História Undertale - Frisk x Sans - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Undertale
Tags Frisk X Sans, Romance, Sans X Frisk, Undertale
Exibições 72
Palavras 2.538
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Opa, 1 mês sem capitulo, não sei nem se ainda tem gente aq :v...decidi fazer esse capitulo o maior possível tendo ate a conclusão de tudo na verdade, so pra compensar o mês sem capitulo, eu ja planeja finalizar a fanfic no aniversario da Frisk, e assim foi...espero que tenham curtido a fic, fiz o melhor possível abraço pra td mundo q ta aq :3 (E eu não tive curiosidade para os presentes, desculpa aeh)

Capítulo 15 - Feliz aniversario - Final





O despertador não tocou hoje, afinal hoje era meu aniversario...Toriel me perguntou se eu gostaria de faltar a aula, e sem sombra de duvidas quem diria não?Eu acordei com os raios do sol passando pela janela  batendo no meu rosto, eu lutei um pouco mais acabei por levantar e descer as escadas, ela ainda iria para escola hoje afinal ela era professora lá mesmo ainda esfregando os olhos eu fui ate a mesa do café tinha um bilhete escrito pela Toriel ''sei que hoje é seu dia especial, então acordei mais cedo pra  preparar seu café da manha preferido panquecas, com amor Toriel'' quando eu olhei tinham panquecas ja em forma de torre já com os adendos, eu comecei a tomar meu cafe pensando sobre como seria o resto do  dia, chamei apenas o pessoal...querendo ou não eu nunca me dei bem com minha turma, sempre houve um ''preconceito'' em volta de min, mesmo que nem todos se manifestassem como o ultimo ocorrido...já teve 
algumas vezes onde algumas meninas e alguns garotos vieram falar comigo, mais no outro dia já não  falavam mais comigo, com certeza devia haver alguma coisa em relação aos pais, mesmo depois de anos se  passarem anos as pessoa continuam com isso, é como se nada tivesse mudado mesmo antes daquilo...mais não é a mesma coisa...naquela época eu lutava por reconhecimento dos outros por uma sequer, uma pessoa se importasse comigo, mais hoje...eu tenho pessoas que se importam comigo e que eu faria de tudo para proteger, principalmente ele...
Hum?Mãe?Alô? - Era um chamada da Toriel, mais ela não estava na escola?
-Ah oi filha - Dava pra ouvir crianças brincando de fundo, ela definitivamente estava na escola
-Mãe você não esta na escola? - Ela supostamente não poderia usar o celular
-Sim, mais decidi te ligar durante o recesso para te avisar, que assim que eu for sai da escola vamos para o Shopping - Sera que ela finalmente vai comprar o celular que eu pedi pra ela?!Não...ela não seria tão obvia assim...né?
-Tudo bem, e a mãe, obrigado pelo café - Eu tenho que agradecer...afinal?
-Por nada filha, hoje é seu dia espero que você esteja feliz. Agora já é quase o fim do intervalo te ligo quando eu estiver saindo, beijo - E ela desligo
           Ela não seria tão obvia assim sobre o celular, ou sera que seria?Na verdade depois de tudo que aconteceu com o Sans nem sei mais se eu conheço ela de verdade...bem, eu acabei de comer agora fiquei no impasse ''lavo ou não lavo o prato'', ela disse que era meu dia...então...ah 1 prato não vai fazer mal a ninguém...né?Deixei o prato na pia e subi para o quarto, terminei de abrir as cortinas e arrumei a cama mesmo que hoje seja seu aniversario quanto mais meu quarto estiver limpo melhor, olhei para as horas eu ainda tinha 1hr antes de Toriel chegar eram 11:00 da manha...hum...oque fazer?Oque fazer?...acho que vou ver TV mesmo, desci as escadas e liguei a Tv, ainda era cedo o máximo que eu achava era programa de culinária nem sequer um filme passando, nem uma serie Sla...eu espreguiçei no sofá enquanto eu bocejava...
-Tudo parece tão chato... - Falei enquanto encarei o teto por um tempo
