História Uma Vida Sem Sentido ... - Capítulo 36


Escrita por: ~

Postado
Categorias Cameron Dallas, Matthew Espinosa, Nash Grier
Personagens Cameron Dallas, Matthew Espinosa, Nash Grier
Exibições 12
Palavras 330
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Acabou... vou sentir falta! Amei escrever ela, e espero que vocês tenham gostado da leitura. AMO VOCÊS <3

Capítulo 36 - Futuro


Fanfic / Fanfiction Uma Vida Sem Sentido ... - Capítulo 36 - Futuro

*13 ANOS DEPOIS*

POV SHAWN: 

Minha filha esta fazendo um aninho hoje, estou casado a três anos, minha esposa sabe tudo sobre a minha vida, e ela não se importou com o meu passado, ela é uma mulher bem compreensiva. E eu gosto dela.

Os meninos também seguiram a vida deles, todos nós seguimos. Depois de sairmos do cemitério fomos todos almoçarmos. Todos nós. 

-Sentem falta dela?- minha esposa perguntou. 

-Sim!- todos nós respondemos em coro.

-Todos os dias. Principalmente eu.-disse e a minha esposa me abraçou- Desculpa.

-Não precisa se desculpar, amor. Eu entendo.

-Todos nós entendemos!- Cameron. 

-Livia?-a esposa do Cam chamou- A sua filha acordou.

-Vou lá. -ela saiu e logo voltou com a nossa filha. 

Me levantei e sai com o carro. Fui de volta ao cemitério e me sentei ao lado do tumulo dela. 

-Eu deixei você ir, e eu nem pude te dizer que eu te amo, de verdade Helen, eu te amo, não como irmão ou como amigo, eu te amo de verdade, e sempre vou te amar. 

A Livia me ligou e disse que todos estavam na praia então fui direto pra lá. 

Cheguei lá e todos estavam lá, minha filha veio caminhando em minha direção, e a mãe dela logo atrás, mas eu vi algo, uma especie de luz atrás das duas. Eu sabia que era ela. Peguei a minha filha no colo e a minha esposa chegou e nós dois demos um beijo na bochecha dela (foto do capítulo). Minha esposa se afastou me deixando sozinha com a nossa filha. 

-Eu te amo filha...- respirei fundo e olhei pro horizonte- Eu te amo Helen. - eu ouvi um "eu te amo, Shawn", mas estava sozinho, sabia que ela estava ali comigo, e agora eu sabia que ela me amava, que ela me ama. 

-Shawn- a Livia me chamou- Vem, vamos comprar sorvete pra nossa filha- coloquei ela no chão e ela foi correndo- Vem amorzinho.

-Corre Helen, corre filha, vai! 

 


Notas Finais


Adeus </3 <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...