História Underswap - As Aventuras de... Duas Retardadas? - Capítulo 10


Escrita por: ~ e ~Kemy-Chan002

Postado
Categorias Undertale
Tags Papyrus Faz Um Favor Plz Tira A Porra Da Meia Do Chão
Exibições 61
Palavras 5.943
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Ecchi, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Drogas, Insinuação de sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Yo , Yo ! Hellow !
Kemy-Chan002 Aqui ! PARA UM NOVO CAPITULO DA FANFIC ! ....

VOCÊS ESTÃO PRONTOS CRIANÇAS ?!

( Estamos capitão )

EU NÃO OUVI DIREITO !

( Estamos capitão )²

ENTÃO VAMOS LOGO PARA O CAPITULO !

Capítulo 10 - Capitulo 8 - Puzzles e Batalha do Senhor Fantasia .


Depois de uma longa conversa sobre ataques azuis, que Papyrus falou, para as duas garotas... Elas, começaram a continuar sua viagem, - ou mais especificamente sua caminhada – e chegaram num lugar aonde árvores dominavam todo que é canto, e um boneco de neve ficava entre o meio no estabelecimento encarando as duas irmãs com um sorriso no seu rosto gelado. 

 

-... Um boneco de neve , Uhuuuu... - A de cabelos negros, logo caminhou na direção do mesmo. 

 

- Olá, sou um boneco de neve... - O Boneco , disse quando observava mais ainda uma das garotas chegando , rapidamente perto dele. 

- É sério que isso falou? - Shiro, só seguiu sua irmã que estava no lado do boneco de neve. 

 

- Eu quero ver o mundo...Mas não posso me mover... Se puderem ser tão bondosos, viajantes, por favor. Peguem um pedaço de mim e o levem para muito longe, que poderem conseguir... - Sua voz saiu um pouco triste, mas seu sorriso não saia em seu rosto. 

 

- Claro, por que não? - Emý pegou diretamente, um pedaço de neve do abdômen do outro e colocou no bolso de sua saia negra.

 

- Obrigado e boa sorte ! - Seu sorriso, cresceu um pouco mais do que antes...Quando observava mais ainda as duas garotas. 

 

- De nada , senhor boneco de neve carente ... - – A mais nova, logo sentiu alguém segurar seu braço e sair puxando a mesma, para saída. Fazendo a menina olhar quem era , vendo nada menos que sua irmã..

 

-... Vamos logo, ir embora. - Foi só isso que Shiro, disse, quando caminhava um pouco mais rápido, até no próximo corredor.

 

- Hey tá doendo, me solta ! -  Como resposta , a de cabelos brancos, soltou o braço da outra. 

 

- Então vamos logo. 

 

E lá se vai as duas irmãs caminharem, novamente para seu destino, que era ir em algum lugar descansar, ou até mesmo comer alguma coisa...

Alguns minutos se passaram, ventos gelados iam átona no rosto das garotas e nos cabelos, negros e brancos. Deixando as mesmas tremerem um pouco de frio e seus fios de cabelos voarem pelo vento. Uma conversa um pouco longe podia se escutar, fazendo as duas perceberem que tem alguém mais para frente, que não podia enganar. Pois já sabia quem era, pela animação que tinha, entre a fala. 

 

- Você é muito preguiçoso , dormindo no sofá todos os dias ! - O esqueleto com lenço, estava virado para seu irmão, encarando o mesmo com suas órbicas negras como estrelas azuladas no fundo, parecendo uma noite escura, estrelada. 

 

Nah, acho que isso chama dormir... - O maior, só ficava devolvendo o encaro para o outro só que mais relaxado e preguiçoso. 

 

- Desculpas , desculpas e mais desculpas ! - O esqueleto azulado, bateu uma de suas botas da mesma cor do lenço entre a neve , deixando um buraco marcado com sua bota da forma de seu pé. 

 

As meninas, logo chegaram a onde estavam os dois esqueletos, que estavam observando eles mesmo. Um sempre com um sorriso que nunca desmanchava  entre seus lábios (?) e outro com um sorriso fraco e com um cigarro praticamente flutuando no lado de sua boca. Os dois, estavam no outro lado de um imenso piso gelado que já dava para perceber que era um rio congelado, pela face azulada que tinha entre ele.

 

- Humanas chegaram ! - O menor, virou rapidamente para as duas irmãs, quando escutou os passos que elas davam quando chegavam a onde os dois albinos estavam.  Humanas, para vocês passarem precisam passar por quebra cabeças que eu e meu irmão fizemos ... Ao decorrer do caminho! E acredito, que vocês, Humanas... Vão achar chocante esse primeiro Puzzle ! 

