História Underswap - Uma outra dimensão? - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Undertale
Personagens Alphys, Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Doggo, Flowey, Frisk, Greater Dog, Grillby, Mettaton, Napstablook, Papyrus, Sans, Toriel, Undyne
Tags Blueberry X Frisk, Sans X Frisk
Visualizações 289
Palavras 2.605
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Famí­lia, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Yo.
Sim, eu sei que demorei, maaaaaaaaaaaaaaaas, fiz um capítulo bem grande para compensar.
Eu não o publiquei antes, pois não tinha inspiração e eu prefiro demorar e trazer algo com um pouco de jeito do que ser rápida e trazer uma merda qualquer.Já agora, eu não encontrei nenhuma imagem melhor, então... Desculpem por isso ;-;
Enfim, Boa Leitura ^3^

Capítulo 23 - Asriel Dreemurr


Fanfic / Fanfiction Underswap - Uma outra dimensão? - Capítulo 23 - Asriel Dreemurr

Nós entramos no elevador e o meu telemóvel começou a tocar.

*É uma voz que tu já ouviste antes, aliás, que tu conheces muito bem.*

 

“Chara… Estás aí? Já faz muito tempo que não conversamos, não é? Mas tu fizeste bem. Graças a ti, tudo está em seu devido lugar. Chara… Vemo-nos me breve…”

 

*A chamada terminou*

Assim que a chamada terminou, as portas fecharam-se e o elevador começou a mexer, fazendo a sua mini turbulência. O Blue parecia estar assustado, então eu agarrei-lhe a mão.

-Está tudo bem, nada de mal irá acontecer. – Eu disse, tentando acalmá-lo. Ele sorriu e ficamos em silêncio até o elevador parar, no tão bendito corredor cinzento.

-M-Mas que raio?! – Exclamou Blueberry. - As portas do elevador estão amarradas por uma espécie de… Garras?

-Não te preocupes com isso. Vamos continuar. – Ele assentiu e continuamos a andar.

Passamos por mais um elevador, descemos por um corredor e estávamos de volta à Sala do Julgamento. Passamos pelo mesmo, até irmos parar à sala do trono. A Vadia Toriel. Eu vi um Save Point e fui até ao mesmo.

*Tu sentes algo a crescer no teu interior, na tua alma. Isso é DETERMINAÇÃO*

Eu andei até ela e a mesma percebeu a minha presença.

-Oh, visitas? Muito boa tarde, desejam alguma coi- Toriel começou a falar, novamente. – Humana, tens muita lata de apareceres aqui, no meu castelo, há minha frente. Mas não te preocupes, pois isto irá durar muito pouco tempo. – Ela começou a batalha, mas antes que ela começasse a atacar…

Asgore apareceu e eu NÃO ESTAVA NADA À ESPERA. DE seguida apareceu Alphys, Undyne, o Drogado, o Napstablook, a Mettaton – esses últimos surpreenderam-me um bocado, mas só continuei - e como o Blue estava comigo, todos já estavam lá.

-Uau, é impressionante como todos vocês se reuniram por causa da humana. Eu, o Magnífico Blueberry, estou orgulhoso de todos vocês. – Todos riram do que o Blue disse, mas eu estava mais concentrada noutra coisa.

Em 60, 59…

-Tudo isto me lembra… - Começou Alphys. - Hei, Pap, tu ligaste a todos para virmos para cá, certo? – O Drogado assentiu. – Claro, a não ser o ex da Toriel.

-Isso. – Undyne começou. – Se eu cheguei aqui antes de ti… Como é que tu sabias que deverias ligar para todos nós? Eu não te consigo imaginar a ter todo esse trabalho.

-Isso é verdade, eu sou demasiado preguiçoso para fazer isto tudo sozinho. Então, digamos que… Uma pequena gatinha me ajudou. – 10, 9, 8…

-Uma pequena… Gatinha? - 3, 2, 1…

Patinhas brancas, de garras afiadas, apareceram do nada e prenderam todos os que estavam na sala, menos a mim e ao Blueberry.

