História Undertale versão chapeuzinho vermelho - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Estrupo Hentai
Exibições 169
Palavras 1.557
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drabble, Drabs, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, FemmeSlash, Festa, Ficção, Hentai, Kodomo, Lemon, Luta, Magia, Mecha, Mistério, Misticismo, Musical (Songfic), Orange, Poesias, Policial, Romance e Novela, Saga, Slash, Sobrenatural, Super Power, Super Sentai, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel, Yaoi, Yuri
Avisos: Cross-dresser, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Self Inserction, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Capitulo unico


P.O.V narradora

Era uma vez, uma garotinha chamada frisk de 20 anos, mais conhecida como chapeuzinho azul, ela usava uma saia marrom que iam até o joelho usava por dentro do capuz uma blusa azul com listras roxas e sapatinhos marrões e brilhantes, seus cabelos eram longos e macio e tinha olhos vermelhos claros, ela viva em uma casinha em uma clareira na floresta junto com sua mãe a toriel uma senhora muito doce e fofa que era também muito comentada pela região, um dia mamãe toriel estava fazendo uma torta de caramelo canela para seu marido asgore que morava do outro lado da floresta porque né ela odeia ele ainda -.-.

P.O.V  frisk

Toriel:Frisk venha aqui minha criança-ela disse chamado-a na cozinha

Frisk:já to indo mãe-frisk rapidamente terminou de se arrumar e desceu as escadas e foi em direção a cozinha

Toriel:frisk eu quero que leve essa torta para seu pai-ela disse colocando na cesta e me dando

Frisk:oh certo mamãe-ela disse dando um sorriso e pegando a cesta, ela colocou seu capuz e assim saiu de casa e começou a andar pela floresta assobiando,e assim seguiu o caminho.

P.O.V chara

Olá eu sou chara o lobo mau tenho 22 anos de idade eu era metade humano e metade lobo meu pelo era negro olhos vermelhos escuro e dentes afiados usava apenas um short marrom meu pelo cobria um pouco meu peitoral e acima de tudo eu usava uma coleira de espinhos(#narizsangrando), eu estava correndo dos caçadores asriel e fire, eles estavam putos pois eu tinha acabo de devorar uma de suas ovelhas hehe, rapidamente eu consegui desvia-los mais nisso eu comecei a ouvir assobios, olhei para o lado e vi uma garota usava um capuz azul e uma saia marrom que a deixava bem sexy eu olhei para sua camiseta que era azul com listras roxas e...uou...ela tinha uns seios bem grandes, quando ela andava pareciam que saltavam nisso eu mordi o lábio inferior e comecei a babar e imaginar besteiras além da conta, ela então tirou o capuz revelando um cabelo grande que ia até as costas e aqueles olhos vermelhos e perfeitos, nisso ela continuou a andar coloquei meu pé na frente e ela caiu.

Frisk:ai!-ela disse passando a mão em sua cabeça

Chara:ops desculpe você esta bem-a garota então levantou a cabeça e me viu, ela parecia estar impressionada  e ao mesmo tempo ficou corada, estendi minha mão e falei:

Chara:venha deixe eu te ajudar-ela então pegou na minha mão e levantou

Frisk:o-obrigado-ela disse- prazer meu nome é frisk qual seu nome?-dei um sorriso meio safado e peguei na sua cintura e disse

Chara:meu nome é chara princesa-disse isso e acabei selando nossos lábios em um beijo doce e calmo eu sentia seu rosto quente e vermelho e então separei nossos lábios em um fio de saliva.

Frisk:e-eu tenho que ir para casa do meu pai o asgore você sabe um caminho mais rápido-rapidamente eu pensei e falei:

Chara:vai pelo caminho da esquerda onde é mais rápido

Frisk:ah c-certo t-tchau-assim ela andou mal ela sabia que eu tinha dado o caminho errado pra ela hehe , rapidamente eu peguei o caminho mais curto até chegar na casa bati na porta e ouvi lá de dentro:

Asgore:quem é?-rapidamente imitei a garota

Chara:sou eu papai a frisk

Asgore:pode entrar minha pequena-rapidamente entrei lá e rapidamente voei pra cima do velho e comecei a amarra-lo.

Asgore:perai você não é minha filha socorro o lobo mau!

Chara:cala a boca seu velho idiota!-rapidamente eu peguei ele e o joguei dentro do armário rapidamente eu me vesti igual ao velho estupido e me deitei na cama esperando a minha criancinha aparecer.

P.O.V fire

Eu e o asriel estávamos procurado aquele lobo fela de uma rapariga quando nos começamos a ouvir gritos de socorro:

Asriel:de onde está vindo esses gritos?

Fire:não sei mais eu não vou ficar aqui vamos-começamos então a procurar mais nada infelizmente

P.O.V frisk

Ah finalmente eu estava chegando na casa do papai asgore, mais eu ainda não parava de pensar no que havia acontecido horas atrás corei só de pensar naquela cena novamente e ao mesmo tempo senti um pouco de prazer naquele beijo....rapidamente parei na frente da porta e falei:

Frisk:papai asgore sou a frisk

Asgore(chara):pode entrar minha pequena-rapidamente eu entrei e coloquei a cesta em cima da mesa e fui ao quarto lá eu vi ele deitado e....nossa ele estava tão...diferente....rapidamente  fechei a porta e fui para seu lado.

