História Underworld - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jisoo, Jungkook, Lisa, Rap Monster, Rosé, Suga, V
Tags Ação, Blackpink, Bts, Horror, Lycans, Mistério, Suspense, Terror, Vampiros
Visualizações 14
Palavras 2.528
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Famí­lia, Ficção, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shounen, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo
Avisos: Drogas, Mutilação, Nudez, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Penúltimo capitulo, obrigado a você que acompanhou até aqui, e boa leitura.

Capítulo 11 - Liberdade


Fanfic / Fanfiction Underworld - Capítulo 11 - Liberdade

[ Jennie’s PV ]

 

 

   Depois de conversar com Taehyung, voltei pra mansão. Eu tinha boas notícias a dar para Lisa, fui até o quarto dela, e bati na porta algumas vezes, e logo ela abriu, estava com uma cara enfurecida. Entrei em seu quarto e ela fechou a porta para que pudéssemos conversar com privacidade.

 

   - Taehyung aceitou. – Disse a ela sussurrando. Lisa deu um largo sorriso mórbido. Seus olhos estavam claros, e sua pupila dilatada como a de um gato. – O que aconteceu? Porque eu tenho a impressão de que você está prestes a pular no pescoço de alguém? – Indaguei sorrindo de lado.

 

   - Agora mais do que nunca eu quero matar Namjoon. – Ela rangeu os dentes. – Ele quer me impedir de me casar com Yoongi.

 

   - Wow wow! Que história é essa? Roubou meu noivo na minha ausência? – Falei brincando enquanto cruzava os braços.

 

   - Yoongi ouviu nossa conversa. Ele sabe de tudo. – Lisa respondeu fazendo um bico.

 

   - Fico feliz por você Lisa, vocês foram feitos um para o outro. – A abracei brevemente. – E não se preocupe, Namjoon não vai te controlar e fazer escolhas por você como ele fez comigo.

 

   - Eu não sei se fiz certo, mas... eu contei tudo ao Yoongi. – Lisa falou fitando o chão. – Mas não se preocupe, ele está do nosso lado.

 

   - Tudo bem, o Yoongi pode ser meio grosso, mas ele é confiável. E se ele está do nosso lado, melhor ainda. – Sorri para ela.

 

   Agora com os Lycans, e Yoongi do nosso lada, nada vai nos impedir de destruir Namjoon. Ele vai pagar por tudo que fez, seu reinado está mais perto do fim do que ele imagina. Depois de séculos de guerras sangrentas, finalmente as duas espécies vão ter paz.

 

[ No dia seguinte ]

 

   O sol se punha, as janelas da mansão eram abertas, deixando o luar adentrar o local, alguns dos vampiros aproveitavam esse horário para encherem suas taças de sangue enquanto tomavam e conversam no salão principal. Eu observava toda aquela movimentação do andar de cima. Namjoon estava no meio deles, logo ao seu lado estava Jimin, ele olhou para mim lá de baixo e deu um sorriso malicioso. Nos dois sabíamos o que iria acontecer, nosso motim estava prestes a entrar em ação.

 

   Desci as escadas indo até o andar de baixo, peguei uma taça que eram servidas e tomei todo o sangue que estava nela, tomando tempo antes de ir até Namjoon. Olhei para um lado do salão e lá estava Lisa, e do outro Yoongi, eles se mantinham afastados apenas para simularem que haviam desistido de ficarem juntos por causa de Namjoon. Por enquanto. Em seguida fui até ele, tirando sua atenção da conversa que tinha com alguns dos vampiros ali.

 

   - Namjoon, posso ter um pouco de sua atenção? – Me curvei a ele em sinal de reverencia. Ele olhou para mim e sorriu segurando em minha mão.

 

   - É claro minha filha, o tempo que precisar. – Ele deixou os outros para trás, e veio até mim. Caminhamos para fora do salão.

 

   - Na verdade, eu gostaria de fazer um pedido. – Disse a ele, enquanto andávamos um do lado do outro.

 

   - O que você quiser, filha. – Ele falou me olhando. Toda essa sua gentileza não conseguia esconder sua verdadeira face maligna e manipuladora. – A propósito, você está melhor?