           Eu ainda tenho praticamente 50 minutos...eu fui colocar a mão no meu pescoço e percebi que não tinha tirado o colar ainda, eu tinha dormido com ele, não sei se foi pelo cansaço da noite(Ou por  descuido do autor) mais eu esqueci de tirar, quando eu olhei pra ele deu uma estranha vontade de sorrir, e derre pente bateu aquela animação espontânea decidi subir as escadas e ir tomar um banho, bem...vamos escolher uma roupa casual, vai ser apenas um passeio com a Toriel não é como se fosse um encontro com o Sans...eu disse?Eu não disse nada...bem...foi uns bons segundos ate eu puxar a primeira roupa razoável  que eu vi pela frente...
-Bem...isso serve! - Fui em direção ao banheiro
           (Bem vou cortar a parte do banho porque...bem...é?)
           Quando eu sai do banheiro ainda esfregando a toalha no cabelo fui olhas as horas, mais 10 minutos...já sei!Vamos fazer a coisa que mais custa tempo no mundo!...Nada!E assim foi...os minutos mais chatos e entediantes de tds, até toriel me ligar avisando que já tinha saído, então já estava  esperando ela do lado de fora, quando entrei no carro fomos direto para o Shopping, passamos por varias
lojas de roupas até que...
-Mais você não gostou daquel...Frisk? - Toriel não percebeu que eu tinha parada e virou para me achar
-É lindo né? - Eu tinha parado numa vidraça em frente a um vestido azul...ele tinhas detalhes em perolas brancas, era lindo...
-Oque o vestido?É claro, acho que ate eu ficaria bonito nele - 
-Você acha que eu ficaria bem nele? - Por alguns segundos deu pra imaginar eu com esse vestido com o Sans dançando valsa...
-Oque você quer ele?Você sabe que é isso ou o celular né? - As imaginações foram quebradas...
-Eu?..nããããão você esta imaginando coisas - Ela olhou com uma cara de desconfiada para min
-Sei... - Depois disso continuamos a volta pelo shopping...
           Acho que ela teria me dado o vestido se não fosse tão caro...mais ele era tão bonito...eu bem que gostaria de experimentar ele, mais...PRIORIDADES, eu esperei muito por esse celular!Não vou deixar a chance escapar assim, antes de irmos pra loja nos paramos pra almoçar em um dos restaurantes logo depois toriel  foi ao banheiro e me deixou sozinha na mesa...e querendo ou não...a imagem da valsa ainda não saiu da minha cabeça...de dançar com o Sans...de uma maneira tão próxima...
-A filha voltei, seu rosto esta vermelho tá tudo bem? - ...
-*Tosse, não ta tudo bem - Toriel a pessoa pontual!
-Se você diz...
           Depois de almoçarmos fomos direto para loja, nem consegui acreditar quando fomos ate o caixa com o celular, eu pedi isso por 2 anos!E finalmente, aconteceu...mesmo que la no fundo eu pensava que sei la ela iria comprar discretamente...algo não esta certo...quando saímos da loja e Toriel me entregou a  caixa foi magico era como abrir um caixinha magica...esse meu celular tenho ele praticamente desde que  sai do subsolo, eu fiquei esfregando o celular na minha cara....Toriel ficou olhando com uma cara estranha pra min...mais estava tudo bem....o celular estava comigo...depois disso tivemos o clássico ''resto'' fomos ate a operadora demoramos quase 1 hr la eu fiz meu chip, fomos ate outro loja para colocar credito no celular Toriel acabou de comprar oque queria comprar e finalmente era hora de voltar pra casa, já era por volta de 16hr, as vezes eu me impressiono como o tempo passa rápido dentro de Shoppings é como sei lá, um lugar onde o tempo anda mais rápido, posso te confirmar q foram apenas 2 horas...Como? Eu estala lá!Bem eu fiquei com um sorriso estampado no rosto que parecia não sair mais e Toriel parecia feliz também, quando chegamos em casa, eu não conseguia parar de pensar em tudo que eu podia fazer agora eu poderia controlar a Tv do meu celular eu tinha o PODER!...Até que quando eu abri a porta da frente...
-Surpresa! - A...
-Feliz aniversario Frisk! - ...
           Acho que devido a eu estar tão filtrada no celular no momento em que chegamos eu nem sequer reparei que a casa estava toda apagada....e por uma festa surpresa?Nem eu esperava por essa...