 

- Ok ! - A de cabelos negros , respondeu o outro, com um sorriso meigo no rosto quando dava pulinhos, entre a neve. 

 

-... Tanto faz.  -Quando sua irmã, falou friamente quando observava o piso azulado. – O que temos que fazer ?  

 

- ... Simples Humana! Esse é o Labirinto Elétrico! Que você pisar no lugar errado, essa orbe ... - O mesmo, tirou uma bola azulada do além com sua mão, mostrando para as duas. - Vai fazer um potente choque, deixando vocês tomarem um choque, muito forte. Divertido vocês não acham?! A quantidade da diversão que vocês terão... É pequena eu acho. - Entre sua última palavra o esqueleto olhou um pouco para o piso pensativo, quando deixa ainda mais a orbe na sua mão.  

 

-.... Bem, eu vou indo, flw - A mais nova, virou de costas e saiu andando para trás, até sentir seu braço ser puxado novamente. 

 

-... Não, você vai ficar aqui. - Shiro, puxou sua irmã novamente em seu lado, quando caminhava até o piso. 

 

- Eu não quero tomar choque ! 

 

- Eu vou, você fica aqui então... - A de cabelos brancos, colocou seu pé entre o piso azulado, esperando o choque, só que a única coisa que viu, foi faísca, irem para o esqueleto menor e eletrocutando o mesmo. 

 

- ... Papyrus, o que você fez ?! - Novamente o esqueleto bateu as suas botas nos chão, quando virava por seu irmão como antes.  

 

- Bro, acho que as humanas tinham que segurar a orbe... - O alaranjado, só ficou observando seu irmão, com ainda um sorriso no rosto. 

 

- Oh, é verdade . - Sans, passou diretamente entre o piso, deixando pegadas de sua bota entre a face azulada do chão e mostrando o caminho certo.  - Segura isso Humana - O menor, jogou para cima a orbe fazendo a mesma cair em cima dos cabelos brancos da garota. E voltou a onde estava antes. 

 

-... Wut ...  - Foi só isso que disse, quando encarava o caminho com pegadas de botas... 

 

-... Pera, pera, pera ... Se tem 1 orbe ... Eu não vou conseguir pass- A de cabelos negros, não conseguiu terminar sua fala, quando sentiu ser puxada novamente, pelo caminho até o final. -... Hey meu braço!  

 

-... Shhh ai... 

 

- Incrível, Humanas ! Conseguiram passar facilmente, por esse Puzzle... Mas, o próximo Puzzle vocês não vão conseguir passar, tão facilmente como esse, ele foi feito por meu irmão, Papyrus. Vocês literalmente, vão ficar confundidos.E eu  magnífico Sans, sempre estou certo sobre isso! Mweh  hehehhehehe ! - E lá se foi ele, correndo até o próximo Puzzle e deixando seu irmão para trás.... 

 

Shiro, passou diretamente entre o albino, quando puxava a sua irmã ainda pelo braço. Deixando a mais nova, nem falar com o esqueleto e nem chegar perto dele... Só mostrar um sorriso meigo e calmo entre seus lábios, quando encarava o mesmo, que estava com suas mãos entre o seu bolso do casaco alaranjado, que ele usava.

 

Entre outra sala, podia se encontrar um carinho de cachorro quente com um urso, marrom atrás do mesmo... Olhando para algumas rochas que tinha perto dele com um rosto meio triste.

 

- Cachorro quente ! SHIRO ME SOLTA EU QUERO COMPRAR CACHORRO QUENTE ! - Emý, ficou observando o carinho com desejo de comer todo o pão com salsicha que tinha ali dentro. 

 

-... Não... 

 

- POR FAVOR ! 

 

-... Não... ²

 

- PLEASE NUNCA TE PEDI NADA ! 

 

-... Não, e pronto .  - A de cabelos brancos, andou um pouco mais rápido fazendo o carinho de cachorro quente ficar pequeno entre o fundo... 

 

Depois de um tempo as duas encontraram, novamente os dois esqueletos , com um papel mais menos no meio do lugar que estavam. 

 

- Humanas ! Que bom que chegaram para ...  - O mesmo parou de falar , quando observou o papel no chão...  - Papyrus, cadê o Puzzle ?! 

 

-... Well , tá bem ali no chão.. Confia em mim , não tem como elas passarem desse aqui...  

 

- ... Wut ² ... - Finalmente Shiro, soltou o braço da outra e viu a mesma até ir no papel ..  

 

- ... Ammm ... ‘’ Caça palavras dos Monstrinhoz ‘’ ... WTF... - A de cabelos negros, pegou brevemente o papel e ficou encarando quando leia em voz alta.-... Okay, né. A garota , soltou o papel e colocou no lugar quando ia na direção dos dois esqueletos. 

