História Uncover


Escrita por: ~


Sinopse:
Atualmente.

18 de junho de 2017 HOSPITAL CENTRAL DE MIAMI. 05:08 am.


O tempo parecia ser um velho conhecido do corpo jacente a cama imposta a um dos - muitos - comodos desse lugar. Ele permanecia intacto desde que o fora designado a estar dentro daquele quarto. Afinal, não é ele a fina camada que convem como e quando deve acontencer, e manter - muitos, se não a todo nós - presos a esperânça de que somente ele poderia ser capaz de curar? Talvez mudar o que nós mesmo decidimos seguir como nosso caminho por tempo indeterminado ou até que no meio começassemos a sentir o peso das escolhas erradas e a partir daí nos tornemos dependente dele para que ao menos ele fosse condencedente a nós e por pena retirasse ou diminuisse o peso em nossa conciência? Sim, de fato é o que nós tolos esperamos a cada manhã que acordamos e vemos que nada disso irá adiantar e que o tempo nem mesmo iria nos comtemplar com esse belo milagre. Mas ao que poderiamos compara-los? Ao mesmo silêncio torrido que trasparecem nos momentos mas acalorados do dia, ou quem sabe ao fato de que nem mesmo um deles tinha conciência na convergência que o unia ao corpo ali presente? E o mais importante, se não o maior e complexo motivo ao que ele representava?

A Dor.

Sejamos sinceros, aqueles que mais necessitam ao tempo são de fato aqueles cujo à vida lhes presenteou com a dor da perda ou abandono. No fim almejam mais que tudo e à todo momento sempre, que ele leve embora a angustia, tristeza e a solidão abrigadas em si. Ele é capaz de nos impor mais de um sentimento ao mesmo tempo. Começando um por vez, nos oprimindo sentir de forma minunciosa um a um cruelmente até dado as circustâncias em que eles chegam todos juntos no mesmo - tempo e\ou - momento. Ele trazia dentro de si um sintoma que dependente a pessoa, se tornava permanente.

O silêncio.

Aquele capaz de ferir não só a quem foi ferido, como também a quem por corvadia o feriu. chegando a ser tão mordaz quanto à palavras soltas ao vento. E um dos maiores causadores de todos os nossos sofrimentos. Até o mais simples dos motivos quando respondidos com o mesmo são capazes de machucar.

Mas á questão agora era saber quem mais sofreu - ou ainda sofre e pode continuar a sofrer - com ele nesse momento. E se em algum momento durante todo esse tempo alguém foi capaz de sentir tanto dele quanto o corpo sobre posto a maca residente a um dos - muitos - quartos que constituem esse hospital. Aos diversos corpos presente que permaneciam na sala de espera e ocupavam as poltronas ali dispostas aos familiares.

09:47min.
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Exibições 30
Comentários 3
Palavras 4.011
Terminada Não

Fanfic / Fanfiction Uncover
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Orange, Romance e Novela, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Transsexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1.
Prólogo
2
23
3.762
 
2.
Sorry
1
7
249

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

O autor dessa História ainda não destacou nenhum comentário.