 

   - Sim, estou bem, nunca me senti mais viva. E é por isso que gostaria que fosse caçar comigo. Não temos mais Lycans no nosso caminho, podemos sair livremente pelas ruas da cidade... há muitos anos, desde que eu era criança, não saímos juntos. Sei que você é muito ocupado, mas eu sinto falta da sua compainha, pai. – Disse a ele fazendo minha melhor encenação. Namjoon sorriu segurando meu rosto com uma de suas mãos.

 

   - Se isso é importante para você, então que assim seja. – Ele respondeu em seguida. Me surpreendi com a rapidez e facilidade que ele aceitou.

 

   - Então, vamos agora mesmo! – Sorri empolgada.

 

   - Agora?

 

   - Sim. Apenas nos dois, pai. Quero sua companhia. – Respondi sorrindo. Sabia que ele iria odiar a ideia de levar Lisa também.

 

( ... )

 

 

   Durante o caminho todo, eu e Namjoon iriamos conversando normalmente, mal sabia ele que aquela seria a sua última noite de vida. Sua confiança cega em mim, assim como eu confiava nele a alguns dias atrás era a melhor arma que eu tinha. Estávamos indo até o outro lado da cidade, em nenhum momento ele me questionou sobre onde estávamos indo, para ele, o local não parecia importar, só queria me agradar. Parei o carro próximo a um acostamento, e então saímos. A lua cheia estava clara, perfeito.

 

   - Acha esse local apropriado pra caçarmos? – Namjoon era um vampiro experiente, eu sabia que aquele local não o agradava, mas ele não disse claramente para talvez, não me contrariar. Mal sabia ele que durante todo o caminho, Lisa, Yoongi e Jimin nos seguiram, como no combinado, e Taehyung e alguns Lycans que restaram estavam por aí nas redondezas, apenas esperando meu sinal para atacarmos e matarmos Namjoon.

 

   - Acho esse local perfeito. – Sorri de forma irônica para Namjoon. Ele deu alguns passos para frente, parecendo farejar alguma coisa.

 

   - Alguma coisa errada? – Perguntei enquanto ele estava de costas para mim, e tirei uma arma no meu casaco.

 

   - Estou sentindo cheiro de lobo. – Ele falou de forma calma. Os Lycans não o assustavam, ainda mais depois da guerra. Em seguida ele se virou para mim. – Também sinto cheiro de traição.

 

   Ele havia descoberto. Seu olhar havia mudado, seus olhos demonstravam sua ira. Agora não tinha como mais fingir. Apontei minha arma em sua direção, preparando para atirar.

 

   - Vai atirar em mim, Jennie? – Ele falou caminhando lentamente até mim. Minhas mãos tremiam, eu parecia paralisada. O que estava havendo comigo?

 

   - Você merece morrer, você é um traidor, mentiroso EU TE ODEIO! – Gritei com ódio.

 

   - Eu te criei, te dei tudo, você está viva graças a mim, garota bastarda. – Ele falou irônico, e ia se aproximando de mim, até que o cano da minha arma encostasse em sua cabeça. – Você quer mesmo me matar?

 

   - Você é um mentiroso manipulador, você começou a guerra, milhares de vampiros, lycans e pessoas morreram pela SUA guerra! – Puxei o gatilho. Mas antes que eu atirasse, ele pegou meu punho, fazendo com o que tiro disparasse para cima.

 

   Ao ouvir esse estrondo, Lisa, Yoongi e Jimin saíram de onde estavam escondidos, surpreendendo Namjoon com um tiro disparado por Lisa, que pegou de raspão em seu braço. Ele olhou para os três em seguida, ficando mais irado do que já estava.

 

   - Então quer dizer que você não é a única traidora da família. – Ele falou sarcástico olhando para Yoongi e Jimin. – Da Lisa eu já esperava isso, mas de vocês, Yoongi e Jimin... nunca. Vocês vão morrer por estarem do lado dessa traidora!

 

   Namjoon correu em direção a Yoongi e Jimin, ambos tentavam feri-lo da maneira que conseguiam, mas Namjoon era muito forte. Nem Yoongi conseguia dominar sua força. Eu e Lisa começamos a atirar contra ele, mas mesmo as balas que o atingiam, parecia não fazer efeito. Namjoon conseguiu pegar Yoongi e Jimin ao mesmo tempo, ambos pelo colarinho e os jogaram no chão com força. Em seguida ele olhou para mim e Lisa, estava ofegante, era como se estivesse se preparando para nos atacar, mas antes que desse qualquer passo em nossa direção, Taehyung pulou em suas costas o mordendo no pescoço, o sacudia com tanta voracidade que ele parecia um boneco de pano. Yoongi e Jimin ficaram perplexos vendo aquela cena.