 

-... Papyrus , isso não fez nada ! -  Pela terceira vez , Sans bateu suas botas entre o chão , de raiva. 

 

-... Sorry, Bro . Sabia que devia ter usado as cruzadas de hoje invés disso... 

 

- O que ? Palavras cruzadas ? Não acredito que disse isso ! Na opinião, jogo da memória é mais difícil ! 

 

- Sério , Bro ? Aquelas cartinhas facinhas ? Aquilo é para esqueletinhos menores que você. 

 

- Inacreditável , Papyrus ! Você está zoando com minha altura novamente ? E dependendo do que for ... Humanas ! resolvam essa disputa ! 

 

-... Não, Flw...  - Shiro , saiu andando até sentir sua mão ser puxada...  

 

-... Naninanão. Se fica aqui... E bem , eu prefiro Palavras cruzadas... - A de cabelos negros , respondeu apertando mais ainda mão da outra para não fugir..- Agora é você... 

 

-... É sério isso ? Para mim tanto faz ... Sei lá... Qualquer um...Palavras cruzadas... A mesma respondeu com tédio em sua voz, quando observava os dois albinos. 

 

-...Vocês 3 são literalmente estranhos , Palavras cruzadas são tão fáceis . É a mesma solução de sempre . Eu o magnífico Sans preencho todas as frases com ‘’ Taco ‘’ ... Por que quando eu vejo uma palavra cruzadas eu sempre quero , cozinhar ! Mweh hehehehe ! - E lá se foi novamente Sans , ir para o além... E deixar seu irmão sozinho.  

 

E novamente, a de cabelos negros ignorou o maior e foi na próxima sala , puxando Emý que segurava sua mão...

Na outra sala , podia se ver uma nota no chão , uma mesa de madeira com um prato com um taco em cima , também um micro-ondas em cima de outra mesa , circular e menor que a outra que ficava em seu lado e um ‘’ Save ’’ ... 

 

-... TACO !  -  Sem pensar duas vezes a Garota com olhos negros foi até o taco , tentando tirar o mesmo na mesa , só que estava congelado... -... Mmm whatcha say... 

 

-... - Quanto isso , a outra foi até o papel lendo em voz alta o que tinha escrito - ‘’ Humanas , experimentem esse taco ! – Mal sabem que é uma armadilha . Vocês duas vão ficar tão saboreando o taco que nem vão ver o tempo passar , principalmente fazer progresso ! EU O MAGNÍFICO SANS , COM CERTEZA SOU UM GÊNIO ! – Mwe hehhehehe , Magnífico Sans . ‘’ ... Wut ³ ... 

 

-... Taco por queee !!  - Emý , ficou choramingando pelo taco que não conseguiu comer. Quando Shiro voltou a puxar a mesma para seus destinos... E sem ter esquecido de clicar no Save. 

 

 ‘’ Saber um dia que o Rato pode aquecer o Taco... Isso te enche de PERSEVERANÇA JUSTIÇA ! ... ‘’ 

 

As duas irmãs , voltaram a caminhar até a próxima sala , vendo um piso com um ‘’ X ‘’ azulado, um botão no canto e uma placa escrita ...

 

‘’Transforme todos os X em O . Então , aperte o botão... ‘’

 

-...Ok...-  As duas falaram no mesmo tempo quando passavam entre o piso , deixando um ‘’ O ‘’ avermelhado no lugar do ’’ X ‘’e pisaram , logo no botão. Abaixando espinhos que tinha na lateral. 

 

Com isso , as irmãs foram para saída daquele lugar vendo , Sans parado atrás dos espinhos que estavam abertos . Com ainda um sorriso entre seu rosto, pálido. 

 

- Como vocês passaram na minha armadilha ?! E o mais importante . Sobrou um pouco para mim , o Taco , Humanas ? - O menor, ficou encarando as duas mais ainda, pela resposta que estava esperando para as mesmas falarem. 

 

- A Emý, quase sequestrou seu Taco. Então , tá lá ainda... - Shiro foi a primeira a responder quando, observava o esqueleto. 

 

-... Hey, Tacos são baum ! Quanto isso a outra, só fez birra no cantinho, quando cruzava seus braços entre o peito. 

 

-...Vocês conseguiram suportar o sabor do meu taco caseiro ? Só para vocês compartilharem comigo ? -  O Mesmo, parecia uma bomba logo para explodir, só por causa de sua agitação entre seu corpo e seus olhos brilhando...

 

-... Não..Per-  A de cabelos brancos, tentou responder o outro, novamente só que falhou quando foi interrompida. 

