História Uma Viagem Muito Louca - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts
Exibições 3
Palavras 1.619
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Colegial

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura 😊😊

Capítulo 2 - 01


 Acordei com o despertador gritando no meu ouvido 😡. Levantei fiz minha  higiene e fui tomar café.

 - Mãe to com fome - falei chegando na cozinha. 

 - affs garota, você só sabe falar isso. Toma aqui o chá e o pão. -minha mãe falou me entregando. Peguei e fui comer no meu quarto.

 Enquanto comia fui olhando o YouTube, whatapp e twitter. Quase dei um treco quando vi que o BTS ia vim no Brasil em 2017. Mas adivinha... eles só iam vim em São Paulo 😢😢..  eu até entendo que é em São Paulo que tem um maior público.. mas vamos combinar neh.. nem todo mundo tem condições de ir pra São Paulo.. eu sou do espírito santo.. fica 12 horas de São Paulo.. simplesmente 12 HORAS.. Então além de pagar o ingresso, eu também teria que pagar a passagem e hospedagem.. tirando os gastos com comida e tals.

 Acabei de comer escovei os dentes e fui pra escola. Cheguei na casa da Júlia e a chamei.. depois enconrei com Laura na esquina da padaria. Nós sempre vamos pra escola juntas. Chegando lá fomos pra sala e encontramos com Luyza.

 - Luuuh vc viu??? O BTS vai vim no Brasiiiiil 🎉🎉 - falei toda animada. ( ela gosta do BTS.. mas é mais chegada do Monsta X) 

 - Eu vii.. eles vão vim em Março neh? Pena que é só em São Paulo :(.

 - eh.. eles podiam vim aqui.. mas é praticamente impossível eles vim num fim do mundo que nem esse.. aqui é praticamente uma roça 😕. - Falei triste.

 A primeira aula era de matemática.. ainda bem que sou de exatas. A última aula era de artes ❤❤. A prof é super gente boa. A meteria que ela ta passando agora é sobre estilos de música ♡. To enchendo o saco dela pra ela passar um trabalho sobre música, só pra eu poder colocar BTS haha.

 - Vai prof passa o trabalho. Olha, vai ser muito bom porque você num ta precisando dar nota? Então.. já ta no final do ano, você só tem 1 aula por semana e só falta 2 semanas pra terminar as aulas. Porque ninguém vem em dezembro. Ainda ta faltando 10 pontos pra você passar.. vaaaiii pf. - pedi pela última vez. Ela fez cara de pensativa.. olhou no caderno dela e falou.

 - Tá bom garota chata. Turma presta atenção aqui. - ninguém a escutou. Tava todo mundo gritando igual umas hienas. 

 - TODO MUNDO CALA A BOCA AGORA - ela gritou. Todo mundo olhou assustado pra ela. - Ainda falta 10 pontos pra fechar a nota.  Então a Bia me deu uma ideia de dar um trabalho sobre música. 

 - Ah não professora ela vai colocar aqueles viadinhos Japoneses de pinto peque.. - o interrompi.

 - Primeiro que eles não são Japoneses, são Coreanos. Segundo, diferente de você eles não julgam uma pessoa pelo tamanho no 'pinto'. Terceiro, eles não são viados. E mesmo se fossem qual o problema? Por acaso você tem algum tipo de preconceito? Porque eu não. Eles sendo ou não gays eu vou continuar gostando deles do mesmo jeito. Então antes de sair falando bosta procura saber mais sobre as coisas. Porque você não sabe o que eles tiveram que passar pra estar onde estão.*nota da autora: peguei essa mensagem de uma pessoa no Twitter. Esqueci o nome. Sorry ✌*  - quando terminei todo mundo bateu palma, e o menino que tinha falado aquilo abaixou a cabeça e fingiu que nada aconteceu. 

 - Enfim.. - a prof continuou. - eu quero que vocês formem grupos de até 7 pessoas e cada grupo vai ficar responsável por um tipo de música. Vocês vão apresentar no dia 30/11.  Já podem formar os grupos.  

- Genteee vamos falar sobre K-pop ?? Ai a gente pode dançar - falei toda animada chegando perto das minhas amigas. 

 - Vamoooos ai a gente pode dançar Fire ou Dope ouu 피 땀 눈물❤ - Luyza falou quase gritando na última parte. 

 - Affs, esses corebas não. Vamos falar sobre One Direction - Júlia falou. 

 -Eh.. eu nao quero falar desses corebas não. - Falou Laura. 

 - Então faz assim, eu e a Luyza vamos falar sobre K-pop. Você e a Laura faz sobre OneD. Que tal ? - Falei pra Júlia.

 - Tah. Mas ta muito sem graça. Vamos fazer assim.. quando nós nos apresentar vamos perguntar pra prof qual ficou melhor. - Júlia falou.

 - E a que perder vai ter que pagar um lanche no BK. Quem topa? - Laura falou. 

 - fechado. - falei. 

 - Que o melhor vença. - Falou Luyza. 

