História Uma Superação - Capítulo 1


Escrita por: ~

Exibições 21
Palavras 741
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Policial, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Essa é a continuação de Uma Policial espero que gostem 😍😍😍

Capítulo 1 - Sofrimento


Fanfic / Fanfiction Uma Superação - Capítulo 1 - Sofrimento

Todos nós temos um pouco de loucura. Alguém foi louco de alterar a voz à mãe. Alguém se declarou ao crush sem saber se ele sente a mesma coisa.                        Alguém se jogou da ponte.                     Alguém se suicidou.                                 Alguém matou.                                           Alguém sofreu acidente de carro. Não temos como evitar isso. Está no instintos dos humanos.

 3 MESES E 2 SEMANAS 

Depois que eu acordei no hospital. Parecia o velório estava mãe, pai e Bianca chorando de felicidade todos falavam "Obrigado Meu Deus" "Que bom que você acordou" "Aleluia". Foi 2 horas ouvindo a mamãe falar. Sem falar que ela ligou para os parentes de minha cidade Natal. Sem falar que eu estou grávida e o bebê não sofreu nenhum ferimento 

 3 DIAS SE PASSARAM.. 

Eu acordei estava deitada na minha cama estava Jake escorado na parede me olhando fumando. 

 Eu: Devo me preocupar? 

 Jake: Você é bela até dormindo. 

 Eu levantei da cama. Eu levantei nas pontas do pé para beijar ele. Ele virou a cabeça. Eu me afastei. Eu sentei na cama. 

 Eu: Que bom te vê.

 Jake: Digo o mesmo. 

 Eu coloquei uma mecha de cabelo atrás da orelha e morde os lábios. 

 Jake: Está bem. Está machucada? 

 Eu: Não fisicamente. Você está fumando.

 Ele abaixou a cabeça fumando o cigarro. 

 Jake: Quem diria.

 Eu: Por que não veio me vê. 

 Jake: Estou aqui. 

 Eu: Quando acordei. Estou com saudade. 

 Jake: Tinha que resolver algumas coisas. 

 Eu: Quer falar alguma coisa. 

 Jake: Sim. Mais não precisa ser agora 

Eu: Pode falar. Está sendo irritante você falar pequenas falas. 

 Jake: Eu volto amanhã. 

 Ele virou de costa descendo a escada.

 Eu: Espera. Volta aqui. 

 Ele voltou. 

 Jake: Fala.

 Eu fui até ele. Levantando os meus pés. Beijando ele. Beijando explorando cada canto da boca dele, fazendo o beijo ser o melhor e inesquecível. Ele colocou a mão na minha cintura. Chegando mais perto dele. As mão grandes em mim. Depois de um tempo nós soltamos com alguns beijos. 

Jake: Nossa!! 

 Eu: Beijei ruim? 

 Jake: Você nunca me deu um beijo desse.

 Eu: Eu quero escutar o que você tem pra mim falar.

 Ele pegou a minha mão e o apertou. Jake: Não quero magoar você. 

 Eu: Fala logo.

 Ele me puxou pra sentar. Nós sentamos

 . Jake: Eu fiquei um bom tempo chorando pelos cantos enquanto você estava em coma, me despedacei como farelos de biscoitos. Eu não suportaria se você morrer. Eu comecei a beber a fumar, para tirar a dor de vê você parada em coma. Então eu queria te esquecer por que você não dava um sinal que estava bem, que iria reagir. Eu tinha que seguir com a minha vida, eu ficava fazendo horas extras no trabalho, e confesso eu te trair, tentei pegar quase todos os tipos de mulher para te esquecer, branca, morena, nerd, feminista, prostituta, eu só pensava em você, não transei com nenhuma porque pensava em você era muito estranho, tinha ilusões com você, sonhava com você. Seu sorriso, seu jeito, seu corpo, o calor dos nossos corpos juntos eu sinto saudade. Mais eu quero dar um tempo, pra eu ser dependente de mim, me controlar, ser normal, eu espero que você me entenda. 

 Eu fiquei completamente sem palavras. 

Eu: Na última vez que eu sair correndo de casa e peguei o carro parei no hospital. Vai embora. 

 Jake: Eu te amo.

 Eu gritei alto para todos ouvir. 

 Eu: Vai emboraaaaaaaaaaa 

 Ele desceu a escada. Eu desci a escada. 

 Joana: O que aconteceu?

 Ele saiu batendo a porta.

 A sala estava com mãe, pai, Joana, Bianca, Eric e Edu.

 (Eric namorado de Bianca)

 ( Edu meu ex namorado, amigo) 

( Bianca irmã) (Joana prima) 

 Estava prendendo o choro pra não chorar na frente deles.

 Eu: Não quero que ele pisa o pé nesta casa. 

 Joana: Por que?

 Eu: Por que eu também moro nesta casa, ela também é minha. Eu subir a escada indo pro quarto deitando na cama.

 Flash Back on 

 Jake chegou perto de mim.

 Eu: Você me ama? 

 Jake: Sim

 Ele colocou os braços na parede e me beijou, nossos lábios se tocaram, a sua língua explora cada canto da minha boca, um beijo gostoso e de ficar na memória, os do que não vou esquecer. 

 Ele se afastou quando ouviu a voz de Lucas 

 Lucas: Uau, eu pensei que vocês eram amigos     

    Eu: E somos. Eu puxei ele e dei um selinho.

Flash Back off 

 Eu: Ele é um babaca



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...