 

-... Não se desesperem Humanas ! Eu o Magnífico Sans e Mestre Cuca ! Lhe farei todo o taco que desejar ! Mweh hehehehehe ! - O azulado, saiu correndo para a próxima sala, como o the flash sem controle de seu poder . 

 

-...Amm... WTF ...  - A mais velha voltou a fazer o que sempre faz... Pegar o braço de sua irmã e sair puxando para a próxima sala - Vamos logo. 

 

- Para que sair puxando ? Daqui a pouco meu braço vai ficar inchado por sua causa ! - E como sempre a outra ficou protestando, ou fazendo birra. 

 

-... Não ligo.

 

Com essa resposta útil de Shiro, as garotas começaram a caminhar para a próxima sala, que estava Sans parado novamente, no lado de outro botão... E um labirinto de ‘’ X ‘’ ... 

 

- ... Humanas ! Como posso dizer isso.. Vocês demoraram muito para chegar ... Então , eu magnífico Sans ! Decidi melhorar esse puzzle ! Organizando a neve para parecer meu rosto . Mas infelizmente a neve congelou no chão... Mas agora a solução é diferente ! E como sempre meu irmão preguiçoso, não está por perto. O que quero dizer... Que... - O esqueleto, colocou sua mão no peito , fazendo o pedaços de tecido azulado que sobrou no laço que segurava seu lenço, balançar no vento do lugar. - Não se preocupa Humanas! Eu o Magnífico, resolverei esta charada , para podermos prosseguir . Mas, senti-se livre para tentar resolver, Humanas! 

 

-...Okay... -Novamente as duas responderam juntas, quando ia no labirinto que ‘’parecia ‘’ no rosto do menor. 

 

Nem passou 1 minuto que as mesmas, conseguiram resolver esse Puzzle. Para elas foi fácil, principalmente que era só andar para lá e para cá e pronto ! Resolvido com sucesso... Então, as duas pisaram no botão e finalizaram escutando alguns espinhos sumirem e descerrem para neve, deixando o caminho livre. 

 

-... Wowie!  Vocês resolveram e vocês nem precisaram da minha ajuda. Incrível Humanas ! Você deve gostar de Puzzles como eu ! 

 

-...Não e- !! -  A de cabelos brancos ia responder o outro até sentir sua boca ser tampada por alguma mão.. 

 

-... Sim gostamos ! -Emý que estava, tampando a boca de sua irmã e chegando perto do ouvido da mesma - ... Cala a boca , se não ele vai nos sequestrar e fazer que nem o negocin sinistro fez com agente . - Sussurando, um pouco baixo para o esqueleto não escutar.

 

-... Então , Humanas... Vocês vão adorar o próximo, Puzzle! Ele pode ser até fácil para vocês ! Mweh hehehehehe ! E lá se foi Sans correr novamente para o próximo Puzzle que não acabavam...

 

 Emý e Shiro fizeram mais caminhadas tinham para achar pelo menos, um lugar para dormir e descansar suas pernas doloridas ...E o vento, parecia mais forte que ficavam naquele lugar... Definitivamente uma tempestade tava para chegar ou mais especificamente uma tempestade de neve... Ou uma avalanche . Elas precisavam urgentemente achar um lugar para se proteger do que vem mais para frente dependendo do que for...

 

Não faltava pouco tempo , para estarem na próxima sala. Vendo um piso do estilo xadrez , com tons de cinzas entre a face, uma maquina no canto ... No lado de Sans que estava um pouco longe das garotas e Papyrus que estava no lado de seu irmão. 

 

- Humanas  Chegaram ! Vocês vão amar esse Puzzle . Ela foi feita pela grande Doutora Undyne . Vê esses pisos ? Quando abaixar esta alavanca. - O Mesmo apontou para uma alavanca que tinha em uma maquina no lado dele... - Elas vão mudar por cores diferentes. Cada cor tem uma função diferente . Pisos Vermelhos são intransitáveis , vocês não pode andar neles. Pisos amarelos são elétricos , eles vão eletrocutar vocês . Pisos verdes são piso de alarme , se pisar neles... Vai ter que lutar contra um monstro . Pisos laranjas são perfumados por laranja , vão deixar vocês com um cheiro delicioso , Humanas ! Pisos azul são pisos de água ( AQUA ! ) nade através deles se quiser mas... Se vocês cheirar a laranjas , as piranhas morderam vocês . Além disso se um piso azul estiver, ao lado de um piso amarelo, a água também te dará um choque. Pisos roxos são escorregadios , te farão deslizar para o próximo piso , no entando um taco escorregadio , cheira limões . O quais as piranhas não gostam. Roxos e Azuis estão Ok. Finalmente pisos rosas ... Eles não fazem nada . Pisem neles quando que quiserem... Humanas vocês entenderam ? - Depois de uma longa explicação , Sans olhou para as duas irmãs , que estavam Boiando ali... 