 O resto da aula passou voando. Quando vi já era hora de ir embora. Eu e a Luyza decidimos dançar 피 땀 눈물. Fui trabalhar e quando cheguei em casa não tinha ninguém. Fui arrumar minha comida e quando estava indo pra sala meu coração disparou.. tinha uma borboleta ENORME  perto do sofá. Comecei entrar em desespero pq era daquelas bem grandes mesmo.. algumas pessoas a chamam de bruxa. Coloquei o prato na mesa e sai pro lado de fora pra pegar uma vasoura. Quando voltei ela não estava mais la.. Fui entrando pra dentro de casa com a vasoura na mão e quando fui ver ela tava voando em cima da minha cabeça.  Eu comecei a gritar joguei a vassoura longe e entrei em pânico, eu não sabia se corria eu se tentava matar a borboleta. Ouvi a Luyza me chamando e sai correndo e gritando pra atende-la.

 - SOCOROOOOOO AAHHH- gritei correndo pra fora de casa. Quando cheguei no portão tropecei no meu pé e cai de cara no chão. 

 - Menina o que ta acontecendo ??  Você tá bem ? O que tem lá dentro ? - Luyza veio correndo na minha direção me enchendo de perguntas. Eu apenas continuei caída no chão sem me mecher. Tava tão bom lá.. e meu coração ja estava mais normal. 

 - Biaaaaa. Acordaa pelo amor de G dragon. - Falou me balançando e batendo de leve no meu rosto. 

 - Ai garota não bate. - falei abrindo o olho e  rindo do desespero dela. Mas quando lembrei que tinha uma borboleta dentro da minha casa meu coração ja acelerou de novo.

 -  Juuuh me ajuda pelo amor de Deus. Tem um Bixo enorme la dentro - falei levantando e apontando pra minha casa. 

 - Ele morde ?

 - Acho que não '-'. Mas ele voa. Pelo amor de G dragon Mata aquilo. - falei. 

 - vamos lá dentro pra eu ver. 

 - Tah.. - entramos pra dentro de casa e quando eu pisei na cozinha já vi ela parada perto da geladeira.

 - Alaa - falei e apontei pra borboleta. 

 - affs Bia. Você ta com medo de uma borboleta. Ela tem mais medo de você do que você dela sabia?! Tadinha tão bonitinha e tão fragiu. - ela falou chegando perto da borboleta. 

 Só sei que quando a Luyza tava perto da borboleta ela começou a voar e agarrou no cabelo dela. Comecei a gritar e ela gritava junto. Eu tinha que fazer alguma coisa.. peguei a vassoura e fui pra perto dela. Comecei a tacar a vassoura na cabeça da Luyza.. mas não funcionava entao pensei em jogar água, fui correndo pra pia e peguei um copo de água, mas quando eu estava indo pra jogar no cabelo da  luh eu acabei caindo.. mas eu tinha esquecido que estava segurando um copo de vidro.. então quando eu cai eu cortei minha mão toda.. Ainda bem que foi a esquerda. 

 - AIII MINHA MAOOOO. - Gritei. 

 - Quem que ta ai ????  E melhor você sair porque eu estou armada. - pela voz parecia que era a Júlia. Ela deve ter ouvido a gritaria já que mora perto da minha casa. 

 Do nada a Júlia aparece na porta com uma garrafa de vidro na mão e começo a rir dela. 

 - kkk essa é sua arma? - perguntei pra ela. 

 - Claro, é so eu taca isso na cabeça da Pessoa e sair correndo haha. -ela falou.

 - o que é isso na sua mão ???? Menina ta saindo muito sangue. E porque a Luyza ta no chão toda descabelada ? - ela me perguntou desesperada. Não sabia se vinha em mim ou ia na Luyza. 

  - tinha uma borboleta aqui ai a Luyza chegou pra gente ensaiar e me ajudou a mata-la.. só que a borboleta agarrou no cabelo dela... - contei tudo o que aconteceu enquanto ela me ajudava a levantar.

 Depois de um tempo o chão já estava limpo, minha mão estava com um curativo e a borboleta morta. As meninas foram embora é quando vi já era 17:30 meu pai e meu irmão iam chegar daqui 10 minutos e eu nem tinha lavado a vasilha. Ainda bem que tinha pouca coisa. Arrumei as coisas e fui descansar  um pouco. Quando minha mãe chegou já veio perguntando o que tinha acontecido... mas como ela sabia? 

 - O que aconteceu aqui ????  Fiquei sabendo que você cortou a mão, ta tudo bem ?? - ela veio pegando minha mão toda preocupada. 

 - Ai.. cuidado. Quem te contou ? - ignorei a pergunta dela. 

 - Porque você tá mudando de assunto ? Foi a vizinha que me falou. 

 - Ah claro a velha fofoqueira. -_-.  - falei com destem. 

 - Coitada, não fala assim dela. - minha mãe falou rindo. O resto da noite foi normal.. contei pra minha mãe o que aconteceu e ela começou a rir da minha cara pq eu falei que tinha medo de borboleta '-'.. mas enfim depois eu jantei fiz o dv de matemática e fui dormir.  


Notas Finais


Espero que vocês tenham gostado ^^
Desculpa pelos erros >. <
Deixe seu comentário.. quem sabe eu não respondo ^^
Bjuus 😊


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...