 

   Assim que ele soltou Namjoon no chão, ele parecia exausto, com dificuldades para se levantar. Vieram mais dois lobos, se aproximando dele preparados para o atacar caso ele tentasse se levantar. Namjoon não se dava por vencido tão fácil, sem dar chance para os Lycans, se levantou saltando em minha direção, ele era muito rápido. Me agarrou pelo pescoço, e rolamos sobre o asfalto rasgando nossas peles. Cravei minhas unhas em seu pescoço as afundando com vontade enquanto ele tentava me morder com seus dentes afiados, uma mordida de um vampiro no outro também poderia ser fatal, o veneno expelido duas vezes no corpo, não era suportado por nenhum vampiro. Mas antes que ele o fizesse, Yoongi e Jimin o agarraram, cada um pegando-o pelo braço, o jogando em direção aos três Lycans que estavam ali, os lobos começaram a dilacerá-lo como se fossem leões dividindo um pedaço de carne, estava mais agressivos do que nunca estiveram antes. Lisa pegou a arma atirando mais vezes conta ele, eram tantos disparos e mordidas, que até mesmo para um ser imortal como Namjoon poderia ser fatal.

 

   Após Lisa usar todas as balas que estavam em sua arma, os lobos o soltaram no chão. Namjoon ficou estirado no chão, suas roupas todas rasgadas e sujas de sangue, cortes profundos causados pelos lobos, e várias perfurações de balas pelos tiros que levara minutos atrás. Todos ficamos aguardando se ele iria reagir, e o silencio invadiu aquele espaço. Ele parecia morto. Seu sangue escorria já formando uma poça debaixo de si. Ele parecia não apresentar nenhuma ameaça. Então Taehyung, Hoseok e Rosé aos poucos foram retomando sua forma humana. Eles estavam ofegantes e cansados.

 

   - Acha que matamos ele? – Lisa falou o olhando com receio.

 

   - Os Lycans estraçalharam ele. – Yoongi falou sorrindo olhando para os três que pareciam satisfeitos em terem vingado a morte de seu líder.

 

   - Vamos queimar o corpo dele agora. – Jimin disse sério. Aquele era o ritual final para se exterminar um vampiro de vez.

 

   Mas assim que nos preparamos para pega seu corpo, Namjoon lentamente começa a se levantar do chão apoiando suas mãos no asfalto. Antes que qualquer um ali tentasse ataca-lo, eu corri até ele segurando em sua cabeça, e com toda força que tinha, destronquei seu pescoço, cravando minhas unhas o degolando, minhas mãos ficaram vermelhas e completamente sujas por seu maldito sangue. Taehyung olhou pra mim assustado, não costumávamos usar métodos tão brutais quanto eles, mas naquele momento eu nem pensei duas vezes...

 

 

   A fumaça subia do aterro que havíamos jogado o corpo de Namjoon naquela noite. O queimamos, ele não iria mais causar guerras, nem mudar a vida de mais ninguém, nos botamos um fim no vampiro mais poderoso que já existiu em nosso clã, e fizemos isso com a ajuda dos Lycans, selando finalmente um tratado de paz entre as duas espécies. Nossas vidas de agora para frente não dependiam mais de ordem de ninguém, podíamos ser livres, podíamos fazer nossas próprias escolhas sem ter medo. Mas apesar de tudo, nosso clã ainda precisaria de um líder, Jimin iria assumir esse posto, como havíamos prometido a ele.

 

 

   - Obrigado. Sei que arriscaram suas vidas para nos ajudar, não sei como recompensá-los. – Agradeci aos três Lycans.

 

   - Não fiz isso por você, mas foi prazeroso matar o vampiro que matou Jungkook... eu o amava. – Rosé falou engolindo seco. Eu realmente sentia muito por ela.

 

   - Tudo que queremos agora é paz. Não vamos invadir a privacidade dos vampiros, e esperamos que vocês não façam o mesmo. – Hoseok falou logo em seguida.

 

   - Vocês têm a minha palavra de que isso não irá acontecer. – Respondi a ele. Eu sabia que no fundo, assim como eu, aqueles garotos não tinham culpa do que eram.