 

-.. Hmm...? Bem... Amm... Sim...?  - Emý foi a única que conseguiu responder, quando parou de olhar para o chão acinzentado ... 

 

-.. Esplêndido ! Tenho uma última coisa para falar... Esse Puzzle , é literalmente aleatório . Quando eu puxar essa alavanca , surgirá um padrão que nunca foi visto antes ! Nem mesmo o magnífico Sans saberei a solução ! Mweh hehhehhehehe . Prepare-se , Humanas ! - Sans , logo se virou para a máquina e puxou a alavanca para baixo , deixando todos os pisos mudarem de cor freneticamente entre o chão... Fazendo um arco-íris infinitos , por alguns segundos.. Até parecer um corredor rosado e na lateral avermelhado... Mas o que não podia se imaginar era Sans sair girando , para a próxima sala... E Papyrus só observando o seu irmão. 

 

Como natural, Shiro agarro no braço de sua irmã e saiu puxando ela, quando ignorava mais ainda o esqueleto... Que teleportou logo em seguida, quando viu as duas sumirem no imenso corredor.. 

 

---------

 

-... CACHORRO ! POSSO ADOTAR ELE ? - Emý logo , gritou quando viu um cachorro com pelos brancos e com uma armadura , observando um monte de neve em sua frente. Com suas patas encostadas na  neve. 

 

-... Não.. - Shiro , respondeu a mais nova, friamente quando caminhava mas rápida e puxando mais ainda sua irmã. 

 

Diretamente, as duas chegaram em outro puzzle de ‘’ X ‘’ e foram resolver até caírem num buraco e ver um boneco de neve do Sans com músculos e seu lençol azulado entre o pescoço . Sem esquecer um montinho de neve , escrito o nome ‘’ Papyrus ‘’ da cor avermelhada. A de cabelos brancos ignorou isso .. Quando a outra ficou encarando os ‘’ bonecos de neve ‘’ por alguns segundos até voltar a resolver o Puzzle. 

 

- Pronto ... - Shiro falou entediada , quando pisava o botão e viu um caminho formar em sua frente. 

 

- ... Eu vou primeiro ! - A de cabelos negros , saiu correndo pela frente só que escorregou pelo o chão gelado e saiu deslizando de bumbum no chão até o final.. 

 

Literalmente a mais velha foi deslizando em pé até o final vendo uma ponte de madeira... E também vendo sua irmã mais nova correndo entre a mesma e parar logo depois ... 

 

-... Hmm...?  - A garota começou a seguir a outra , vendo os dois esqueletos novamente. 

 

- Humanas ! Este é seu último e mais perigoso Puzzle ! Contemple ! O corredor  do terror mortífero ! - De repente duas lanças surgiram do nada da cor acinzentada com algumas curvas brancas entre a ponta e na lateral da lança, um canhão um pouco da mesma cor da lança só que mais puxado para um cinza muito escuro estava no canto apontado para as duas, um lança chamas , estava ligado deixando o fogo que saia em um tubo da cor marrom um pouco perto da ponte estava no lados delas, uma bola negra com espinhos avermelhados bem puxado para vermelho vinho também estava no lado das mesmas e um cachorro de belos brancos e olhos negros com correntes enrolados em sua barriga estava bem no canto. 

 

- OMG , OMG , OMG , OMG , AGENTE VAI MORRER !! - Emý , se virou e começou a dar passos rápidos para trás saindo da li mais rápido que podia imaginar . Até sentir ser puxada novamente no mesmo lugar que estava. 

 

- Fica quieta , Emý. Isso tá ficando feio. - A de cabelos brancos , observou os dois esqueletos principalmente Sans que estava com um botão em sua mão...

 

- Ao meu comando ele irá ativar completamente, Humanas ! Canhões vão Atirar , Espinhos Balançar , Lâminas Cortar . Cada objeto vai para cima e para baixo . Apenas a mínima chance de vitória restará . Está preparado , por que ... Eu o magnífico Sans estou preste ativa-lo - O menor logo clicou no botão que estava na sua mão. Mas nada aconteceu...

 

- Então , Bro. Qual é o problema ? - Papyrus , virou diretamente para seu irmão ainda com suas mãos no bolso de seu casaco alaranjado.

 

- Problema ?! Que Problema ? Eu... Estou preste ativá-lo , agora !  - Novamente o azulado clico no botão e não fez nada. 

 

-... Aquilo , não parece muito ativado . 

