História Un Amor Diferente - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias Carinha de Anjo
Personagens Cecilia Santos de Larios "Irmã Cecília", Dulce María Larios Valle, Estefanía Larios de Gamboa "Tía Pelucas", Padre Gabriel Larios Rocha, Personagens Originais
Tags Carinha De Anjo, Gaju, Juju Almeida, Novela, Padre Gabriel Lários, Romance
Visualizações 160
Palavras 1.273
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá, meus amores!!
Como vocês estão?
Como prometido, aqui vai mais um capítulo de Un Amor Diferente. Pretendo realmente postar dois capítulos por semana até pra não deixar vocês morrendo de curiosidade.
Então... Espero que gostem.
Bora ler?

Capítulo 27 - Não Vou Desistir Dela!


Fanfic / Fanfiction Un Amor Diferente - Capítulo 27 - Não Vou Desistir Dela!

Irritado por ver Juju demonstrar que ainda amava Gabriel, Zeca sai do apartamento da jovem e acaba por dar de cara com Gabriel no corredor. – Voltou pra que? Pra acabar com a vida da Juliana? – Zeca fala para Gabriel que estava de costas esperando o elevador abrir. O sacerdote revira os olhos e se vira para encarar o rapaz.

- Voltei porque amo a Juliana e não pretendo desistir dela.

- Não? E vai fazer o que? Porque pelo que eu saiba, o namorado dela sou eu...

- Por pouco tempo. Acha mesmo que a Juju te ama? Não, Zeca. Ela não te ama. – Gabriel fala em um tom irônico que faz Zeca o encarar ainda mais. – Sabe porque? Porque ela me ama. Ela sempre me amou e não vai me trocar por você. – Gabriel diz se aproximando de Zeca.

- Ah é? E o que ela fez então?  Te trocou sim e por mim, padre. E eu posso te garantir... De que ela fez a melhor escolha pra sua vida.

- E o que você sabe sobre escolhas? Hã? Um garoto que mal saiu das fraudas está querendo me dar lição de moral. Olha pra você, Zeca. É jovem demais pra dizer besteiras como estas. – Gabriel fala ironicamente mais uma vez.

- Eu posso sim ser um garoto que mal saiu das fraudas, mas mesmo assim... Nunca fiz a Juju sofrer...

- O sofrimento faz parte da vida de qualquer pessoa. Nunca sofreu não? Ah, esqueci. Você é um garoto ainda. Estou te avisando, Zeca. A Juliana me ama e vai ficar comigo.

- Isso é o que vamos ver.

- Eu não vou desistir dela! A Juju vai voltar pra mim.

- E eu vou pagar pra ver. – Zeca fala se aproximando de Gabriel que sorri ironicamente.

- Então pague... E perca o seu dinheiro. Ah... E o seu tempo também. – Falando assim, o sacerdote abre o elevador e entra no mesmo enquanto Zeca somente fica o encarando, imensamente irritado.

- Desgraçado! A Juju não vai ser sua. Mas não vai mesmo. – Zeca fala para si mesmo e resolve descer pelas escadas, pois não estava com paciência para esperar o elevador.

O dia passa e já à tardinha, André chegava na casa de Cecília. A ex-noviça se encontrava sozinha, pois Fátima e Verônica ainda não haviam chegado em casa. – Oi, meu amor... Senti saudades. – André fala tentando beijar Cecília, mas a mulher se afasta. André estranha e dá um sorriso sem graça. – O que houve?

- Ér... André, eu... Ai meu Deus, como vou falar isso?

- Falar o que, Cecília? Está me assustando.

- Bom, eu... Eu... Eu quero terminar o nosso namoro.

- Terminar? Mas... Porque? – André pergunta sem entender nada, mas aí o médico pensa em algo e sorri. – É o Gustavo, não é mesmo? Continua apaixonada por ele?

- Eu... André...Si... Sim. Eu... Eu ainda amo o Gustavo. Eu sinto muito. De verdade. Você... Você é um homem maravilhoso. É gentil, carinhoso, bondoso... É tudo o que uma mulher poderia querer, mas...

- Mas você não quer... Porque ama o Gustavo. Cecília, eu sempre soube desse amor e quando você se abriu pra mim, me confessando tudo o que sentia por ele...  Eu não hesitei e te aceitei porque pensei que poderia te fazer feliz, mas vejo que o seu coração escolheu ele e contra isso... Ninguém pode ir.

- Você... Você não está me odiando? – Cecília pergunta com lágrimas nos olhos.

- Claro que não, Cecília. Eu te amo demais pra te odiar e bom... Se o Gustavo é a sua felicidade, quem sou eu pra ser contra?

- Mas...