-O QUÊ?! – Exclamou o Blue.

Temmie apareceu, saindo do chão. A sério, como é que ela consegue?

-Seus IDIOTAS! Enquanto vocês estavam a ter a vossa conversinha e a festejar que ninguém se tinha magoado, eu peguei as ALMAS HUMANAS, e, agora, não são só elas que estão sob meu controlo, mas as ALMAS de TODOS os seus amigos serão minhas também. – Uma pata felpuda puxou o Blueberry.

-BLUE! – Gritei assustada. Eu sei o que vai acontecer, mas, mesmo assim, não pude evitar ficar assustada.

-E sabes a melhor parte? É tudo tua culpa. Afinal, se tivesses feito o teu caminho, sem te importares ou ajudares ninguém, eles não estariam aqui por ti. Não estariam preocupados contigo e, por isso, não iriam estar aqui, a apoiar-te ou a deter a tua batalha contra a Rainha Toriel. E agora, com as almas deles e dos humanos juntas, eu vou atingir a minha VERDADEIRA FORMA. Hee hee.

-Porque é que ainda estás a fazer isto? – Eu perguntei, só para desencargo de consciência, afinal, iriam estranhar se eu não perguntasse.

-Hã, porquê? Tu ainda não entendeste? – Cuidado, as seguintes falas serão constituídas por merda e só por merda. – Isto tudo é apenas um JOGO. Se tu saíres do Underground contente, tu irás “ganhar” o jogo e nunca mais irás querer “jogar” novamente e não iria queres estar mais comigo. Então, o que eu iria fazer? Mas esse joguinho entre nós NUNCA irá acabar. Eu irei deixar a vitória mesmo à tua frente e, depois, irei arrancá-la quando estiver quase nas tuas mãos. De novo, de novo e de novo… Hee hee hee. – Lá veio novamente a sua risada esganiçada. – Escuta. Se tu me CONSEGUIRES derrotar, eu ir-te-ei dar o teu “Final Feliz”. Eu trarei os teus amigos de volta. Eu destruirei a barreira. Todos, finalmente, ficarão felizes e ficaram assim para sempre. Mas isso NÃO irá acontecer. Tu… Não importa como, eu irei-te prender aqui para sempre, não importa o que aconteça.

Temmie fechou a minha alma naquele quadradinho e cercou-me de Temmie Flakes.

-Mesmo que isso signifique ter que te matar um milhão de vezes. – Os Temmie Flakes vieram ao meu encontro, duas vezes, deixando-me só com 1 de HP. Irei mentir se disser que isto não doeu. Aliás… ESTA MERDA DÓI PARA CARALHO!!!!

Inspirei fundo e tentei não pensar na dor, mas estava difícil. Quando o terceiro ataque de Temmie Flakes veio, muito lentamente, e quando estava prestes a tocar-me, um círculo de fogo formou-se há minha volta, impedindo o ataque de me atingir.

-Não tenha medo, minha criança. – Começou Asgore. – Nós sempre estaremos aqui para te proteger. – Pode parecer estranho, por eu já ouvir isto antes, mas eu não pude evitar e comecei a emocionar-me. O meu HP subiu para 2.

(N.T: Sempre que eu vejo esta parte, eu emociono-me. Eu já vi duas vezes, com o Alan e chorei junto com ele, chorei enquanto jogava e, estou a ver novamente o Alan, para poder escrever e já me estou a emocionar. É… Eu acho que tenho problemas sérios de lamechices.).

Mais flocos apareceram, mas um raio e um osso apareceram e impediram o mesmo de me acertar.

-Isso mesmo, humana. – Falou o Drogado. – Posso ser muito preguiçoso, mas estou aqui para te ajudar. Eu acredito que tu consegues vencer. É só fazer o que o todos nós faríamos: acreditar em ti. – 3 de HP.

-Hei Pirralha, se passaste por MIM, tu consegues fazer QUALQUER coisa. Só precisas de dar um chuto no rabo curto dessa coisa. Então não te preocupes, nós estaremos contigo até ao final. – 4 de HP.