 

- Bem , esse desafio . Ele parece... Muito fácil para derrotar umas humanas como elas.. Isso agente não pode usar esse.. Eu sou um esqueleto com padrões ! Meus Puzzles são muitos justos ! Minhas armadilhas são espertamente cozidas . Mas , este método é muito direto sem classe ... E lá se vai ele..  - As armas e objetos , sumiram logo , quando Sans clicou em outro botão que tinha na sua outra mão.  - Ufa.. O que estão olhando ? Esta foi outra vitória decisiva para o magnífico Sans ! Mweh ... He.... He? - E lá se vai ele pela vigésima vez, correndo até algum lugar , só que dessa vez Papyrus seguiu ele  caminhando... 

 

As duas irmãs, voltaram a caminhar pelo destino da vida... Até encontrar uma placa escrita ‘’ Bem vindo a Snowdin ‘’ com enfeites ao redor como luzes de natal nas laterais . Mas ignoraram isso por um tempo e continuaram a andar. Encontrando logo, uma casa de madeira com uma plaquinha escrita ‘’ Loja ‘’ da mesma cor da casa... Que tinha cor marrom meio claro com algumas manchas escuras. E um  ‘’ Save ‘’ no canto , que fez as duas colocarem sua mão em cima ... 

 

‘’ A visão de uma cidade tão amigável te enche de...PERSEVERANÇA  JUSTIÇA ! ‘’

 

Entre o lado da casa mais conhecida como loja . Tinha uma pousada, que já dava para perceber pela placa que tinha em cima, mostrando o que era. 

 

-... Finalmente achamos um lugar para descansar ! ... Mas vamos ver mas essa tal de ‘’ Snowdin ‘’ ou até mesmo achar... AMIGOS DOIDOS ! BORA LÁ !  - 

Dessa vez , Emý que saiu puxando sua irmã para conhecer a cidade de neve. Encontrando logo dois coelhos parados um deles era branco encarando a outra... Que era uma coelha esverdeada que tinha meio que um ‘’ coelinho ‘’ de estimação por causa pela cólera que tinha na volta de seu pescoço.

 

Também tinha outros moradores mais um chamou sua atenção... Uma cabra ou um bode, pequeno bem menor que as mesmas com olhos azul claro que usando um suéter esverdeado puxado por um verde claro , com várias listras horizontais da cor meio amarelo claro  e de manga comprida que cobria todas suas mãos peludas e usava também uma calça verde deixando brevemente seus pés de calço a mostra. Ele  mantia um sorriso entre seus lábios peludos, quando observava o nada. Mas parecia ocupado , vendo o senhor nada ou o vento , então passaram por ele e foram para um lugar chamado ‘’ Muffet’s ‘’,  só que nem entraram por causa da preguiça . Com isso caminharam mais ainda pela cidade , encontrando um lugar chamado ‘’ Bliblioteca ‘’.

 

-... Português mandou abraços .  - Shiro logo disse , quando leu a placa da tal de ‘’ Bliblioteca ‘’

 

- Falou e disse... 

 

As mesmas , desviaram da ‘’Bliblioteca ‘’ e foram para algum lugar que interessavam para elas. Diretamente , encontrando uma casa de 2 andares de madeira com enfeites de natal para todo que é lado, deixando a face da casa mais brilhante e agradável.. Só que não tinha muita coisa interessante naquele lugar. Então também desviaram da casa, e foram para um caminho que tinha gelos boiando por uma água azulada que fica no lado delas e uma neblina muito forte que deixa a visão muito clara. 

 

- Humanas ! - Uma voz masculina foi ouvida pela neblina já percebendo que era Sans um pouco mais a frente das duas irmãs - Me permitam falar com vocês sobre sentimentos complexos ... Como encontra ... Alegria de encontrar outro amante de Tacos. A Admiração pela habilidade de resolver charadas um do outro. O Desejo de ter alguém legal e inteligente que te achem legais. Esses sentimentos...Devem ser o que vocês estão sentindo agora ! Eu nem consigo imaginar como deve ser se sentir dessa maneira. Afinal, eu sou muito magnífico. Eu nunca imagino como ter muitos amigos deve ser . Eu tenho pena de vocês...Humanas solitárias. Não se preocupe ! Vocês não serão mais solitário ! Eu o magnífico Sans serei seu... - O de lenço logo parou de falar e se virou de trás -... Não , isto está errado. Eu não posso ser seu amigo ! Vocês são humanas ! Eu devo captura-las ! Então , poderei realizar meu sonho da minha vida ! Poderoso , Magnífico , Exemplar , O Melhor mestre cuca de Tacos do mundo ! Esse é o Magnífico Sans. O Mais novo membro... Da guarda real ! 

 

Os corações das duas saíram de seu peito , já percebendo que era uma batalha a vir... 