-Pessoal! - Estavam todos lá mesmo os que eu não via a muito tempo...
-Frisk! - A primeira pessoa que veio me abraçar foi o Papyrus - Ele meu deu um abraço e começou a me 
carregar
-Papyrus, a quanto tempo! - Eu retribui o baraço...afinal quase 6 anos....
-Eu estava com tanta saudades! - Agora ele começou a me apertar forte, e ainda não descobri como esqueletos
choram ;-;
-Pa...pyrus...você...ta me apertando... - Eu estava quase sem ar...
-Ah me desculpe, e que eu estou tão animado que eu poderia canta... - Undyne interrompeu ele com um tapa na
nuca
-Seus reflexos estão fracos Papyrus - Ele ficou desabilitado por um tempo no chão
-Undyne, esta se sentindo melhor?Iai aquele folgado conseguiu me substituir? - Vamos esconder o fato
de que ele foi melhor que ela como professor, mais para alguém que adoeceu ela parece bastante animada
-Hum.... - De trás dela saiu a...
-Alphys!A quanto tempo! - Eu tive que abaixar um pouco eu estava mais alta que ela
-Frisk... - Ela estava sem graça...ela continuava a mesmo...
-Como vocês 2 arranjaram tempo para virem pra cá, nos ultimo anos vocês não puderam vir... - Agora realmente estou em duvida...
-Bem, esse ano eu arranjei um aprendiz um assistente para me substituir durante essa semana - O Papyrus falou enquanto ficava naquela pose
-Eu...a Undyne convenceu meus superiores... - A undyne...né?...
-Hum...alguém viu o Sans? - Agora que me toquei ele não estava aqui
-Me chamou? - Ele apareceu derrepente atrás de min oque me fez dar um pulo de quase 2 metros
-Não me assuste assim!Eu não tenho coração pra isso! - Eu pus a mão na parede pra respirar um pouco
-Sans!Não assuste ela assim! - Estava recuperando um pouco de ar, mais deu pra notar que o Sans estava de terno
-Calma, calma não é como seu eu tivesse feito uma piada - O Papyrus hesitou por um momento
-Eh...isso eh verdade... - O Sans estava com um presente na mão, o motivo era esse?Eh, não tinha como esperar algo diferente...
-Desculpe pelo atraso Frisk - Ele falou enquanto vinha na minha direção
-Não se preocupe eu acabei de cheg... - Ele me interrompeu com um beijo...na frente de todos!
-...?OQUE? - Acho que todos os 3 falaram em sincronia
-Oque foi? - O Sans virou com um ar de ''oque eu fiz''...só ele mesmo
-Vocês estã...? - O Sans interrompeu a Undyne...
-A praticamente a 1 semana... - A boca de todo mundo abriu ainda mais
-Meus parabéns! - O Papyrus foi o primeiro a falar alguma coisa a Undyne apenas chegou
pós a mão no meu ombro e sussurrou...
-''boa sorte pra você'' - Ela não sabe pelo que eu já passei
-A Frisk eu esqueci, seu presente - O papyrus deu o presente dele
-Ah eh, nos também - A Undyne e a Aplhys também entregaram o delas
               Eu abri os presentes de todos, todos forma bons...afinal para min se fosse uma caneta, de qualquer um deles valeria mais do que qualquer coisa...depois  de uns 10 minutos o Sans me chamou para entregar o presente, ele entregou na minha mão e voltou pra festa um pouco corado, quando eu abri o presente não era nada mais nada menos que aquele vestido...então aquele telefonema da Toriel foi pra ele, mais sera que ela leu minha  mente?Para ele vir de terno, ele não viria de espontâneo né?Depois que eu peguei o vestido
eu subi para o quarto para experimentar, eu fiquei um tempo me olhando no espelho...o vestido é lindo, depois demorei mais uns 5 minutos para criar a coragem para descer vestida assim, e eu fui saindo do quarto, descendo as escadas devagar para ninguém me perceber, mais não demorou muito porque quando comecei a descer todo mundo já começou a me encarar...depois de descer eu me senti muito corada enquanto eu ia na direção do Sans...
-Eu...estou feia não estou? - Senti um leve sentimento de DejaVu
-Feia...?Você nunca esteve mais bonita - Ele acariciou meu cabelo enquanto aproximava seu rosto do meu