-O quê? Ainda não o derrotaste? Bom, também não estou preocupado, afinal tu és a Magnífica companheira do Magnífico Blueberry, certo? Além disso, eu disse que nunca te iria deixar, então… Estou aqui, mesmo ao teu lado, para te apoiar, pois eu acredito em ti. – O Blue sorriu. (Telma: *Chorando litros* Aqui Frisk. *Entrega lenços e limpa os seus olhos*/ Frisk: *Chorando, também* O-Obrigada. *Pega nos lenções e assoa-se*) 5 de HP.

Mais dois ataques, mas uma barreira de lanças e uma barreira de fogo impediram os mesmos de me acertar.

-Tecnicamente é impossível que t consigas vencê-lo, mas tu já fizeste tantas coisas que consideramos impossíveis que eu já espero tudo de ti. E-Então, eu acredito em ti e sei que, de algum jeito só teu, eu acredito que tu irás conseguir. – 6 de HP

-Humana, eu sei que posso ter sido rude por te tentar matar e tudo mais, mas… Eu também acredito em ti. E, pelo futuro dos humanos e dos monstros… Continua DETERMINADA. – 7 de HP.

-E n-não te esqueças de n-nós. – Disse Mettaton. – Nós t-também estamos cá para t-te apoiar.

-Exatamente! Assim que isto tudo terminar, vamos fazer uma grande festa. Eu ponho a música e tu e a Metta podem tratar das decorações. Então… Aguenta-te bem, sim? – Eu assenti, com os olhos cheios de lágrimas. – 9 de HP.

Vários monstros começaram a aparecer.

-Eu sei que tu consegues. Tu tens de conseguir. Nós estamos a torcer por ti. Estamos contigo. - Diziam os monstros. 20 de HP.

-Urgh! – Começou Temmie. – Isso não pode ser verdade. Vocês… Eu não posso acreditar que vocês são todos tão ESTÚPIDOS. TODAS AS VOSSAS ALMAS SERÃO MINHAS! – Tudo ficou branco.

Assim que a luz se foi embora, eu deparei-me com Asriel. Mas ele estava… Diferente. A sua camisola era idêntica à minha da minha dimensão.

-Chara, tu estás aí? Sou eu, o teu melhor amigo. – Ele virou o “bad boy” ou o híper deus da morte, acho que é assim o nome. Para ser sincera, tal como o Monster Kid não mudou, Asriel também não. - Asriel Dreemurr.

-Eu não me vou deixar vencer assim tão facilmente! – Eu disse e olhei para ele com um olhar desafiador. Ele surpreendeu-se, mas sorriu de volta como se estivesse a dizer “Então vamos a isso”.

*Tu pensas na tua família da outra dimensão e nos teus amigos desta. Tu pensas na VERDADEIRA razão de estares a continuar a lutar. Tu queres que todos sejam livres. Tanto na tua dimensão como nesta. Tu sentes o teu inventário a ficar menor e menor.*

 

*Quebra de Tempo*

Depois de algum tempo com vários ataques, e eu desviando de tudo, ele finalmente utilizou o “HYPER GONER”.

Eu consegui desviar de quase tudo, ficando com 15 de HP. Aquele imbecil!! Tirando-me HP que me custou tanto a poupar.

-… Mesmo depois daquele ataque, tu ainda estás no meu caminho…? Uau… Tu és MESMO algo especial. Mas não fiques tão arrogante. Até agora, eu só estive a usar uma fração do meu poder VERDADEIRO. Vamos ver o que a tua DETERMINAÇÃO fará contra isso. – Mais uma transformação. Yayyy, esta é a última transformação, antes de ele voltar ao “normal”.

 

*ASRIEL bloqueia o caminho*

*Tu tentas debater-te, mas o teu corpo não se move*

Ele falou algumas coisas e eu continuava a tentar debater-me, até eu tentar aceder ao meu arquivo salvo, como ele tinha dito, mas nada aconteceu. Eu tentei de novo, mas, novamente, nada aconteceu.