 

-... Deixa eu faço iss-  A garota de cabelos negros , logo ia apertar o Mercy até sentir seu braço ser puxado. 

 

-... Para mim já chega, deixa eu fazer isso .  - Shiro, apertou um pouco mais forte o braço de sua irmã e foi clicar no Fight quando tirava sua faca no bolso .. Mas foi lubridiada , quando colocou a mão em seu bolso e não achou nada... - Cadê minha faca ...? 

 

- Tá falando disso ?  - A mais nova mostrou a faca que a outra tinha com sua mão livre que não estava sendo agredida por um aperto. 

 

- Me dá ela, Emý. - Com resposta , a mais velha apertou mais ainda o braço de sua irmã. 

 

-... Não vou te devolver até essa luta acabar então fica ali no cantinho que eu faço isso, só que solta logo meu braço... 

- Me dá ela, Emý. ² - A mesma repetiu novamente quando tentava alcançar a faca ...

 

-...Não...

 

-... Me dá. 

 

-...Não...  ²

 

- Me dá logo ! 

 

-... NÃO E VAI LOGO PARA O CANTINHO ! 

 

-... Ok , só que depois me devolve ela... - Era difícil a de cabelos brancos, conseguir responder um ‘’ sim ‘’ para sua irmã... Só que ela tinha ideias em sua cabeça, com isso só precisava sua faca de volta depois dessa batalha. 

 

- Obrigado . - A menina logo sentiu seu braço ser soltou e  clicou em ACT do que Mercy e viu... O que podia fazer , para agir com o outro... 

 

*Checar 

 

*Flertar

 

*Insultar 

 

Como a garota, não queria insultar o outro clicou logo em Flertar ... 

 

-.. Uhhh....Bem... Sans...  Não sei se o mundo é bom, mas ele ficou muito melhor quando você chegou. - A menina, logo deu uma cantada para o outro... Nem sabendo o que tinha falado ou o que tá fazendo na sua vida. 

 

-... O que ? F-Flertando ? Então finalmente revela seus verdadeiro sentimentos ... - O mesmo disse, com suas bochechas levemente da cor azul claro, que podia se ver de longe por causa de seu rosto pálido. - B-Bem ... Sou um esqueleto com padrões muitos altos... 

 

- .... Amm... Eu sei fazer Taco...  - A de cabelos negros , ficou observando a neve por um tempo quando sentia suas bochechas queimarem um pouco, por vergonha. 

 

-... Ah não... Você está alcançando todos os meus padrões ! Isso significa que eu vou ter um encontro com você ? Vamos sair m-mais tarde ! Depois que eu capturar v-vocês !  - O esqueleto menor logo , atacou um ossos brancos que vinham devagar até a garota que fez a mesma desviar facilmente entre eles. 

 

-... S-Sair com você ? ... Hmm... Okay...? - Emý só clicou no Mercy, por que ficou com trauma literalmente de clicar no ACT novamente , por alguma razão.. - E-Eu não vou lutar...

 

-...Então você não vai lutar ? Então vejamos se pode lidar com meu lendário ataque azul - O azulado logo , atirou ossos azuis tudo que é lado . E como Papyrus disse antes ...

 

‘’ Quando achar um ataque de azul, você para okay ? ‘’ 

 

Ou algo assim... Então , ela só ficou parada sentindo os ossos passar pelo seu corpo e sumirem. Até sua alma ficar mudar de cor para um azul forte e seu peso , literalmente ir mais para o chão dificultando sua agilidade...Só que a mesma conseguiu rapidamente de desviar em um osso branco que via em sua direção. 

 

- Agora você está azul. Esse é meu ataque grandioso ! Mweh hehehehehe ! 

 

-... Okay... - Emý clicou novamente no Mercy. 

 

[ ♥Mercy ]

 

-...Hmm.. Me pergunto o que devo vestir para o encontro com a humana...

 

Como sempre ossos vinham átona na direção da menina , fazendo a mesma desviar facilmente como... Ter passo várias vezes nessa luta e ter decorado aonde desviar ou aonde ir... Um pouco estranho para a garota que mal chegou no Sub solo e sabe desviar todos os ataques

 

[ ♥Mercy ]

 

- Hey , Sans... Para que tanto pensar sobre o encontro...?  - A de cabelos negros , disse quando desviava de um osso..

 

-... E-Eu não to pensando no encontro !  - Suas bochechas ficaram mais azuladas do que antes, deixando mais fofo do era. 

 

[ ♥Mercy ]

 

- Humana não me faça usar meu Ataque especial ! 

 

Essa luta não acabava , ossos para lá e para cá... Fazendo quase uma arte de ossos entre a neve. Ou até mesmo parecendo uma tempestade desconhecida. 