Frisk:papai asgore você mudou tanto que grandes olhos vermelhos você tem

Asgore:é pra te enxergar melhor minha querida

Frisk:papai asgore que orelhas enormes você tem

Asgore:é pra te ouvir melhor minha querida

Frisk:papai que dentes enormes você tem

Chara:é pra morder seu lindo pescoço! Hahaha!-logo o mesmo deu um pulo da cama espera...aquele....aquele era o lobo mau!, meu coração estava acelerado de mais,corri em direção a porta mais ela estava trancada pera cadê a chave?:

Chara:procurando por isso-olhei pra traz e vi ele girando a chave entre seus dedos rapidamente ele colocou a chave em seu short e me puxou me deitando na cama.

P.O.V chara

Assim que a deitei comecei a beijar seu pescoço e a lambe-lo, ela dava gemidos baixos e fala para eu solta-la.

Frisk:c-chara...ahhh...p-pare-eu não a obedeci e tirei seu capuz junto com sua blusa fazendo seus seios saltarem nisso meu membro ficou ereto na calça ela rapidamente se sento na cama mais eu abri suas pernas e fiquei sobre elas continuei a beijar aquele pescoço delicioso enquanto tirava sua saia e rasgava sua calcinha.

Chara:agora você vai me obedecer com cautela-me levantei e tirei meu short junto com a cueca revelado meu membro duro e pulsante, fiz ela se ajoelhar na minha frente:

Chara:abre a boquinha vai meu amor-ela então fechou os olhos e abriu eu então comecei a fazer movimentos de vai e vem bem lentos com a cabeça dela-awn...good girl....

Logo ela chupava meu pau com força e rapidez que eu queria, eu gemi um pouco alto mais eu  não me importava porque só estava nos dois ali e é claro o velho idiota trancado no armário, Comecei  a fazer movimentos pra frente e pra traz, como se eu estivesse fodendo a boca dela, logo meu membro vibrou e meu liquido quentinho foi direto pra sua boquinha.

Chara:engole-murmurei  e ela obedeceu e engoliu de pouco em pouco, desci a minha cabeça até sua intimidade que estava úmida quentinha e pingando, sem pensar duas vezes abocanhei o pudim doce e comecei a fazer movimentos com a língua nisso ela deu um pulinho e gritou de prazer passei minha língua sobre seu clitóris fazendo movimentos circulares bem escandalosos, rapidamente me posicionei entre suas pernas e comecei a penetra-la bem devagar para ela se acostumar porque essa deveria ser virgem, comecei a fazer movimentos um pouco mais rápidos e abocanhei um dos seus seios enquanto dava as minhas estocadas nela.

Frisk:ah ah ah p-para....-ela mordia o lábio inferior

Chara:cala a boquinha....-a virei de lado e pincelei um pouco sua intimidade roçando bem rápido e voltei para dentro dela-quero que essa boca só abra pra gemer ou pra  entrar meu pau....

P.O.V asriel

Eu estava passando perto da casa do meu pai e eu estava escutado alguns gemidos altos e escandalosos.

Asriel:fire rápido aqui-rapidamente entramos dentro da casa e demos um chute na porta e eu vi uma cena desconfortável na minha frente aquele lobo com a minha irmã de quatro a comendo.

Fire:a então além de comer a nossas ovelhas você está estrupando uma menina pura-ele disse apontando a arma.

Chara:foda-se-ele mostro o dedo do meio e continuou um pouco mais lento fazendo nos dois corarmos de vergonha.

Fire:para com isso!-ele atirou fazendo o lobo se assustar e sair correndo rapidamente frisk se vestiu e falo

Frisk:espere temos que achar nosso pai azzy-logo fire se dirigiu até a porta do guarda roupa e assim o solto então frisk foi embora na maior calma no meio do caminho ela viu ali o lobo sentando perto de um rio rapidamente ela o abraçou e falou:

Frisk:olá lobinho quer continuar de onde paramos- o lobo a olhou surpreso e ela riu, ele então começou a beijar  e rapidamente levantou sua saia e a encostou na arvore lambendo sua intimidade,ela dava gemidos contagiosos e gostosos de se ouvir, ele então tirou sua calça e ergueu um pouco sua perna e a penetrou com toda a força nisso então ela deu um grito de prazer, o pênis do lobo ia até seu ventre provocando uma sensação escandalosa e quente, ele então começou a dar estocadas violentas e rapídas enquanto mordia o pescoço da menor, ele encaixou as  pernas da menor na cintura dele e continuou com os movimentos e selou os seus lábios juntos com o dela para provocar menos gemidos ele então rapidamente colocou ela de quatro segurando suas mãos atras de suas costas e continuou.

frisk:ah ah i-isso ah! chara-ela mordia o lábio inferior e eu sorria maliciosamente, rapidamente me posicionei ficando de quatro em cima dela e continuando.

chara:ah como é gostosa-eu apertava sua bunda com toda a força possível,quando pressentir que iria gozar, apertei os seios de frisk e soltei meu liquido  em seu interior que se preencheu por completo e nisso eu uivei enquanto soltava, sai de dentro de frisk e deitei ao seu lado e ali dormimos de conchinha.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...