*Parece que SALVAR é algo impossível neste momento, mas… e Se tentares SALVAR ALGUÉM?*

Oh, santa deusa do chocolate. Finalmente chegou esta parte!!! Finalmente!

Eu optei pela opção de “SALVAR” e apareceram-me vários nomes.

 

*Drogado                                                                                *Blueberry

*Undyne                                                                                 *Alphys           

*Napstablook                                                                        *Mettaton                                                                                                                               

*Asgore                                                                                   *Toriel        

 

Eu selecionei o Drogado e ele e o Blueberry apareceram. Eles não tinham face, tal como na minha dimensão.

*Tu contas uma piada sobre ossos. A alma perdida 02 ri, enquanto a alma perdida 01 resmunga.*

*Tu relembras à alma 02 da promessa que ele te fez e dizes à alma 01 que irias ajudá-la a conquistar uma certa fantasma cor-de-rosa. Eles lembram-se de tudo o que viveram juntos.

-É isso mesmo criança, ainda estás a dever-me isso. – O Drogado diz, um pouco vermelho ou melhor laranja. Eu assenti.

-Eu prometi que irei ficar sempre ao teu lado e eu, o Magnífico Blueberry, nunca quebro uma promessa, principalmente quando se trata da Frisk. – Eu corei um pouco. Foco, Frisk. Foco!

 

Eu voltei há minha luta com o Asriel, mas desta vez, com o Blue e o Drogado ao meu lado.

Eu selecionei a Undyne e a mesma veio acompanhada da Alphys. Owww, afinal as minhas alterações ainda servem para algo, mesmo em batalhas, elas estão juntas.

*O Blueberry fala com a alma perdida 02 sobre os seus treinos e tu relembras dos desafios de Napstablook e do programa de televisão.*

*O Drogado adormeceu. Tu e o Blueberry encorajam a alma 01 e dizem que ela deve ser honesta.*

*As almas perdidas lembram-se de algo.*

-Ainda tenho que organizar os treinos do Sans e ainda tenho que te derrotar. – Diz Alphys. Eu e o Blue sorrimos.

-Eu vou ser sincera e irei enfrentar os meus problemas. Eu sei que posso contar com os meus amigos para me apoiar.

Mais uma vez, todos nós voltamos para a luta contra Asriel, com o nosso grupo sempre a crescer.

 

<3 *Napstablook.

Napstablook e Mettaton apareceram à nossa frente.

*Undyne foi ter com a alma perdida 01 e falou que ainda tem de melhorar algumas partes do seu corpo.*

*O Drogado foi falar com a alma perdida 02 e fala sobre um suposto encontro. Tu também te juntas à conversa e relembras à alma perdida 02 da fantasia que ela te fez para o Halloween.*

*Blueberry vai ter com o Napstablook e diz-lhe que é um grande fã das suas músicas. Tu sais da tua conversa com a alma perdida 02 e vais ter com a alma 01 e diz que adorou dançar enquanto ele fazia novas músicas.*

*As almas perdidas parecem relembrar-se de algo.*

-Eu ainda tenho que ir para a superfície e ser o melhor DJ do mundo.

-E eu ainda serei uma grande estilista. A-Além disso, ainda tenho um encontro para ir. – O Drogado e a Mettaton coraram muito. Que fofinhos.

 

Nós voltamos para a luta. Okay, só falta, Toriel, Asgore e Asriel.

 

<3 *Asgore.

 

Asgore e Toriel estão à nossa frente.

*Tu abraças a alma 01 e dizes que ainda têm um grande caminho pela frente.*

*Undyne e Alphys vão ter com a alma perdida 02 e dizem que ela ainda irá conseguir voltar a ter o seu marido de volta. *

*O Drogado vai conversar com a alma perdida 01 e trocam receitas, como eles faziam antes de tudo isto começar.*

 

(N.T: Eles em vez de trocarem piadas, eles vão trocar receitas.)

 

*As almas perdidas lembram-se de algo*

 

-Eu irei fazer torta de framboesa e chá para todos.