 

[ ♥Mercy ]

 

Mas ossos, isso não acabava literalmente. Daqui a pouco o botão Mercy ia quebrar de tantas vezes ser clicados só em uma luta... Aquilo  era uma luta que não acabava... Não tinha fim nenhum. Principalmente que Sans não parava de atacar nenhum segundo e Emý desviava , com facilidade e muito exemplar , para si dizer... Mas já estava cansada principalmente de ter andado tanto e nem conseguiu , descansar seu corpo... Só que definitivamente ela tava justiçada para continuar aquilo , dependendo do que for... Ela estará lá em pé , com Justiça ! 

 

[ ♥Mercy ]

 

-...Contemple meu ataque especial ! - Depois de um tempo o menor mostrou um cachorro branco que era parecido do que estava acorrentado naquela ponte... Só que esse tava mordendo um osso.  - Mas o que ? Esse é meu ataque especial ! Hey , seu cão ladrão ! Você está me ouvindo ?! Para de mastigar esse osso ! Hey , O que você tá fazendo... - O cachorro só saiu correndo da li com o osso na boca. - Volte aqui com meu ataque especial ! ... Então vou ter que usar meu ataque especial maneiro , feito por eu o Magnífico Sans !  

 

[ ♥Mercy ]

 

-... - Sans logo deu um suspiro pesado entre seus lábios (?)  - Aqui vai meu ataque normal... 

 

Mais ossos , para todo que é lado.. Se mexendo com movimentos muitos rápidos e bem difícil para desviar... Mas, Emý novamente conseguiu desviar com  muita agilidade... Aquela batalha não deixou nenhum HP seu abaixar . 

 

-... Bem... Está claro que você não pode me derrotar... Sim eu posso ver você tremendo de medo... Portando eu o magnífico Sans lhe concedo sua piedade. Eu irei poupar você humana ! Agora é sua chance de aceitar minha piedade. 

 

[ ♥Mercy ]

 

-... Mwe hehehehe...  - O menor , ficou de costas observando o nada ... Quando ria um pouco baixo. - Eu não consigo nem parar alguém fraco como vocês...Alphys ficará desapontada comigo..Eu nunca me juntarei a guarda real... E...Minha quantidade de amigos ficará para baixo. 

 

-... Ué... Agente pode ser amigos ... Não é Shiro...? -  Emý olhou um pouco pro lado , vendo sua irmã mais velha sentada entre a neve , com as costas apoiadas numa árvore. 

 

-...Para mim,  tanto faz... - só isso que respondeu, quando continuava a observar os dois... 

 

-...Sério , que vocês querem ser amigos mim ? Tudo bem então... Eu acho...Acho que posso fazer uma amizade com vocês , então... Nós ainda nem tivemos nosso primeiro encontro ! E eu já consegui entrar na friendzone . Quem diria que para fazer amigos eu só precisava dar as pessoas enigmas terríveis e depois lutar com elas ? Vocês me ensinou muito Humanas... Principalmente você humana 2 . - O esqueleto se referia Emý, que estava observando o mesmo com um sorriso de cansaço. - Eu agora concedo minha permissão de passar ! E eu lhe direi  para  vocês o caminho para a superfície. Siga em frente até alcançar o fim da caverna ... Então quando chegar na capital cruzam a barreira . O selo mágico que nos prende no subsolo. Tudo pode entrar por ele , mas nada pode sair. Exceto alguém com uma alma poderosa. Como vocês. É por isso que a rainha quer capturar um humano. Ela quer abrir a barreira com o poder da alma, para que agente possa retornar para a superfície ! Oh , eu quase esqueci de falar para vocês... Para chegar na saída você terá que passar.. Pelo castelo da rainha. A rainha de todos os monstros ... Ela é , bem... Ela é um coração mole grande e peluda . Todo mundo ama aquela moça. Eu estou certo se você apenas disser...’’ Com licença , senhora Dreemurr... Posso ir para a casa ? ‘’ Ela te guiará Pessoalmente até a barreira . De qualquer maneira, chega de conversa. Eu estarei em casa sendo um amigo descolado. Sinta-se a vontade para passar e ter aquele encontro. Mweh hehehehhe !  - Sans , saiu pulando pelas árvores indo na direção de sua casa...

 

-... WTF... - A de cabelos brancos, se alevantou do chão quando olhava para  sua irmã que estava observava o esqueleto menor sumir pela neblina...  

 

-... Tô morta... Vamos voltar para Pousada e dormir por favor...  - A mais nova saiu andando cambaleando sem nem mesmo escutar a resposta da outra... Só queria cair de cara na cama e dormir...

 ☆ Continua

 

 

 

 


Notas Finais


Não digo nada..


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...