...Você também é da Corvinal???

Achei ela bem legal de cara.Dei uma olhada rápida nela:tinha um cabelo negro e encaracolado,e uma pele igualmente negra,tinha traços forte ,era bem bonita e parecia ser bem legal também.Respondi,também ficando animada:

---É claro que eu sou potterhead!!Somos da mesma casa!!!!!Meu nome é Elisa por sinal.Qual é o seu?

Ela:---É Charlotte!Eu também vou com as vestes da Corvina.O resto das pessoas do chalé ou vão de Star Wars ou de Harry Potter ou de qualquer outro livro,incluindo os em grego.

Coloquei as vestes por cima de um short curto,mas não indecente,com uma blusinha de barriga de fora,a roupa dela também não estava muito diferente.Pegamos nossas varinhas e  ela me apresentou ao namorado dela,que era alto e magro,que também era potterhead.Nós começamos um duelo de varinhas,o que foi muito legal,pois encenávamos as reações aos feitiços.Até que o Quíron chegou,e paramos na hora,achando que estávamos metidos em encrenca.Mas foi muito grande o nosso alívio quando ele disse:

---Vocês são mesmo bons no que quer que estejam fazendo.Bem que podiam apresentar isso na festa.

Já ia dizer não quando Charlotte gritou um sim estridente.Continuamos a andar até que finalmente avistei o Nico,sinalizando para ele vir para cá.Charlotte percebendo que ele era meu par,estacou no gramado e me perguntou,espantada:

---Ele é o seu acompanhante?

Eu:---Sim...Porquê?

Ela:---ELE É MUITO ESQUISITO!(Falou um pouco alto demais,o que fez com que eu olhasse para ela com censura)Ele nunca vai a nenhum dos eventos do acampamento e não fala com ninguém.

Eu:---Mas eu acho ele muito legal. Fica quieta, ele tá vindo.

Ela me olhou como se eu fosse doida,não que eu não seja.Ele chegou do meu lado e deu um "oi" educado.Ele tinha vindo de Drácula,e ficou super fofo.Muitas pessoas olhavam atravessado para ele,mas ele nem ligava,já teve estar acostumado pelo jeito que a Charlotte falou.Continuamos a andar,todo mundo calado dessa fez.Quando chegamos na festa o Quíron nos levou para o centro do gramado e falou que aqui ia ser a apresentação.Logo arranjamos mais um potterhead para participar do duelo de varinhas. Olhando ao redor me senti deslocada,pois só o chalé de Atena que não estava com roupa curta,mas tentei não me importar.

O duelo de varinhas foi bem legal,muitos potterheads vieram nos parabenizar depois.Sentamos nós quatro no banco e ficamos conversando,menos o Nico, que só me observava,ou eu que estava bem iludida mesmo achando isso.Assim que o namorado de Charlotte saiu para comer alguma coisa falei:

---Beleza,alguém podia pelo menos ter nos avisado o tipo de roupa para usar,que estou morrendo de vergonha aqui.

Charlotte riu e concordou com a cabeça e Nico caiu na gargalhada,o que assustou todo mundo,até eu,porque dava para perceber que ele quase nunca ri.Só que ele nem se importou,e continuou a rir,o que fez eu e Charlotte cair na gargalhada.Charlotte saiu para procurar o namorado e eu e Nico ficamos conversando.Eu contei toda minha vida para ele,um erro,não vou negar.Aí eu pedi para ele falar sobre si mesmo.Ele respondeu:

---Desculpe,mas não gosto de falar muito sobre minha vida  para pessoas que mal conheço,e você já deve saber o suficiente por meio de Zeus.

O que me deixou irada,claro.Já ia retrucar quando Charlotte chegou chorando e a abracei perguntando o que tinha acontecido.Ela respondeu,entre os soluços:

----O babaca do meu EX-namorado estava beijando uma putiane do chalé da Afrodite!

Como isso já havia acontecido muitas vezes com minhas amigas sabia o jeito certo de agir. Falei para ela,com voz autoritária:

---Para de chorar,você não é bebê .Segundo tira essas vestes e fica só com o short e a blusa de baixo.Terceiro,sorri,passa um batom vermelho,preste as contas com ele e vai para a pista e dança bem sensual,para ele ficar com ciúmes!

Ela:---só se você fizer isso também.(Entre as fungadas)

Eu aceitei,porque ela precisava de mim.Nos preparamos e segui ela até o namorado,ou melhor,ex-namorado dela



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...