-Nhaaa ti fofo! - A undyne disse enquanto assistia de fundo...oque fez agente se separar num susto
-Undyne!Eles estavam tendo uma relação próxima! - O Papyrus repreendeu a undyne...mais não durou muito
tempo porque a Toriel colocou uma musica de valsa em um som que eu nem sabia que agente tinha em casa, ela
realmente sabe ler mentes né?!
-Firsk...você aceita dançar comigo? - Derrepente a expressão do Sans mudou completamente, ele ajoelhou  no chão e me pediu uma dança, oque todo mundo ficou impressionado inclusive eu, não pareceu na minha imaginação mais...
-Eu...eu não sei, eu nunca dancei valsa antes - Ele levantou enquanto colocava a mão na minha cintura e pegava na minha mão, oque me deixou mais corada ainda
-Apenas siga meus passos - O rosto dele estava colado no meu...nos começamos a dançar e eu acabei pisando no pe dele algumas vezes
-Eu...te disse - Ele apenas sorriu e me disse...
-Esta tudo bem, para uma iniciante você esta indo bem! - Quando eu digo ''sorriu'' vocês sabem oque eu quero  dizer...
-Tudo...bem... - E nos voltamos a dançar...
            Depois de algum tempo chegou o ponto aonde eu já tinha pegado o jeito, e a minha imaginação de mais cedo se tornou o acontecimento de agora...foi um momento magico poder dançar musica lenta com o Sans, ainda mais no final quando o Sans me pegou pela cintura e me beijou como se fosse uma cena de um filme ou de um videoclipe...depois disso só faltava a Undyne sair com um placa escrita ''eu shipoo Sanrisk'', deu pra sentir que durante a festa o Sans estava quase no seu limite de paciência, eu apenas ri de tudo afinal...essa foi a melhor semana da minha vida...depois de algum tempo de festa o Sans começou a falar com o Papyrus e a Undyne e a Aphyls estavam conversando, aproveitei essa cena para subir para a varanda de cima para tomar um pouco de ar...eu me debrucei na varanda enquanto eu olhava pro horizonte...e nem eu entendi mais começou a escorrer lagrimas, quando do nada veio esse pensamento na minha cabeça...eu nunca tive nada...desde lá eu ganhei tudo e mais um pouco...e continuo ganhando...e se a vida decidir tirar tudo de min...e s...
-Frisk? - Quando eu ouvi a voz do Sans chamando meu nome eu enxuguei as lagrimas o mais rápido que eu pude
-Ah, oi Sans - Ele esfregou o dedo em uma lagrima que ainda estava caindo...
-Qual foi o motivo do choro?Hoje não e um dia para se animar? - Ele se debruçou ao meu lado
-Eh...mais é só que... - Eu me agarrei ao braço dele
-Frisk? - Ele parecia meio assustado
-Eu de perder tudo...eu tenho medo de perder você!Eu nunca tive nada...e derrepente eu ganho tudo e continuo 
ganhando e se a vida ou alguém decidi tirar isso de min?Eu não estou pronto para perder tudo... - Ele virou
meu rosto para o dele
-Frisk que papo é esse? - Ele parecia assutado
-Eu tenho medo de perder você! - Eu puxei ele para um beijo...
-Frisk...não importa oque aconteça eu nunca vou te abandonar...eu te amo... - Ele falou enquanto enxugava minhas lagrimas e me dava um abraço forte
-Sans...eu também te amo... - Eu me aconcheguei em seus braços e ficamos assim por um tempo...
-Então aniversariante, que tal voltarmos e aproveita a festa?Tem gente te esperand... - Ele foi interrompido pela Toriel
-Filha dessa logo, vamos cortar o bolo! - Ele esticou a mão pra min...
-Vamos? - Ele deisse enquanto sorria
-Sim - Fiz um gesto de que sim com a cabeça enquanto pegava na mão dele para descer as escadas...
-Frisk? - Ele me chamou
-Eu
-Feliz aniversario...

Fim...






Notas Finais


*Successfully inserted notas finais*

Obrigado a todo mundo que leu a fanfic ate aqui, se alguém fez isso né?Gostaria que mesmo quem nunca comentou, soltasse um comentario aeh, só pra saber que você passou aq, bem obrigado todo mundo que chegou ate aqui, e nos vemos na proxima fanfic...??


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...