- Você está livre, Cecília. Livre pra ser feliz com quem você realmente ama. Dói, claro que dói... Mas, eu vou superar. Ninguém ainda morreu de amor então... Vai ficar tudo bem. – André fala com lágrimas nos olhos. Ele então se aproxima de Cecília e a abraça fortemente. – Seja feliz, meu amor. – Falando assim, o médico se afasta de Cecília e sai da casa da ex-noviça a deixando feliz e ao mesmo tempo triste por ver a tristeza estampada no rosto do médico.

[...]

- Juju, vem comer alguma coisa. Você passou o dia todo trancada nesse quarto. – Rosana fala entrando no quarto da filha e vendo a mesma deitada na cama.

- Eu não quero nada, mãe. Não sinto fome.

- Não importa, Juliana. Com fome ou não, você precisa se alimentar. Vai ficar doente desse jeito.

- Talvez fosse o melhor. Se eu morresse, pararia de sofrer.

- Nunca mais repita uma loucura dessas, Juliana Almeida. Minha filha, você precisa reagir.

- E quer que eu faça o que? Mãe, o Gabriel voltou dizendo que iria me pedir em casamento. CASAMENTO. Tem noção disso? Por uma maldita conversa que eu escutei, fiz tudo errado e agora o perdi.

- Sabe o que eu acho? Que isso é uma boa de uma lição no Gabriel. Quando você o queria, ele não dava a mínima. Cedia aos seus carinhos, mas não tomava uma iniciativa de nada. E agora ele está vendo que pode te perder. Juju, se ele te ama mesmo, pode ter certeza de que ele vai correr atrás de você e é você agora é que deve bancar a difícil.

- Mãe, mas... Eu o amo.

- Não importa, Juliana. Ele te fez sofrer. Faça ele sofrer também. Você lutou pra conquista-lo e conseguiu. Agora, deixe ele lutar pra te “reconquistar”.

- Mãe, a senhora bateu com a cabeça na parede? Como... Se ele vir me procurar, como é que eu vou me afastar e negar algo que eu sinto?

- Juliana, escuta a voz da experiência aqui. Vai por mim, meu amor. Desse jeito, ele vai te valorizar muito mais. Agora, chega de ficar chorando. Esse rosto lindo aí não pode ficar marcado por lágrimas. Isso dá ruga, filha.

- Rugas? Sério mesmo?

- Brincadeira. Mas, vamos. Vem jantar com a sua mãe e com o seu irmão que já tá te esperando. – Rosana fala e acaba arrancando um sorriso dos lábios de Juju.

[...]

- E então, Gabriel? Conseguiu conversar com a Juju? – Estefânia pergunta ao ver o primo calado lendo um livro na sala.

- Não. Ela estava com o Zeca.

- Mas... Vocês não conversaram?

- Estefânia, qual parte do “ela estava com o Zeca” que você não entendeu?

- Nossa.  Desculpa. Também não precisa falar assim, Gabriel.

- Desculpe. É que... Estefânia, me... Me dói muito vê-la com outro. Ela... Ela me pediu pra voltar e agora que voltei, me disse que escutou uma conversa sobre mim. Que eu não jamais voltaria e que tudo o que falei era mentira. Que falei somente para não magoá-la.

- Hã? Mas... Quem poderia ter falado isso?

- Tem alguma dúvida? – Gabriel fala e aponta para a cozinha, sugestionando que Franciely e Silvestre haviam falado algo.

- Ah, sim... Bom, isso teremos que averiguar.

- Isso nem me importa, Estefânia. O que quero mesmo é a Juju.

- Tá decidido a largar tudo por ela então?

- Sim. Eu amo demais aquela garota e não vai ser uma mentira que vai me afastar dela. E muito menos o Zeca.

- É assim que se fala, primo. Se a ama de verdade, lute pelo que sente.

- Eu a amo, Estefânia. Ela me ensinou a amá-la e eu não vou deixar esse sentimento acabar. Estou disposto a jogar com todas as armas que tenho pra tê-la de volta. De uma coisa eu tenho plena certeza, prima... A Juliana vai voltar pra mim. Ela vai voltar pros braços de onde nunca deveria ter saído.


Notas Finais


Gostaram? Odiaram?
Mereço comentários?
Esse embate entre o Gabriel e o Zeca... Quem aqui gostou? Ponto para o sacerdote gato de Carinha de Anjo, hehe...
Gabriel está decidido a lutar por Juju e não vai medir esforços para tê-la de volta. Será que ele vai conseguir? E aí? O que acham que ele irá fazer pra reconquistá-la? Alguma sugestão? To aceitando todas, hehe.
Bom, quero aproveitar pra falar das minhas outras fanfics Gaju que to vendo que muita gente aqui NÃO está comentando. Bom, vocês estão no direito de vocês. Mas, realmente gostaria de saber o que estão achando delas. Claro, comentários com educação POR FAVOR!
Vou indo então... Vejo vocês na próxima semana. #GajuForever!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...