-Nós somos a esperança e o futuro dos monstros e dos humanos.

Todos nós voltamos à nossa luta, com o nosso grupo junto.

*Mas… Falta alguém.*

*Tu estendes a tua mão e chamas pelo seu nome*

-Hum? O que estás a fazer? – Perguntou Asriel.

-A salvar-te. – Respondi, a sorrir.

-N-Não, afasta-te. – Os meus amigos juntaram-se a mim e estendiam a sua mão para Asriel.

-E-Eu não preciso de ninguém. Afastem-se!

-NÃO! – Berramos todos juntos, a sorrir.

-V-Vocês sabem porque é que eu estou a fazer isto? E-Eu não quero ficar sozinho de novo. Eu não irei deixar que tirei Chara de mim novamente.

-Eu não sou Chara, eu sou Frisk. E eu garanto-te, tu não irás ficar sozinho. Todos nós que estamos aqui, os teus pais, Undyne, Alphys, Mettaton, Dro-Papyrus, Blueberry, Napstablook e eu. Somos todos teus amigos e estamos aqui, ao teu lado. – Ele começou a chorar.

Uma luz forte apareceu e quando já conseguia ver alguma coisa, só eu e Asriel – o normal – Estávamos lá. Ele estava a chorar.

-Desculpa Frisk, e-eu só não queria ficar sozinho novamente. Eu não queria ter que me despedir.

-Tudo bem. – Eu fui até ele e abracei-o. – Mas tu não precisas de te despedir. Isto não é uma adeus, é um até já. Eu tenho a certeza que iremos encontrar alguma forma de tu voltares a ser tu. Sem Temmie ou nada parecido. Só o Asriel Dreemurr. – Eu afastei-me um pouco dele e sorri. – Isto é uma promessa.

-Sim, tu tens razão. – Ele sorriu, mesmo com lágrimas nos olhos, o seu sorriso era de felicidade. – Mas, agora se me dás licença, eu tenho de destruir a barreira. Afinal, fizemos um acordo, certo? – Eu assenti. – Então… Até já… Frisk.

-Até já Asriel.

Tudo ficou branco.

Assim que abri os olhos, vi que estava deitada, rodeada de todos os meus amigos. Eles disseram a mesma coisa que na minha dimensão. Eles foram até à barreira e ficaram há minha espera.

Antes de ir, eu fiquei a pensar um pouco.

Será que… Eu conseguirei voltar para a minha dimensão? Eu tenho-me motivado a seguir em frente por causa disso, mas… E se eu não conseguir? E se… Eu nunca mais vir a minha família e os meus amigos de lá? Não, Frisk, está tudo bem. Deixa de ser negativa! Eu tenho a certeza que irei voltar e ver os meus amigos.

 

.

.

.

 

Eu acho…


Notas Finais


Espero que tenham gostado.
Ah, esqueci de mencionar uma coisa. Eu irei por a fanfic de Inktale em Hiatos.
Eu postei um jornal a falar sobre isso. Aqui está o link: https://spiritfanfics.com/perfil/blackwords/jornal/inktale-em-hiatos-7073005
Para aqueles que acompanham Inktale, eu lamento sobre isso.

Também quero agradecer pelos... 115 FAVORITOS!! E pelos 187 favoritos em "Undertale - Procurando o meu final feliz", pelos 32 favoritos em "A menina cega" e pelos 97 favoritos em "Inktale - Sê criativo", embora... Esteja em hiatos. Mas mesmo assim... MUITO OBRIGADA POR TODO O VOSSO APOIO!!!!!!!!! Fico muito agradecida por todos aqueles que continuam a apoiar-me e por me motivarem a escrever. Mesmo depois de várias coisas, vocês continuam a apoiar-me. E mesmo para aqueles que não favoritaram ou que são leitores fantasma, obrigada pois continuam a acompanhar a história ^-^
Se chegarmos a 130 favoritos, irei fazer mais um especial ^-^

Bom... Espero que tenham gostado e comentem o que acharam aí em baixo.
Beijinhos e abraços,

ASSINADO: Telma <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...