 

   - Anda Jennie, precisamos voltar pra mansão... – Lisa me chamou enquanto entrava no carro, juntamente com Yoongi.

 

   - Já estou indo. – Respondi olhando para ela. Lisa deu de ombros e assumiu o banco do motorista, e Yoongi se assentou na frente junto com ela. Ela deu partida no carro aquecendo o motor enquanto me esperava. Mas eu ainda não podia ir, não antes de falar com ele... Taehyung.

 

   Rosé e Hoseok saíram notaram que queríamos conversar a sós, então saíram se afastando alguns metros de nós, nos olhando com cara de “desconfiados.” Eu olhei para Taehyung tentando formular alguma frase inteligente para dizer a ele, mas parecia que quando se tratava dele, eu perdia as palavras. Apenas estendi minha mão direita, mostrando que não havia nenhum sinal de anel em meu dedo.

 

   - Jennie... o que significa isso? – Ele me olhou sem jeito, e se aproximou de mim.

 

   - Quero ficar com você Tae. – Respondi nervosa, não sabia o que poderia acontecer com nos dois depois de tudo, mas eu tinha que arriscar.

 

   - Você tem certeza? Você sabe como será a sua vida ao lado de um Lycan? – Ele sorriu de lado.

 

   - Não me importa como será. Eu posso finalmente fazer minhas escolhas e viver, e não ficar recebendo ordens e pensando constantemente em guerra. – Disse em seguida. – Você acha que... pode me perdoar, sabe, por tudo que aconteceu...

 

   Olhei para baixo, não conseguia encará-lo, e nem sabia se ele poderia me perdoar. Mas sinto ele segurando meu queixo delicadamente com sua mão me fazendo olhar para cima. Ele se inclinou e selou nossos lábios de forma delicada e suave, sorri entre o beijo, ele era o garoto mais doce do mundo, mesmo tendo um lobo dentro de si.

 

   - Eu agradeço por tudo isso ter acontecido, se não, eu nunca conheceria você. – Ele sorriu me dando outro selinho.

 

   - JENNIE! – Lisa me surpreendeu me chamando mais uma vez, desta vez aparecendo atrás de mim.

 

   - Eu não vou Lisa, não vou voltar pra mansão. – Respondi a ela. Lisa ficou muda, olhou para mim e Taehyung e parecia confusa, mesmo entendendo muito bem o que passava ali.

 

   - Não-não vai voltar pra mansão? – Ela perguntou novamente fazendo um bico. Taehyung me abraçou por trás em seguida deitando sua cabeça sobre meu ombro.

 

   - Eu quero recomeçar minha vida. – Respondi sorrindo. Lisa ficou em silencio. Em seguida olhou pra mim com um lágrima escorrendo em seus olhos. Aquela era a primeira vez na vida que vi Lalisa chorando.

 

   - Espero que seja muito feliz. Vou sentir sua falta... irmã. – Ela me abraçou junto com Taehyung. Sei que era difícil para ela se separar de mim, sempre fomos unidas, verdadeiras irmãs.

 

   - Taehyung, é pra cuidar bem dela! – Ela olhou séria para ele, e em seguida sorriu.

 

   - Prometo que vamos ficar bem. Não vamos sumir, iremos te visitar sempre que possível. – Respondi a ela. Não tinha certeza pra onde eu e Taehyung íamos, mas seja pra onde for, eu estaria feliz de estar com ele. Viver afastada de tudo que me lembrava Namjoon e meu passado.

 

   - Se cuidem. – Ela fez um bico segurando para não chorar de novo. – Eu já vou indo, Yoongi está me esperando. – Ela se despediu de nós, e então saiu voltando para o carro.

 

    Com o dia amanhecendo, eu e Taehyung andamos de mãos dadas até o barranco enorme onde tínhamos queimado Namjoon, e não tinha nem sinal dele. Aquela era a primeira manhã de todas que eu via sem ter preocupações e o sentimento de vingança que me cegava. Taehyung me abraçou, e no seu abraço eu me sentia amada, não me sentia um monstro. E era assim que iria ser para sempre, até o ultimo dia de nossas vidas. 

 

...


Notas Finais


Obg por ler, deixe seu comentário, seu fav se gostou, e até o ultimo capitulo. :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...